Category: Política

Vivaldo Costa lamenta suspensão de licitação para obra de adutora em Caicó

unnamed (1)

O deputado estadual Vivaldo Costa (PROS) demonstrou frustração com a notícia da suspensão da licitação para a obra da adutora de engate rápido de Caicó. Segundo ele, os recursos já haviam sido assegurados pelo Governo Federal, através do Ministério da Integração Nacional. O parlamentar sugere que a adutora seja construída pelo Batalhão de Engenharia do Exército.

“Semana passada festejamos a liberação dos recursos. Agora, estamos frustrados com essa notícia. A situação de Caicó é muito crítica e precisamos dessa adutora. O ministro Jader barbalho deve vir ao Rio Grande do Norte na próxima semana e a sugestão que darei é que essa obra seja feita pelo Batalhão de Engenharia, que construiu a adutora Manoel Torres”, disse.

Vivaldo Costa relatou que os açudes de Curema e Itans, que abastecem a cidade de mais de 70 mil habitantes, está prestes a esvaziar por completo. Segundo ele, a previsão é que em 90 dias a situação fique ainda mais crítica. Ele ainda citou o esforço dos deputados para que a adutora seja construída.

O deputado estadual Nélter Queiroz (PMDB) explicou que a suspensão da licitação foi devido a crise financeira que passa o país, o que obrigou o Governo Federal suspender a liberação de recursos para diversas obras, incluindo a adutora do Seridó. Mas, reforçou a necessidade da construção da obra. “Temos que ter uma alternativa para a construção dessa adutora”, disse.

Já o deputado Fernando Mineiro (PT) criticou o fato do Governo ter suspendido a obra e se somou ao discurso de Vivaldo Costa. Álvaro Dias (PMDB) concordou com a sugestão de que a obra seja realizada através do Batalhão de Engenharia, com dispensa de licitação. “Espero que essa obra seja entregue ao Batalhão pela urgência que ela tem”, apela Dias.

Getúlio Rêgo (DEM) ressaltou a importância da união dos deputados do Seridó em torno da solução para a crise hídrica em Caicó, mas criticou a suspensão pelo Governo Federal. “Mesmo com divergências partidárias, os deputados demonstram maturidade para discutirem juntos essa questão”, concluiu.

Assessoria

Projeto de cidadania da Assembleia atende alunos de Natal e São José de Mipibú

unnamed (2)

Mais de 40 alunos do primeiro ano da Escola Estadual Castro Alves, no bairro de Nova Descoberta, em Natal, participam nesta terça-feira (7) da segunda fase do projeto Poder da Cidadania, promovido pela Escola da Assembleia. A programação na unidade de ensino será voltada para as artes plásticas, com oficina de pintura em tela.

“O projeto Poder da Cidadania é voltado para alunos da rede pública de ensino e trabalha a busca da identidade e autoestima enquanto cidadãos. Participa do projeto uma equipe interdisciplinar, composta por filósofo, engenheiro, psicóloga, arte terapeuta, pedagoga, músico e artista plástico”, explica a psicóloga Bárbara Rocha, integrante do projeto.

O artista que vai conduzir a oficina de pintura nesta edição do projeto será Pedro Pereira da Silva. Natural de Passa e Fica, ele iniciou seus primeiros estudos de pintura em 1980. Participou de diversos cursos e oficinas de arte contemporânea e realizou várias exposições dentro e fora do Brasil, como Portugal e Espanha. No auge da carreira, um acidente vascular cerebral interrompeu seus trabalhos.

Apesar das sequelas decorrentes do AVC, o amor pela arte e desejo de superação o impulsionaram a seguir adiante, fazendo aquilo que mais gostava: pintar. Hoje, reconhecido como um dos grandes nomes da pintura potiguar, Pedro Pereira não vai apenas demonstrar técnicas de pintura aos jovens estudantes, mas também incentivá-los a encararem com força e fé os desafios que a vida apresenta.

Para o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), projetos como o Poder da Cidadania trabalham fortemente para cumprir o papel de aproximação da Casa Legislativa com as comunidades, tendo como foco a Educação, “que é um dos caminhos primordiais para o exercício da cidadania em sua plenitude”.

A primeira edição do projeto, promovida em abril, teve como foco trabalhar a motivação e autoestima através de palestras, dinâmicas corporais e música. “Agora vamos desenvolver a ideia de superação e sucesso por meio da pintura e do testemunho do próprio artista, que é um verdadeiro exemplo de superação”, destaca a professora Cristina Assunção, que compõe a equipe.

Na quarta e quinta-feira (8 e 9), o projeto Poder da Cidadania atende as Escolas Prof. Francisco Barbosa e Prof. Clóris Trigueiro, no município de São José de Mipibu.

