Archive for Maio, 2018

Interligação entre violência e saúde mental é tema de debate na Assembleia

Em audiência pública proposta pela deputada Cristiane Dantas (PPL), o tema “Violência gerando transtorno mental” foi debatido na tarde desta segunda-feira (14), na Assembleia Legislativa. A discussão aconteceu, principalmente, em torno das graves consequências que a violência tem gerado à saúde mental e à qualidade de vida da população em geral, vítima da insegurança, como também aos agentes de Segurança Pública, constantemente expostos ao perigo no exercício da profissão.

“A relação entre violência e doença mental é direta e constitui um sério problema de Saúde Pública. Conviver numa condição de iminentes ameaças pode provocar transtornos mentais, como ansiedade, síndrome do pânico, depressão e intenção suicida”, esclareceu Cristiane Dantas.

Para a parlamentar, a questão norteadora do debate seria “o que é possível fazer para prevenir e buscar soluções eficazes no sentido de minimizar os danos da violência, estresse e ansiedade à saúde mental das pessoas”.

A representante da Associação de Psiquiatria do RN, Dra. Patrícia Cavalcanti, relatou que as consequências do crescente clima de insegurança no Estado são constantemente percebidas nos consultórios e ambulatórios.

“A população está sendo cada vez mais acometida por transtornos relacionados à sensação de vulnerabilidade causada pela violência. Essas doenças mentais, a exemplo da depressão e do transtorno de estresse pós-traumático, já atingem 10% dos potiguares. Isso acaba gerando faltas ao trabalho, afastamentos, maior uso de álcool e drogas e aumento da própria violência, devido à irritabilidade constante”, revelou a psiquiatra.

A médica abordou ainda algumas maneiras de se prevenir tais males. “Primeiro vem a prevenção à violência. É preciso melhorar a Segurança Pública, e uma das formas de se fazer isso é dando melhores condições de trabalho aos policiais. Depois vem o acolhimento às vítimas e a tentativa de evitar que elas passem por novos eventos traumáticos. Em terceiro lugar, vem o tratamento adequado e com profissional capacitado”, informou.

Segundo o Diretor Técnico do Hospital Psiquiátrico São Camilo, localizado em Mossoró, Daniel Lima Sampaio, cada vez mais pessoas vem tentando suicídio no RN. “A ponte Newton Navarro aparece direto nos noticiários, não pela sua beleza arquitetônica, mas pelos crescentes casos de tentativa de suicídio”, exemplificou o diretor.

Já Paoulla Maués, delegada e presidente da ADEPOL (Associação dos Delegados de Polícia Civil), informou que os agravos de saúde mental têm sido determinantes para os afastamentos de agentes de segurança pública no RN. “No ano passado, a polícia civil teve 375 licenças relacionadas a saúde mental, um impacto de 30% do efetivo”, esclareceu.

“O papel da ADEPOL nesta audiência é também o de voltar a atenção da população aos profissionais da Segurança e dizer que precisamos de cuidado mental e físico, porque somos nós que cuidamos de vocês o tempo todo”, argumentou a delegada.

A educadora física e idealizadora do projeto social “Mais Vida”, Leila Maia, contribuiu como defensora da atividade física para melhorar a qualidade de vida não só dos policiais, mas de toda a população.

“Se as pessoas não encontrarem uma maneira de externar o estresse através do exercício físico, será no álcool, na comida, em seus familiares. A atividade física é importante não só para a saúde corporal, mas principalmente mental e espiritual”, argumentou Leila.

A respeito do seu projeto social, Leila disse que o programa “Mais Vida” teve, em sua primeira temporada, 150 participantes. “Durante 30 dias, nós realizamos atividades físicas diversificadas, trilhas ecológicas e ações de melhoria de saúde física e mental. Havia pessoas prestes a cometer suicídio, mas que hoje estão mais equilibradas e, inclusive, ajudam outras através de projetos voluntários”.

Por fim, o psiquiatra Emerson Nunes, Diretor Médico do Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL), relatou a importância de a população ir atrás e usufruir dos serviços médicos que tem à disposição, na área da saúde mental, seja nos CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), seja nos Postos de Saúde.

