Author: Foto Repórter

TV Assembleia estreia programa sobre publicidade e propaganda

unnamed (10)

A TV Assembleia estreia na segunda-feira (13), às 20h40min, o programa “Vamos Nessa?”, que vai abordar conteúdo sobre publicidade e propaganda. O programa faz parte da nova grade de programação da emissora legislativa apresentada ao público em maio. A apresentação ficará por conta do publicitário Clécios Silva, com mais de 30 anos de profissão e que já atuou como garoto-propaganda em campanhas veiculadas no Estado.

“Teremos um programa leve e bastante interessante que agregará valor à programação da TV Assembleia, atendendo a um público que busca informações sobre o mercado publicitário e o universo da produção, principalmente no Rio Grande do Norte”, destaca o diretor da TV Assembleia, Bruno Giovanni.

Com um estilo descontraído, o programa terá edições quinzenais e vai ao ar nas noites de segunda-feira, com duração de 20 minutos. A exibição vai falar sobre propaganda antiga e contemporânea. Filmes de campanhas, jingles e entrevistas com publicitários e outros profissionais envolvidos com a produção publicitária serão a matéria-prima do programa. O cardápio será completado por quadros que abordam, entre outras atrações, curiosidades sobre a arte de fazer propaganda e publicidade.

Serviço:
Programa Vamos Nessa?
Estreia: Segunda-feira (13) às 20h40min
Reprises: Quartas (18h), Sábados (13h30min) e Domingos (14h30min)

TV Assembleia
Rede aberta: canais 50 (analógico) e 51.3 (digital)
Cabo: canais 09 (analógico) e 109 (digital)
NET: canal 16

Assessoria

Suspeitos de estelionato são presos em agência bancária de Lagoa Nova

noticia_142166

Três pessoas foram presas na tarde desta quinta-feira (9) suspeitos de cometerem crimes de estelionato. Segundo a polícia, os acusados foram flagrados após realizar procedimentos bancários com documentos falsos em uma agência localizada na Avenida Prudente de Morais, no bairro de Lagoa Nova, zona Sul de Natal.

Ao desconfiar da atitude do trio, funcionários acionaram a Polícia Militar que rapidamente chegou a local. Com eles, a PM apreendeu diversos documentos falsos. Todos os suspeitos foram apresentados à Delegacia de Defraudações para os devidos procedimentos.

Estelionato é uma palavra oriunda do termo em latim “stellionatu”, que significa uma prática criminosa, que ocorre quando alguém vende, hipoteca ou cede alguma coisa para mais de uma pessoa, enganando as duas. Um estelionatário obtém vantagens para ele próprio através da utilização de uma fraude.

Para este tipo de crime, o Código Penal prevê prisão em regime fechado, de um a cinco anos e multa. Caso o criminoso seja primário e o prejuízo de pequeno valor, a justiça prevê a aplicação do § 2º do art. 155, podendo o juiz substituir a pena de reclusão pela de detenção, diminuída de um a dois terços ou aplicar somente a pena de multa.

Nominuto.com

Governo lança regras para entidades do Minha Casa na área rural

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

O Ministério das Cidades publicou nesta sexta-feira (10) no “Diário Oficial da União” uma portaria com regras para instituições que queiram participar do Minha Casa Minha Vida na modalidade “Entidades” para a área rural. Segundo a pasta, uma das principais mudanças trazidas pelas novas normas é adotar critérios de avaliação iguais para as entidades que queiram participar do programa.

Nessa categoria do Minha Casa Minha Vida, instituições sem fins lucrativos fazem parceria com o governo para administrar as obras. O ministro das Cidades, Bruno Araújo, havia suspendido 11.250 construções de casas assim que assumiu a pasta, em maio. Na época, ele deu a justificativa de que era uma “medida de cautela” e que o sistema seria aperfeiçoado.

Na portaria desta sexta, o governo estabelece que as entidades terão direito a construir uma quantidade maior de casas quanto mais pontos elas adquirirem no sistema de níveis de habilitação desenvolvido pelo ministério. Esse sistema leva em conta, por exemplo, critérios como ” experiência em processos de autogestão ou gestão habitacional” e “ações  de  promoção  do  desenvolvimento  rural  sustentável”.

