Archive for agosto 5th, 2021

Comissão da Câmara rejeita PEC do voto impresso auditável; Arthur Lira pode levar proposta ao plenário

Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

A comissão especial da Câmara dos Deputados sobre a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 135/19, que torna obrigatório o voto impresso auditável no Brasil, rejeitou hoje o texto substitutivo apresentado pelo relator, deputado Filipe Barros (PSL-PR). Foram 23 contrários ao parecer, ante 11 votos favoráveis.

Mais cedo, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que a PEC poderá ser avocada pelo plenário, mesmo depois da derrota no colegiado. “Comissões especiais não são terminativas, são opinativas, então sugerem o texto, mas qualquer recurso ao plenário pode ser feito”, explicou.

O deputado disse ainda ainda que a sinalização também vale para outra proposta que altera regras eleitorais, a PEC 125/11, que impõe a adoção do voto majoritário para a escolha de deputados federais, estaduais e vereadores, o chamado “distritão puro”.

“Todas as duas [comissões] estão perto do prazo. Uma está com 30 sessões e a outra está com 35, todas bem perto de estourar o prazo”, afirmou.

UOL com informações de Agência Senado /BG

Aras diz que vai se manifestar ‘dentro do quadrado constitucional’ sobre Bolsonaro e o inquérito das fake news

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou à CNN que não tem alinhamento com o presidente Jair Bolsonaro, mas com a Constituição e que irá se manifestar sobre a conduta de Bolsonaro no inquérito das fake news “dentro do quadrado constitucional”. Nesta semana, o presidente passou a ser investigado pelo Supremo Tribunal Federal e o Tribunal Superior Eleitoral por supostamente espalhar fake news sobre as eleições, com uso da máquina pública.

Em visita ao Senado para conquistar votos para sua recondução ao cargo, Aras afirmou que “nenhum PGR de juízo quer ficar mais do que dois biênios”. Ele evitou falar sobre as urnas eletrônicas e respondeu que vai se manifestar “nos autos”.

Essa é a terceira vez, nesta semana, que Aras vai ao Senado. Nesta quinta-feira, o procurador-geral esteve nos gabinetes de senadores de esquerda, direita e centro, Weverton Rocha, Eliziane Gama, Rogério Carvalho, Zequinha Marinho e do líder do governo no Congresso, Eduardo Gomes.

Procurador, o senhor veio pedir voto para sua recondução na PGR?
Vim fazer uma prestação de contas do meu trabalho. Quem julga o PGR é o Senado da República, assim como quem julga o Supremo é o Senado também. São autoridades que estão sob a jurisdição de alguém. Essa instituição é o Senado.

O que o senhor faria diferente em um segundo mandato?
Nenhum PGR de juízo quer ficar mais do que dois biênios. O que vou fazer diferente é dar continuidade às grandes conquistas que nós obtemos.

E sobre as críticas de que o senhor tem alinhamento com o presidente Jair Bolsonaro?
Não existe isso. Existe alinhamento à Constituição permanentemente. Ninguém nunca conseguiu fazer uma acusação que esteja dentro da Constituição. Crítica é quando você fundamenta uma opinião. Opinião sem fundamentação, especialmente sem ser constitucional e legal, não é crítica, é só opinião e o valor que se dá depende de cada um.

Qual a sua opinião sobre os inquéritos contra o presidente Jair Bolsonaro e a divulgação de fake news sobre as urnas?
Isso, eu vou falar nos autos. O Procurador Geral não pode ficar se manifestando.

O senhor acredita que há fraude nas urnas?
É o tipo de resposta que vou ter que fazer no papel, vou ter que fazer isso nos autos.  O Ministério Público, o procurador, é importante todo mundo saber, não deve participar da retórica política. O discurso do Ministério Público é jurídico, lógico, formal, constitucional, a luz da Constituição brasileira. Enquanto um parlamentar, um chefe de Poder Executivo tem amplos poderes da retórica política, o espaço do PGR é da Constituição e da lei. É isso que tem que permear toda a atividade, a imparcialidade, tratar dentro do quadrado constitucional.