“Além de abrir portas para novos convênios e atendimentos, precisamos garantir o acesso da população aos serviços que já existem. É preciso que se busque mais ajuda. Temos que aumentar a interlocução, para que a violência não maltrate mais ainda nossa população”, concluiu Dr. Emerson.

Homem morre após ser baleado durante assalto em Mossoró; na fuga, carro bate em viatura da Força Nacional

Homem morre após ser baleado durante tentavia de assalto em Mossoró (Foto: Marcelino Neto/O Câmera)

Do G1RN

Um homem morreu após ser baleado durante uma tentativa de assalto na noite desta segunda-feira (14) em Mossoró, cidade da região Oeste potiguar. Ao ser atingido, Everton Pinto Tomaz, de 28 anos, ainda tentou fugir dos criminosos dirigindo, mas perdeu os sentidos e acabou batendo o carro em que estava em dois veículos, um deles uma viatura da Força Nacional.

Segundo a PM, Everton estava sozinho no carro dele, um HB20 de cor marrom. Por volta da 21h, ao passar pela Rua Alaíde da Escóssia, no bairro Nova Betânia, dois homens em uma moto se aproximaram e anunciaram o assalto. Ele acelerou o veículo e os bandidos atiraram. O tiro atravessou o vidro do carro e atingiu a perna de Everton, acertando a veia femoral dele. Mesmo baleado, ele ainda tentou sair do local dirigindo, mas a poucos metros de onde foi atingido perdeu os sentidos e o controle do carro, que bateu em um Onix e em uma viatura da Força Nacional. 

Os policiais que estavam na viatura acionaram o Samu, mas Everton morreu enquanto era socorrido. A Polícia Civil esteve no local, e o crime vai ser tratado como latrocínio, mesmo que o roubo não tenha acontecido. Ninguém foi preso.

Número de adoções cresce 25% em três anos na capital potiguar

Número de adoções cresceu 25% em três anos em Natal (Foto: Reprodução/TV Cabo Branco)

O número de adoções cresceu 25% nos últimos três anos em Natal. Os dados são da 2ª vara da infância e juventude de Natal e foram divulgados nesta segunda (14). Em 2015, foram 63 adoções; em 2016, 66; e em 2017 esse número subiu para 84 adoções.

A assistente social da 2ª vara da infância e juventude, Michele Bezerra, avalia esse crescimento como positivo. “Iniciou-se um termo de cooperação técnica entre estado, município e Tribunal de Justiça no sentido de incentivar as adoções legais, de perceber e informar a essa mulher que quer entregar a criança, que ela tem de expressar essa vontade e informar à vara da infância”, comentou.

Essa parceria entre Justiça e os outros organismos estatais busca desenvolver ações em parceria com as unidades de saúde, para identificar e dar o atendimento às mães que querem entregar seus filhos para adoção, de forma à encorajar essa adoção, a ser feita por meios legais e seguros.

“Nós observamos que depois que essa rede começou a trabalhar e conversar com essas mulheres, as adoções pelo cadastro aumentaram”, disse a assistente social. O projeto, chamado “Atitude Legal”, já está em andamento, promovendo ações de conscientização nas maternidades e centros de saúde.

IV Semana da Adoção

Entre os dias 20 e 26 de maio acontece em Natal a 4ª Semana Estadual da Adoção. O evento busca mobilizar famílias, instituições, simpatizantes da causa e pessoas interessadas em adotar crianças ou adolescentes. A edição deste ano tem como tema central o mote “Olha pra mim”.

A programação será iniciada no domingo (20), às 8h, no Parque das Dunas, com a realização de uma caminhada reunindo pretendentes, pais adotivos, voluntários do Projeto Acalanto Natal e parceiros.

