Category: Notícias

BPChoque recaptura 4 fugitivos de Alcaçuz, RN; casal também é preso

fugitivos
Presos foram recapturados nos arredores da penitenciária, que fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal (Foto: Divulgação/BPChoque)

G1 -Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar (BPChoque) recapturaram na madrugada desta quinta-feira (9) quatro fugitivos da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte. A fuga aconteceu na noite desta quarta (8) por um buraco escavado no pé do muro, próximo de uma guarita de vigilância que estava desativada. Os nomes dos detentos não foram divulgados. A direção da unidade ainda aguarda uma recontagem para saber, ao todo, quantos presos escaparam.

Segundo o major Rodrigues Barreto, comandante do BPChoque, as buscas  começaram assim que a PM foi informada da fuga. “Nossa equipe visualizou os quatro fugitivos em um veículo modelo Celta. Além deles, um casal que estava no veículo dando apoio à fuga também foi detido. Todos foram entregues à Polícia Civil para os procedimentos legais”, acrescentou.

A fuga
Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal. Segundo a direção da penitenciária, os presos que escaparam são do pavilhão 2. O buraco usado foi escavado no pé do muro, próximo de uma guarita de vigilância que estava desativada.

Coordenador da Administração Penitenciária do estado, Zemilton Silva disse ao G1 que a fuga aconteceu por volta das 21h. Segundo ele, os presos fizeram um buraco no piso da quadra do pavilhão e saíram se arrastando até o pé do muro, entre as guaritas 2 e 3, onde um escavaram um novo buraco. “A guarita 3 estava desativada por falta de policiamento. De certo forma, isso facilitou a fuga”, ressaltou. “Quando o PM da guarita 2 percebeu a movimentação, ele fez vários disparos de advertência, mas alguns detentos já haviam passado pelo buraco. Ele disse que chegou a ver três presos correndo no meio da mata”, acrescentou.

Alcaçuz possui aproximadamente 1.100 detentos. A capacidade é para 620.

Guaritas desativadas
Agentes penitenciários que estavam de plantão na noite desta quarta relataram que, além da guarita 3, outros três postos de vigilância também estavam sem guardas no momento da fuga. A segurança externa do presídio é feita pela Polícia Militar. Alcaçuz possui 10 guaritas. Comandante geral da PM no estado, coronel Dancleiton Pereira negou que as guaritas estivessem desativadas no momento da fuga. Porém, ressaltou que o Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) irá apurar o caso.

Sem contar com os fugitivos desta quarta, 216 detentos já fugiram de unidades prisionais do estado este ano. A média é de 10 fugitivos por semana.

Mãe queima filha viva por se casar sem permissão

Mãe queimou filha Zeenat Bibi viva por se casar sem permissão no Paquistão (Foto: K.M. Chaudary/AP)
Mãe queimou filha Zeenat Bibi viva por se casar sem permissão no Paquistão (Foto: K.M. Chaudary/AP)

G1 – Uma mãe queimou sua filha viva nesta quarta-feira (8) por ela ter se casado sem sua permissão noPaquistão, no segundo caso dessa natureza em duas semanas no país, segundo a polícia.

Zeenat Bibi, de 17 anos, foi envolvida com querosene e queimada por sua mãe, Perveen Bibi, em sua casa da cidade oriental de Lahore uma semana depois que a mesma se casou sem a permissão da família, disse à Agência Efe o porta-voz policial da área, Matloob Hussain.

O porta-voz explicou que a família pediu à vítima que retornasse à casa após fugir com seu marido para realizar uma cerimônia matrimonial e acabou morta.

Hassan Khan, marido da vítima, indicou à polícia que viu como vários familiares a agarravam enquanto a mãe jogava combustível e lhe ateava fogo.

Hassan Khan, marido da vítima, mostra o certificado de casamento (Foto: K.M. Chaudary/AP)
Hassan Khan, marido da vítima, mostra o certificado de casamento (Foto: K.M. Chaudary/AP)

“Ela não queria retornar para sua família porque temia que a matassem. Mas eu dei permissão depois que um de seus tios garantiu sua segurança. Deixei que fosse”, disse Khan à televisão paquistanesa “Geo”.

Há uma semana, uma professora de 19 anos foi torturada e queimada viva por um grupo de homens após rejeitar uma proposta matrimonial do filho do dono da escola onde ensinava na cidade de Murree, próxima à capital.

A jovem faleceu por causa dos ferimentos na quarta-feira passada, dois dias depois da agressão, disse à Agência Efe o porta-voz policial de Murree Mubashir Hussain Abbasi.