CNN Brasil /BG

EM NOTA, CAERN COMUNICA QUE TARIFA DA ÁGUA NÃO TERÁ REAJUSTE DE 71%

Foto copiada do Blog do CM

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), emitiu uma nota para esclarecer que não haverá reajuste de 71% na tarifa da água na capital. 
Segundo à Caern, o percentual citado advém de um estudo apresentado à Arsban, em 2019, cujo índice apontava cenários relativos a investimentos na capital.
Confira a íntegra da nota abaixo:
Sobre as informações divulgadas nesta quinta-feira (05), na imprensa local, a Caern esclarece que não haverá reajuste de 71% na tarifa da água na capital. O percentual citado pela reportagem advém de um estudo apresentado à Arsban, em 2019, cujo índice apontava cenários relativos a investimentos na capital.Além disso, é importante ressaltar que a Caern não pede reajuste, ela apresenta cenários que contribuem para a definição do reajuste por parte da Agência Reguladora. “A população de Natal pode ficar tranquila que a tarifa da Caern não sofrerá reajustes fora da realidade”, afirma o diretor presidente da Companhia, Roberto Linhares.

A Caern tem sido fiel à sua missão de atender à população, sempre levando em conta uma tarifa que as pessoas possam pagar. Em regra, os reajustes e revisões seguem a lei 11.445/2007, que observa o equilíbrio entre o fornecimento de água para a população e a manutenção dos custos com o fornecimento e tratamento de água e o esgotamento sanitário.

CM

Pfizer entrega mais 1,8 milhão de doses da vacina contra a covid ao Brasil

Foto: UPS / ALF TV VCP – 5.ago.2021

A farmacêutica norte-americana Pfizer entregou na noite desta quinta-feira (5) mais 1.834.560 doses da vacina contra a Covid-19 ao Brasil. Foram 2 voos, ambos vindos de Miami, nos Estados Unidos. O 1º avião aterrissou no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), às 18h24 e o 2º, às 20h20.

Com a entrega, a empresa já forneceu 39 lotes ao país, somando quase 34 milhões de doses fornecidas ao governo brasileiro. Ainda faltam 13 milhões das 17 milhões de doses que estão previstas até 22 de agosto.

O novo plano de entregas da Pfizer consiste em uma aceleração do ritmo de fornecimento. “A Pfizer passa de uma média de entrega de 1 milhão de doses por semana, para 1 ou 2 milhões de doses por dia. Todo o processo que foi desenhado para o envio dessas doses, o desembaraço aduaneiro ainda nas nuvens implantado pela Receita Federal do Aeroporto de Viracopos, a entrega e distribuição pelo PNI (Programa Nacional de Imunizações) de forma célere, vai ser fundamental a partir de agora”, afirma Lucila Mouro, diretora de vacinas da Pfizer Brasil.

Ao todo, o Ministério da Saúde estima que chegarão 33,3 milhões de doses da Pfizer em agosto, mais da metade das 63,3 milhões de doses de vacinas esperadas neste mês. Para setembro, a expectativa é de 37,5 milhões, sendo 69,5 milhões ao todo, incluindo ainda doses da CoronaVac e da Oxford/AstraZeneca.

A previsão da Pfizer é que terão sido fornecidas 200 milhões de doses ao Brasil até o fim de 2021. A empresa estima que tem capacidade de fabricar até 3 bilhões de doses do imunizante no período.

Poder 360 /BG

Comissão Especial da Polícia Penal é instalada na Assembleia Legislativa

Os membros da Comissão Especial da Polícia Penal da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, reuniram-se nesta quinta-feira (05) para instalar a comissão que vai discutir uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que adequa a Constituição Estadual à Constituição Federal, no tocante à inclusão da Polícia Penal na esfera da Segurança Pública.