Fonte: https://g1.globo.com/rn

Ezequiel Ferreira visita Passa e Fica no Agreste Potiguar

O deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa visitou na noite deste domingo (13), o município de Passa e Fica, no Agreste Potiguar. O deputado foi recebido pelo empresário Danilo Mandu e os vereadores Josinaldo Mandu, Diorge Almeida e Edson Cazuza, além de lideranças do município. O ex-deputado federal João Maia, a prefeita de Messias Targino, Shirley Targino, ambos do PR, os ex-prefeitos Chico de Erasmo (Serra de São Bento) e Giza Rodrigues (Lagoa D’anta), também participaram do encontro.

 

“Chegamos a Passa e Fica para colocar nosso mandato à disposição dos anseios da população. Também seremos uma voz em defesa de melhorias e ações efetivas. Apresentamos solicitações para melhorar a RN 003, que liga municípios do Agreste, a RN-269 de Passa e Fica a Serra de São Bento e a RN 093, que liga Passa e Fica a São José do Campestre. Agora vamos ajudar em outras pautas que contribuem com o desenvolvimento da região”, afirmou Ezequiel Ferreira no encontro com os vereadores e o empresário Danilo Mandu.

 

Após a reunião, o deputado também prestigiou a Festa dos 56 anos de Emancipação Política de Passa e Fica, em Praça Pública. O evento contou com a atração de Henry Freitas e Neco Lobão e Banda, a cantora Márcia Fellipe. Passa e Fica também vive a Festa de Nossa Senhora de Fátima, padroeira do município.

 

Assessoria

Música muda sonhos de crianças e adolescentes em bairro carente de Natal; ‘Transformou minha vida’, diz aluna

Gleyce Kelly Fernandes Monteiro, de 15 anos, toca tuba e quer se formar em Música (Foto: Igor Jácome/G1)

Não quero isso. Eu nem queria estar aqui”, disse a menina de 13 anos, quando o professor de música lhe ofereceu a tuba. Cerca de um ano e meio depois, Gleyce Kelly Fernandes, agora com 15 anos, quer ser musicista, se especializar no instrumento de sopro e tocar mundo afora.

O sonho dela também é o de outras crianças do bairro de Mãe Luiza, na Zona Leste de Natal, onde a música vem dando novas perspectivas de vida às crianças e adolescentes. A menina faz parte da primeira formação da Banda Filarmônica do bairro, criada em 2016 pelo Centro Sócio-Pastoral Nossa Senhora da Conceição.

Quando as aulas começaram, ela foi matriculada pela mãe, junto com outras duas irmãs. “Vim obrigada. Eu não queria, não gostava de acordar cedo de manhã, só queria ficar em casa e não fazer nada, mas fui me apaixonando. O projeto tranformou minha vida”, conta a adolescente.

A Gleyce Kelly daquela época, porém, já não se parece com jovem que vai todas as manhãs à sede recém-inaugurada da banda, para estudar música, embora suas aulas sejam apenas às segundas e quartas-feira. À tarde, ela faz o 9º ano em uma escola pública da capital. A menina já pensou em ser advogada, arquiteta e investigadora criminal, mas hoje tem o maior foco na música.

Professora Paula Francinete Vicente rege parte da Banda Filarmônica de Mãe Luiza, em Natal (Foto: Igor Jácome/G1)
Professora Paula Francinete Vicente rege parte da Banda Filarmônica de Mãe Luiza, em Natal (Foto: Igor Jácome/G1)

Mãe Luiza

Localizada entre bairros nobres da capital potiguar, a comunidade de Mãe Luiza surgiu da ocupação de sertanejos que buscavam fugir da seca, na década de 1960. No último Censo, foram contados 15 mil habitantes.

Ali, segundo o IBGE, 77% dos chefes de família ganham até um salário mínimo. Outros 4% não têm renda. O tráfico de drogas e a guerra entre facções criminosas que querem dominar esse mercado ilegal fazem parte da realidade das famílias.

Gleyce Kelly sabe o que é isso. Perdeu um irmão, que não chegou a conhecer, para o crime, apesar da busca dos pais por um caminho diferente. “Tenho outros parentes nessa vida, mas minha mãe preferiu trabalhar, meu pai também, e eu não quero me envolver com isso. Amo todos, mas não quero me envolver”, diz.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/

Ricardo Motta apresenta projeto em favor de pacientes com câncer

O deputado Ricardo Motta (PSB) apresentou Projeto de Lei na Assembleia Legislativa para que sejam fixados cartazes nos estabelecimentos de saúde que realizam atendimento médico-hospitalar, com divulgação de direitos dos pacientes com câncer. O projeto segue agora para tramitação nas comissões permanentes da Casa Legislativa.

