Category: Notícias

Estudantes distribuem repelente natural contra Aedes aegypti em Natal

Estudantes produzem repelente natural Natal (Foto: Lili Oliveira)
Estudantes produzem repelente natural Natal (Foto: Lili Oliveira)

G1 – Estudantes de Natal produziram um repelente natural que combate a ação do Aedes aegypti, mosquito que transmite dengue, chikungunya e zika. Com baixo custo e produção rápida, o repelente tem como base o cravo da índia, que possui propriedades que ajudam na prevenção do mosquito. Os alunos da 2ª série do Ensino Médio do Colégio Nossa Senhora das Neves confeccionaram cerca de mil frascos do repelente.

O material será distribuído nesta quinta-feira (7), quando se comemora o Dia Mundial da Saúde, nos intervalos das aulas nos turnos matutino, vespertino e noturno. Um grupo de estudantes ainda fará uma encenação sobre as causas e consequências das doenças transmitidas pelo Aedes no pátio da escola. O objetivo é conscientizar e mobilizar alunos, pais, professores e funcionários da instituição.

O repelente foi desenvolvido no laboratório de ciências do colégio e passou por um processo de pesquisa, criação, observação e teste na própria instituição. Os jovens usaram cravo da índia, que foi manipulado com álcool de cereais e misturado ao óleo corporal de amêndoas. Todos os produtos utilizados são de origem vegetal e qualquer pessoa pode usar, inclusive, mulheres grávidas e bebês a partir do segundo mês de vida.

Ao longo da semana também serão desenvolvidas atividades específicas para cada nível de ensino como palestras, entrega de panfletos, confecção de cartazes, vídeos que serão veiculados na internet e no circuito interno de TV da instituição, elaboração de cordéis, além da vistoria para combater possíveis criadouros do mosquito. A programação faz parte da Semana Nacional de Mobilização de combate ao mosquito Aedes aegypti, promovida pelo Ministério da Educação em parceria com a Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (Anec).

“Violações” de Dilma justificam impeachment, diz relator

Jovair Arantes: "a magnitude e o alcance das violações praticadas pela presidente da República constituíram grave desvio dos seus deveres funcionais
Jovair Arantes: “a magnitude e o alcance das violações praticadas pela presidente da República constituíram grave desvio dos seus deveres funcionais
Maria Carolina Marcello, da REUTERS

Brasília – O deputado Jovair Arantes (PTB-GO), relator da comissão especial que analisa o pedido de abertura de processo de impeachment contra a presidenteDilma Rousseff, disse em seu relatório nesta quarta-feira que as “violações” cometidas pela presidente justificam a abertura de um processo de impedimento.

Arantes, durante leitura de seu relatório de quase 130 páginas aos membros da comissão pela admissibilidade da denúncia contra Dilma, apontou indícios de crimes de responsabilidade cometidos pela presidente nas chamadas “pedaladas fiscais” e na abertura de créditos suplementares por decreto sem autorização do Legislativo.

“A magnitude e o alcance das violações praticadas pela presidente da República constituíram grave desvio dos seus deveres funcionais, com prejuízos para os interesses da nação e com a quebra da confiança que lhe foi depositada. Tais atos justificam a abertura do excepcional mecanismo do impeachment”, escreveu o relator.

Após a discussão do relatório de Arantes na comissão, a previsão é de que seja votado na segunda-feira e depois lido no plenário da Câmara e publicado. A partir daí, após prazo de 48 horas, pode ser votado pelos parlamentares. São necessários os votos de 342 deputados para que a Casa autorize a abertura do processo de impeachment contra Dilma. Posteriormente, o Senado terá de decidir por maioria simples se instaura o processo contra Dilma, o que implicaria em seu afastamento da Presidência por 180 dias até a conclusão do julgamento pelo Senado.

O Palácio do Planalto espera uma derrota na comissão especial e já vinha concentrando esforços para conseguir uma decisão favorável no plenário da Casa, especialmente depois do rompimento do PMDB com o governo. A avaliação na véspera da apresentação do parecer de Arantes era que haviam aumentado as chances de segurar o processo no plenário da Casa.