Os chamados “crimes de honra” são muito frequentes no Sul da Ásia e costumam envolver homens de uma família que consideram uma afronta que transgride a conservadora moral familiar das sociedades locais.

Em 2015, 923 mulheres foram vítimas desse tipo de crime no país, segundo um relatório da Comissão de Direitos Humanos do Paquistão (HRCP), que adverte que esse número esconde uma realidade ainda maior que fica fora dos registros.

A comprometida cineasta Sharmeen Obaid Chinoy ganhou neste ano seu segundo Oscar pelo documentário em curta-metragem “A Girl in the River: The Price of Forgiveness”, que conta a história de uma sobrevivente de um desses “crimes de honra”.

O primeiro-ministro paquistanês, Nawaz Sharif, prometeu tomar medidas legislativas contra este tipo de crime após ver o documentário.

216 fugas: segundo G1, esse é o número de foragidos das cadeias do RN

Presos aproveitam guarita desativada e fogem da maior penitenciária do RN
alca
Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior unidade prisional do Rio Grande do Norte (Foto: Ney Douglas)

Pelo menos três detentos fugiram na noite desta quarta-feira (8) da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte. A unidade fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal. Segundo a direção, os presos escaparam por meio de um buraco escavado no pé do muro, próximo de uma guarita de vigilância que estava desativada. Uma contagem deve ser feita ainda na manhã desta quinta (9) para se constatar, de fato, quantos conseguiram deixar a penitenciária.

Coordenador da Administração Penitenciária do estado, Zemilton Silva disse ao G1 que a fuga aconteceu por volta das 21h. Segundo ele, os presos fizeram um buraco no piso da quadra do pavilhão 2 e saíram se arrastando até o pé do muro, entre as guaritas 2 e 3, onde um escavaram um novo buraco. “A guarita 3 estava desativada por falta de policiamento. De certo forma, isso facilitou a fuga”, ressaltou. “Quando o PM da guarita 2 percebeu a movimentação, ele fez vários disparos de advertência, mas alguns detentos já haviam passado pelo buraco. Ele disse que chegou a ver três presos correndo no meio da mata”, acrescentou.

Marcas de pneus revelam intensa movimentação da guarda após a fuga; à noite, imagens mostram iluminação precária e o buraco por onde os presos passaram (Foto: Divulgação/PM)
Marcas de pneus revelam intensa movimentação da guarda após a fuga; à noite, imagens mostram iluminação precária e o buraco por onde os presos passaram (Foto: Divulgação/PM)

Sem contar com os fugitivos desta quarta, 216 detentos já fugiram de unidades prisionais do estado este ano. A média é de 10 fugitivos por semana.

Tentativa
Presos do pavilhão 2 já haviam tentado escapar de Alcaçuz esta semana. Foi no domingo (5), quando alguns detentos se aproveitaram que estava chovendo forte e pularam o muro da quadra. Fora do pavilhão, eles rastejaram para tentar cavar um buraco no pé do muro. Contudo, o guariteiro conseguiu ver a movimentação e atirou para o alto. O grupo de patrulhamento do sistema prisional que estava realizando uma ronda externa entrou na unidade e conseguiu capturar cinco presos que estavam ainda dentro da penitenciária.

Sistema em calamidade
O sistema penitenciário potiguar não passa por um bom momento. E faz tempo. Em março de 2015, após uma série de rebeliões em várias unidades prisionais, o governo decretou estado de calamidade pública e pediu ajuda à Força Nacional. Para a recuperação de 14 presídios, todos depredados durante os motins, foram gastos mais de R$ 7 milhões. No entanto, o sistema permanece em crise. Seis meses depois, o decreto de calamidade foi prorrogado por mais 180 dias e a permanência da Força Nacional também renovada.

Já no dia 17 de março deste ano, o governo do Rio Grande do Norte voltou a renovar o decreto de calamidade no sistema prisional potiguar e mais uma vez pediu socorro à Força Nacional. A renovação da calamidade, por mais seis meses, foi assinada pelo governador Robinson Faria. O documento diz que a renovação tem por objetivo “legitimar a adoção e execução de medidas emergenciais que se mostrarem necessárias ao restabelecimento do seu normal funcionamento”.

Além das unidades depredadas e da superlotação, as fugas também se tornaram um problema constante para o Estado. Somente este ano, 216 detentos já escaparam do sistema prisional potiguar. Alguns já foram recapturados, mas nem a Secretaria de Justiça (Sejuc) nem a Secretaria de Segurança Pública (Sesed) sabem precisar a quantidade de fugitivos que retornaram aos presídios.

Fugas em 2016
– Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta: 69 fugitivos em 11 fugas (19 e 21 de janeiro, 21 e 24 de fevereiro, 10 e 13 de março, 10, 16, 18 e 23 de abril e 2 de maio);

– Cadeia Pública de Natal, em Natal: 46 fugitivos em 1 fuga (12 de janeiro);

– Centro de Detenção Provisória da Ribeira, emNatal: 29 fugitivos em 4 fugas (12 de fevereiro, 7 de março, 25 de abril e 9 de maio);

– Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró: 24 fugitivos em 6 fugas (1º, 22, 29 e 30 de janeiro, 8 de março e 22 de abril);

– Cadeia Pública de Caraúbas, em Caraúbas: 12 fugitivos em 2 fugas (5 de março e 6 de junho);

– Complexo Penal Dr. João Chaves, em Natal: 9 fugitivos em 1 fuga (5 de junho);

– Presídio Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta: 7 fugitivos em 1 fuga (27 de março);

– Cadeia Pública de Mossoró, em Mossoró: 6 fugitivos em 2 fugas (1º de março e 11 de abril);

– Centro de Detenção Provisória de Macau, em Macau: 4 fugitivos em 1 fuga (14 de janeiro);

– Centro de Detenção Provisória de Patu, em Patu: 4 fugitivos em 1 fuga (4 de abril);

– Centro de Detenção Provisória do Potengi, em Natal: 3 fugitivos em 2 fuga (17 de janeiro, 18 de maio);

– Centro de Detenção Provisória de Ceará-Mirim, em Ceará-Mirim: 2 fugitivos em 1 fuga (24 de janeiro);

– Centro de Detenção Provisória de Parnamirim, em Parnamirim: 1 fugitivo em 1 fuga (25 de março);

Total: 216 fugitivos

Presidente da Assembleia propõe série de medidas para Carnaúba dos Dantas

unnamed

Educação, saúde, cidadania e segurança. Essas são as áreas contempladas com solicitações feitas pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), em seu trabalho de oferecer melhores condições aos cidadãos norte-riograndenses. As ações foram encaminhadas para o município de Carnaúba dos Dantas, região Seridó do estado.

“A efetivação dessas medidas no município de Carnaúba dos Dantas poderá trazer de volta a regularidade no atendimento nas áreas de saúde, educação e segurança, além da promoção da cidadania, através da assessoria jurídica de qualidade e gratuita e da garantia de abastecimento de água, diante da ameaça de colapso”, justificou.

Para prevenir os problemas que poderão surgir, caso o colapso no abastecimento d‘água da cidade continue sob ameaça, Ezequiel Ferreira solicitou a perfuração e instalação de poços tubulares nos distritos de Carnaúba de Baixo, Rajada, Ramada, Povoado Ermo, Recanto, Nova Sorte e Boa Sorte. Todos na zona rural do município, que possui em torno de 1.401 (IBGE/2015) mil habitantes.

O deputado fez outras duas solicitações a fim de resolver o problema de vulnerabilidade na área de segurança pública em Carnaúba dos Dantas. O primeiro solicita o aumento do efetivo policial militar e melhores condições de trabalho para a Polícia Militar e a segunda pede urgência na recuperação geral da delegacia do município.

“A situação da única delegacia do município está precária, em péssimo estado de conservação, apresentando rachaduras nas paredes, com a parte hidráulica e elétrica deterioradas. A reforma abrange reparos em banheiros, obras de manutenção, pintura, entre outras intervenções”, justifica.
Ezequiel também apresentou requerimento solicitando a ampliação na escola estadual João Henrique Dantas. “A Escola João Henrique Dantas está em péssimo estado de conservação, precisando de uma série de intervenções para manutenção”, destacou.

Por último, o presidente encaminhou solicitação pela inclusão de Carnaúba dos Dantas, na relação dos municípios contemplados com o programa itinerante “Defensoria na Comunidade”. O programa itinerante tem o objetivo de contribuir com a cidadania dos potiguares no Estado.

Empresário do setor hoteleiro é morto a tiros na Zona Sul de Natal

ademar

G1 – Um empresário do setor hoteleiro foi morto a tiros na noite desta terça-feira (7) na avenida Engenheiro Roberto Freire, uma das mais movimentadas da Zona Sul de Natal. Segundo a Polícia Militar, Ademar Miranda Neto, de 58 anos, estava dirigindo quando dois criminosos em uma motocicleta se aproximaram e atiraram.