“A despeito de inúmeros direitos assegurados aos pacientes em tratamento contra o câncer, a desinformação termina por constituir obstáculo ao acesso a esses direitos. Assim sendo, o Projeto de Lei em questão tem como objetivo proporcionar o acesso à informação tão importante às pessoas em momento tão delicado de suas vidas”, justifica Ricardo Motta.

Pelo projeto, fica obrigatória a afixação de cartaz, em estabelecimento de saúde que realize atendimento médico-hospitalar, informando sobre direitos dos pacientes com câncer. As informações determinadas são as seguintes: diagnóstico, tratamento e remédios pelo SUS, saque do FGTS, auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, isenção de imposto de renda na aposentadoria, quitação do financiamento da casa própria, isenção de IPI na compra de veículos, atendimento judiciário prioritário, cirurgia de reconstrução mamária e saque de PIS/PASEP.

Assessoria

Três adultos e dois adolescentes são indiciados pela morte de PM de Santa Catarina em Natal

Caroline Pletsch e o marido dela, que também é PM, estavam de férias em Natal. Ambos foram baleados durante um assalto em uma pizzaria e socorridos, mas ela não resistiu (Foto: Arquivo pessoal)

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Natal concluiu o inquérito sobre a morte da policial militar de Santa Catarina, soldado Caroline Pletsch, de 32 anos, vítima de criminosos durante um assalto no dia 26 de março em uma pizzaria no conjunto Parque das Dunas, na Zona Norte da cidade. Três adultos e dois adolescentes foram indiciados.

Os cinco devem responder por latrocínio consumado (roubo seguido de morte) e latrocínio tentado, já que o marido dela, que também é PM, foi ferido. Caroline e o sargento Marcos Paulo da Cruz, de 43 anos, estavam de férias na capital potiguar. Marcos passou 19 dias internado antes de retornar para Chapecó, onde morava e trabalhava com a esposa.

Segundo o delegado Rysklyft Factore, participaram diretamente do assalto um adolescente de 16 anos, que está apreendido, e um jovem de 18, identificado como João Victor da Silva Pereira. Este, ainda de acordo com o delegado, foi quem atirou e matou a policial.

João foi preso em flagrante no dia 11 de abril, suspeito de matar o dono de uma locadora de videogames no bairro de Pajuçara, também na Zona Norte de Natal. Neste caso, o jovem também vai responder por latrocínio.

Outros indiciados

Também foram indiciados Raissa Torres Lima de Souza e uma adolescente de 16 anos. Rysklyft disse que as duas estavam no carro que deu fuga aos assaltantes após os disparos, um Celta de cor cinza. A menor de idade se apresentou e agora aguarda em liberdade por uma decisão da Justiça. Já Raissa, está foragida.

O dono do Celta, um homem identificado como Wewerton Lenário Gomes da Silva, não se apresentou para dar qualquer explicação. Por isso ele também tem mandado de prisão em aberto e também está sendo indiciado”, explicou o delegado.

Suspeito morto

O delegado também esclareceu a situação de um rapaz que foi morto em confronto com PMs do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) poucos dias após a morte de Caroline. Aconteceu durante um patrulhamento no bairro Lagoa Azul, também na Zona Norte de Natal. Yuri Torres Lima de Souza, de 18 anos, irmão de Raissa, chegou a ser apontado pelo sargento Marcos como provável participante do crime. Contudo, ainda segundo Rysklyft, o jovem era apenas bastante parecido com os dois assaltantes que atiram no casal e a participação dele foi descartada posteriormente.

