Author: Foto Repórter

Governo Bolsonaro envia caminhões com oxigênio para Manaus

A capital amazonense passa por uma crise de falta do produto — Foto: © Ministério da Saúde

O Ministério da Infraestrutura informou hoje (24) que seis caminhões que saíram de Porto Velho com carregamento de oxigênio para Manaus concluíram a viagem. A capital amazonense passa por uma crise de falta do produto em razão do aumento no número de casos de Covid-19.

Segundo a pasta, cerca de 100 mil metros cúbicos (m³) de oxigênio foram transportados para Manaus. As carretas saíram na última quarta-feira (20) de Porto Velho e levaram mais de três dias para cruzar os quase 900 quilômetros do trecho da BR-319, única ligação rodoviária com a capital amazonense, mas que não é pavimentada e possui diversos trechos com atoleiros no período chuvoso.

A operação foi realizada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Ainda de acordo com ministério, a expectativa é que uma última carreta chegue a Manaus no final do dia.

“Na primeira etapa da operação para transportar 160 mil m³ de oxigênio para Manaus, os comboios percorreram o trajeto de 877 quilômetros e contaram com o apoio das equipes de manutenção do Dnit para atravessar trechos não pavimentados da BR-319”, informou o comunicado.

A pasta destacou que a rota emergencial foi criada em alternativa às balsas da hidrovia do Rio Madeira e do Rio Amazonas, reduzindo em dias a chegada do material à capital amazonense. Ao todo, sete carretas com oxigênio passaram pela BR-319.

Fonte: Agência Brasil

Ministério da Saúde diz que Pazuello se reuniu com Aras para tratar de ações emergenciais

 Foto: GABRIELA BILó/ESTADÃO CONTEÚDO

O Ministério da Saúde informou neste domingo (24) que, na última quinta-feira (21), o ministro Eduardo Pazuello se reuniu com o procurador-geral da República, Augusto Aras, para tratar de ações emergenciais adotadas pela pasta para o enfrentamento do colapso na saúde de Manaus (AM).

Neste sábado (23), Aras pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de inquérito para investigar a conduta de Pazuello no enfrentamento à crise na capital do Amazonas, onde unidades hospitalares sofreram desabastecimento de oxigênio nas últimas semanas.

Sobre o pedido de inquérito, o Ministério da Saúde diz aguardar a notificação oficial para se manifestar.

De acordo com nota do Ministério da Saúde, após a reunião de quinta-feira, Pazuello determinou às equipes técnica e jurídica da pasta que sistematizem informações solicitadas pela PGR e as medidas adotadas para o enfrentamento da situação em Manaus. “Para garantir transparência e manter a Procuradoria Geral da República atualizada”, diz a nota.

Aras pediu ao STF a abertura de inquérito após analisar representação do partido Cidadania, que alega que houve omissão do ministro e de seus auxiliares no caso, além de informações preliminares prestadas por Pazuello sobre a crise.

O partido diz que a pasta teria sido alertada com antecedência por uma fornecedora de oxigênio, mas permanecido inerte, não tendo adotado nenhuma medida que era obrigada a tomar. Para o procurador-geral da República, é preciso apurar formalmente a conduta do ministro.

Governo Biden critica sanções da China a funcionários do governo Trump e pede união dos dois partidos americanos para fortalecer o EUA

Joe Biden: The President | The White House
Governo Biden não tolerar ataque da China aos americanos / Foto da Internet

A decisão da China de punir ex-funcionários do governo Trump foi “improdutiva e cínica”, disse a porta-voz do Conselho Nacional de Segurança do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, na quarta-feira, exortando norte-americanos dos dois partidos a repudiarem a ação.

Aproximadamente no momento em que Biden tomava posse, também na quarta-feira, a China anunciou sanções contra o “mentiroso e trapaceiro” secretário de Estado de saída, Mike Pompeo, e 27 outras autoridades de alto escalão do ex-presidente Donald Trump, um repúdio agressivo de sua relação com Washington sob o comando de Trump.

O Ministério das Relações Exteriores chinês disse que Pompeo e os outros “planejaram, promoveram e executaram” medidas que interferiram com seus assuntos internos.