A denúncia original, redigida pelos juristas Hélio Bicudo, Miguel Reale Jr. e Janaína Paschoal, acusa o governo de editar decretos de créditos suplementares sem autorização do Congresso e da prática das chamadas pedaladas fiscais em 2015.

Quando deu seguimento ao pedido de impeachment contra Dilma no ano passado, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), considerou apenas essas denúncias. Mas os argumentos dos autores do pedido de impedimento fazem menção também às pedaladas fiscais ocorridas no primeiro mandato de Dilma, já reprovadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU), além de citar esquema de corrupção na Petrobras investigado pela operação Lava Jato da Polícia Federal.

Em seu parecer, Arantes afirmou não ter levado em conta as denúncias de irregularidades na estatal, mas acrescentou que essas acusações podem ser consideradas pelo Senado.

Partidos apontam pelo menos 9 pré-candidatos à Prefeitura de Natal

Palácio Felipe Camarão, sede da Prefeitura de Natal (Foto: Canindé Soares/Cedida)
Palácio Felipe Camarão, sede da Prefeitura de Natal (Foto: Canindé Soares/Cedida)

Fernanda Zauli Do G1 RN

A cidade de Natal tem pelo menos 9 pré-candidatos à prefeitura nas eleições 2016. Dentre os pré-candidatos está o prefeito Carlos Eduardo (PDT) que confirmou que irá concorrer à reeleição. Na relação constam ainda deputados federais e estaduais e vereadores.

Os nomes escolhidos devem ser confirmados durante as convenções partidárias, realizadas entre 20 de julho e 5 de agosto. Mas os partidos já começam as articulações para escolha dos candidatos. O prazo para troca de legenda terminou no sábado (2).

PDT
O atual prefeito da capital potiguar, Carlos Eduardo Alves, confirmou ao G1 que é candidato à reeleição pelo PDT.

PT
O Partido dos Trabalhadores apresentou o nome do deputado estadual Fernando Mineiro como pré-candidato à Prefeitura de Natal. Caso o nome dele seja aprovado, essa será a segunda vez que ele disputa a vaga para o Executivo Municipal.

SD
O partido Solidariedade tem o deputado estadual Kelps Lima como pré-candidato à prefeitura da capital potiguar. Kelps, que é presidente estadual do SD, afirmou que o partido não quer abrir mão de ter um candidato próprio, mas reconheceu que candidatura “será necessária ainda uma análise do cenário político para que a candidatura se concretize”.

PMDB
De acordo com o presidente estadual do PMDB, Henrique Eduardo Alves, o partido deverá caminhar com o Prefeito Carlos Eduardo e já participa da administração. “Mas decisão formal será tomada por todo o partido ouvindo lideranças em Natal, discutindo coligações majoritária e proporcional”, afirmou Alves.

PT do B
A vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria, deixou o PSB após 22 anos e assumiu a presidência estadual do PT do B. Ela não se apresenta como pré-candidata à prefeitura de Natal, mas o partido vem conversando com lideranças de outros partidos para articular uma coligação.

PSDB
O deputado federal Rogério Marinho é o pré-candidato apresentado pelo PSDB.

PSB
O também deputado federal Rafael Motta é o nome apontado como pré-candidato do PSB. “Junto com o partido temos a intenção de ser candidato”, disse o deputado através da assessoria. Rafael MOtta era do PROS e no final de 2015 migrou para o PSB.

PSOL
O nome do Professor Robério Paulino foi aprovado no congresso municipal do PSOL realizado em fevereiro e é apontado como pré-candidato.

PC do B
O vereador George Câmara é o pré-candidato à prefeitura de Natal apresentado pelo PCdoB.

PSTU
O PSTU informou que está fazendo debates internos com militância para definir como participará das eleições e não tem definição se apresentará candidato próprio.

PPS
O presidente do Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed), Geraldo Ferreira, se apresenta como pré-candidato à prefeitura de Natal pelo PPS.

