Audiência na Assembleia Legislativa vai debater atenção à epilepsia

Na data em que se comemora o Dia Mundial da Conscientização da Epilepsia, também chamado de Dia Roxo, lembrado nesta segunda-feira (26), a Assembleia Legislativa promove audiência pública, a partir das 14h, para debater e propor ações em apoio ao tema junto a representantes das áreas de saúde, educação e assistência social. O evento é uma iniciativa da deputada Márcia Maia (PSDB) em parceria com a Associação Neurinho.

“Discutir e garantir atenção ao tema pode ser a diferença entre o diagnóstico com o controle da epilepsia e uma vida de dificuldades em razão da doença. Queremos debater, mas também promover a informação sobre o tema e encerrar com a série de estigmas e a discriminação que as pessoas com epilepsia e suas famílias sofrem”, destaca Márcia.

Aproximadamente 50 milhões de pessoas em todo o mundo sofrem de epilepsia, um tipo de transtorno mental crônico que afeta homens e mulheres de todas as idades. Números divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) posicionam a epilepsia como uma das doenças neurológicas mais comuns no planeta.

A entidade alerta que quase 80% dos casos registrados globalmente estão em países de baixa e média renda. Os dados revelam que três quartos das pessoas com a doença que vivem nessas localidades não recebem tratamento adequado – ainda que o transtorno responda aos remédios em até 70% dos pacientes.

Dia Roxo

O Purple Day, ou Dia Roxo, é lembrado anualmente em 26 de março, e representa um esforço internacional para aumentar a consciência sobre a epilepsia, oportunidade em que os adeptos são encorajados a vestir um item de roupa com corações roxos.

 

Assessoria