Temer anuncia que FAB terá avião exclusivo para transporte de órgãos

orgão

O presidente interino, Michel Temer, anunciou, na tarde desta segunda-feira, que assinou um decreto para disponibilizar um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) exclusivo para o transporte de órgãos e tecidos em território nacional. A decisão foi tomada um dia depois de a reportagem do GLOBO mostrar que, obrigada por lei, a Força Aérea Brasileira (FAB) deixou de transportar 153 órgãos aptos a serem doados. A mesma FAB também transporta políticos e os atendeu nos dias em que deixou de trasladar órgãos.

A reportagem mostrou que no dia 21 de dezembro do ano passado, um coração deixou de ser transportado do Paraná para Brasília e o paciente que o receberia morreu dois meses depois. Naquele mesmo dia que a FAB negou o transporte do órgão, o presidente afastado da Câmara Eduardo Cunha voou de FAB do Rio para Brasília.

— Acabei de assinar um decreto para que se mantenha permanentemente um avião no solo à disposição para qualquer chamada para o transporte desses órgãos, ou ainda se necessário for, para transportar o paciente para o local onde está o órgão ou tecido. Por isso, não haverá mais, a partir de agora, essa deficiência. O número apontado era significativo e preocupante. Saúde é vida, precisamos estar atentos a esse fato, que parece de menor relevância, mas tem uma relevância extraordinária.

O decreto assinado por Temer fala em “requisitar apoio da Força Aérea Brasileira para o transporte de órgãos, tecidos e partes, até o local onde será feito o transplante, ou, quando assim for indicado pelas equipes especializadas, para transporte do receptor até o local do transplante”. O texto altera um decreto de 1997.

Audiência em Areia Branca vai debater situação das comunidades Morro Pintado e São Cristóvão

unnamed (1)

A Assembleia Legislativa promove nesta sexta-feira (10), no município de Areia Branca, audiência pública para discutir assuntos relacionados à ação de reintegração de posse que envolve a Escola de Enfermagem Nova Esperança Ltda (FACENE) e as comunidades Morro Pintado e São Cristóvão. O debate, proposto pelo deputado Souza Neto (PHS), acontece na Câmara Municipal de Areia Branca, a partir da 19 horas.

“As comunidades, localizadas na área rural de Areia Branca, estão ameaçadas em razão da ação de reintegração de posse que tramita na Justiça do Trabalho de Mossoró, movida pela FACENE. Há famílias que residem nessas comunidades há mais de cem anos. Grande parte delas possui direito por usucapião sobre as áreas ou escrituras públicas que comprovam a propriedade”, justifica Souza.

De acordo com o parlamentar, a audiência pública é uma oportunidade para debater a questão e dirimir dúvidas sobre o impasse. “Há um conflito de interesse social, pois se trata de comunidades rurais com ocupação secular e de boa fé. Vamos debater em prol da defesa do interesse coletivo”, afirma.

Foram convidados para o debate representantes da Procuradoria da República, Ministério Público, INCRA, SEARA, MARINHA, Câmara Municipal de Areia Branca, Prefeitura Municipal de Areia Branca, Corregedoria Estadual de Justiça, Superintendência do Patrimônio da União, dentre outros.

Assessoria

Governo sanciona lei de Ezequiel que inclui Outubro Rosa no calendário oficial do Estado

unnamed

Agora é lei. O governador em exercício, Fábio Dantas (PCdoB), sancionou lei de autoria do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), que institui no calendário oficial do Estado do Rio Grande do Norte a campanha de prevenção ao câncer de mama, denominada mundialmente de ‘Outubro Rosa’.

“O Outubro Rosa é uma iniciativa vitoriosa e agora o Rio Grande do Norte tem a institucionalização do movimento em seu calendário de eventos sinalizando que aqui se prega a sensibilização das mulheres para que realizem os exames necessários à prevenção do câncer de mama”, comemora Ezequiel Ferreira.

O deputado é um apoiador da causa da prevenção do câncer e em seu primeiro ano de gestão como presidente da Assembleia, durante os meses de outubro e novembro de 2015, se uniu ao Grupo Reviver realizando mais de 4.000 mamografias, levando cerca de 300 mulheres para acompanhamento na Liga Norte-riograndense contra o Câncer.

“Essa ação é importante porque promove o diagnóstico precoce da doença, responsável pela cura em 95% dos casos”, comenta Idaísa Fernandes, coordenadora e voluntária do Reviver.

No Rio Grande do Norte, o câncer de mama mata 200 mulheres por ano, principalmente por falta de diagnóstico precoce. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), é o segundo tipo mais frequente  no mundo e o que mais leva mulheres à morte no Brasil.