PEN
Luiz Gomes é o nome apresentado pelo Partido Ecológico Nacional para concorrer ao Executivo Municipal. Essa é a primeira vez que ele é candidato a prefeito de Natal.

PSL
O Partido Social Liberal informou que terá candidatura própria, mas não anunciou o nome de nenhum pré-candidato.

Dia do Jornalista terá sessão solene na Assembleia nesta quinta-feira

unnamed (3)

A Casa Legislativa do Estado vai homenagear a categoria jornalística do Estado, nesta quinta-feira (7), Dia do Jornalista, em sessão solene a partir das 9h. “Estamos homenageando dez homens e mulheres que por profissão e vocação trabalham para transmitir a informação com fidelidade para o povo do Rio Grande do Norte”, enfatiza o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), propositor da sessão solene.

Durante a manhã desta quinta-feira, deputados e profissionais da comunicação da Assembleia Legislativa terão um momento de confraternização com os colegas de profissão que atuam nas mais diversas áreas da mídia.

Na sessão solene, caberá ao ex-prefeito de Natal, ex-deputado federal e único jornalista potiguar vencedor do Prêmio Esso, Ney Lopes de Souza, discursar em nome dos profissionais que serão homenageados no plenário da Assembleia.

Em homenagem ao Dia do Jornalista, o Legislativo Estadual concederá distinção a 10 jornalistas com atuação na televisão, rádio, jornal, internet, fotografia, ou cuidando da imagem de seus clientes ou instituições, trabalhando como assessores de imprensa, incluindo homenagem póstuma ao jornalista Jota Oliveira.

Serão homenageados os seguintes jornalistas, em nome da categoria: Aldemar de Almeida, Aldemar Freire, Cacilda Medeiros, Cláudia Angélica, Fred Carvalho, Ismael Medeiros, Jota Oliveira (in memoriam), Miriam Moema, Murilo Meireles e Ney Lopes de Souza.

Perfil dos homenageados:

Aldemar de Almeida
Assessor de Imprensa da Assembleia Legislativa do RN há quinze anos, o jornalista Aldemar de Almeida é formado pela Faculdade de Jornalismo Eloy de Souza e professor aposentado da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, com especialização em Tele-Radiojornalismo. Iniciou suas atividades jornalísticas na Rádio Rural de Caicó e trabalhou nos jornais A República, Diário de Natal e Tribuna do Norte e nas emissoras TV Cabugi e TV Tropical. Foi correspondente no Rio Grande do Norte por 17 anos do Jornal O Globo, do Rio de Janeiro.

Aldemar Freire
Editor de política do jornal Tribuna do Norte há oito anos e assessor de Imprensa da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (FIERN), o jornalista Aldemar Freire iniciou sua carreira como repórter na revista RN Econômico em 1998. Ainda como repórter teve passagem pela Rádio Cabugi AM e pelos jornais Dois Pontos e Tribuna do Norte, atuando também como assessor de imprensa do Governo do Estado, na Secretaria de Indústria e Comércio e também de campanhas políticas para o Governo e Senado Federal.

Cacilda Medeiros
Reconhecida pelo seu trabalho como assessora de imprensa da Arquidiocese de Natal, onde atua desde 1998, a jornalista Cacilda Medeiros é graduada em Letras e Comunicação Social pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), tendo ainda no currículo curso de Comunicação para a Pastoral pela Universidade Católica do Chile.

Cláudia Angélica
Repórter da emissora TV Ponta Negra desde 2003, a jornalista Cláudia Angélica atua na cobertura diária dos trabalhos da Assembleia Legislativa. Formada pela UFRN em 2001, atuou como repórter e apresentadora na TV Tropical, de 1999 a 2002, e como assessora de imprensa do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) Natal e do Grupo Empresarial A. Candido.

Fred Carvalho
Editor dos portais G1 e Globoesporte desde 2012, o jornalista Fred Carvalho é formou-se pela UFRN em 2002. Integrou a equipe do primeiro veículo de comunicação online do RN: o Cabugi e passou pelas redações do Jornal de Hoje, portal Nominuto, rádio 96 FM, TV Assembleia e Tribuna do Norte. Por convite do Ministério da Defesa, foi o primeiro jornalista a cobrir a Missão das Nações Unidas para Estabilização do Haiti.

