Brasil continua com caminhoneiros parados; o que esperar com a chegada da força nacional e exército?

Do Uol

Os caminhoneiros que ainda mantêm bloqueios nas rodovias deverão ser obrigados a recuar nas próximas horas. O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), autorizou o uso da força para liberar as estradas.

As Forças Armadas foram autorizadas pelo governo a desobstruir as vias. Integrantes do Exército, Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional e Polícia Militar poderão, inclusive, entrar nos caminhões para retirá-los da pista.

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse que o protesto já está perdendo força. Das 938 interdições registradas no pico do movimento, 419 já tinham sido liberadas no início da noite de sexta-feira (25).
Na manhã deste sábado, porém, as manifestações prosseguiam. Na rodovia Régis Bittencourt, por exemplo, que liga São Paulo e Curitiba, havia seis pontos de protestos por volta das 6h, com o tráfego liberado apenas para veículos leves, ônibus e ambulâncias.

 

Do Blog: todo cuidado é pouco nessa hora. Os homens que fazem parte dessa força tarefa de desobstruir as estradas devem agirem com o pensamento voltado para o país. Procurar agir sem fazer vítimas. O Brasil está com os caminhoneiros e contra o atual governo de Temer; contra o Congresso Nacional. O povo brasileiro não aguenta mais essas manobras para saquearem nossas riquezas.

 

Leave a Comment