O movimento Outubro Rosa começou nos Estados Unidos. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza a luta contra o câncer e estimula a participação da população, empresas e entidades. A primeira iniciativa vista no Brasil em relação ao movimento foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (Obelisco do Ibirapuera), em São Paulo, em outubro de 2002.

Assessoria

Exposição ‘Mães do Juvino’ entra em cartaz na Assembleia nesta terça-feira

unnamed

Atração na festa do Dia das Mães do Instituto Juvino Barreto, a exposição ‘Mães do Juvino’ entra em cartaz na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte a partir desta terça-feira (7). As fotos, assinadas pelo fotógrafo e jornalista Elias Medeiros, estarão expostas até o dia 17 no Salão Nobre Deputado Iberê Ferreira de Souza.

“Movido à solidariedade, aceitei de imediato o convite feito pelo abrigo para homenagear as internas e preparei as fotos através de visitas diárias e ações que me aproximaram das idosas assistidas. Assim nasceu a exposição ‘Mães do Juvino’, que chega agora à Assembleia Legislativa, espaço de reflexão e debate da sociedade”, destaca Elias.

O fotógrafo explica que o trabalho busca sensibilizar a população quanto à necessidade de ajudar a manter o Instituto. Segundo Elias, a iniciativa é uma “corrente do bem que se tornou viável graças à boa vontade dos cidadãos potiguares e de amigos que colaboraram com o projeto, desde a cessão de molduras à revelação das fotos”, comenta.

A exposição na Assembleia Legislativa será aberta às 10 horas da terça-feira.

Assessoria

Zenaide Maia participa da inauguração do símbolo da cultura de São Gonçalo

galo_zenaide 2

São Gonçalo do Amarante viveu uma noite memorável nesse sábado (4), no bairro de Santo Antonio, durante inauguração do Monumento e da Praça do Galo Branco de Dona Neném, símbolo do Folclore do RN, legitimado pela Comissão Norte-rio-grandense do Folclore, no ano de 1996, e símbolo da Cultura de São Gonçalo do Amarante/RN, a partir do Decreto nº 453, de 14 de dezembro de 2012, assinado pelo prefeito municipal Jaime Calado Pereira dos Santos.

Estiveram presentes os vereadores do município, Arlete Paiva, Adelson Martins, Gerson Bezerra, Rayure Prótasio, Raimundo Mendes, Valda Siqueira e Valban Tinoco, o pré-candidato a prefeito Paulinho da Habitação, secretários, e a população que, além da grande chuva, se fizeram presentes na inauguração. Com 12 metros de altura, o Galo Branco.

galo_braco

“Eu sinto muito orgulho de fazer parte da história deste povo bom, autentico e generoso. Quem faz por São Gonçalo não se arrepende, quem faz por São Gonçalo não decepciona, quem faz por essa cidade recebe carinho e não tem decepção, recebe o amor de um povo que sabe onde quer chegar e chega onde quer, pois sabem escolher os seus representantes. Essa mulher que está aqui se sente orgulhosa de fazer parte desta história e dizer que estou feliz por está em frente a esse galo que representa a cultura do Rio Grande do Norte e de São Gonçalo e nada mais justo que ele esteja aqui em São Gonçalo do Amarante”, declarou a deputada Zenaide Maia.

Ezequiel Ferreira acompanha início do revezamento da Tocha Olímpica em São José de Mipibú

87315e64-5289-4a05-a986-0d9c9b686d4a

29e0930e-f268-4e8d-8727-bb4f1e4b6d4b

frete

999a3a60-7bd3-4c11-b67c-46acb69c71e1

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), acompanhou o início do revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016 que começou no Rio Grande do Norte por São José de Mipibú, neste sábado (4). Ruas e pontos turísticos da cidade foram percorridos por 13 pessoas que conduziram a tocha. O governador em exercício, Fábio Dantas (PCdoB), natural de São José de Mipibú, o prefeito Arlindo Dantas, pai do governador em exercício e a deputada Cristiane Dantas também acompanharam o evento.

Antes da largada do revezamento, que teve início na rua Cônego Lustosa, aconteceu a inauguração da Praça dos 170 Anos. O clima foi de festa em São José de Mipibu, que comemora seu aniversário de 170 anos.

“É um momento histórico para o Brasil, que vai receber representantes das mais variadas nações. A tocha olímpica que passa em várias cidades do Brasil chega hoje ao Rio Grande do Norte pelas portas de São José do Mipibu, que devido ao revezamento da Tocha Olímpica se integra no maior evento esportivo da humanidade”, enfatiza Ezequiel Ferreira.

