Brasil vai fechar fronteiras aéreas para seis países da África a partir de segunda-feira

Brasil fechará fronteiras aéreas com a África / REUTERS/Carlos Barria/File Photo

Com a confirmação da variante omicron da Covid-19, o ministro da Casa CivilCiro Nogueira, afirmou que o Brasil vai fechar as fronteiras aéreas para seis países da África a partir da próxima segunda-feira, 29. “O Brasil fechará as fronteiras aéreas para seis países da África em virtude da nova variante do coronavírus. Vamos resguardar os brasileiros nessa nova fase da pandemia naquele país.

A portaria será publicada amanhã e deverá vigorar a partir de segunda-feira”, informou o ministro nas redes sociais nesta sexta-feira, 27. A restrição atingirá os passageiros que vierem da África do Sul, Botsuana, Eswatini, Lesoto, Namíbia e Zimbábue. De acordo com Nogueira, a decisão foi tomada em conjunto com os ministérios da Saúde, da Infraestrutura e da Justiça.

A nova cepa foi identificada na África do Sul e classificada como “de risco” pela Organização Mundial da Saúde (OMS). De acordo com informações cedidas em uma coletiva de imprensa, a variante, identificada pelo pesquisador brasileiro Tulio de Oliveira, do Instituto Nacional de Doenças Transmissíveis da África do Sul, mostra “um grande salto na evolução” do vírus, com pelo menos 50 mutações, a maioria delas na proteína spike, que ajuda o vírus a entrar nas células humanas. A omicron já teve casos registrados na África do Sul, assim como em Botsuana, Hong Kong e Bélgica.

Jovem Pan