Fonte: https://g1.globo.com/rn

Ezequiel Ferreira visita Bom Jesus no Agreste e presta contas de ações do seu mandato

O deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa atendeu convite do prefeito Clécio Azevedo (PSDB) e foi prestigiar os 56 anos de emancipação política, de Bom Jesus, no Agreste Potiguar. O deputado federal Walter Alves (MDB) também participou da programação.

“Bom Jesus é um município importante no Estado e no Agreste. O prefeito Clécio tem feito uma gestão inovadora e nosso mandato tem sido parceiro. Conseguimos a extensão de água do distrito de Lagoa do Mel, reforço de um novo carro modelo gol para a polícia militar e uma ambulância 0Km para atender à população. Também viabilizamos junto a Emater RN a entrega de equipamentos e um veículo para a extensão rural”, enumerou Ezequiel Ferreira.

Clécio Azevedo, prefeito do município recebeu os deputados e agradeceu a parceria de Ezequiel Ferreira. “Na nossa gestão procuramos enaltecer o que Bom Jesus tem de melhor e de mais valioso, a sua cultura e história. Ezequiel tem sido um parceiro da administração em setores de saúde, segurança, infraestrutura e recursos hídricos”, frisou o prefeito de Bom Jesus.

Crea detecta problemas estruturais na Ponte de Igapó, em Natal

Estrutura da Ponte de Igapó está deteriorada e precisa de manutenção (Foto: Reprodução/Flávio Muniz/Inter TV Cabugi)
Estrutura da Ponte de Igapó está deteriorada e precisa de manutenção (Foto: Reprodução/Flávio Muniz/Inter TV Cabugi)

Do G1RN

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Norte constatou problemas estruturais na Ponte Presidente Costa e Silva, conhecida por Ponte de Igapó, que passa por cima do Rio Potengi e dá acesso à Zona Norte de Natal. O Crea realizou uma vistoria e identificou a corrosão das vigas de sustentação da estrutura, e uma ferrugem acentuada.

De toda maneira, segundo a presidente do Conselho, Ana Adalgisa, ainda não é possível precisar se a ponte corre risco de desabar. Ela diz que é necessário um estudo mais aprofundado para que se tenha essa informação, porém destaca que a vistoria serve de alerta de que são necessários reparos na estrutura. Foi a terceira avaliação feita em sete anos, e os engenheiros puderam observar que a situação se agravou.

Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), a última manutenção na Ponte de Igapó foi realizada em 1990. De lá pra cá, os moradores não têm conhecimento de nenhum reparo feito na estrutura.

Mesmo não havendo uma previsão de data para reforma da ponte, o Denit informa que está sendo atualizado um projeto de recuperação da ponte. Contudo o novo projeto deve contemplar o reforço das fundações e Drecuperações dos pipares.

E, por enquanto, ainda não há previsão para uma reforma na ponte. De acordo com Alexandre Pereira, chefe do Serviço de Planejamento e Projetos do Dnit, existe um projeto para recuperação e reforço da estrutura, que ainda está sendo atualizado.

Do Blogue: nessa semana que se finda o presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira, solicitou providências da parte do Denit para consertarem os defeitos apontados na ponte, em favor dos moradores da Zona Norte de Natal, como também de todas as cidades que estão localizadas na região do Mato Grande; além do rio Potengi.

Esperamos que o Denit faça o seu dever de casa, já que há um medo em toda a população que mora do outro lado do rio.

Deputados pleiteiam obras em diversas rodovias do RN

A recuperação da malha viária das vias que cortam o Estado tem sido objeto de requerimentos de diversos deputados, atendendo aos pleitos da população e de algumas cidades e dos produtores que dependem das boas condições das vias para o escoamento da produção e para a circulação de bens e serviços.

Nélter Queiroz (MDB), Vivaldo Costa (PSD), Dison Lisboa (PSD), Hermano Morais (MDB), José Adécio (DEM), Larissa Rosado (PSDB) e Kelps Lima (SDD) solicitaram a autoridades estaduais, após ouvirem pleitos regionais, que sejam realizadas intervenções no sentido de melhorar algumas rodovias, especialmente com o fim do período chuvoso, que agravou alguns prejuízos e depois do qual as obras poderão ser viáveis.