Ainda de acordo com a PM, os homens que se aproximaram do carro de Ademar atiraram 5 vezes. A dupla conseguiu fugir. A polícia informou que o crime tem características de execução. Ademar era dono de uma pousada no bairro de Ponta Negra.

TJRN promete investir R$ 110 milhões em nova sede e fóruns no interior

pleno_anuncio_110_mi

O Poder Judiciário do Rio Grande do Norte anunciou nesta quarta-feira (8) que vai investir R$ 110 milhões em obras da construção civil. Segundo o presidente do Tribunal de Justiça do RN, desembargador Cláudio Santos, o montante contempla a construção da sede própria do TJRN no bairro de Nossa Senhora de Nazaré, na Zona Oeste da capital, e de mais 10 fóruns no interior do estado. A estimativa é de que as obras gerem cerca de 700 empregos diretos.

“Vencemos as dificuldades burocráticas para fazer esses investimentos em um momento importante para a atividade econômica do Rio Grande do Norte, para dar melhores condições de trabalho a magistrados e servidores e estrutura adequada de atendimento à população”, ressalta o presidente do TJRN. Cláudio Santos lembra que os recursos financeiros resultam de economias feitas por gestões anteriores, desde a administração do desembargador Amaury Moura Sobrinho.

O anúncio dos investimentos foi feito durante a sessão administrativa do Pleno do TJRN. Segundo o orçamento preliminar divulgado pelo Departamento de Arquitetura e Engenharia do Tribunal, a sede deverá ter uma área de 30 mil m², com custo de R$ 84.129.651,45. O metro quadrado está orçado em R$ 2.700. Para as demais construções anunciadas, o metro quadrado está orçado em R$ 1.960,47.

O desembargador Amaury Moura enfatizou que o anúncio feito por Cláudio Santos representa um sonho de mais de 100 anos, que é o do Tribunal potiguar ter sua sede própria. O vice-presidente da Corte, desembargador Amílcar Maia destacou a necessidade de melhorias na estrutura das unidades judiciais e o colega João Rebouças chamou a atenção de que o TJ do Rio Grande do Norte é o único do Brasil sem sede própria, o que dá ainda mais relevância aos investimentos enumerados pela atual administração do TJRN.

Interior
Também serão contempladas as comarcas de Assu, Currais Novos, Macau e Pau dos Ferros – todas de terceira entrância. Cada uma delas tem custo estimado em R$ 4.341.765,99. O projeto dessas unidades seguirá a construção do fórum de Nova Cruz, com área de pouco mais de 2 mil m².

Consideradas de segunda entrância, as comarcas de Santa Cruz, Canguaretama, Lajes e Patu também ganharão novos fóruns. O projeto arquitetônico de Santa Cruz já está pronto e será replicado em Canguaretama, com área de mil m² e investimento de R$ 2.068.217,43 cada.

Já o projeto do fórum de Lajes também está pronto e será replicado em Patu. São 633 m² e investimento de R$ 1.242.702,72 em cada uma das unidades.

Finalmente, as comarcas de primeira entrância de Arez e Baraúna serão contempladas com fóruns de 501 m², um investimento de R$ 983.332,54 para cada unidade.

Nova sede
A nova estrutura do TJRN prevê a construção de um edifício de 11 pavimentos, além de um estacionamento privativo com cinco andares e capacidade para 592 vagas. A sede contemplará gabinetes e assessorias para 21 desembargadores; sala do Tribunal Pleno para 100 espectadores; cinco Câmaras Cíveis; uma Câmara Criminal; auditório com capacidade para 416 pessoas; espaço para todas as Secretarias do TJRN; restaurante; ambientes para agência bancária, Correios, biblioteca, Ouvidoria, entre outros.

Para o presidente do TJRN, a construção já pode ser definida como o maior investimento feito em Natal na última década, tornando-se, desta forma, um polo desenvolvedor da região.

A deputada federal Tia Eron é precionada a trair o Brasil

Tia Eron diz que cumprirá com obrigação e votará no caso Cunha
tiaeron_voto_impeachment
Imagem de quando votou contra Dilma repercute para que vote em favor do Brasil; contra Cunha.

G1 – A deputada Tia Eron (BA) afirmou por meio de nota que cumprirá com sua obrigação e que teria apresentado voto no Conselho de Ética se a sessão desta terça-feira (7) do órgão não tivesse sido adiada. A sessão começou pouco antes das 9h30 e terminou por volta das 14h30. Durante esse período, ela permaneceu no gabinete da liderança do PRB, ao qual é filiada.