Durante a reunião de hoje foram definidos os deputados Tomba Farias (PSDB) como presidente, Galeno Torquato (PSD) como vice e o subtenente Eliabe (SDD) como relator.

“Essa mudança já foi feita através da PEC nº 104 de 2019, a nível federal, que realizou essa inclusão. Assim, essa PEC em tramitação na Assembleia Legislativa visa adequar à constituição estadual a esta medida. A PEC já passou pelas comissões da Casa e agora está na parte da comissão especial”, explicou o presidente da Comissão, deputado Tomba Farias.

A comissão tem 30 dias para deliberar o parecer, que será apreciado pelo plenário em votação em dois turnos, dependendo de dois terços da Casa para aprovação. “A importância dessa adequação se deve ao atraso vivido no RN, pois 21 Estados já realizaram essa adequação às suas constituições”, comentou o Subtenente Eliabe, relator da matéria.

Covid: Natal vacina pessoas de 27 anos nesta sexta (6) e de 26 no sábado (7)

Vacina vacinação covid-19 covid imunização aplicação dose rn Rio grande do Norte Natal Grande Natal  — Foto: Alex Régis/Prefeitura de Natal
Vacina vacinação covid-19 covid imunização aplicação dose rn Rio grande do Norte Natal Grande Natal — Foto: Alex Régis/Prefeitura de Natal

Natal vai começar a vacinar pessoas de 27 anos contra a Covid nesta sexta-feira (6). Já no dia seguinte, no sábado (7), inicia a imunização de pessoas de 26 anos.

A vacina está disponível em um dos quatro drives (Sesi, Palácio dos Esportes, Via Direta e Ginásio Nélio Dias), que também contam com opção para pedestres ou em uma das 35 UBS da capital.

É necessário levar carteira de identidade, comprovante de residência e cartão de vacinação, caso tenha.

A Secretaria de Saúde informou que os drives de vacinação vão funcionar de segunda a sábado, das 8h às 16h e que, a partir deste domingo (8), não vão realizar aplicações de vacinas aos domingos devido à baixa procura registrada em finais de semana anteriores.

A pasta disse que, se houver necessidade futuramente, adotará uma nova estratégia para esse serviço voltar aos domingos. As unidades básicas de saúde continuam funcionando de segunda à sexta-feira.

A movimentação dos drives de vacinação e outros detalhes para se vacinar podem ser vistos no site Vacina Natal.

O município informou ainda que a partir de segunda-feira (9), vai retomar o funcionamento do ponto de aplicação na Arena das Dunas, exclusivamente no sistema de drive-thru, de segunda a sábado das 8h às 16h.

Isso porque o drive do SESI deixará de funcionar também exatamente na segunda-feira (9) devido à retomada dos serviços presenciais no local, mas a vacinação continuará para o público de pedestres no ginásio.

Segunda dose

Para receber a segunda dose é necessário apresentar do cartão de vacina, documento com foto e comprovante de residência de Natal. As pessoas aptas devem procurar qualquer ponto de vacinação.

Oxford

  • Pode receber a D2 quem recebeu a primeira dose até 14 de maio nesta sexta (6), ou há 85 dias; no sábado (7) quem recebeu a primeira dose até 15 de maio, ou há 85 dias; e assim sucessivamente.

CoronaVac

  • Pode receber a D2 quem completou 28 dias da primeira dose.

Pfizer

  • Pode receber a D2 quem recebeu a primeira dose exclusivamente até 21 de maio.

G1RN

Ação Solidária da LBV, renova a Esperança de famílias de Lajes Pintada no RN

Foto cedida

A Legião da Boa Vontade – LBV com sua Campanha Diga Sim!, chegou no último, 3 de agosto, ao município de Lajes Pintada, para beneficiar famílias que vivem em situação de extrema vulnerabilidade social e risco alimentar. As comunidades rurais assistidas foram Barros Preto, Bento Nunes, Granja, Baraúnas, Malagueta, Serra Verde, Pedra Preta, Timbaúba e Serra de Manoel Carlos, na qual foram entregues cerca de uma tonelada e meia em cestas de alimentos, kits de higiene e limpeza, máscaras e álcool 70%, itens essenciais a prevenção ao Covid-19.  

O município de Lajes Pintada, está situado na Região do Agreste Potiguar, registra um percentual de 0,625 no Índice de Desenvolvimento Humano e Municipal – IDHM, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE de 2020. Nesse período de pandemia o cenário atual da fome ultrapassa a marca de mais de 1 milhão de norte-rio-grandenses vivendo em situação de extrema pobreza, segundo dados extraídos do Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal pela Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas).  

Em cada lar, visitado pela equipe de voluntários da LBV, juntamente com a Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social e do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) da localidade, encontrou famílias que sobrevivem somente de programas sociais, como o Bolsa Família do Governo Federal, devido a situação climática predominante, a seca, a agricultura não tem contribuído para que as pessoas possam se alimentar da terra. Dezenas de relatos das famílias assistidas pela LBV, comentam que a carne como mistura com o arroz e o feijão, não faz mais parte do cardápio, há muito tempo. Vivem de forma precária e insalubre, em sua maioria casas de taipas, dezenas não dispõem de utensílios domésticos, como armário para condicionar os alimentos da LBV que chegaram para amenizar a fome. O fogão a lenha ou de carvão, são maneiras utilizadas para cozinharem suas refeições, já que falta condições para a compra do botijão de gás, relata a idosa, Maria Lúcia Barros, 71 anos, mãe de oito filhos, dos quais cinco estão vivos. 

Para a idosa, Lúcia Barros, encarar a fome de perto, lhe trouxe momentos difíceis e tristes, como lembranças do passado, quando perdeu seu recém-nascido com oito meses de vida, devido a subnutrição que o acometeu em decorrência da fome.  

A sra Lúcia, nos contou com lágrimas no rosto, que alimentou seu filho que não resistiu a fome, com caldo de manga e água com açúcar para matar a fome do pequenino, alimentos sem nenhuma vitamina e proteína. Ela lembra que ia com o esposo no centro da cidade, trocar carvão por osso, ao chegar em casa, fazia caldo, e no dia seguinte colocava os ossos no feijão quando tinha. “Não estudei, comecei a trabalhar na roça muito jovem, para ajudar os meus pais, plantava e colhia algodão, limpava mato era muito cansativo, devido ao trabalho braçal que é árduo”, relata.  

O apoio emergencial da LBV, chegou na hora certa para a família da idosa Lúcia Barros, que agradece a todos que ajudaram para que tenha alimentação na mesa. “Em casa já estava faltando arroz, feijão, óleo, e hoje chegou essa bênção de Deus, quero agradecer a todos pela ajuda, e que Jesus, não deixe faltar o pão de cada dia a todos”.  

Para que todo esse trabalho continue a assistir milhares de pessoas, a Instituição conta com a sua doação. A Campanha Diga SIM da LBV, até ao final desse mês de agosto, faz a entrega nas cinco regiões do país, mais de 104 mil cestas de alimentos; 311 mil litros de leite; 110 mil kits de higiene e de limpeza, além de continuar com todo atendimento em suas 82 unidades.   

Para DOAR: 

Acesse www.lbv.org.br e doe de coração, qualquer valor. Se preferir, faça uma transferência bancária pelo PIX oficial da LBV: pix@lbv.org.br.  

Confira essas e outras ações realizadas pela LBV no endereço @lbvbrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.   

José Dias chama atenção para potencial de Santana do Matos no turismo religioso

A forte religiosidade e os esforços da população na promoção do desenvolvimento econômico foram destacados, em relação ao município de Santana do Matos, pelo deputado José Dias (PSDB). O deputado disse que a cidade tem uma grande vocação no turismo religioso, comprovadamente por origem e que pode se tornar mais um destino para turistas e visitantes.
 
José Dias afirmou que seu mandato já destinou emendas para o município e mantém articulação com a bancada federal nesse sentido. O deputado solicitou ao governo estadual a manutenção e melhoria das estradas, condição indispensável para manter o fluxo de visitantes. “Esse município tem uma grande vocação turística e teríamos de fazer um esforço gigantesco para transformá-lo naquele mesmo destino que tem a cidade de Santa Cruz”, comparou.
 
O deputado também citou que apesar dos baixos índices de chuva, a cidade detém fazendas com algumas das maiores produções leiteiras do RN. “Santana do Matos tem desde sua origem, a vocação de fé e religiosa. O nome de Santana do Matos nasceu do esforço de um proprietário rural, que após seca violenta, dedicou à santa construção de uma capela, que depois se consagrou à paróquia de Santana”, disse.

Francisco do PT destaca possível aumento da tarifa de água em Natal pela a Caern

Crédito da Foto: Eduardo Maia

Durante sessão ordinária híbrida desta quinta-feira (05), o deputado estadual Francisco do PT falou sobre a notícia veiculada em um dos jornais da cidade sobre o pedido de aumento de 71% da tarifa de água por parte da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern).

“É preciso esclarecer que o último aumento ocorreu em 2008 e o que está previsto é um reajuste de 1,22% que pode chegar a 5%”, explicou Francisco do PT.

O parlamentar destacou que é preciso se indignar com outros aumentos como o da gasolina, do gás de cozinha e da tarifa de luz.

Mourão em crítica ao TSE: “Nossos magistrados ultrapassaram seu limite ao emitirem opinião sobre algo que não lhes diz respeito”

Foto: Reuters

O vice-presidente Hamilton Mourão defendeu, nessa quarta-feira (4), o voto impresso e criticou os membros do TSE por se manifestarem contra a mudança do sistema eleitoral. “Nossos magistrados ultrapassaram seu limite ao emitirem opinião sobre algo que não lhes diz respeito. O que diz respeito ao magistrado é fazer com que a eleição ocorra dentro das regras estabelecidas pelo Legislativo”, disse em palestra promovida pelo grupo Personalidades em Foco, liderado pelo empresário Paulo Zanotto.

O ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes acolheu pedido do presidente do TSE e também integrante da Corte, Luís Roberto Barroso, de inclusão das falas do chefe do Executivo no inquérito das fake news. A medida pode resultar em processo criminal contra o presidente e, consequentemente, a sua inelegibilidade por período de oito anos.

Mourão afirmou que membros dos dois órgãos do Judiciário anteciparam posições acerca de um assunto que pode ser votado por eles. “Se o Legislativo estabelecer que a regra eleitoral diz que o eleitor terá que plantar uma bananeira na hora de digitar o voto, compete à Justiça Eleitoral assegurar que isso ocorra, e não o magistrado interferir neste processo”, ironizou.

Embora tenha realizado mea culpa em relação à forma bélica como o Planalto tem conduzido esta discussão, reproduziu alguns dos argumentos frequentemente apresentados pelo presidente Jair Bolsonaro, como a suposta defasagem tecnológica da urna eletrônica. Como já esclareceu o presidente do TSE e ministro do STF, Luís Roberto Barroso, o software do aparelho é reformado frequentemente a partir dos Testes Públicos de Segurança (TPS) realizados pelo órgão às vésperas de cada eleição desde 2009.

Estadão/BG

PRIVATIZAÇÃO: Câmara vota nesta quinta-feira projeto sobre a quebra do monopólio dos Correios

Com caso de Covid-19, centro de distribuição dos Correios de Volta Redonda  afasta colaboradores; entregas podem atrasar | Sul do Rio e Costa Verde | G1
Foto: Agência Brasil

A Câmara dos Deputados deve votar nesta quinta-feira, 5, o projeto de lei 591/2021 sobre a quebra do monopólio dos Correios. A proposta, tramita em regime de urgência. Dentre outros pontos, o parecer do relator, deputado Gil Cutrim (Republicanos-MA), é pela possibilidade de venda de 100% do capital da estatal, com a concessão de estabilidade de 18 meses para os mais 98 mil funcionários.

No dia 4, o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, voltou a estimar as operações de privatização da empresa para o primeiro semestre de 2022, embora a concretização das vendas dependa do “apetite de mercado” para realizá-las no “preço correto”.

Para ele, um dos principais ganhos será em maior eficiência na logística interna. Segundo o executivo, o comércio eletrônico poderá sair ganhando, especialmente as pequenas empresas, já que os gigantes do setor têm investido em sistemas próprios de entrega. O Mercado Livre está investindo R$ 10 bilhões em logística, disse Montezano. “O principal beneficiado com a privatização dos Correios é a pequena e média empresa que vende por comércio eletrônico”, afirmou o presidente do BNDES.

Por outro lado, alguns especialistas acreditam que com a privatização as áreas pobres ou mais distantes correm o sério risco de ficar desassistidas ou mal atendidas.

Entenda o que está em jogo com a privatização dos Correios:

Qual o tamanho dos Correios hoje?

– Os Correios é a única empresa do ramo que está presente em todos os 5.570 municípios brasileiros.

– No Brasil, são 10.982 unidades de atendimento. Sendo, são 760 pontos de atendimento no Ceará.

– Possui mais de 90 mil empregados. Destes, 2.226 atuam no Ceará

O que diz a PL 591/2021 que está tramitando na Câmara Federal?

– Enviado pelo Governo em fevereiro deste ano, o Projeto de Lei 591/21, na prática, autoriza que os serviços postais possam ser explorados pela iniciativa privada, inclusive, os que hoje estão em regime de monopólio.

– Pela proposta, a União manterá para si apenas uma parte dos serviços, chamada na proposta de “serviço postal universal”. Seria uma forma de cumprir a obrigação prevista na Constituição.

– O operador privado será obrigado a praticar a modicidade de preços e cumprir metas de universalização e de qualidade definidas pelo Governo dentro da política postal brasileira. O texto abre possibilidade para mais de um operador por região.

– Também define regras para o que seria um novo marco regulatório para o setor, com direitos e deveres das empresas que entrarem no mercado postal

– Amplia atuação da Agência Nacional de Telecomunicações, que passaria a incluir também os serviços postais no Brasil.

Com O Povo /BG

PM encontra plantação de maconha em fazenda no interior do RN

O Agora RN noticia que policiais militares da CIOPAR, em operação conjunta com a 4ª CIPM, encontraram uma plantação de maconha em uma fazendo na região Agreste potiguar nessa quarta-feira 4. O cultivo da planta estava sendo feito na área de caatinga em São José de Campestre. Ao todo, os policiais militares localizaram 56 plantas de maconha, além de uma porção seca e sementes.  Quando visualizou os policiais na sede da propriedade, um suspeito correu para a área de mata e não foi mais encontrado.

Segundo o texto, o proprietário da fazenda informou que suspeitava que o filho estava cultivando a planta, mas não tinha certeza. As plantas e sementes, juntamente com a moto do suspeito, foram levadas para a Central de Flagrantes em Natal.

BG

Ezequiel confirma apoio da ALRN para equipe campeã da Superliga de Vôlei atuar no RN

Crédito da Foto: João Gilberto

Atual campeã da Superliga masculina, a Funvic pode atuar a partir da próxima temporada representando Natal na principal competição de vôlei do país. Nesta quinta-feira (5), o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), confirmou o apoio da Casa a possível parceria, durante reunião com Igor Ribeiro Dantas, diretor da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e presidente da Federação Norte-rio-grandense de Voleibol, e Luiz Otávio Palhari, presidente a Funvic. O deputado estadual Hermano Morais (PSB) também participou do encontro.

“Sou um entusiasta do esporte e esta proposta tem nosso total apoio. Dará visibilidade ao nosso Estado em um esporte que só cresce em todo o Brasil. Vai levar o RN para todo o país, logo quando estamos saindo de um momento muito difícil devido a pandemia e, para nós, que dependemos do turismo como principal atividade econômica, temos que nos esforçar ao máximo para que esta parceria fique em Natal”, disse Ezequiel.

Igor Ribeiro Dantas explicou que a Funvic mantinha uma parceria até a última Superliga – da qual saiu vencedora – com a Prefeitura de Taubaté-SP, que acabou sendo desfeita após oito anos por iniciativa do Executivo. “O clube ficou órfão de sede, fomos procurados e nos perguntamos, porque não levar para Natal? É um projeto que pode trazer muitas conquistas para o Estado em diversos setores”, disse o dirigente da CBV, Igor Ribeiro Dantas.

Já Luiz Otávio Palhari agradeceu ao convite recebido por parte da Confederação para trazer a equipe referência nacional no Vôlei para o RN. “Estamos vendo este momento como uma grande oportunidade de expansão do nosso trabalho e também como forma de contribuição para ampliar ainda mais a prática do vôlei especialmente no Nordeste”, disse. 

Funvic
A sigla que identifica o clube campeão da Superliga significa Fundação Universitária Vida Cristã, instituição de ensino privada sem fins lucrativos, com sede na cidade de Pindamonhangaba-SP. A Funvic atualmente tem investimentos no ensino superior e na educação básica em cidades do interior de São Paulo. No esporte, além do vôlei, mantém projetos para o ciclismo, basquete, judô e handebol. 

Durante a reunião com Ezequiel, Luiz Otávio Palhari também revelou que, caso a parceria esportiva seja concretizada com a capital potiguar, o grupo iniciará estudos para também trazer para o Estado investimentos na área educacional.

Também participaram do encontro na sede do Legislativo potiguar o coordenador de esportes do Aeroclube, Mateus Moreira, o diretor da Presidência da ALRN, Fernando Rezende, e a diretora administrativa e financeira da ALRN, Dulcinéa Brandão.

Fiscalização eletrônica na Via Costeira e voto impresso são destaques no horário dos líderes

Dois temas receberam destaque dos líderes da Assembleia Legislativa do RN na sessão desta quinta-feira (5): a necessidade de instalação de fiscalização eletrônica na Via Costeira e o voto impresso no Brasil. As questões foram abordadas pelos deputados Ubaldo Fernandes (PL) e José Dias (PSDB), respectivamente.

Abrindo o horário das lideranças, Ubaldo Fernandes chamou a atenção para o aumento de acidentes na avenida Senador Dinarte Mariz, a Via Costeira. “Só no primeiro bimestre deste ano o número de acidentes mais que dobrou em comparação ao mesmo período do ano passado. O aumento é de 128%”, citou.

O deputado anunciou que realizará uma audiência pública para debater ações para controlar esses números e citou a instalação de videomonitoramento para coibir a alta velocidade e até muretas protetivas nos postes. “Quando os carros colidem alguns postes são derrubados, prejudicando a população”, justificou.

O segundo líder a se pronunciar, foi o deputado José Dias que repercutiu matéria do jornal Tribuna do Norte sobre proposta da Caern de aumento de 71% na tarifa de água em Natal. “A gente sabe que esse é um aumento absurdo, por isso que o governo não vai permitir”, disse.

O deputado ainda repercutiu algumas discussões nacionais, como a do voto impresso. “Apenas outros dois países no mundo tem um sistema como o nosso: Bangladesh e Butão”, apresentou. Para José Dias o voto impresso pode ser uma ferramenta que auxiliará o vencedor a comprovar sua vitória.

Benes Leocádio segue reunindo liderança e fortalecendo sua pré candidatura ao governo do RN

Instagram

Na noite de ontem, 04, o pré candidato Benes Leocádio (Republicano) se reuniu com muitas lideranças do município de Tangará. Ele segue vendo a possibilide de ser candidato ao governo do RN.

Benes é um nome novo, sem histórico de corrupção, com boa articulação entre os prefeitos e com possível apoio de muitos deputados.

Pode ser a renovação na eleição de 2022