Nélter indicou que a estrada que une Paraú e Assu, a RN-233 precisa de reparos imediatos. Pela via, escoa parte da produção do Vale do Assu. Na mesma região, o deputado José Adécio solicitou a estadualização de rodovia que liga o município de Upanema a Assu. Ainda no Vale, Larissa Rosado indicou a necessidade de haver intervenções na estrada entre Assu e Carnaubais, fortemente afetada pelas chuvas.

Já Dison Lisboa destacou a necessidade de recapeamento na estrada que interliga o centro de Pedra Grande à praia de Enxú Queimado, com impacto para o turismo local. Para o deputado Vivaldo Costa, o Governo do Estado também precisa olhar com atenção para o trecho estadual de Parelhas até a divisa com a Paraíba.

Na faixa leste do Estado, o deputado Kelps Lima pediu atenção sobre a RN-051, em João Câmara, atualmente esburacada e por onde passa considerável fluxo de veículos. Já em Natal, o deputado estadual Hermano Morais pediu agilidade no recapeamento asfáltico da Avenida Moema Tinôco, que está em fase de finalização de suas obras, na zona Norte.

Assessoria

Audiência na Assembleia Legislativa vai debater impactos da violência na saúde mental

A assembleia Legislativa, por iniciativa da deputada Cristiane Dantas (PPL), vai realizar na próxima segunda-feira (14), às 14h, audiência pública com o tema “Violência gerando transtorno mental”. O evento na Casa busca discutir os impactos que a violência urbana tem causado à saúde mental dos profissionais da segurança pública, assim como na população em geral. O debate conta com a parceira da Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Norte.

“O crescimento da violência no Rio Grande do Norte tem causado o afastamento de muitos policiais militares e civis por doenças como depressão e transtorno de ansiedade. Por outro lado, a população que diariamente é vítima da falta de segurança, também tem sofrido com o chamado estresse pós-traumático. O objetivo é debater esse problema e oferecer encaminhamentos que melhorem a assistência prestada aos agentes de segurança pública e à própria população potiguar”, justifica Cristiane Dantas.

Foram convidados para a audiência pública, representantes da Associação de Psiquiatria do RN, Secretaria de Segurança Pública, entidades militares, Itep, Associação dos Delegados da Polícia Civil e Sociedade Civil Organizada, além da sociedade civil. O debate acontece no auditório Cortez Pereira, na sede do Legislativo Estadual.

Assessoria

Caminhão bate, deixa poste dependurado e bairro da Zona Sul de Natal fica sem energia Acidente aconteceu na manhã desta sexta-feira (11) n

Com a força do impacto, poste partiu e foi arrancado do chão (Foto: Carlos Lima/Inter TV Cabugi)

Um caminhão caçamba bateu e um poste ficou dependurado pelos fios na manhã desta sexta-feira (11) na Rua São José, no bairro de Lagoa Nova, na Zona Sul de Natal. Com a força do impacto, o poste partiu e foi arrancado do chão. Só não tombou no meio da pista porque ficou preso pela rede elétrica. Ninguém se feriu e o motorista fugiu do local.

Pelo menos o bairro de Lagoa Nova ficou sem energia, já que atingiu a rede de alta tensão. A Companhia de Enérgia Elétrica do Rio grande do Norte (Cosern) ainda não deu um prazo para o restabelecimento do serviço.

Fonte: https://g1.globo.com/rn

Deputados cobram providências hídricas para o interior

Preocupados com a recorrente falta de abastecimento de água e as consequências da seca no Estado, os parlamentares Gustavo Carvalho (PSDB), Larissa Rosado (PSDB) e Cristiane Dantas (PPL) apresentaram pleitos ao Governo, solicitando, respectivamente, a extensão da rede de água em 400 metros para o Conjunto Novos Tempos, em Poço Branco; a regularização do abastecimento hídrico de Caraúbas; e a recuperação das paredes da Barragem Campo Grande, em São Paulo do Potengi.