Nesta quinta (8), ao anunciar que a portaria seria publicada, Bruno Araújo disse que foi tirado o sistema de pontuação que beneficiava determinadas entidades para que todas as interessadas disputem a seleção em condições iguais. Ele explicou que, antes, entidades que fossem filiadas a determinadas confederações, por exemplo, recebiam pontos extras.

“Tiramos o sistema de pontuação, que beneficiava entidades A ou B, para dar um tratamento isonômico para todas as entidades disputarem da mesma forma”, afirmou o ministro na ocasião.

Araújo também disse que na semana que vem o governo deve publicar a portaria que regulará os imóveis financiados na categoria “Entidades Urbanas”.

Faculdade abre seleção para professores em Natal

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

A Faculdade Maurício de Nassau, unidade Natal, está com seleção aberta para o cargo de professor em nove cursos de graduação e graduação tecnológica. Ao todo estão sendo ofertadas 51 vagas em diversas disciplinas das áreas de Saúde, Tecnológica e Humanas. Os interessados têm até 22 de junho para enviar currículo atualizado para os emails constantes no edital de cada curso.

As vagas ofertadas são variadas e há oportunidades para doutores, mestres e especialistas. Os cursos que estão com vagas abertas são: Ciências Contábeis, Educação Física, Enfermagem, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Engenharia Química, Fisioterapia, Gastronomia e Odontologia.

Entre os requisitos está a disponibilidade para ministrar aulas nos períodos noturno ou diurno. A análise do currículo é eliminatória e levará em consideração a formação acadêmica, produção científica, tecnológica, artística ou cultural, além da atualização profissional e a experiência docente.

A seleção será composta ainda de avaliação escrita elaborada sobre tema relevante pertinente ao assunto da disciplina e uma avaliação didático-pedagógica (aula expositiva) com duração de 20 minutos.

Os editais completos com mais informações estão nos links abaixo:

Ciências Contábeis

Educação Física

Enfermagem

Engenharia Elétrica

Engenharia Mecânica

Engenharia Química

Fisioterapia

Gastronomia

Odontologia

Em protesto contra o governo Temer, petroleiros interditam rodovia no RN

br

Integrantes do Sindicato dos Petroleiros do Rio Grande do Norte (Sindipetro/RN) interditaram na manhã desta sexta-feira (10) o trecho do Km 46 da BR-304, em Mossoró, no Oeste potiguar. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, cerca de 200 manifestantes participaram do ato, um protesto contra o governo do presidente em exercício Michel Temer. A rodovia foi liberada às 8h40.

De acordo com a PRF, os dois sentidos da rodovia foram bloqueados às 7h em frente à base da Petrobras da cidade.

Os petroleiros também fazem uma paralisação de 24 horas. “O movimento visa defender a integridade do Sistema Petrobras e a manutenção do regime de partilha no pré-sal, ameaçadas pelo governo de Michel Temer. A categoria petroleira também critica a nova direção da Petrobras, encabeçada por Pedro Parente”, afirmou o Sindipetro.

Deputada destinará emenda para compra de veículos para coleta de leite materno

unnamed (9)

A falta de carros para a coleta de leite materno para distribuição nos bancos de leite de Natal trouxe preocupação para a deputada estadual Márcia Maia. No pronunciamento desta quinta-feira (09), a parlamentar destacou o problema e sinalizou a destinação de emenda orçamentária para que o Governo do Estado possa adquirir novos veículos para cumprir essa função.

Márcia justificou a proposta em razão da necessidade, no estado, da disponibilidade de leite materno para recém-nascidos, especialmente os prematuros. Segundo dados citados pela socióloga, no RN, nascem aproximadamente 50 mil crianças por ano, sendo que desse total, 10% são prematuras.

Em casos como esse, os bebês precisam se alimentar do leite materno para garantir a evolução saudável. No entanto, muitas mães não produzem leite suficiente para alimentar os filhos e necessitam da doação. “É importante que a saúde pública do estado tenha não apenas estrutura para armazenar, mas também para realizar a coleta deste alimento que salva vidas”, destacou Márcia, em plenário.

Atualmente, a capital potiguar possui três bancos de leite, respectivamente na Maternidade Januário Cicco, Hospital Santa Catarina e o Hospital da Polícia. Não bastasse o nível dos estoques estar longe do ideal, há ainda a dificuldade para a coleta do leite doado por mães em Natal para ser encaminhado às crianças que precisam deste rico e importante alimento.

“Entendemos a importância e, por isso, deveremos destinar emenda ao orçamento para que o Governo do Estado possa fazer a aquisição dos veículos para que o material possa ser coletado. Devemos não apenas incentivar a doação, mas também oferecer condições para que elas possam acontecer”, reforçou.

Márcia Maia é autora do projeto de lei que criou a Semana Estadual de Doação de Leite Materno e também da Semana do Bebê, períodos importantes para avaliação das políticas públicas no segmento e realização de ações de promoção à saúde da Primeira Infância.

Moção

Em plenário, a parlamentar apresentou uma Moção de Aplauso à reitora da Universidade Potiguar – UnP, Sâmela Soraya Gomes de Oliveira pela inauguração da Sala de Apoio à Amamentação, na Unidade Salgado Filho.

A estrutura inaugurada nesta quinta-feira (09) e que contou com a participação da deputada Márcia atenderá aos direitos das mães trabalhadoras que amamentam, permitindo que docentes, colaboradoras e alunas da UnP deem continuidade ao aleitamento materno após o retorno às atividades acadêmicas ou profissionais.

Além de ser um ambiente novo, pensado no conforto e acolhimentos das mães e dos seus bebês, a estrutura também contará com uma equipe capacitada para auxiliar as mulheres na ordenha manual e armazenamento do leite materno quando houver necessidade.

A Sala da UnP também será um posto de coleta para a doação de leite aos bancos de Natal e Grande Natal, o que intensifica a necessidade da campanha de arrecadação de frascos para armazenamento de leite materno.

Assessoria

Ministro Henrique Alves busca recursos para o Turismo

unnamed (8)

Os ministros do Turismo, Henrique Eduardo Alves, e do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, discutiram, em Brasília, uma estratégia para ampliar o ganho do Brasil com a Olimpíada e Paralimpíada. O turismo foi apontado como o principal legado para os jogos. “Mas para desenvolvermos todo o nosso potencial, precisamos promover os nossos atrativos, mostrar o que temos de melhor para os quase 5 bilhões de espectadores que vão nos assistir e gerar nos visitantes estrangeiros a vontade de voltar ao nosso país”, comentou Henrique Eduardo Alves.

Para ele o reforço no orçamento do Ministério do Turismo e da Embratur, autarquia responsável pela promoção internacional, é fundamental para o Brasil aproveitar a oportunidade e conseguir divulgar adequadamente os destinos. O ministro do Planejamento determinou que a equipe técnica da pasta ministerial buscasse soluções viáveis para, mesmo diante do atual cenário de restrições, atender à demanda.

Entre as ações do Ministério do Turismo para os jogos olímpicos e paraolímpicos estão em destaque a realização da Casa Brasil, um espaço a ser montado no Píer Mauá, no Boulevard Olímpico, para divulgar a cultura e os atrativos nacionais. O local ficará aberto ao público de agosto a setembro com uma programação ampla e variada que está sendo fechada pelo governo federal. Além do MTur, participam da organização da Casa o Ministério da Cultura e a Apex. “Os jogos são do Brasil e os ganhos devem ser de todo o país também”, afirmou o ministro do Turismo.

Assessoria

Agripino recebe Carlos Eduardo e discutem aliança política para 2016 e 2018

img_1901

O senador José Agripino Maia (DEM) recebeu nesta quarta-feira (08), em Brasília, o prefeito de Natal Carlos Eduardo (PDT), para tratarem não só de assuntos administrativos, mas do projeto de reeleição do prefeito em 2016 e do senador em 2018.

A estratégia é Carlos Eduardo contar com o apoio de Agripino em 2016 e apoiar o senador em 2018.

Fato é o grupo que se alinhar agora deverá apontar para alianças em 2018.

Aliás, Carlos Eduardo e Agripino estão juntos desde 2014, com pretensões de manter a aliança em 2016 e estender para 2018.