A chancelaria proibiu a entrada dos ex-funcionários e de familiares imediatos na China e restringiu os negócios de empresas relacionadas a eles no país.

“Impor estas sanções no Dia da Posse, aparentemente, é uma tentativa de atiçar as divisões partidárias”, disse a porta-voz do Conselho Nacional de Segurança de Biden, Emily Horne, em um comunicado à Reuters.

“Americanos dos dois partidos deveriam criticar esta medida improdutiva e cínica. O presidente Biden espera trabalhar com líderes dos dois partidos para posicionar a América de forma a superar a China”, disse Horne.

Na terça-feira, Pompeo disse que a China cometeu “genocídio e crimes contra a humanidade” contra uigures muçulmanos. Seu sucessor, Antony Blinken, disse no mesmo dia que concorda com a avaliação.

Money Times

Governo Fátima Bezerra diz que o RN tem equipes prontas para aplicar novas vacinas

Fátima Bezerra | Partido dos Trabalhadores
Foto da Internet

Fátima Bezerra (PT) que é governadora do Rio Grande do Norte, neste sábado (23), afirmou que o estado vai receber cerca de 30 mil doses da vacina contra Covid-19 de Oxford/AstraZeneca, produzidas no Instituto Serum, na Índia, encomendada pelo governo Bolsonaro.

Em publicação em uma rede social, ela contou que está “aguardando agora a confirmação do horário de aterrissagem” e destacou que a “logística, mais uma vez, já está toda pronta para o recebimento das doses”.

Fátima Bezerra destacou que este lote de imunizantes de Oxford vai “contemplar os profissionais da saúde que ainda não foram vacinados”.

A carga com 2 milhões de doses da vacina de Oxford chegou ao Brasil nesta sexta-feira (22). De acordo com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) será a responsável por “preparar toda a etiquetagem e a conferência do material recebido”.

No Rio Grande do Norte, mais de 750 voluntários que tomaram placebo na terceira fase da pesquisa da vacina de Oxford em parceria com a AstraZeneca começaram a ser imunizados no estado. 1.523 potiguares participaram da fase de testes dessa vacina.

G1RN

Governo Bolsonaro manda para Rio Grande do Norte mais 30 mil doses da vacinas Oxford

Se nada fizermos, poderemos ter apagões, diz Bolsonaro - Notícias - R7  Brasil

Após o governo Bolsonaro enviar mais de 80 mil doses de vacinas CoronaVac para o Rio Grande do Norte, agora, o governo Fátima Bezerra receberá cerca de 30 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca.

O governo federal vem cumprindo seu dever institucional em favor do povo brasileiro, mandando para todos os governos estaduais tudo para o combate a Covid-19, sem fazer distinção contra os governadores que na maioria estão sempre lhe atacando.

Fátima Bezerra (PT) assinou, sem necessidade, uma carta ao governo federal, juntamente com mais quinze governadores, para que Bolsonaro fizesse pedidos de insumos à China e à Índia, o que não precisou. Pois Bolsonaro, na condição de chefe de Estado, mantem um diálogo com todos os países.

Prefeito de Campo Redondo entrega nova ambulância, inaugura Centro Municipal de Imunização e primeira cidadã é vacinada contra Covid

Foto cedida

A Cidade de Campo Redondo, através da Prefeitura Municipal por meio da Secretaria Municipal de Saúde, acompanhou na tarde desta sexta-feira (22), nas plataformas digitais, a cerimônia de inauguração do Centro Municipal de Imunização e o ato simbólico de vacinação contra a Covid-19, onde a primeira camporedondense foi imunizada. Ainda durante o evento foi entregue uma ambulância zero quilômetro que ajudará no transporte de pacientes e o fortalecimento da saúde.