A solicitação do deputado Gustavo Carvalho foi pela extensão da rede d’água de 400 metros em benefício do Conjunto Novos Tempos, localizado no município de Poço Branco. “O nosso objetivo com esse requerimento é atender as necessidades das mais de 50 famílias que residem na comunidade e não têm abastecimento de água canalizada”, justifica.

No tocante ao pleito de Larissa Rosado pela regularização do abastecimento hídrico para Caraúbas, a parlamentar explica que “os habitantes relatam ausência de água em suas residências por longos períodos. Algumas pessoas chegam a ficar até 30 dias sem abastecimento em casa. E mesmo sem esse recurso em suas torneiras o serviço ainda é cobrado de modo exorbitante”.

A deputada conclui, informando que essa situação acaba prejudicando a agricultura, que é base de sustento de muitos munícipes, além de afetar as exportações e a arrecadação de impostos.

Cristiane Dantas, por sua vez, pediu a imediata realização de serviços de manutenção e de recuperação nas paredes da Barragem Campo Grande, em São Paulo do Potengi. “Com o início das chuvas, o reservatório vem recebendo bastante água nos últimos dias, porém a parede da barragem está apresentando grandes fissuras que precisam de reparos urgentemente”.

Assessoria

Convênio de R$ 4 milhões com Detran-RN prevê pagamento de diárias, compra de armas e fardas para a PM

Dos R$ 4 milhões previstos no convêncio, R$ 1 milhão deve ser usado na aquisição de novas viaturas (Foto: PM/Divulgação)

A Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Norte (Sesed) deve receber R$ 4 milhões do Departamento de Trânsito do Estado (Detran). O convênio, que foi assinado nesta semana, diz que o dinheiro deve ser usados para a compra de veículos, armamentos, munições, fardas, pagamento de diárias operacionais e manutenção de prédios da Polícia Militar.

Detalhamento do Convênio

Descrição Valor total (R$)
Aquisição de armamentos 60 mil
Aquisição de munição 140 mil
Aquisição de fardamento 500 mil
Aquisição de veículos ostensivos 1 milhão
Pagamento de diárias operacionais 1,4 milhão
manutenção predial 900 mil
Total 4 milhões

A assessoria de comunicação da PM disse que o repasse será feito em partes, a depender das demandas da corporação.

“O governo, percebendo a necessidade da PM, proporcionou esse convênio que é de suma importância por ser um forte incremento para melhorar a atuação dos policiais, sobretudo nas ações ostensivas”, afirmou Sheila Freitas, secretária da Sesed.

Já Eduardo Machado, diretor do Detran, destacou a participação do órgão em contribuir com melhorias para a segurança da população. “O Detran também tem um caráter muito voltado para a segurança pública, principalmente nessa parte de fiscalização. E o governo do estado, neste momento, tem que unir esforços para que possamos combater a violência e dar mais tranquilidade à sociedade”, enfatizou.

Fonte: https://g1.globo.com/rn

Audiência na Assembleia Legislativa vai debater impactos da violência na saúde mental

A assembleia Legislativa, por iniciativa da deputada Cristiane Dantas (PPL), vai realizar na próxima segunda-feira (14), às 14h, audiência pública com o tema “Violência gerando transtorno mental”. O evento na Casa busca discutir os impactos que a violência urbana tem causado à saúde mental dos profissionais da segurança pública, assim como na população em geral. O debate conta com a parceira da Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Norte.

“O crescimento da violência no Rio Grande do Norte tem causado o afastamento de muitos policiais militares e civis por doenças como depressão e transtorno de ansiedade. Por outro lado, a população que diariamente é vítima da falta de segurança, também tem sofrido com o chamado estresse pós-traumático. O objetivo é debater esse problema e oferecer encaminhamentos que melhorem a assistência prestada aos agentes de segurança pública e à própria população potiguar”, justifica Cristiane Dantas.

Foram convidados para a audiência pública, representantes da Associação de Psiquiatria do RN, Secretaria de Segurança Pública, entidades militares, Itep, Associação dos Delegados da Polícia Civil e Sociedade Civil Organizada, além da sociedade civil. O debate acontece no auditório Cortez Pereira, na sede do Legislativo Estadual.