Fernando Mineiro questiona propostas do Governo Federal

unnamed (7)

O deputado Fernando Mineiro (PT) questionou nesta quinta-feira (9), durante pronunciamento na Assembleia Legislativa, a aprovação na Câmara Federal da proposta de emenda à Constituição (PEC 04/15) que prorroga até 2023 a permissão para que o Governo Federal utilize livremente parte da sua arrecadação, a chamada Desvinculação das Receitas da União (DRU).

“Essa proposta significa, na prática, uma garfada nos recursos dos Estados e Municípios, autorizando retirar recursos de uma área para aplicação em qualquer outra não definida no orçamento”, disse Mineiro.

A DRU permite realocar livremente 30% das receitas obtidas com taxas, contribuições sociais e de intervenção sobre o domínio econômico. Após a aprovação na Câmara Federal, na última quarta-feira (8), a proposta segue para apreciação no Senado Federal.

Durante o pronunciamento, o parlamentar também criticou a proposta do governo de Michel Temer (PMDB) que defende que os recursos destinados às áreas sociais para os anos subsequentes sejam iguais aos recursos aplicados no ano anterior, acrescido apenas do reajuste.

“O Governo Temer tenta difundir a ideia que o grande problema do país é o crescimento das despesas das áreas sociais dos últimos anos. A solução para cortar esse crescimento, segundo eles, é o reajuste que considera apenas a variação da inflação do ano anterior”, afirmou.

Visando ilustrar o seu ponto de vista, o deputado Mineiro apresentou uma simulação que demonstra o valor que teria sido investido no Brasil nas áreas da saúde e educação, entre os anos de 2003 a 2015, caso a proposta defendida pelo Governo Temer estivesse em vigor. Segundo ele, o investimento do Governo Federal para a Saúde Pública, neste período, foi de R$ 770 bilhões. “Se durante esses anos vigorasse a proposta de Temer, o valor teria sido de apenas R$ 525 bilhões, ou seja, 32% a menos”, expôs Mineiro.

Para a Educação, os dados apresentados pelo deputado apontam uma queda de 52%. Segundo ele, o investimento do Governo Federal para essa área, entre os anos de 2003 a 2015, foi de R$ 594 bilhões, contra os 281 bilhões simulados pelo parlamentar.

“Diariamente discutimos aqui na Casa a necessidade de mais recursos para as áreas da saúde, educação e outras. Os cálculos mostram que a proposta do governo interino diminui esses investimentos. Precisamos debater esses números”, concluiu.

Assessoria

Jacó Jácome cobra transparência no serviço público de Natal

unnamed (6)

O deputado estadual Jacó Jácome (PSD) falou, durante pronunciamento na Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (9), sobre o ranking da transparência no serviço público e a importância da publicidade dos fatos. Segundo ele, a capital Natal ficou como uma das cidades que menos publica seus atos.

“A transparência passa a ser o mote das manifestações e reclamações. Esse é o clamor maior da população que quer saber o que os agentes públicos estão fazendo e como está sendo gasto o dinheiro público”, disse Jacó.

Para o parlamentar, a transparência é algo fundamental para qualquer Governo que queira a credibilidade da população e cobra mais publicidade por parte da Prefeitura do Natal. “Dos 167 municípios do Rio Grande do Norte, 120 melhoram no ranking da transparência, porém, na contramão da publicidade dos fatos, a prefeitura do Natal está entre as poucas cidades que regrediu e fica entre as 20 cidades/capitais do país com pior índice de publicidade dos atos”.

Jacó Jácome destaca que o Ministério Público Federal vai notificar todos os municípios que não avançaram no ranking da transparência.

Audiência

Durante o pronunciamento, o deputado falou também sobre a audiência pública, proposta por ele, para discutir a cardiopatia congênita no Rio Grande do Norte. O debate será realizado amanhã, às 9h na Assembleia Legislativa. Jacó Jácome convidou os representantes dos órgãos e entidades ligados à área da saúde, gestores, parlamentares e sociedade civil para participarem da audiência.

Assessoria

Chuva de Bala no País de Mossoró estreia nesta quinta (9)

chuva-de-bala-no-pais-de-mossoro

O Chuva de Bala no País de Mossoró estreia a temporada 2016 nesta quinta-feira (9) a partir das 21h no Adro da Capela de São Vicente. As apresentações continuam até o dia 26, sempre de quinta a domingo.

O espetáculo é formado por 61 pessoas, entre atores e bailarinos. Diana Fontes dirige pelo segundo ano o musical, que tem texto de Tarcísio Gurgel e música de Danilo Guanais. Temas de sucesso como ‘Alguém pra bater em mim’ e ‘Sempre resistir’ estão de volta na 18ª edição.

Diana Fontes declara que, além do encantamento, o espetáculo pretende exaltar o orgulho de ser mossoroense e ter uma história como esta pra contar. “As festas juninas acontecem por todo o Nordeste, mas o Chuva de Bala é um dos projetos que fazem o Mossoró Cidade Junina ser diferente de todos os outros festejos do tipo. Estou feliz em poder contribuir novamente com este grande espetáculo, tão querido pelos mossoroenses”, disse a diretora.

Os últimos detalhes do musical foram acertados na noite desta quarta-feira, 08, no ensaio geral. O ator Júnior Félix viverá um dos heróis da resistência, o prefeito Rodolfo Fernandes, e destaca o desafio do papel. “É uma responsabilidade pela história, pela pessoa que Rodolfo Fernandes foi, bem como pelos atores que já fizeram esse papel. Foi um grande presente ser escalado para viver o prefeito Rodolfo Fernandes. Espero corresponder à expectativa das pessoas”, afirmou.

As apresentações do Chuva de Bala são precedidas por shows musicais, iniciados às 20h, com artistas locais.

Projeto Vila Cidadã chega à cidade de Parnamirim em julho, diz Carlos Augusto

unnamed (5)

O deputado estadual Carlos Augusto Maia (PSD) comunicou, durante sessão plenária desta quinta-feira (9), que o projeto Vila Cidadã chegará em julho à cidade de Parnamirim. O parlamentar se reuniu com a secretária de Habitação e Assistência Social, Julianne Faria, para fazer a solicitação.

“A população de Parnamirim será beneficiada com o projeto que atende diversos setores. Levando cidadania, lazer, educação e serviços para os moradores do bairro. Vamos confirmar a data que o Vila Cidadã chegará ao município”, disse Carlos Augusto.

O projeto surgiu da necessidade de levar para a população os serviços essenciais do Estado como confecção de carteira de trabalho, identidade, CPF, cadastro em programas sociais e de emprego.

O parlamentar aproveitou a ocasião e cobrou agilidade para o projeto que institui o Programa de Transporte Cidadão nos municípios da Região Metropolitana de Natal. “O projeto já tem a fonte de custeio que são os valores arrecadados no restaurante popular”.

O Programa Transporte Cidadão vai assegurar a pessoas com doenças crônicas e com deficiência e seus acompanhantes, desempregados, gestantes, idosas e beneficiárias de programas sociais de transferência de renda do Governo Federal, o direito à oferta de transporte gratuito.

Assessoria

Temer libera R$ 150 milhões para eleições municipais

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

Medida provisória assinada pelo presidente interino Michel Temer e publicada na edição de hoje (9) do Diário Oficial da União abre crédito extraordinário no valor de R$ 150 milhões para ser aplicado na realização das eleições municipais de outubro. O crédito é destinado à Justiça Eleitoral.

Em maio, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, disse que faltavam cerca de R$ 250 milhões no orçamento da Justiça Eleitoral para a organização das eleições municipais deste ano.

Na ocasião, Mendes disse que já havida se reunidos duas vezes com o então ministro do Planejamento, Romero Jucá, para tratar do tema e que o governo estava buscando uma solução para o tema.

 

Yara Aquino – Repórter da Agência Brasil

Vivaldo diz que momento é de união por obra hídrica

unnamed (4)

Parlamentar afirmou que adutora emergencial de Caicó é aguardada para solucionar problemas no abastecimento

O deputado Vivaldo Costa (PROS) voltou a defender que a execução das obras da adutora emergencial de Caicó fique sob a responsabilidade do 1º Batalhão de Engenharia de Construção (1º BEC).  No seu pronunciamento durante a sessão plenária desta quinta-feira (9), no Legislativo do RN, o deputado afirmou que há uma grande expectativa da população em relação à obra.