O partido é o mesmo do deputado Celso Russomano (PRB-SP) e do senador Marcelo Crivella (PRB-RJ), prováveis candidatos pelo partido, na eleição deste ano, às prefeituras de São Paulo e Rio de Janeiro, respectivamente

Dentre os 21 integrantes do Conselho de Ética, o voto de Tia Eron é considerado decisivo na votação do relatório que defende a cassação do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Com o adiamento, uma nova sessão do Conselho de Ética foi marcada para esta quarta.

O voto de Tia Eron, que ainda não manifestou publicamente a sua posição, é considerado decisivo porque, pelos cálculos de adversários de Cunha, se ela votar contra o relator, o placar deverá ficar em 11 votos contrários e 9 favoráveis ao presidente afastado. Esta hipótese leva à derrubada do parecer.

Se ela votar com o relator, o placar ficará empatado em 10 a 10, e o voto de minerva caberá ao presidente do conselho, José Carlos Araújo (PR-BA), que já disse ser a favor da cassação.

Segundo Tia Eron, a sessão desta terça, à qual não compareceu, não foi suspensa devido à ausência dela, mas porque o relator Marcos Rogério pediu vista (mais tempo para examinar) o voto em separado apresentado pelo deputado João Carlos Bacelar (PR-BA).

“Estou em Brasília, a postos para cumprir com minha obrigação no Conselho de Ética e, caso a sessão de hoje fosse para votação, teria apresentado meu voto”, afirmou na nota. “Estou convicta da grande expectativa que há em nosso País, referente a esta Representação, e não me furtarei a cumprir com meu dever”, complementou.

Mídia e mercado reconhecem trabalho de ministro do Turismo

Mercado reconhece importância de Henrique Eduardo Alves para reduzir Imposto de Renda

Após aprovação da Comissão Mista da Medida Provisória 713/16, que reduz de 25% para 6% a alíquota que incide sobre pagamentos ao exterior de agências e operadoras de viagem, líderes do turismo agradeceram publicamente o trabalho do ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves. O texto segue agora para a aprovação da Câmara e do Sendo.

“Houve um empenho muito grande do ministro do Turismo, Henrique Alves, que conversou com o senador relator da MP e com outros parlamentares para garantirmos essa boa notícia”, disse um dos principais articuladores para a aprovação da MP Marco Ferraz, presidente da Clia Abremar, entidade que congrega as empresas que operam cruzeiros marítimos no Brasil.

Matéria jornalística de um dos principais veículos especializados em turismo do país também destacou a atuação do ministro do Turismo. “Rápida, a votação não teve pareceres contrários, mas exigiu muita articulação política, uma vez que três das emendas apresentadas ao texto foram excluídas do relatório, ainda na manhã de hoje”, afirmou a versão on-line do Panrotas.

De acordo com estudo realizado pelas entidades representativas das empresas do setor, caso a alíquota seja mantida em 25% como no início deste ano, o Brasil poderá perder 185 mil postos de trabalho com o fechamento ou encolhimento de agências e operadoras de viagem.

07.06.2016 Panrotas redução IR

 

Justiça condena acusados de matar universitária em Natal

presos_bCz8xrk
Cláudio Moura da Fonseca, de 30 anos, e Renato César Dias, de 33 anos, já haviam confessado participação no crime (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

G1 – A Justiça do Rio Grande do Norte condenou nesta terça-feira (7) os dois homens acusados de envolvimento na morte da universitária Maria Karoline Álvares de Melo. O crime aconteceu em janeiro deste ano durante um assalto na Avenida Itapetinga, na Zona Norte de Natal. Cláudio Moura da Fonseca, de 30 anos, e Renato César Dias, de 35, foram condenados a mais de 24 anos de prisão cada um.

O julgamento foi conduzido pelo juiz Rosivaldo Toscano, na 2ª Vara Criminal da Zona Norte de Natal. Após ouvir 9 testemunhas desde a manhã desta terça, o juiz considerou os réus culpados pelo latrocínio de Maria Karoline e por roubo praticado contra a irmã da vítima, Maria Klara.

Acusado do disparo que matou a jovem, Cláudio Moura da Fonseca foi condenado a 24 anos, 5 meses e 10 dias de reclusão e 15 dias-multa.

Enquanto isso, Renato César Dias, que conduzia a moto no momento do crime, foi condenado a 24 anos,1 mês e 24 dias de reclusão e 15 dias-multa. Os dois começaram a cumprir pena em regime fechado.

Cláudio e Renato foram presos em 21 de janeiro, um dia após a morte da universitária, e confessaram o crime.(veja vídeo ao lado).

Como efeito da condenação, o juiz ainda estabeleceu que os condenados paguem, a título de danos morais, uma quantia de R$ 20 mil a família da vítima.

“Levando em consideração as consequências da infração para a pessoa da vítima, isto é, como reparação dos danos causados pela infração, considerando os prejuízos sofridos pelo ofendido, no caso, diante do fato de que houve uma vida ceifada e uma trauma perene para a família, entendo como adequado para uma reparação mínima o valor de R$ 20 mil, a título de danos morais”, justificou o juiz.

Maria Karoline Álvares de Melo foi alvejada no peito (Foto: Cedida)
Maria Karoline foi alvejada no peito

Relembre o caso
A estudante universitária Maria Karoline Álvares de Melo, então com 19 anos, foi morta com um tiro no peito durante um assalto na Avenida Itapetinga, no bairro do Potengi, na Zona Norte de Natal. O crime aconteceu no dia 20 de janeiro. Segundo a PM, a estudante e a irmã estavam caminhando na avenida quando foram abordados por uma dupla em uma moto. Mesmo entregando os celulares, um dos homens atirou em Maria Karoline.

Imagens de câmeras de segurança gravaram o momento em que as jovens foram abordadas e que o disparo aconteceu. Por meio das imagens, a polícia identificou Cláudio Moura da Fonseca e Renato César Dias como autores do crime. A dupla foi presa um dia depois da morte da universitária, em 21 de janeiro.

Crime aconteceu no bairro POtengi, na Zona Norte de Natal (Foto: Kléber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Crime aconteceu em janeiro deste ano no bairro do Potengi, na Zona Norte de Natal (Foto: Kléber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Em Caicó, mulher morrer após anunciar em rádio que o marido falecido ‘viria buscá-la’

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

O rádio caicoense já viveu muitos momentos curiosos. E a Rádio A Voz do Seridó protagonizou mais uma dessas situações. Uma ouvinte identificada por Rita Santos da Silva ligou para o programa de Lucineide Medeiros, para participar de enquete sobre o Dia dos Namorados, e disse ter sonhado com o marido falecido dizendo ‘viria buscá-la’.

Para espanto da apresentadora e, principalmente, da família, nesta terça-feira (07) a ouvinte realmente faleceu. Portanto, menos de 24 horas depois da sua participação do programa. A informação foi confirmada pela direção da emissora.

Prefeitura inaugura monumento com letreiro da cidade de Natal

noticia_142020

A prefeitura do Natal, através da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), inaugurou na noite desta segunda-feira (6), o letreiro de concreto com o nome da nossa cidade, localizado em Areia Preta, na Praça da Jangada. O evento contou com a presença do prefeito de Natal Carlos Eduardo que acompanhado de secretários municipais falou sobre a importância da obra para o turismo da cidade.

“É uma pequena obra, mas de grande relevância para a cidade de Natal, para essa atividade que puxa a economia que é o turismo. É uma obra que vai valorizar a nossa orla”, afirmou o prefeito. O Chefe do Executivo Municipal citou como exemplo a obra do Portal do Sol que, segundo o Prefeito, além de valorizar a orla natalense proporcionou a Areia Preta e Mão Luiza acesso fácil e bonito para moradores e turistas.

O prefeito falou ainda sobre os investimentos da atual gestão no turismo da cidade. “A Prefeitura fez a urbanização da orla de Natal, desde a praia de Ponta Negra até a praia do Forte, implantamos uma iluminação moderna em LED, e trabalhamos com muito compromisso para realizarmos a limpeza periódica das praias”, disse o Prefeito Carlos Eduardo.

A obra, orçada em 40 mil reais, tem 1,70m de altura, é formada por letras preenchidas – não ocas – de concreto e será permanente. O acabamento da estrutura foi feito com uma pintura especial idealizada pelo artista plástico Flávio Freitas. Todas as noites, o letreiro irá receber uma iluminação especial com LED. Os letreiros turísticos implantados em Natal são fruto da parceria entre Semsur, Setur e Funcarte.

O letreiro, idealizado pelo professor da Secretaria Municipal de Educação, Rudson Gomes, além de Areia Preta contemplará as praias de Ponta Negra e Redinha. O novo monumento vai valorizar ainda mais os atrativos naturais da cidade e proporcionar uma maior interação entre cidadãos e visitantes da capital potiguar.

PGR pede prisão de Renan, Sarney, Jucá e Cunha

Os quatros super-poderosos podem serem  presos a qualquer momento.
Os quatros super-poderosos podem serem presos a qualquer momento.

Brasília – O ministro relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki, estaria debruçado há mais de uma semana sobre os pedidos do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para prender o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-RJ), do ex-presidente da República, José Sarney(PMDB-AP), e do senador Romero Jucá (PMDB-RR), ex-ministro do Planejamento do governo o presidente interino Michel Temer.

A informação foi divulgada nesta terça-feira, 7, pelo jornal O Globo e atribuída a um interlocutor dos ministros do STF. De acordo com informações da Globonews, também foi pedida por Janot a prisão do presidente afastado da Câmara,Eduardo Cunha (PMDB-RJ)

Sarney, Renan e Jucá foram flagrados em conversas gravadas pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, que, para os investigadores, contêm indícios de conspiração para derrubar todas as apurações em curso sobre o esquema de corrupção da Petrobras.

Segundo a reportagem, caso Machado não tivesse gravado a trama, a legislação seria modificada para impedir que presos pudessem firmar acordos de delação premiada.

O instrumento vem sendo usado como chave para a descoberta de novas linhas de investigação desde o início da operação, tendo exercido papel central em pedidos de inquéritos no STF inclusive contra o presidente do Senado.

Nas gravações, Sarney sugere que dois advogados de sua confiança, Cesar Asfor Rocha, ex-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), e Eduardo Ferrão, conversem com Teori para tentar barrar a Lava Jato na Suprema Corte.

Segundo a matéria do jornal carioca, para a Procuradoria-Geral da República, está claro que Renan, Jucá e Sarney tinham o objetivo de obstruir as investigações.

O plano do trio seria mais amplo e grave que a tentativa executada pelo ex-senador Delcídio Amaral (sem partido-MS), que foi preso por tentar impedir uma delação premiada.

Machado informou ao Ministério Público Federal que desviou cerca de R$ 70 milhões da estatal e dividiu a quantia entre Renan, Sarney e Jucá. Os valores teriam pago o apoio político dado pelo trio para manter Machado a frente da subsidiária da Petrobrás.

Renan, Sarney e Jucá são considerados políticos de grande influência no Congresso. O ex-presidente da República, mesmo sem mandato, controla bancadas na Câmara e no Senado. Jucá é um dos principais avalistas do governo Temer e, alçado ao cargo de ministro, caiu após o vazamento das escutas do ex-presidente da Transpetro em que ele sugere um “acordão” para “estancar a sangria da Lava Jato”.

Renan indicou Machado para a presidência da Transpetro em 2003, no início do primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O presidente do Senado manteve o apoio para a permanência dele no cargo até o ano passado, mesmo depois da acusação de outro delator da Lava Jato, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, de que Machado teria recebido R$ 500 mil em propina.

Exame

Projeto de cidadania da Assembleia atende alunos de Natal e São José de Mipibú

unnamed (2)

Mais de 40 alunos do primeiro ano da Escola Estadual Castro Alves, no bairro de Nova Descoberta, em Natal, participam nesta terça-feira (7) da segunda fase do projeto Poder da Cidadania, promovido pela Escola da Assembleia. A programação na unidade de ensino será voltada para as artes plásticas, com oficina de pintura em tela.

“O projeto Poder da Cidadania é voltado para alunos da rede pública de ensino e trabalha a busca da identidade e autoestima enquanto cidadãos. Participa do projeto uma equipe interdisciplinar, composta por filósofo, engenheiro, psicóloga, arte terapeuta, pedagoga, músico e artista plástico”, explica a psicóloga Bárbara Rocha, integrante do projeto.

O artista que vai conduzir a oficina de pintura nesta edição do projeto será Pedro Pereira da Silva. Natural de Passa e Fica, ele iniciou seus primeiros estudos de pintura em 1980. Participou de diversos cursos e oficinas de arte contemporânea e realizou várias exposições dentro e fora do Brasil, como Portugal e Espanha. No auge da carreira, um acidente vascular cerebral interrompeu seus trabalhos.