O prefeito Renam Luiz, ao lado da Secretária de Saúde Kylvia Twiza; responsável técnica pelo Centro Municipal de Imunização Lanusa Pinheiro; vice-presidente da Câmara de Vereadores, Eduardo da Malhada Vermelha; além de outros parlamentares, secretários, coordenadores, autoridades religiosas e a comunidade, entregaram o espaço que fica localizado no centro da cidade. O Centro Municipal de Imunização é um feito da gestão, tendo em vista que antes as atividades aconteciam no Centro de Saúde. “Agora teremos um espaço próprio para organização das demandas”, contou Kylvia.

Representando a população de Campo Redondo, coube à funcionária pública Maria Luciene Ribeiro a missão de receber a primeira dose da Coranavac. Aos 49 anos ela é técnica de enfermagem e trabalha no laboratório de análises clínicas do município, tendo prestado serviços há mais de vinte anos no Hospital Municipal, na antiga APAMI. Também trabalhou em unidades de saúde da zona rural. Quem administrou a vacina foi o médico e prefeito Renam Luiz.

Emocionado, Renam falou da sua felicidade em acompanhar o momento histórico. “Este é um dia de bastante emoção, pois perdi meu pai para a Covid-19 e aqui me vem muitas lembranças. Esta é a primeira vacina, que possam vir muitas para salvarmos vidas, levando esperança através da ciência. Peço uma salva de palmas a Luciene que representa todo povo”, contou.

Outras três pessoas foram imunizadas: Jéssica da Silva Santos que é enfermeira e está à frente do Centro de Covid de Campo Redondo, Josefa Alexandre Alves que é técnica de enfermagem e representa as Unidades Básicas de Saúde, já que trabalha na UBS do Sítio Baldo, zona rural do município, além de Lucineide Avalar que trabalha no Centro Municipal de Imunização.

Ambulância

Durante a cerimônia foi entregue uma ambulância zero quilômetro. O veículo é fruto de uma emenda parlamentar do deputado estadual Vivaldo Costa e servirá para o transporte de pacientes, dando mais agilidade e conforto aos que necessitem usar do equipamento.

Ministério da Saúde diz que vacinas vindas da Índia chegam hoje ao Brasil

Ações sobre vacina contra covid-19 viram foco da pauta do STF - Notícias -  R7 Brasil
Foto da Internet

O Ministério da Saúde confirmou que os 2 milhões de doses da vacina contra a covid-19 da Universidade de Oxford em parceria com o laboratório AstraZeneca devem chegar ao Brasil hoje no fim da tarde.

“A carga vinda da Índia será transportada em voo comercial da companhia Emirates ao aeroporto de Guarulhos (SP) e, após os trâmites alfandegários, seguirá em aeronave da Azul para o aeroporto internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro”, explicou o Ministério da Saúde em nota.

Uol

Tentativa de Homicídio: Jovem empurrado da borda de piscina a 6 metros de altura diz que amigos foram impedidos de socorrê-lo: ‘Foram ameaçados’

Mãe fala sobre cuidar em casa de jovem empurrado da borda de piscina — Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Mãe fala sobre cuidar em casa de jovem empurrado da borda de piscina — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

O jovem de 22 anos que foi empurrado de uma piscina de borda infinita a seis metros de altura disse em entrevista exclusiva à TV Anhanguera que, após a queda, seus amigos foram impedidos de socorrê-lo. A briga aconteceu durante uma festa de luxo em um condomínio de Caldas Novas, no sul de Goiás, e foi registrada por câmeras de segurança (veja acima). A Polícia Civil indiciou um empresário por tentar matar Luiz Henrique Cavalcanti Romano.

“Ninguém lá na hora deu socorro. Meus amigos tiveram que descer para me ajudar e, mesmo assim, foram ameaçados de que não podiam chamar a polícia, que tinham que ir embora”, relatou o jovem.

Por meio de seus advogados, Gilles Gomes e Allan Hahnemann, o empresário e agropecuarista Sérgio Reis informou que “mantém a posição de irrestrito respeito às autoridades, colaborando para a elucidação dos fatos e atendendo a todos os chamamentos dos órgãos envolvidos”. Ainda no comunicado, eles repassam o desejo de Sérgio pela pronta recuperação de Luiz Henrique.

A briga que levou à queda da piscina aconteceu na véspera de Natal, dia 24 de dezembro de 2020. Segundo a família, Luiz Henrique teve fraturas na mandíbula, clavícula e em oito costelas, além de uma vértebra. O jovem também apresentou derramamento de sangue no tórax.

Após 11 dias internado, ele recebeu alta no último dia 7 de janeiro e continua em processo de recuperação em casa com o acompanhamento com fisioterapeutas. “Foi um momento muito bom estar de volta e ver as pessoas que a gente tem um carinho. Sair da UTI, chegar em casa, reencontrar a família e os amigos é muito bom”, contou.

Luiz Henrique disse ainda que só lembra de estar em um bar da cidade e ser convidado por um amigo para ir à festa. Mesmo sem conhecer o dono da casa, ele topou. Os médicos explicaram ao jovem que ele teve um trauma na cabeça com o impacto da queda e que, provavelmente, esse é o motivo de ele não se recordar sobre o que aconteceu.

“Eu não conhecia o dono nem conhecia quem estava lá. Tenho lembrança até certo momento. Eu em Caldas Novas, no apartamento de um amigo. Depois disso, não tenho lembrança de mais nada. Só de acordar na UTI”, disse.

A mãe do jovem, Karina Cavalcante, conta que o filho precisa tomar antibióticos e anti-inflamatórios, além de fazer fisioterapia. Os médicos disseram à família que o tratamento é lento e que deve durar cerca de dois meses. Só após isso, o jovem deve voltar a ter uma vida normal.

“É um milagre ter recebido Luiz Henrique vivo, porque ele sofreu, sofreu muito. Ele renasceu na noite de Natal. Foi o melhor presente que ganhamos”, disse a mãe.

Agropecuarista e empresário Sérgio Reis Oliveira Júnior foi indiciado por tentativa de homicídio, em Caldas Novas — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Agropecuarista e empresário Sérgio Reis Oliveira Júnior foi indiciado por tentativa de homicídio, em Caldas Novas — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Polícia disse que ciúme motivou crime

O inquérito policial sobre o caso foi concluído e enviado ao Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO) na terça-feira (19). Em relatório oficial consta que o agropecuarista e empresário Sérgio Reis Oliveira Júnior foi indiciado por tentativa de homicídio duplamente qualificada por motivo fútil, que seria ciúmes e uso de bebida alcoólica, e uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima, por tê-lo empurrado da piscina pelas costas.

No inquérito, o delegado Alex Miller, responsável pelo caso, escreveu que as investigações apontaram que a motivação foi “ciúmes do investigado em relação a mulheres que estavam presentes na festa, fato que gerou a briga”.

Em entrevista à TV Anhanguera, a defesa disse ainda que o empresário está arrependido: “Nos momentos seguintes ao fato, Sérgio se apresentou à delegacia. Ele manifestava um arrependimento. O que é normal. Ele sente dor pelo outro”.

Câmera de segurança registra quando jovem empurra rapaz que saía de piscina em Caldas Novas, Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Câmera de segurança registra quando jovem empurra rapaz que saía de piscina em Caldas Novas, Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

G1GO

PF faz operação contra organização suspeita de desviar verba da Prefeitura de SP destinada à educação infantil


MP, Receita Federal e Polícia Federal investigam creches conveniadas em SP

MP, Receita Federal e Polícia Federal investigam creches conveniadas em SP

A Polícia Federal e a Receita Federal realizaram nesta quinta-feira (21) operação contra uma organização suspeita de desviar verbas da Prefeitura de São Paulo destinadas à educação infantil.

De acordo com as investigações, organizações sociais parceiras da gestão municipal eram operadas por sócios de escritórios de contabilidade que adulteravam pagamentos e desviavam verbas das creches para enriquecimento ilícito.

Os desvios eram feitos por meio de alterações de comprovantes de pagamento da previdência social e simulação de compra de mercadorias.

“São dois escritórios de contabilidade que prestam assistência à aproximadamente 570 creches, que abrangem 77 mil crianças que estão submetidas à essas creches. (…) Em relação às irregularidades, pudemos identificar falsificações grosseiras dos comprovantes de pagamentos”, afirmou Fernando Poli, auditor da Receita Federal.

Foram cumpridos 22 mandados de busca e apreensão nas cidades de Itaquaquecetuba, Santana do Parnaíba, Mogi das Cruzes e na capital paulista.

Também foi determinado pela Justiça a suspensão dos convênios firmados pela gestão municipal com 36 organizações sociais suspeitas de irregularidades, além do sequestros de veículos, bens imóveis e valores depositados em contas bancárias equivalentes aos recursos desviados. Os mandados foram expedidos pela 8ª Vara criminal da Justiça Federal de São Paulo.

“Durante o período da fraude verificado, que é de dezembro de 2015 até meados de 2019, esses dois investigados adquiriram um patrimônio bastante expressivo”, explicou o delegado Divino Alves Caetano Neto.

Em nota, a Prefeitura de São Paulo disse que as irregularidades partiram de apurações internas da Controladoria Geral do Município, e que forneceu os documentos que deram início às investigações realizadas pela Polícia Federal.

A gestão municipal ainda diz que as organizações já haviam sido descredenciadas e a administração das creches foram repassadas para outras instituições.

“A Secretaria Municipal de Educação ampliou o controle interno e a fiscalização às mantenedoras de creches, o que resultou no descredenciamento de 131 OSCs envolvidas em diversas irregularidades, entre elas questões previdenciárias, que eram responsáveis por 353 CEIs, que atendem 55 mil crianças. As mantenedoras descredenciadas foram substituídas sem prejuízo aos alunos.”

O esquema

De acordo com os investigadores, sócios de cinco escritórios de contabilidade investigados criaram organizações sociais, as chamadas OSS, que passaram a gerir creches, em apoio à Prefeitura Municipal de São Paulo.

As direções dessas organizações foram distribuídas para os empregados e familiares desse grupo, que passou a simular despesas e se apropriar dos valores repassados pela administração municipal, com repasse da União, para fazer frente às tais despesas ilícitas.

As investigações apontam que oito fornecedoras são responsáveis por 26,95% das aquisições das creches de São Paulo, todas registradas em nome de parentes e empregados dos sócios responsáveis pelos escritórios de contabilidade.

A PF ainda afirma que tais fornecedoras sequer existem nos endereços em que estão cadastradas. As creches são destinatárias de 92,58% das vendas realizadas por essas fornecedoras e os valores das mercadorias revendidas supera em nove vezes o valor das aquisições feitas.

O grupo é investigado pelos crimes de peculato, falsificação de documento público, falsificação de documento particular, sonegação de contribuição previdenciária e participação em organização criminosa.

G1SP

Após novo aumento, preço da gasolina passa dos R$ 5 em Natal

Preço do litro da gasolina passa dos R$ 5 em Natal. — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi
Preço do litro da gasolina passa dos R$ 5 em Natal. — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Com novo aumento de 7,6% anunciado no início da semana pela Petrobras, o preço da gasolina comum passou dos R$ 5 e chegou a R$ 5,19 nas bombas de postos de combustíveis de Natal, na manhã desta sexta-feira (22).

Estabelecimentos da Zona Sul da capital vendem a gasolina aditivada por R$ 5,25 e, em alguns casos, o litro passava dos R$ 5,40.

O primeiro aumento de 2021 foi anunciado na última segunda-feira (18) pela Petrobras. A empresa afirmou que os preços do produto que sai da refinaria têm como referência a chamada paridade de importação, impactada por fatores como os valores do petróleo e o câmbio. O aumento elevou o preço médio da gasolina nas refinarias em R$ 0,15, para R$ 1,98 por litro.

Segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natual e Biocombustíveis (ANP), na semana de 10 a 16 de janeiro, o preço médio da gasolina comum no Rio Grande do Norte era de R$ 4,869, com alguns postos vendendo a até R$ 4,899. Considerando somente esse preço mais alto, o aumento sentido no bolso do potiguar é de R$ 0,30 por litro.

G1 procurou o Sindipostos RN, que representa os postos de combustíveis do estado, porém a assessoria informou que a entidade não comenta aumentos.

Disse, porém, que os revendedores são livres para praticarem o preço que acharem justos, sendo que os postos representam apenas 14% da margem bruta do valor do combustível que chega ao consumidor.

G1RN

Lula diz que foi diagnosticado com Covid-19 em Cuba e fez quarentena no país

Lula volta ao Brasil após quarentena em Cuba por covid-19


O ex-presidente Lula (PT) anunciou, nesta quinta-feira (21), que foi diagnosticado com Covid-19 em Cuba e que fez quarentena no país, ao qual havia chegado em 21 de dezembro. Em nota, ele disse que não precisou ser internado e que já está recuperado da doença causada pelo coronavírus.

Em Cuba, Lula também foi submetido a um exame de tomografia, que mostrou lesões no pulmão – segundo o comunicado oficial, elas eram compatíveis com “broncopneumonia associada à Covid-19”.

A broncopneumonia é uma inflamação dos brônquios, ao passo que a pneumonia é uma infecção que se instala nos pulmões. Geralmente causada por bactérias mais comuns, a broncopneumonia costuma ser mais branda.

O ex-presidente viajou a Cuba com uma comitiva que tinha no total de nove pessoas, e apenas uma não teve resultado positivo para o coronavírus. O único a ser internado foi o escritor Fernando Morais, que teve complicações pulmonares.

No comunicado, Lula afirmou ainda “que decidiu comunicar a doença apenas na chegada ao Brasil para preservar sua família e a dos demais infectados”. Ele voltou a São Paulo nesta quarta-feira (20).

G1

Confaz autoriza Amazonas a conceder isenção de ICMS sobre oxigênio e outros produtos hospitalares

Foto: (REUTERS/Bruno Kelly)
Foto da Internet

O Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) autorizou nesta quinta-feira (21), em reunião extraordinária virtual, que o Amazonas isente o oxigênio hospitalar, produto indispensável no tratamento de casos graves de Covid-19, do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

O Confaz é formado pelos secretários de Fazenda dos 26 estados e do Distrito Federal e por integrantes do Ministério da Economia. O presidente do órgão é o secretário especial de Fazenda da pasta, Waldery Rodrigues.

No Amazonas, estado afetado nos últimos dias pela falta do produto, a alíquota do ICMS é de 18% sobre o oxigênio hospitalar comprado de outros estados e revendido no território. Se o produto for produzido e comercializado dentro do Amazonas, a alíquota é de 7%.

A medida vem após o governo federal ter zerado, na semana passada, o imposto de importação incidente sobre cilindros utilizados para transporte de gases hospitalares, em decisão do Comitê Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior (Camex).

G1AM

Ato simbólico marca início da vacinação contra Covid-19 em Lagoa Nova

Foto cedida

“Uma dose de esperança”, esta foi a frase dita pela servidora, Elisangela Tarcísia de França, do município de Lagoa Nova. Em um dia histórico, ela foi a primeira lagoanovense a ser imunizada com a vacina contra a Covid-19. O ato simbólico que marca o pontapé inicial da vacinação aconteceu no Centro de Saúde Abelardo Macedo, na tarde desta quarta-feira (20), contou com a presença do vice-prefeito Iranildo Aciole, presidente da Câmara Municipal Lourival Francisco, secretário de saúde Ruxley Bernardino, além de servidores, secretários, vereadores e outras autoridades. Toda cerimônia foi transmitida ao vivo pelas redes sociais da prefeitura.

Aos 45 anos, Elisangela é técnica de enfermagem e há mais de duas décadas atua na sala de vacinação de Lagoa Nova. Representando a Atenção Básica, tem dedicado sua vida à saúde do município. Quem administrou a vacina foi a enfermeira Fabiola Palmeira, coordenadora Epidemiológica de Lagoa Nova.

Além de Elisangela, outras duas pessoas foram vacinadas com a primeira dose da Coronavac. A médica plantonista, Soraya Viana, que representou toda frente hospitalar, os profissionais do serviço de urgência e emergência e a enfermeira Viviane Beatriz, representando a equipe do Centro de Covid.

