Promotor de Justiça reage a assalto e mata criminoso em Natal

Tentativa de assalto aconteceu nesta terça-feira (31) em Natal (Foto: Reprodução/InterTV)

Um promotor de Justiça do Rio Grande do Norte reagiu a um assalto e matou um criminoso na noite da terça-feira (31) em Natal. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do Ministério Público Estadual. Segundo o MP, após o crime o promotor entrou em contato com a Procuradoria Geral de Justiça, prestou depoimento e entregou a arma dele.

O dono do bar, que preferiu não se identificar, relatou que o suspeito teria anunciado o roubo do estabelecimento, que fica na Avenida Romualdo Galvão, em Lagoa Nova, por volta das 19h30. Após render o proprietário, o criminoso se dirigiu aos clientes. “Ele foi atingido na hora que foi pegar os pertences das pessoas que estavam nas cadeiras. Pelo que  pudemos ver, ele fazia tudo sozinho”, contou o proprietário do estabelecimento.

Nesse momento o promotor teria reagido e efetuado três disparos de arma de fogo contra o criminoso. Ele foi atingido e morreu na hora. O promotor, que tinha porte de armas liberado, prestou depoimento e entregou a arma logo em seguida.

Na manhã desta quarta (1º), a assessoria de imprensa do MP divulgou nota de esclarecimento sobre o ocorrido à imprensa. Confira a íntegra:

A Procuradoria-Geral de Justiça do Ministério Público do Rio Grande do Norte vem prestar esclarecimento a respeito do fato ocorrido na noite da última terça-feira (31), em estabelecimento comercial na zona sul de Natal, envolvendo a participação de membro da Instituição: