Brasileiros já podem viajar para o exterior na codição de turistas, vejam alguns destinos

Foto: Divulgação/Divulgação

Com o avanço da vacinação, vários países retomam o turismo internacional. Para o Brasil, a lista de destinos ainda é restrita, mas aos poucos é ampliada com a exigência da imunização e de testes negativos para a Covid-19.

Nessa segunda-feira 19, o Canadá anunciou que reabrirá em setembro suas fronteiras para os brasileiros totalmente vacinados com imunizantes aprovados pelo governo do país. Durante o final de semana, a França tomou uma decisão semelhante. A Suíça já havia comunicado a abertura no final de junho.

Na Europa, pelo menos cinco países já estão aceitando brasileiros, com exigência de quarentena ou comprovante de vacinação. Na América do Sul e Central os nacionais também podem viajar a alguns destinos, a maioria com restrições.

Confira abaixo a lista de alguns dos principais destinos para onde os brasileiros já estão autorizados a viajar e as condições exigidas:

Canadá

O país reabre para brasileiros vacinados totalmente contra a Covid-19 com imunizantes da AstraZeneca, Pfizer, Janssen e Moderna, mas não Coronavac. A medida vale a partir de 7 de setembro. Os voos da Air Canada entre São Paulo e Toronto têm retomada prevista para 2 de setembro, sendo a primeira decolagem do Brasil no dia seguinte.

França

A França está aberta para brasileiros vacinados completamente com imunizantes aprovados pela Agência Europeia de Medicamentos (European Medicines Agency – EMA). São eles Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Janssen. O órgão começou em maio a analisar o imunizante da Sinovac, fabricante da Coronavac, e ainda não divulgou seu parecer.

Suíça

A Suíça abriu suas fronteiras ao turismo no final de junho. Brasileiros podem entrar no país com a apresentação de um comprovante de vacinação contra o coronavírus. São aceitos os imunizantes dos fabricantes Pfizer/BioNTech, Moderna, Janssen, AstraZeneca, Sinovac (Coronavac), Sinopharm e Serum Institute of India.

Croácia

As exigências da imigração croata para a entrada de brasileiros vindos do Brasil são o exame PCR negativo feito nas últimas 48 horas antes da chegada e uma quarentena de 14 dias. Há multas para quem descumprir o isolamento

Irlanda

Para entrar na Irlanda, os brasileiros devem apresentar um comprovante negativo de teste PCR feito até 72 horas antes e realizar uma quarentena de 14 dias. Também há multas para quem descumprir a medida.

Eslováquia

O país anunciou nessa segunda-feira 19 a abertura de suas fronteiras para turistas de todo o mundo totalmente imunizados. É necessário apresentar o comprovante de vacinação na entrada.

México

O México tem entrada livre para os brasileiros. Não é preciso vacina, nem mesmo teste PCR.

Colômbia

A Colômbia reabriu ao turismo de brasileiros em 11 de maio. Desde a semana passada já não é mais obrigatória a apresentação de um teste PCR negativo, segundo o site do governo, porém companhias aéreas ainda podem requerer o exame.

Paraguai

Desde o início do mês, brasileiros devem cumprir quarentena de sete dias ao entrar no Paraguai devido à variante Delta do novo coronavírus. Em todos os casos, é exigida a apresentação de um teste negativo para ingressar no país. Após o isolamento é realizado novo teste.

Curaçao

Todo brasileiro que entra em Curaçao deverá apresentar um resultado negativo de um exame PCR, feito em até 72 horas antes do voo, ou um resultado negativo de um exame de antígeno feito num prazo máximo de 24 horas antes. O país ainda exige a realização de mais um teste, no terceiro dia de viagem, em um laboratório local.

Costa Rica

Já na Costa Rica, o resultado negativo do PCR não é exigido, mas os brasileiros precisam contratar um seguro de viagem obrigatório.

Equador

O país exige apresentação de um teste PCR ou antígeno para detecção do coronavírus de no máximo 72 horas antes e com resultado negativo dos brasileiros. A quarentena de 10 dias também é obrigatória.

Panamá

Todos os brasileiros devem apresentar teste negativo PCR realizado antes do voo e fazer um novo exame assim que chegar o país. Mesmo se o resultado do segundo teste for negativo, ainda é obrigatório cumprir quarentena de 3 dias.

Bahamas

Todos os turistas que visitam as Bahamas devem apresentar um teste PCR negativo feito no máximo cinco dias antes da viagem em sua entrada. Os viajantes totalmente imunizados podem apresentar comprovante de vacinação e serão isentos do exame.

Veja /BG

Leave a Comment