Archive for outubro 13th, 2021

Prefeito Pedro Henrique é recebido pelo governador João Doria em São Paulo

Gestor potiguar de Pedra Grande conheceu programas e ações de Governo no Palácio dos Bandeirantes  

Na tarde desta quarta-feira (13), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) recebeu no Palácio dos Bandeirantes o prefeito potiguar, Pedro Henrique (PSDB), do município de Pedra Grande, na região do Mato Grande. Pedro foi conhecer ações e programas de Governo do Estado de São Paulo. “Ficamos felizes em saber que em São Paulo a retomada obrigatória dos estudantes às aulas presenciais para as redes estadual, municipais e privada acontecerão a partir de 18 de outubro. Todos os protocolos sanitários serão mantidos”, informou Pedro Henrique.

Em conversa com o governador paulista, Pedro Henrique que estava acompanhado da primeira-dama Lorena Lima, enalteceu o avanço da primeira vacina aplicada na maioria dos Estados, inclusive nos municípios potiguares. “Sem Doria, não teríamos a CoronaVac e a pressão por vacinas. O pai da vacina levou investimentos na Coronavac, vacina produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a China”, frisou o prefeito.

Na área de economia, Pedro Henrique destacou o Programa “Desenvolve SP”, banco do Governo do Estado, que oferece linhas de crédito para capital de giro para impulsionar a retomada da economia, auxiliando micro, pequenas e médias empresas com despesas operacionais. Com taxas reduzidas e prazos de até cinco anos para pagar. Outro projeto destacado por Pedro Henrique foi a expansão do Programa de Ensino Integral, que vai ofertar mais de um milhão de vagas em São Paulo em 2.029 escolas estaduais, localizadas em 457 municípios, a partir de 2022. “As crianças têm reforço escolar, alimentação em várias oportunidades e educação física”, citou.

Alcolumbre responde Bolsonaro sobre sabatina de André Mendonça: ‘Não aceitarei ser ameaçado’

Presidente da CCJ, Davi Alcolumbre
Presidente da CCJ, Davi Alcolumbre /Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil


No dia em que a indicação do ex-advogado-geral da União André Mendonça para o Supremo Tribunal Federal (STF) completa três meses sem ser apreciada, o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) rebateu o presidente Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira, 13, e afirmou que não aceitará “ser ameaçado, intimidado, perseguido ou chantageado com o aval ou a participação de quem quer que seja”. Nesta terça-feira, 12, em entrevista exclusiva ao programa Os Pingos nos Is, da Jovem Pan, o mandatário do país disse que o ex-presidente do Senado faz “uma verdadeira tortura” contra Mendonça, o nome “terrivelmente evangélico” escolhido para a Corte.

A manifestação do ex-presidente do Senado vem à tona após aliados do governo terem entrado em campo para tentar encerrar o impasse envolvendo a indicação de Mendonça ao STF. A Jovem Pan apurou que, na segunda-feira, 12, o senador almoçou com Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), em Brasília. No encontro, segundo relatos, Alcolumbre expôs seu incômodo com as declarações de Bolsonaro e sugeriu que o chefe do Executivo federal deveria se retratar. “Três meses lá no forno o nome do André Mendonça. Quem não está permitindo é o Alcolumbre, uma pessoa que eu ajudei na eleição dele. Depois pediu apoio para eleger o (Rodrigo) Pacheco (DEM-MG) (presidente do Senado), e eu ajudei. Teve tudo que foi possível durante dois anos comigo. De repente ele não quer o André Mendonça”, disse, no domingo, 10, o presidente da República. Na tentativa de aplacar a crise e “aparar as arestas”, o filho Zero Um propôs uma reunião entre o parlamentar do DEM e seu pai. Em razão da nota divulgada nesta quarta, interlocutores do ex-presidente do Senado apostam que o encontro “não sairá do papel”.

“Jamais condicionei ou subordinei o exercício do mandato a qualquer troca de favores políticos com quem quer que seja. É importante esclarecer que a Constituição estabelece a nomeação do Ministro do Supremo Tribunal Federal não como ato unilateral e impositivo do Chefe do Executivo, mas como um ato complexo, com a participação efetiva e necessária do Senado Federal. Destaco que essa regra existe inclusive para outros cargos e tem sido respeitada e seguida exatamente conforme prevê nossa Constituição. Em recente decisão, o Supremo Tribunal Federal reconheceu a regularidade de nossa atuação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) e reafirmou a prerrogativa dos presidentes das comissões permanentes do Senado para definirem a pauta das sessões, sendo matéria interna corporis, insuscetível de interferência, em atenção ao princípio da separação e harmonia dos poderes. A mais alta Corte do país ratificou a autonomia do Senado Federal para definição da pauta”, diz nota divulgada à imprensa.

Em outro trecho do texto, Alcolumbre acrescenta que tem “sofrido agressões de toda ordem. Agridem minha religião, acusam-me de intolerância religiosa, atacam minha família, acusam-me de interesses pessoais fantasiosos. Querem transformar a legítima autonomia do presidente da CCJ em ato político e guerra religiosa”. “Reafirmo que não aceitarei ser ameaçado, intimidado, perseguido ou chantageado com o aval ou a participação de quem quer que seja”, finaliza o senador.

Jovem Pan

CPI ouve testemunhas e vai compartilhar com Senado informações sobre Consórcio NE

Crédito da Foto: Eduardo Maia

A CPI da Covid na Assembleia Legislativa discutiu, na tarde desta quarta-feira (13), as circunstâncias de contrato referente à locação de ambulâncias e também sobre a iniciativa de buscara contratação de montagem de um hospital de campanha na Arena das Dunas durante 2020. Três pessoas foram ouvidas como testemunhas e trataram sobre os temas. Além disso, os deputados também aprovaram o compartilhamento com o Senado Federal de informações sobre a investigação sobre compra de respiradores pelo Consórcio Nordeste.

A presidente da Comissão Permanente de Licitação Carla Juliana Gomes de Souza respondeu a questionamentos por parte dos deputados. As principais dúvidas do membro Gustavo Carvalho (PSDB) e do presidente da CPI, deputado Kelps Lima (Solidariedade), foram referentes às datas em que ocorreram as vistorias das ambulâncias que seriam utilizadas no transporte sanitário. O motivo é que, segundo os parlamentares, documentos comprovam que as vistorias ocorreram quatro dias antes da assinatura do contrato do Governo do Estado com a empresa. O contrato, inclusive, foi encerrado pouco após um mês de vigência, o que também levantou suspeitas por parte dos parlamentares.

“Já falamos outras vezes sobre esse contrato e o que chama a atenção é que o empresário que alegou o prejuízo não acionou a Justiça para reaver o dinheiro. Além do que, temos documento que comprova que ele alugou veículos para serem utilizados como ambulâncias antes do resultado sobre a contratação, sem que soubesse, em teoria, que sua empresa seria a contratada. Por isso o motivo de nossa desconfiança”, disse Kelps Lima. A servidora, que não é investigada, explicou que todo o trâmite foi acelerado com o objetivo de minimizar os danos da pandemia, mas que desconhecia e não acreditava em qualquer tipo de favorecimento ou desvio de conduta por parte dos envolvidos na contratação do Poder Público.

Além da servidora, o atual chefe de gabinete do Procurador Geral do Estado, Thales Egídio Macêdo Dantas, também foi ouvido pelos parlamentares sobre os contratos. Ele foi questionado também sobre o processo referente às ambulâncias e disse que o trâmite da questão seguiu todas as normas vigentes.

Já o ex-secretário-adjunto de Saúde do Rio Grande do Norte Petrônio Spinelli fez um panorama sobre a contratação de leitos críticos para pacientes com covid no início da pandemia, quando estava no cargo. O médico infectologista, que é servidor de carreira do Estado há 21 anos, respondeu questionamentos sobre a tentativa de se fazer um hospital de campanha na Arena das Dunas. 

Com orçamento previsto em aproximadamente R$ 38 milhões para a viabilização dos leitos, Spinelli explicou que o Governo do Estado recuou após encontrar custos altos para a concretização dos leitos, mas disse que em nenhum momento foi cogitada a possibilidade de não se reforçar as estruturas já existentes na rede de saúde pública. Questionado pelos parlamentares sobre o motivo pelo qual houve a desistência e se denúncias sobre a possível contratação colaboraram para que o Executivo desistisse do hospital, Petrônio Spinelli disse que a decisão de recuar ocorreu porque o Governo viu que seria mais viável o fortalecimento da rede existente. “Os custos seriam muito altos, mais do que esperávamos, e levaria mais tempo”, disse Spinelli, respondendo a questionamento do presidente da CPI, Kelps Lima, sobre qual seria a estratégia mais plausível: fazer um hospital de campanha ou reforçar a rede existente.

Ainda na CPI, os parlamentares aprovaram requerimentos, entre eles a resposta à solicitação da CPI da Pandemia do Senado Federal para o compartilhamento de dados referente à investigação sobre a compra frustrada de respiradores pelo Consórcio Nordeste à empresa Hempcare. Os parlamentares aprovaram e os documentos serão encaminhados.

Na quinta-feira (14), a CPI vai ouvir Carlos Thomas Araújo da Silva, subcoordenador de Serviços Gerais da SESAP, testemunha sobre a empresa contratada no Piauí para inquérito sorológico, e o convidado Angelo Giuseppe Roncalli da Costa Oliveira, servidor da PPGScol/UFRN, para tratar também sobre a empresa contratada no Piauí para fazer estudo sorológico no estado.

Líderes lamentam falecimento do ex-governador Lavoisier Maia e do padre Tiago

No horário destinado aos líderes da sessão plenária desta quarta-feira (13), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, pronunciaram-se os deputados estaduais Nelter Queiroz (MDB), Tomba Farias (PSDB) e Ubaldo Fernandes (PL). Entre as pautas levantadas estiveram o falecimento do ex-governador do RN, Lavoisier Maia e do padre Tiago Theisen. Também foi falado sobre o plano de cargos dos servidores da Emater-RN.

O deputado Nelter Queiroz foi quem mencionou o plano de cargos, carreira e remuneração dos servidores públicos da Emater-RN.  Ele solicitou ao Governo do Estado que envie matéria à Assembleia Legislativa para que esse plano possa ser reestruturado.

“Faço esse apelo porque são servidores que estão à frente do homem do campo, que vive trabalhando para gerar emprego nas pequenas propriedades, nos assentamentos rurais”, destacou.

“A demanda em questão não é por aumento salarial e sim pela equiparação das remunerações de cargos de Nível Médio e Técnico com os cargos de Nível Superior”, explicou. Segundo o parlamentar, no passado, os servidores de Nível Técnico e Médio recebiam 70% dos salários dos servidores de Nível Superior e esse percentual posteriormente foi reduzido para 44%. “A viabilização desse pleito merece urgência, pois há 13 anos os profissionais não têm aumento e nem recomposição salarial”, completou.

O deputado Tomba Farias destacou a morte do ex-governador, Lavoisier Maia, e a relação dele com o município de Santa Cruz.  “Santa Cruz teve a mão amiga de Lavoisier Maia quando a localidade mais precisava, na catástrofe do dia 1º de abril, em que o açude estourou e se levou boa parte da cidade. Naquele momento, Lavoisier estendeu a mão para a cidade e tivemos a grata notícia de que foi autorizado a construção de 1.044 casas no município”, contou o parlamentar.

“Em nome do povo de Santa Cruz, eu agradeço por tudo o que ele fez pela nossa terra. Me solidarizo com a família, esposa, filhos. Que Deus dê muita força, mas com certeza ele foi recebido no céu com muita festa e muita humildade”, acrescentou.

Tomba Farias também mencionou o pesar pelo falecimento pelo servidor José Amaral Filho, colega de gabinete do parlamentar, que, de acordo com o deputado, trabalhava com ele desde 2010.

O deputado Ubaldo Fernandes falou que o Rio Grande do Norte perdeu duas importantes e ilustres personalidades, na classe política e religiosa: o ex-governador do RN, Lavoisier Maia, e o padre Tiago Theisen.

Sobre Lavoisier Maia, Ubaldo opinou que todo mundo o admirava pela trajetória de vida. “Ele exerceu cargos importantes no RN e é consenso em toda classe política de que ele tinha forte atuação, mas não fazia a politicagem de adversários. Era um homem íntegro e honesto. Exerceu os cargos com persistência em relação aos direitos dos potiguares, principalmente na saúde pública dos municípios, implantando o projeto do médico em cada município”.

“E olha que ele pegou um governo muito difícil, uma época de seca enorme e conseguiu vencer essas etapas, além de reconstruir a cidade de Santa Cruz. Lavoisier Maia deixa um legado de muita história dedicada à política do RN”, pontuou.

Ubaldo Fernandes também falou sobre a morte do Padre Tiago. “Sacerdote com grande atuação, principalmente em Natal e na Zona Norte. Ele prestou relevantes serviços à Igreja Católica e à sociedade natalense. Foi um homem visionário em relação à construção de templos: fundou paróquias nas Quintas e conjunto Santa Catarina, participou ativamente da construção de mais de 20 igrejas e atuava em salas de aulas com crianças da pré-escola. Padre Tiago priorizava muito a educação e a formação do cidadão, preparando para o futuro”, declarou.

Assessoria

STTU libera travessia de pedestres em passarela e tira semáforo da avenida Salgado Filho nesta quinta (14) em Natal

Passarela passou por obras e será liberada ao tráfego de pedestres nesta quinta-feira (14), segundo a STTU. — Foto: Divulgação
Passarela passou por obras e será liberada ao tráfego de pedestres nesta quinta-feira (14), segundo a STTU. — Foto: Divulgação

A Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal informou que vai liberar a travessia de pedestres a partir desta quinta-feira (14) na passarela da avenida Salgado Filho, na Zona Sul da capital.

O equipamento estava interditado para obras de recuperação. Ainda de acordo com a pasta, o semáforo ligado provisoriamente no trecho, para facilitar a travessia dos pedestres na avenida, também será retirado.

De acordo com a secretaria, a obra ainda não foi completamente concluída, porque ainda falta construir a nova rampa de acesso. A obra deverá durar até o final de dezembro.

Estamos entregando essa primeira fase para que os pedestres voltem a utilizar a passarela. Nos próximos dias, a equipe de educação de trânsito da secretaria estará no local comunicando a população que usa aquela travessia diariamente”, informou secretária Daliana Bandeira.

G1RN

Cristiane Dantas requer realização de mais de 160 cirurgias oftalmológicas

Em pronunciamento na Assembleia Legislativa do RN na manhã desta quarta-feira (13), a deputada Estadual Cristiane Dantas (SDD) solicitou, ao secretário de Saúde pública do estado, Cipriano Maia, a inclusão da cirurgia de vitrectomia entre os procedimentos eletivos retomados. De acordo com a parlamentar, cerca de 160 pessoas aguardam o procedimento e correm o risco de perderem a visão em caso de demora na realização da cirurgia.

“Tivemos uma boa notícia na semana passada, quando o secretário noticiou a volta das cirurgias, mas quero falar aqui que o RN tem vários pacientes esperando por outras cirurgias que também são urgentes, além das cirurgias ortopédicas”, disse.

Cristiane Dantas falou da vitrectomia, um tipo de cirurgia ocular usada para tratar problemas da retina e do vítreo do olho. “Ela está contemplada na portaria Ministério da Saúde n° 3.641 de 22/12/2020, que define para o exercício de 2021 a estratégia de acesso a procedimentos cirúrgicos eletivos no SUS”.

De acordo com a parlamentar, 160 pacientes do RN estão aguardando, através do Hospital da Visão, apenas a autorização da Sesap. “Esses pacientes podem ficar cegos pela demora e esses recursos podem ser ressarcidos ao estado desde que seja feita a cirurgia”, enfatizou.

Cristiane Dantas apurou que o RN possui R$ 5,84 milhões para isso, mas esse dinheiro só é disponibilizado após realização das cirurgias. 

“Faço apelo para que o secretário autorize de pronto. Essas cirurgias podem ser feitas em apenas um dia. O Hospital é conveniado com o Governo do Estado e aguarda apenas a autorização para fazer essas cirurgias”, finalizou.

Assessoria

Após retificação de edital, Justiça revoga suspensão do concurso para perito criminal do Itep

Sede do Itep, Instituto Técnico-Científico de Perícia, na Ribeira, em Natal — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi
Sede do Itep, Instituto Técnico-Científico de Perícia, na Ribeira, em Natal — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Após a banca organizadora comunicar que retificou do edital do concurso do Instituto Técnico e Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (Itep), a Justiça revogou a decisão que suspendeu a seleção ao cargo de Perito Criminal – Área Geral.

O concurso estava suspenso desde julho por decisão do juiz Francisco Seráphico da Nóbrega, que reconheceu indícios de ilegalidade no edital ao prever o preenchimento do cargo de perito criminal em desacordo com leis estaduais e federais.

A decisão da primeira instância foi mantida pelo Tribunal de Justiça, que negou recursos contrários à medida.

De acordo com a Justiça, o edital não tinha qualquer exigência relacionada à especialidade dos candidatos o que seria contrário à própria natureza do cargo, que exige conhecimento especializado.

Com isso, o Itep retificou o edital, limitando o provimento dos cargos aos candidatos com diplomas nos cursos de Psicologia, Farmácia, Farmácia-Bioquímica, Física, Química, Ciências Biológicas, Engenharias, Fonoaudiologia, Geologia, Ciências Contábeis, Medicina Veterinária e Ciência da Computação.

Na publicação no Diário Oficial do Estado no último dia 5 de outubro, o Itep considerou que “não interessa à Administração manter o concurso público suspenso durante o tempo necessário ao julgamento final do processo, o que pode levar anos”.

Com a publicação da retificação, a Sexta Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal revogou a tutela de urgência por considerar que não há mais probabilidade de prejuízo.

Candidatos podem desistir

As provas foram realizadas em 25 de julho e tinham mais de 7,6 mil candidatos inscritos somente para concorrer a esse cargo específico em Natal, Mossoró, Caicó e Pau dos Ferros. O edital oferecia 45 vagas de ampla concorrência e três para pessoas com deficiência para Perito Criminal – Área Geral.

Com a mudança, os candidatos que não se encaixam nas formações exigidas pelo novo edital podem pedir o cancelamento da inscrição e o reembolso da taxa. O prazo começou na última segunda-feira (11) e segue até a sexta (15).

G1RN

Deputados registram marcos na gestão do ex-governador Lavoisier Maia

Durante a sessão plenária híbrida desta quarta-feira (13), os deputados fizeram homenagens ao ex-governador e ex-deputado Lavoisier Maia e lembraram avanços para o RN durante o seu mandato como ex-governador e também ex-secretário estadual de Saúde. Para Dr. Bernardo (MDB), uma das maiores realizações foi interiorizar a presença de médicos nas cidades do RN e encerrar os altos índices de mortalidade infantil.
 
“Lavoisier é uma pessoa que muito nos orgulha, que fez a maior obra do passado, do presente e do futuro e que ninguém certamente fará algo tão importante quanto ele. Ele calou os sinos das igrejas, que anunciavam a morte de crianças, quando colocou um médico em cada cidade”, disse o deputado.
 
Dr. Bernardo disse que muitas famílias potiguares perdiam suas crianças por problemas como desidratação, diarreia e falta de um atendimento médico de qualidade e que eram altos os índices de mortalidade infantil.
 
“Lavoisier fez essa grande obra e na história do Rio Grande do Norte, calando o sino das igrejas, por isso deixo meu voto de pesar e desejo conforto à família. Ele se vai, mas fica aqui um legado da sua história de luta, além de ter sido um homem humilde, manso, que sempre pautou sua história com o compromisso com seu povo”, encerrou.
 
Quarto orador do dia, o deputado Getúlio Rêgo (DEM) também destacou a atuação do ex-governador, como também o seu trabalho como ex-secretário de saúde na gestão do então governador Tarcísio Maia.
 
“Eu já atuava como médico quando ´Lavô` era secretário de saúde e pude perceber com muita clareza suas intenções de estadualizar o atendimento médico em todos os municípios do RN”, afirmou Getúlio Rêgo.
 
O deputado afirmou que Lavoisier Maia deixou obras registradas com marcas importantíssimas, além de cristalizar o atendimento à população.  “Ele fez obras permanentes em todos os setores, como a Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, deixou estradas pavimentadas em todas as regiões do Estado, que foram depois sequenciadas no Governo de Cortez Pereira, mas também depois no de José Agripino Maia. Foram épocas de grandes realizações em toda a infraestrutura estadual, como também a construção de hospitais”, afirmou o deputado.

Assessoria
 

Sine oferece 64 vagas de emprego para Natal e outras 3 cidades do RN nesta quarta (13)

Sine oferece 64 vagas de emprego para Natal e outras 3 cidades do RN nesta quarta (13) — Foto: Agência Brasil
Sine oferece 64 vagas de emprego para Natal e outras 3 cidades do RN nesta quarta (13) — Foto: Agência Brasil

O Serviço Nacional do Emprego (Sine), oferece 64 vagas de emprego formal para Natal, Região Metropolitana, Mossoró, Currais Novos e Caicó nesta quarta-feira (13).

Há oportunidades para mecânico, analista de marketing, massagista, operador de caixa, vendedor pracista, entre outros.

Para concorrer às oportunidades, os candidatos devem se cadastrar via Internet através do Portal Emprega Brasil do Ministério do Trabalho e Emprego ou nos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital, disponíveis para Android e IOS.

Os telefones de agendamento estão disponíveis para informações: 3190-0783, 3190-0788. O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 12h.

De acordo com o Sine, todas as oportunidades estão sujeitas a alteração. Para saber em tempo real qual ocupação está de acordo com o perfil profissional, o interessado deve acessar o portal.

Vagas

Natal e região metropolitana

  • ANALISTA DE MARKETING 01
  • ASSISTENTE DE VENDAS 01
  • CONSULTOR DE VIAGEM 05
  • MASSAGISTA 06
  • MECÂNICO DE MOTOCICLETAS 02
  • REPARADOR DE LINHAS E APARELHOS 15
  • VENDEDOR PRACISTA 01
  • VENDEDOR PRACISTA 01
  • VENDEDOR PRACISTA 02

Caicó e Região

  • ESTOQUISTA 05
  • OPERADOR DE CAIXA 05
  • VENDEDOR INTERNO 15

Currais Novos e Região

  • TÉCNICO EM QUÍMICA DE ALIMENTOS 02

Mossoró e Região

  • ATENDENTE DE PADARIA 01
  • COSTUREIRA EM GERAL 01
  • VENDEDOR PRACISTA 01

G1RN

Comissão entrega termo de referência para escolha da banca que realizará concurso da ALRN

O concurso público para preenchimento de vagas na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte avançou mais uma etapa nesta quarta-feira (13). Durante reunião da Comissão Especial dedicada à realização do certame, foi entregue o termo de referência para contratação da empresa que realizará as provas. Agora, a expectativa é que em até 60 dias seja apontada a banca que ficará responsável pela organização exame.

“O concurso está cada vez mais próximo e já é uma realidade. Vai haver em breve a publicação do termo e serão apresentadas as ofertas das empresas que se adequem ao esperado. Esperamos que em breve tenhamos uma evolução também desta etapa e, enquanto isso, manteremos alguns trabalhos paralelos, como ouvir instituições para atender a questões específicas de alguns cargos”, disse o procurador-geral da Assembleia, Sérgio Freire, presidente da Comissão Especial do concurso público da Casa.

As instituições a que o procurador se referiu são, por exemplo, os conselhos regionais de Medicina e de Engenharia. Nestes casos, a Comissão discutirá algumas funções que serão incluídas no futuro edital que se relacionam exatamente com estas atividades profissionais.

O concurso público da Assembleia terá 47 vagas para os cargos efetivos de Analista Legislativo – Nível Superior e Técnico Legislativo da Casa. A previsão é que o certame aconteça no primeiro semestre de 2022. Ao todo são previstas 24 vagas para o cargo de Analista Legislativo, com remuneração inicial de R$ 7.725,75 mais benefícios e 23 para o cargo de Técnico Legislativo, com remuneração inicial de R$ 4.139,75, mais benefícios.

Assessoria

Mega-Sena sorteia nesta quarta prêmio acumulado em R$ 6,5 milhões 13/10/2021 10h04

Foto: © Tânia Rêgo / Agência Brasil

A Mega-Sena sorteia, nesta quarta-feira (13), um prêmio acumulado em R$ 6,5 milhões.

As seis dezenas do concurso 2.418 serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet.

A aposta mínima, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50.

https://www.blogdobg.com.br/

Ex-aliado de Hugo Chávez, general venezuelano morre na prisão, de Covid-19

General venezolano Raul Isaías Baduel, ex-aliado de Hugo Chávez, nunca esteve nas listas venezuelana para receber anistia

O general Raúl Isaías Baduel, ex-aliado de Hugo Chávez e preso político na Venezuela desde 2009, morreu nesta terça-feira, 12, aos 66 anos, de uma parada cardiorrespiratória em decorrência de Covid-19, segundo o procurador-geral do país, Tarek William Saab. “Lamentamos a morte de Raúl Isaías Baduel de uma parada cardiorrespiratória como resultado da covid-19, enquanto estava sob cuidados médicos correspondentes. Ele já tinha recebido a primeira dose da vacina. Apresentamos nossas condolências a familiares e amigos”, disse o procurador no Twitter.

Em 29 de setembro, Andreina Baduel, filha do general, denunciou que seu pai tinha sido transferido do local onde estava preso, no subsolo do Serviço Bolivariano de Inteligência Nacional (Sebin), conhecido como “A Tumba”, para outra sede desse órgão em Caracas. “Exigimos que suas condições sejam verificadas, exigimos uma prova de vida. Já chega”, escreveu ela, mas não houve resposta oficial ao pedido. Baduel, que foi um fiel aliado do falecido ex-presidente Hugo Chávez, foi considerado o artífice do retorno dele ao poder após o golpe de Estado que o derrubou por 48 horas em abril de 2002. O general também foi ministro da defesa entre 2006 e 2007.

Posteriormente, Baduel posicionou-se contra uma guinada totalitária do líder chavista e a reforma constitucional que ele propôs. Em 2009, o general foi preso e proibido de exercer cargos públicos até o final de sua sentença. Em 2015, ele recebeu liberdade condicional sob condições que, segundo a Justiça venezuelana, não cumpriu, o que o fez voltar à prisão em 2017, ano em que deveria completar sua pena. Baduel ainda foi acusado de novos crimes, incluindo contra a integridade da nação e a independência, o que prorrogou a sua pena indefinidamente. Embora o governo tenha concedido vários perdões a inúmeros opositores, Baduel nunca esteve nas listas dos que receberam anistia.

Jovem Pan

Acompanhantes e servidores do Hospital Walfredo Gurgel continuam sem receber refeição

Foto: Ricardo Araújo / G1

A greve do funcionários da JMT Service, empresa terceirizada do setor de nutrição do Walfredo Gurgel, continua. De acordo com denúncia, servidores e acompanhantes – exceto ceia dos funcionários – seguem sem refeição no hospital.

Isso segue acontecendo para que os pacientes tenham sua alimentação preservada. Hoje, dia 13, o Walfredo conta com 38% dos funcionários da JMT e, segundo a denúncia, a SESAP ainda não se posicionou a respeito do caso.

BG

Dois assaltos a ônibus são registrados em menos de uma hora em Natal; “Não é a primeira vez. Já fui vítima de vários outros assaltos. “Dá medo trabalhar com esse risco todos os dias”. Diz um dos motoristas

Ônibus assaltado em Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi
Ônibus assaltado em Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Dois assaltos a ônibus foram registrados em menos de uma hora, na noite desta terça-feira (12), em Natal. Um dos casos aconteceu na Zona Norte da capital e acabou com a prisão dos suspeitos. O outro foi em Cidade Satélite, na Zona Sul.

O ônibus da linha 07/Alvorada 4 foi assaltado por dois criminosos, que usaram um simulacro de arma de fogo (arma falsa) e levaram dinheiro do motorista, além da carteira de um passageiro. O veículo já estava indo para o terminal quando o crime aconteceu.

Os assaltantes foram detidos minutos depois por policiais militares do 4º Batalhão que faziam patrulha de rotina na rua Aracati, no conjunto Santa Catarina, quando perceberam dois rapazes em atitude suspeita. Na abordagem, encontraram a carteira de uma das vítimas e dinheiro.

De acordo com a PM, os suspeitos ainda tentaram se livrar do simulacro de arma, jogando em um matagal, mas os policiais conseguiram encontrar o objeto.

A dupla foi detida em flagrante e conduzida à carceragem da Delegacia de Plantão da Zona Norte. Um dos rapazes é menor de idade. Além da arma falsa, a PM também recuperou carteiras e celulares de outras pessoas.

Um taxista também tinha sido roubado pela dupla e teve carteira e celular recuperados.

Zona Sul

O outro assalto aconteceu no conjunto Cidade Satélite. A vítima foi o motorista de um ônibus da linha 37 e outras 10 pessoas, que estavam no veículo como passageiras.

Pelo menos quatro criminosos armados participaram do arrastão. Segundo o motorista, eles subiram no ônibus na altura do Natal Shopping e só anunciaram o assalto que já estavam na Rua dos Caiapós, no conjunto Cidade Satélite.

Os homens se dividiram – entre a parte da frente e os fundos do veículo – e obrigaram as vítimas a entregarem celulares, bolsas e outros pertences. Eles fugiram em seguida.

“Não é a primeira vez. Já fui vítima de vários outros assaltos. Dá medo trabalhar com esse risco todos os dias”, contou o motorista, que pediu para não ser identificado.

G1 RN

MPRN, MPF, MPT, Ampern, ANPR e ANPT fazem ato público virtual contra PEC 05/2021

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), o Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF-RN), o Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT-RN), a Associação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (Ampern), a Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) e a Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT) irão realizar um ato público virtual contra a Proposta de Emenda à Constituição 05/2021. Essa PEC está prestes a ser votada na Câmara dos Deputados e pretende alterar a composição e alcance das atribuições do CNMP e a escolha do Corregedor-Nacional, de modo que atinge a independência na atuação do MP.

“Essa proposta de alteração de nossa Constituição sepultará o modelo de MP concebido pela Constituição cidadã de 1988. Nossa independência funcional não mais existirá e o MP estará vulnerável a influências externas sem precedentes”, falou a procuradora geral de Justiça do RN, Elaine Cardoso.

Para a procuradora-chefe do MPF no RN, Cibele Benevides, “a PEC 05/2021, muito pior do que a antiga PEC 37, desfigura todo o modelo constitucional de Ministério Público ao permitir a interferência política direta no MP, acabando com a atuação independente de promotores e procuradores. Ainda, destrói a paridade de estrutura entre o CNMP e o CNJ, ferindo a simetria constitucional dos regimes”. Cibele Benevides também vai representar a Associação Nacional dos Procuradores da República no ato.

“A independência dos membros do MP e a autonomia da instituição são os elementos que nos tornam capazes de agir com imparcialidade e eficiência. Sem independência, o Ministério Público seria apenas um instrumento para manobras políticas”, disse o procurador-chefe do MPT no RN, Luis Fabiano Pereira.

“Caso entre em vigor, a PEC pode levar à politização do CNMP; à submissão do MP ao Congresso Nacional; à interferência indevida na atividade fim de membros do MP; e ao fim da paridade com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ)”, comentou a presidente da Associação do Ministério Público do RN, Juliana Limeira.

O ato público virtual será realizado às 10h de quarta-feira (13), pela plataforma Meet. O link de acesso será disponibilizado aos jornalistas minutos antes do início do evento. O evento será virtual devido aos cuidados ainda necessários decorrentes da pandemia de covid-19.

Vão participar da coletiva a procuradora-geral de Justiça, Elaine Cardoso de Matos Novais Teixeira; a procuradora-chefe do MPF no RN, Cibele Benevides Guedes da Fonseca; o procurador-chefe do MPT no RN, Luís Fabiano Pereira; e a presidente da Associação do Ministério Público do RN, Juliana Limeira Teixeira.