Apesar das sequelas decorrentes do AVC, o amor pela arte e desejo de superação o impulsionaram a seguir adiante, fazendo aquilo que mais gostava: pintar. Hoje, reconhecido como um dos grandes nomes da pintura potiguar, Pedro Pereira não vai apenas demonstrar técnicas de pintura aos jovens estudantes, mas também incentivá-los a encararem com força e fé os desafios que a vida apresenta.

Para o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), projetos como o Poder da Cidadania trabalham fortemente para cumprir o papel de aproximação da Casa Legislativa com as comunidades, tendo como foco a Educação, “que é um dos caminhos primordiais para o exercício da cidadania em sua plenitude”.

A primeira edição do projeto, promovida em abril, teve como foco trabalhar a motivação e autoestima através de palestras, dinâmicas corporais e música. “Agora vamos desenvolver a ideia de superação e sucesso por meio da pintura e do testemunho do próprio artista, que é um verdadeiro exemplo de superação”, destaca a professora Cristina Assunção, que compõe a equipe.

Na quarta e quinta-feira (8 e 9), o projeto Poder da Cidadania atende as Escolas Prof. Francisco Barbosa e Prof. Clóris Trigueiro, no município de São José de Mipibu.

Motoristas e cobradores de ônibus entram em greve em Natal

Como alternativa para a população que depende do transporte público, alguns ônibus locados foram para as ruas (Foto: Wendell Jefferson)
Como alternativa para a população que depende do transporte público, alguns ônibus locados foram para as ruas (Foto: Wendell Jefferson)

Rodoviários de Natal entraram em greve nesta terça-feira (7). A paralisação é por tempo indeterminado. De acordo com Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sintro/RN), motoristas e cobradores exigem um reajuste salarial de pelo menos 10%. Já os empresários do setor, oferecem menos de 5%.

Natal possui uma frota efetiva de 623 ônibus. A categoria cumpre a lei de greve e mantém 30% da frota nas ruas. Em média, 530 mil pessoas utilizam o sistema diariamente.

A Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) autorizou táxis, transporte escolar e veículos de fretamento regulamentados pelo Departamento Estadual de Rodagem (DER) a realizarem o serviço de lotação. Já os ônibus intermunicipais estão circulando normalmente.

Inicialmente, o Sintro queria 15% de aumento no salário. Nesta segunda-feira (6), houve uma rodada de negociação e o sindicato dos rodoviários baixou o pedido de reajuste para 10%. Contudo, o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários (Seturn) – que representa os empresários do setor – oferece 4,79%. “Sem acordo, a greve segue por tempo indeterminado. Contudo, estamos dispostos a negociar”, afirmou Júnior Rodoviário, presidente do Sintro.

Um motorista de ônibus em Natal recebe atualmente R$ 1.712,70; um cobrador, R$ 1.027,62. Os vales alimentação são de R$ 230 para motoristas e R$ 170 para cobradores.

Viaduto do Baldo será liberado para tráfego na próxima sexta-feira

noticia_141978

O Viaduto do Baldo deve ser liberado para o tráfego na próxima sexta-feira (10). A informação é do secretário Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semov), Tomaz Neto. Segundo ele, o único serviço que falta para entregar a obra é o de sinalização da via. “A pista já está toda demarcada e, caso faça sol, o serviço pode ser concluído nas próximas 48h”, afirmou.

O viaduto foi interditado no dia 4 de outubro de 2012, após denúncia da Promotoria de Defesa do Meio Ambiente. Na época, a Semopi (antiga Semov) realizou inspeção no local e constatou, dentre outras irregularidades, o comprometimento estrutural dos primeiros vãos ao lado da avenida Prudente de Morais.

Segundo o secretário Tomaz Neto, a empresa BMB Construções Ltda, vencedora da licitação da obra, começou a tocar a reforma em meados de 2014. “Nós encontramos o viaduto interditado em 2012 e sem nenhuma perspectiva de reforma. Quando assumimos a secretaria, em dezembro de 2013, encontramos essa situação e a partir daí começamos a trabalho em prol da licitação. Entre janeiro e fevereiro de 2014 a obra foi licitada e, posteriormente, a empresa começou a montar o canteiro de obras”, destacou.

A obra foi dividida em duas fases, a primeira custou R$ 2,4 milhões e a segunda, sendo orçada em 1,2 milhões, totalizando um custo total R$ 3,6 milhões. A reforma na estrutura contou com a recuperação de vigas, pilares, plataforma, limpeza de toda a ferragem – que, segundo o secretário estava oxidada e foi substituída. Além disso, também houve a recuperação do canal de drenagem, a aplicação de uma pintura antioxidante em toda a extensão do viaduto, entre outros reparos.