O secretário municipal de saúde, Ruxley Bernardino, explicou como se dará a administração da vacina e as ações para continuar o controle a Covid. “Recebemos 108 possibilidades de vida. Quero dizer com clareza que a administração do município e todo seu corpo técnico têm nestes últimos dias trabalhado diuturnamente para fazer uma força tarefa para este momento. Temos o Plano Municipal que já pode ser colocado em curso, basta acontecer a chegada de mais doses, seja para completar a vacinação dos nossos profissionais da saúde ou para os outros grupos prioritários, para fazer a administração da vacina. Quero agradecer a todos que estão preparando este momento. Lembramos que temos outras ações e enquanto não chega vacina para toda população, continuaremos traçando, planejando e executando ações para amenizar o número de casos a Covid-19”, contou.

O vice-prefeito, Iranildo Aciole, agradeceu a presença de todos e falou que o mundo estava vendo a vitória da ciência. “Este dia é muito importante e fica marcado na vida de cada um de nós. Que possamos vencer este vírus”.

Lagoa Nova recebeu para primeira fase da vacinação 108 doses que serão administradas na sua totalidade com os profissionais de saúde: trabalhadores da saúde, trabalhadores do serviço de urgência e emergência, trabalhadores do serviço do centro de atendimento ao COVID-19, trabalhadores da atenção básica.

Lei de Ezequiel promove a conscientização e combate à alienação parental no Estado

Crédito das Fotos: João Gilberto

O Rio Grande do Norte passa a contar com a Campanha Estadual Permanente de Conscientização e Combate à Alienação Parental. Lei neste sentido de autoria do deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, foi sancionada pela governadora Fátima Bezerra (PT) e já publicada no Diário Oficial do Estado. Segundo a nova lei, também fica instituído como Dia Estadual de Conscientização e Combate à Alienação Parental a data de 25 de abril, passando a integrar o Calendário Oficial do RN. A matéria foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte no fim de 2020.

Consciente da importância de debater esse assunto, a Assembleia Legislativa promoveu em 2019, por iniciativa do deputado Ezequiel Ferreira uma audiência pública seguida de uma campanha institucional “Alienação Parental: os mais prejudicados são os filhos”. Foi a semente plantada para um conjunto de ações e projetos de leis – como a Campanha Estadual Permanente de Conscientização e Combate e o Dia Estadual de Conscientização e Combate a Alienação Parental. “O bem-estar das crianças deve ser prioridade dos pais, avós ou responsáveis. Estamos trazendo o debate para que todos entendam que essa prática deve ser evitada e que sejam tomadas medidas corretas para a proteção à saúde e direitos das crianças e adolescentes”, afirma Ezequiel Ferreira.
 
Para Ezequiel, a iniciativa levanta um importante tema a ser debatido pela sociedade. “Estamos mais uma vez contribuindo com a população potiguar, alertando, informando e criando um espaço para esclarecer o que é a alienação parental. São diversas famílias que sofrem com isso e muitos não identificam e não sabem como agir diante do comportamento do alienador ou vítima”, disse o presidente da Assembleia Legislativa.
 
A Campanha a ser desenvolvida pelo Governo do RN terá como objetivo esclarecer e orientar a população sobre a conduta do alienador parental e suas possíveis consequências para a vítima, através de materiais de publicidade educativos sobre o comportamento da família que sofre com a Síndrome de Alienação Parental. Além disso, também deve contribuir com a identificação de possíveis casos para devido encaminhamento aos órgãos competentes para providências de acordo com Lei Federal. Por fim, a legislação espera informar sobre os riscos da alienação parental para a formação psicológica da criança ou do adolescente.
 
O Poder Executivo poderá baixar decreto regulamentando campanhas permanentes e programas de ações voltados à informação e ao combate e prevenção da alienação parental, sobretudo por meio de propostas educativas e conscientizadoras. Ainda de acordo com a Lei, o Estado poderá “criar estruturas de apoio à resolução de problemas relacionados à alienação parental, adotando providências no sentido de, por meio da mediação e da conciliação, recepcionar as famílias e a população em geral”.