“Esta luta é do povo e nossa, seus representantes. Estamos nessa expectativa há praticamente um ano”, afirmou o deputado. Vivaldo Costa fez uma retrospectiva acerca do projeto, que foi aprovado pela presidente Dilma Rousseff (PT), mas com seu afastamento os recursos foram suspensos. “Todos nos mobilizamos, principalmente o governador Robinson Faria (PSD) para que não faltassem recursos”, disse.

Ao defender a execução do projeto pelo Batalhão de Engenharia de Construção, o deputado afirmou que tem receio de outra empresa iniciar a obra e posteriormente não ter condições de concluí-la, como já aconteceu em projetos semelhantes. Vivaldo ressaltou o potencial da adutora emergencial, que terá 66 km de extensão, de Serra de Santana até Caicó, beneficiando vários municípios da região.

Assessoria

Moro aceita denúncia contra mulher de Cunha e mais três na Lava Jato

dsc4299
Eduardo Cunha, presidente da Câmara, e sua mulher, Cláudia Cruz (Foto: Roberto Teixeira/EGO)

G1 – O juiz federal Sérgio Moro aceitou denúncia nesta quinta-feira (9) contra Cláudia Cordeiro Cruz, esposa do presidente afastado da Câmara Eduardo Cunha, o empresário português Idalécio de Castro Rodrigues de Oliveira, o lobista João Augusto Rezende Henriques, e o ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Jorge Luiz Zelada em um processo oriundo da Operação Lava Jato. Com isso, eles se tornam réus no processo.

Veja os crimes aos quais os acusados viraram réus

Claudia Cordeiro Cruz – lavagem de dinheiro e evasão de divisas
Idalécio de Castro Rodrigues de Oliveira – corrupção ativa
Jorge Luiz Zelada – corrupção passiva
João Henriques – lavagem de dinheiro, evasão de divisas e corrupção passiva

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), Cláudia Cruz tinha plena consciência dos crimes que praticava e é a única controladora da conta em nome da offshore Köpek, na Suíça, por meio da qual pagou despesas de cartão de crédito no exterior em montante superior a US$ 1 milhão num prazo de sete anos, entre 2008 e 2014.

As investigações apontam que o valor é totalmente incompatível com os salários e o patrimônio lícito de seu marido.

“Quase a totalidade do dinheiro depositado na Köpek (99,7%) teve origem nas contas Triumph SP (US$ 1.050.000,00), Netherton (US$ 165 mil) e Orion SP (US$ 60 mil), todas pertencentes a Eduardo Cunha”, afirma o MPF.

As contas de Cunha escondidas no exterior, ainda de acordo com o MPF, eram utilizadas para receber e movimentar propinas, que eram produtos de crimes contra a administração pública praticados por ele.

João Rezende Henriques fez exame de corpo de delito no IML, em Curitiba, nesta terça-feira (Foto: Rodrigo Félix Leal/ Futura Press/ Estadão Conteudo )
João Rezende Henriques também se tornou réu na ação penal (Foto: Rodrigo Félix Leal/ Futura Press/ Estadão Conteudo )

As investigações apontam que “por meio da mesma conta Köpek, a acusada também se favoreceu de parte de valores de uma propina de cerca de US$ 1,5 milhão que seu marido recebeu para “viabilizar´´ a aquisição, pela Petrobras, de 50% do bloco 4 de um campo de exploração de petróleo na costa do Benin, na África, em 2011”.

No despacho, Moro afirma que Cláudia Cruz pode ter agido com dolo ou cegueira deliberada. “(…) a própria ocultação desses valores em conta secreta no exterior, por ela também não declarada, a aparente inconsistência dos gastos efetuados a partir da conta com os rendimentos lícitos do casal, aliada ao afirmado desinteresse dela em  indagar a origem dos recursos, autorizam, pelo menos nessa fase preliminar de recebimento da denúncia, o reconhecimento de possível agir com dolo eventual ou com cegueira deliberada (…)”, afirma Moro.