Ismael Medeiros
Com destacada atuação no interior do Estado, o jornalista Ismael Medeiros trabalha atualmente no município de Currais Novos, onde apresenta o programa Bom Demais, na Rádio Currais Novos, e TV na Cidade, na Sidy’s TV. Iniciou sua trajetória como comunicador na difusora de Acari e depois passou pela FM Gargalheiras. Em 2005 decidiu ingressar no curso de jornalismo nas Faculdades Integradas de Patos-PB, conciliando sua atividade estudantil com o mandato de vereador de Acari. Em 2012, deixou a política para se dedicar integralmente ao Jornalismo. Apresentou o programa Bom Demais na rádio Caicó AM e atua também como assessor de imprensa.

Jota Oliveira
In memoriam – Jornalista por formação, Jota Oliveira foi um dos ícones do colunismo social no Rio Grande do Norte. Começou a escrever para o Jornal Tribuna do Norte em 1982, por onde permaneceu por mais de 30 anos. Neste período movimentou a juventude potiguar com festa e eventos que marcaram época. Em fevereiro de 2015 assumiu uma coluna no Novo Jornal e também mantinha um blog na internet. Morreu em 19 de janeiro de 2016.

Mírian Moema
Professora universitária há 28 anos, Mírian Moema leciona as disciplinas de Telejornalismo, Produção em TV e Produção e Realização em Rádio e TV do curso de Comunicação Social da UFRN, onde também é vice-coordenadora do Grupo de Pesquisa em Comunicação, Cultura e Mídia e já orientou mais de 200 trabalhos de conclusão de curso. Mírian Moema tem mestrado na área de Ciências Sociais e doutorado em Estudos da Linguagem pela UFRN e iniciou a carreira acadêmica como professora na UFPB, de 1980 até 1983, quando passou a lecionar na UFRN. Foi ainda professora nos cursos de Letras, pedagogia e artes.

Murilo Meireles
Editor e apresentador do telejornal Bom Dia RN, na InterTV Cabugi, desde o ano de 2003, o jornalista Murilo Meireles é reconhecido pelo trabalho no telejornalismo. Formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em 2005, iniciou a carreira em telejornalismo na TV Universitária, em 2003. Atuou também como repórter e apresentador na TV Tropical entre os anos de 2004 a 20012.

Ney Lopes de Souza
Ex-prefeito de Natal, ex-deputado federal, o jornalista Ney Lopes de Souza recebeu o Prêmio Esso de jornalismo no Concurso Nacional de Reportagem promovido pela Esso Brasileira de Petróleo, com a série intitulada “A Cidade por Dentro”, em 1963, publicada no Jornal A ORDEM, Natal, RN. Até hoje o único jornalista natural do RN premiado com matéria publicada na imprensa local.

Trabalhou como repórter especial em jornais do RN e também em PE, no Diário de Pernambuco e Jornal do Commércio (Recife), além das sucursais no nordeste da Folha, JB e à época a revista “O Cruzeiro”.

Foi correspondente da Folha de São Paulo, no RN, no período de 1966 a 1968 e do Diário de Pernambuco (1966 a 1969). Escreve atualmente uma página de opinião na conceituada revista BRASILIA EM DIA, editada semanalmente em Brasília-DF (www.brasiliaemdia.com.br), no jornal Gazeta do Oeste, Mossoró, RN (www.gazetadooeste.com.br) e no blog www.blogdoneylopes.com.br.

No RN, homem furta boi e coloca o animal dentro de um Fiat Uno

boi

G1 – Um agricultor de 31 anos foi preso na madrugada desta quarta-feira (6) suspeito de ter furtado um boi de uma fazenda na zona rural de Upanema, município da região Oeste potiguar. O animal foi encontrado dentro de um Fiat Uno. Um adolescente de 15 anos, que também estava no carro, acabou apreendido.

Chefe de investigações da Delegacia de Polícia Civil de Upanema, Sérgio Henrique contou ao G1que o agricultor nega o crime. “Ele disse que o adolescente pegou o carro escondido e saiu para dar uma volta, e que também foi o garoto, sozinho, quem furtou o animal e o colocou dentro do Uno”, afirmou. “Só que o carro quebrou, e ele foi encontrar com o rapaz para tentar ajeitar o carro. Por coincidência, quando ele chegou para pegar o carro, foi na mesma hora que a polícia chegou”, acrescentou.

O policial contou que a prisão foi feita pela PM, que fazia buscas na região na tentativa de encontrar ladrões que haviam acabado de roubar um posto de combustíveis. “Os policiais estavam atrás dos assaltantes, mas acabaram se deparando com um Fiat Uno com um boi dentro. Uma cena realmente inesperada”, comentou.

Renato Medeiros, blogueiro da região, fotografou o animal ainda dentro do Fiat. Pela imagem dá para ver que o banco traseiro foi retirado para que o boi coubesse dentro do veículo, dividindo o espaço com dois botijões de gás.

Sérgio Henrique disse que o adolescente foi liberado na presença dos pais. Já o agricultor, permanece preso.

Depois de resgatado pelos policiais, boi foi devolvido ao dono  (Foto: Renato Medeiros)
Depois de resgatado pelos policiais, boi foi devolvido ao dono (Foto: Renato Medeiros)

A quem interessa deter a “pílula do câncer”?

Exame – USP lacra o laboratório da “pílula do câncer”
Pílula: o encerramento da produção teria sido determinado pelo reitor da universidade, Marco Antonio Zago
Pílula: o encerramento da produção teria sido determinado pelo reitor da universidade, Marco Antonio Zago

São Carlos – A Universidade de São Paulo (USP) lacrou o laboratório em São Carlos, interior paulista, que vinha produzindo a fosfoetanolamina sintética, a polêmica “pílula do câncer”.

A substância, que estava sendo fabricada no Instituto de Química, vinha sendo entregue a pacientes que obtiveram na Justiça liminar para seu uso.

Nesta semana, porém, advogados e pacientes que foram à USP encontraram o laboratório fechado.

Funcionários contaram que a universidade não tem mais como cumprir as decisões judiciais porque a substância parou de ser produzida e não há mais estoque.

O encerramento da produção teria sido determinado pelo reitor da universidade, Marco Antonio Zago.

A fosfoetanolamina não passou por testes clínicos, não tem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e não é considerada um medicamento.

Em nota oficial, a USP informou que lacrou o laboratório porque a produção ficava a cargo de um único servidor técnico – um químico -, que foi cedido à Secretaria Estadual de Saúde, a pedido, para auxiliar na produção da substância para testes de uso terapêutico.

A nota informa também que a patente da substância pertence a um professor aposentado da USP e a outras pessoas, de modo que a universidade não pode produzir a substância, sob pena de responsabilização penal.

“Por fim, ressaltamos que a USP não é uma indústria química ou farmacêutica e não tem condições de produzir essa substância em larga escala.”

O professor aposentado Gilberto Chierice, químico que desenvolveu a fórmula usada na pílula, foi denunciado à polícia pela Procuradoria-Geral da USP por curandeirismo e crime contra a saúde pública.

A reportagem procurou a USP NA , para detalhar o caso e a questão jurídica. A universidade optou por não falar sobre o caso.

De Rene Moreira, do Estadão Conteúdo

‘Não tenho culpa se Lula confessou ser cobra’, diz jurista Janaína Paschoal

captura-de-tela-2015-12-15-acc80s-02-02-03

Terra -Videos, montagens e gifs da jurista Janaína Paschoal viralizaram na internet nesta terça-feira após ela fazer um discurso emocionado durante um protesto a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff, na véspera, em São Paulo.

Autora do pedido de impeachment que está sendo analisado na Câmara dos Deputados, Paschoal teve seu discurso comparado ao de pastores evangélicos e cantores de rock pesado. Numa montagem em vídeo publicado na página do músico Tico Santa Cruz no Facebook, , da banda britânica Iron Maiden.

Veja o vídeo

Ela comentou que preferiria ter sido comparada com as bandas Pink Floyd ou Dire Straits.

Em entrevista à BBC Brasil, Janaína Paschoal disse que viu algumas dessas montagens e que achou inusitada a comparação com a menina pastora – criança que fez sucesso na internet após um vídeo seu . Apenas uma das dezenas de versões possui mais de 2,3 milhões de visualizações.

“Achei inusitado o fato de terem inventado (não sei na brincadeira, ou seriamente), que eu seria uma tal menina pastora”, escreveu à BBC Brasil via WhatsApp, em seu primeiro comentário público sobre a polêmica.

‘O Deus deles’

Para a jurista, a repercussão de seu discurso também ocorreu porque ela “enfrentou” o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, apontado por ela como “o Deus deles”.

“Eu não tenho culpa se o próprio Lula confessou, em rede nacional, ser uma cobra”, disse Paschoal ao comentar a repercussão do caso à reportagem.

“Uma audiência é eminentemente técnica, mas um ato público é um momento de emoção. A reação, pelo menos lá, foi positiva. Muitos me disseram que eu falei o que gostariam de falar.”

Ela disse que se baseou na resposta do público, que mudou durante seu discurso. “Enquanto eu falava de pedaladas, as pessoas se continham, quando eu mostrei que nossa denúncia, desde o início, é muito mais ampla, o ânimo com relação a mim mudou”.

Nas redes sociais, houve comparações entre as críticas a Janaína – usando termos como “louca e histérica” – às feitas a Dilma Rousseff em reportagem da revista IstoÉ (“As explosões nervosas da presidente”), algo que muitos consideraram um comportamento machista, uma vez que esses adjetivos raramente são usados para descrever homens na vida pública.

Questionada se ela considera que as reações são diferentes quando discursos são feitos por homens e mulheres, a jurista afirmou que pode haver uma relação com machismo.

“Não descarto. O machismo é uma realidade. Mas, em certa medida, eu até defendi Dilma, pois, como de costume, o PT quer se descolar dela para salvar o Lula. É muito cômodo circunscrever toda a discussão a pedaladas e a decretos, deixando de lado a Petrobras e todo o poder de Lula. Os áudios mostram bem a subserviência dela a ele”, disse Paschoal.

Ela afirmou que os membros do governo tiveram o monopólio do discurso por muito tempo e que “no ato de ontem, não por mim, mas por todos, mostrou que isso acabou.”

Casal é executado a tiros no interior do RN; criança de 5 anos é poupada

G1 – Um casal foi executado a tiros na noite desta terça-feira (5) na zona rural do município de Florânia, distante 216 quilômetros de Natal. De acordo com a Polícia Militar, uma menina de 5 anos, filha da vítima, presenciou o crime. Ninguém foi preso.

O duplo homicídio aconteceu por volta das 18h na estrada do Santuário das Graças. Segundo a PM, Anita Ferreira Barbosa, de 38 anos, e Joseano Pereira Dias, de 29, foram abordados por dois homens. A polícia informou que houve uma discussão e, em seguida, a dupla atirou contra o casal. A criança foi poupada.

Ninguém foi preso até o momento. O caso será investigado pela delegacia da cidade.

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

Professor morto em falésia foi vítima de latrocínio; suspeitos estão presos

Diogo Nóbrega tinha 26 anos
Diogo Nóbrega tinha 26 anos

Anderson Barbosa Do G1 RN

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte confirmou nesta quarta-feira (6) que Diogo Rosembergh da Silva Nóbrega, de 26 anos, professor substituto do Departamento de Engenharia Civil da UFRN, não cometeu suicídio nem tampouco sofreu um acidente, como se chegou a cogitar. Segundo as investigações, o professor foi vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte). O corpo do professor foi encontrado no dia 21 de fevereiro deste ano em meio às falésias de Cotovelo, praia do litoral Sul da Grande Natal. Os suspeitos estão detidos.

Ainda de acordo com a polícia, um homem e uma mulher foram presos e um adolescente apreendido. Uma coletiva de imprensa será realizada ainda nesta quarta-feira para apresentar detalhes das investigações e apontar qual foi a participação de cada suspeito no crime.

O caso
Populares que encontraram o corpo do professor relataram que ele estava só de cueca, uma camisa polo e meias. Além disso, o corpo apresentava muitos hematomas. Também havia ferimentos nos braços e pernas e afundamento craniano. Perícia feita pelo Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) revelou que Diogo morreu em razão de um traumatismo cranioencefálico de ação contundente. Ou seja, foi vítima de uma agressão que causou fratura no crânio e dano físico ao cérebro.

Já o carro do professor, um Ford Fiesta, foi encontrado dois dias depois. Estava na Rua das Tulipas, no conjunto Cidade das Rosas, em São Gonçalo do Amarante, cidade que também faz parte da região Metropolitana da capital potiguar. Na ocasião, a Polícia Civil informou dois jovens foram vistos abandonando o veículo.

Carro de Diogo Nóbrega foi encontrado em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Carro de Diogo Nóbrega foi encontrado em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Crise política e zika geram preocupação internacional com Olimpíada

zika dilma

Terra – Em meio a turbulência política, crise econômica, epidemia de zika e acusações de corrupção que nos últimos dias chegaram às obras olímpicas, especialistas internacionais apontam um “coquetel preocupante” de fatores que, segundo eles, já atingem os Jogos do Rio 2016 e seguirão cada vez mais sob os holofotes internacionais nos próximos quatro meses.

Enquanto a realização da Olimpíada em si pode não estar em risco, especialistas consultados pela BBC Brasil acreditam que a profusão de notícias negativas vindas do país e os problemas que cercam a reta final rumo aos Jogos já causam fortes impactos.

Entre eles estão acusações de corrupção nas obras da linha 4 do metrô e do Porto Maravilha, “menina dos olhos” do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, a incerteza sobre o impeachment da presidente Dilma Rousseff e as graves dificuldades financeiras do país.

A epidemia do vírus zika – que já gerou alertas da Organização Mundial da Saúde (OMS), e alguns países orientam mulheres grávidas que evitem viajar ao Brasil – tem no Rio de Janeiro um dos Estados com o maior índice de casos e de maior preocupação para as autoridades brasileiras.

Na visão dos especialistas também causa preocupação o fato de que a Olimpíada estaria completamente “esvaziada”, fora do radar da mídia e do público. Às vésperas dos Jogos, o clima tanto no país quanto na cidade-sede do maior evento mundial é muito diferente da atmosfera de expectativa e celebração aguardada por organizadores, patrocinadores e o Comitê Olímpico Internacional (COI).

Para eles, a imagem do Brasil e do Rio já começa a ser danificada, e o impacto geopolítico e diplomático de sediar uma Olimpíada pode estar em risco, tendo em vista que a intenção é sempre mostrar o “melhor lado” dos organizadores para o mundo, e há cada vez mais indícios de que os Jogos revelem o “pior lado” dos anfitriões.

Crises, corrupção e imagem internacional

Para Jules Boykoff, professor da Pacific University, nos Estados Unidos, e autor de três livros sobre aspectos políticos e econômicos das Olimpíadas, o cenário atual é uma “tempestade perfeita”, que pode inclusive gerar manifestações.

“A imagem que o mundo tem do Brasil e do Rio neste momento é certamente desanimadora. Com crise política, finanças quebradas e uma epidemia que levantou alertas internacionais, a Olimpíada chega no pior momento possível, em meio a uma ‘tempestade perfeita’ que pode levar a grandes protestos, como vimos em 2014. Para a imagem dos anfitriões pode ser um grande tiro no pé”, diz.

Erundina deve ser candidata à prefeitura de SP pelo PSOL

size_810_16_9_deputada-luiza-erundina
Luiza Erundina: ela disputou a prefeitura pela última vez em 2004 / Agência Brasil/Valter Campanato

Exame –  Após deixar o PSB em março, a deputada federal e ex-prefeita de São Paulo Luiza Erundina deve disputar a prefeitura da Capital pelo PSOL. A sigla formalizou ontem o convite durante uma plenária realizada em uma universidade da capital paulista.

A deputada foi ovacionada no evento, que contou com a presença de intelectuais de esquerda, lideranças partidárias e do ex-senador Eduardo Suplicy, que será candidato a vereador pelo PT.

Erundina disputou a prefeitura pela última vez em 2004 e teve como vice em sua chapa o hoje vice-presidente Michel Temer. Em 2012, ela era a mais cotada para ser candidata a vice na chapa de Fernando Haddad (PT), mas desistiu depois que ele se aliou ao ex-prefeito Paulo Maluf (PP). Erundina ainda não deu resposta definitiva ao PSOL, o que deve acontecer na terça-feira.

O deputado federal Ivan Valente é o mais cotado para ser o vice na chapa e também o coordenador da campanha. A filiação de Erundina ao PSOL tem caráter provisório, já que ela está empenhada em fundar outro partido, o Raiz.

Dupla rouba arma e atira em vigilante de farmácia em Natal

tiro1
Vigilante foi baleado durante assalto em Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Um vigilante de uma farmácia foi baleado na noite desta segunda-feira (4) no bairro de Igapó, na Zona Norte de Natal. De acordo com a Polícia Militar, dois criminosos invadiram o estabelecimento e roubaram a arma e o colete do vigilante. Na fuga, eles atiraram e a vítima foi atingida de raspão no pescoço.

A farmácia fica na Avenida João Medeiros Filhos, próximo ao viaduto de Igapó. Imagens da câmera de segurança mostram o momento em que a dupla entrou no estabelecimento. Eles abordaram o vigilante para roubar a arma e o colete. Na fuga, os criminosos atiraram e o vigilante foi baleado. Ele foi atingido de raspão no pescoço e passa bem.

Os funcionários e clientes não foram roubados. A polícia fez buscas, mas os assaltantes não foram presos.

Criminosos explodem caixa de banco em Pedro Avelino, RN

12959578_527253737444724_17914503_o

Criminosos invadiram uma agência do Banco do Brasil e explodiram um caixa eletrônico na cidade de Pedro Avelino, distante 154 quilômetros de Natal. O crime aconteceu na madrugada desta segunda-feira (4).

De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 2h. Os homens armados chegaram em um carro EcoSport vermelho, invadiram o estabelecimento e explodiram o caixa. A polícia ainda não sabe se o dinheiro do terminal foi levado pelos criminosos.

O estabelecimento ficou destruído com a força da explosão. A polícia fez buscas, mas ninguém foi preso.

Com chuva, solo encharca e túnel aberto por presos desaba em Alcaçuz

Com o solo encharcado, túnel aberto pelos detentos do pavilhão 4 cedeu e a escavação desmoronou (Foto: G1/RN)
Com o solo encharcado, túnel aberto pelos detentos do pavilhão 4 cedeu e a escavação desmoronou (Foto: G1/RN)

As chuvas que caíram neste final de semana ajudaram a evitar uma nova fuga na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte. Com o solo encharcado, um túnel aberto pelos detentos do pavilhão 4 cedeu e a escavação desmoronou. Até o momento não há informações de nenhum preso soterrado, mas agentes do Grupo de Operações Especiais farão uma recontagem ainda nesta segunda-feira (4).

Zemilton Pinheiro da Silva, diretor da Coordenadoria de Administração Penitenciária (Coape), disse ao G1 que a revista que será feita pelo GOE também pode revelar se o túnel foi aberto recentemente ou se é uma escavação antiga. A parte que cedeu, ainda de acordo com ele, fica perto do pavilhão 5, como é chamado o Presídio Rogério Coutinho Madruga, unidade anexa a Alcaçuz. “A escavação seguia em direção ao muro”, acrescentou.

Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal. Tem capacidade para 620 internos, mas atualmente abriga 1.100 detentos.

G1