Ainda neste sábado, também foi entregue à população de São José do Mipibu, a Praça dos Engenhos, marco que simboliza o início da atividade econômica do município.

São José de Mipibú, Parnamirim e Natal são as primeiras cidades do Rio Grande do Norte a receber o revezamento que terá 149 condutores com histórias de inovação, superação e vitórias dentro e fora do ambiente esportivo. Outras quatro cidades do Rio Grande do Norte – Lages, Angicos, Assu e Mossoró – estarão no roteiro do revezamento, no dia 6.

As cidades potiguares se somam a outras 323 do Brasil escolhidas para receber a “chama olímpica”. Dos 12 mil condutores selecionados para o revezamento no País, 265 estão no RN – considerando as sete cidades.

Símbolo do maior evento esportivo do mundo, que pela primeira vez será realizado no Brasil, a chama foi acesa no dia 21 de abril em Olímpia, na Grécia, chegou dia 3 de maio em Brasília e terá como última parada o Rio, sede dos jogos.

No domingo (5) a tocha segue para Fernando de Noronha. Na segunda-feira (6), retorna ao RN. Em seguida, vai para o Ceará.

Fotos: Ivanizio Ramos e Laurivan de Sousa

Assessoria

Assembleia apoia reivindicações dos vigilantes privados

unnamed (28)

Em audiência pública, entidades pedem apoio do Legislativo do RN em torno de projetos que tramitam no Congresso

Na audiência pública para debater a integridade física dos vigilantes privados no RN, realizada na manhã desta sexta-feira (3) no auditório da Assembleia Legislativa, o deputado Ricardo Motta (PSB) afirmou que, pela sua importância o tema voltará a ser abordado na Casa, desta vez no plenário. O parlamentar disse que é preciso unir esforços políticos em torno da aprovação do Estatuto da Segurança, que tramita na Câmara Federal.
“Não podemos pensar em segurança sem considerar o importante papel exercido pelos vigilantes privados, numa atuação complementar ao aparato público. Por isso, estamos trazendo para a nossa Casa esse debate. Muitas das reivindicações da categoria dizem respeito ao projeto em tramitação no Congresso Nacional, o Estatuto da Segurança Privada”, afirmou Ricardo Motta.
O parlamentar citou dados da Comissão Independente para Assuntos de Segurança Privada (CIASP-RN), como os 86 atentados registrados contra vigilantes, que resultaram em três vítimas fatais. Em 2016 já se somam 34 atentados, incluindo quatro agentes feridos gravemente e um vigilante morto em serviço. “Acrescentamos a estes dados, a ocorrência dessa semana, quando registrou-se  um assalto a um carro forte por homens encapuzados e usando coletes da Polícia Civil, no estacionamento do supermercado Hiper Bompreço, na Avenida Prudente de Morais, em plena luz do dia”, disse o parlamentar.
O governo não enviou representantes para o debate e os participantes criticaram a ausência. A audiência contou com a presença do procurador do Ministério Público do Trabalho no RN, Luís Fabiano Pereira; do deputado federal Rafael Motta (PSB); do vereador Sandro Pimentel (PSOL), representando a Câmara Municipal de Natal, do coordenador geral da Comissão Independente para Assuntos de Segurança Privada, Alexandre Bispo e do representante do Sindicato das Empresas de Vigilância Privada do RN (SINDESP/RN), Edmilson Pereira de Assis, que também é vice-presidente da Federação Nacional das Empresas de Vigilância (FENAVIST).
Debate
O vereador Sandro Pimentel, que realizou debate sobre o mesmo tema na Câmara, alertou para as péssimas condições de trabalho da categoria: “Eles trabalham com armas e coletes vencidos, sem manutenção”, afirmou. O procurador do Trabalho, Luís Fabiano Pereira, disse que os números da violência no Brasil são números de guerra: “É extremamente perigoso viver no Brasil. O que vivemos hoje é uma guerra onde se tenta a toda hora sobreviver”.
O procurador afirmou que os altos índices de violência são resultado da insuficiência de uma política de resultados. “Não existe ninguém que possa deixar de ser responsabilizado por todos os quadros que estão instalados. Torcemos pelo aprimoramento da legislação naquilo que for pertinente”, disse.
O deputado federal Rafael Motta se colocou à disposição da categoria e afirmou que o Estatuto do Desarmamento tem que ser revisto. “Estamos desarmando o cidadão de bem, enquanto o bandido está cada vez mais equipado. Esperamos que a gente possa viver numa sociedade mais justa e pacificada”, afirmou o parlamentar.
Vice-presidente da FENAVIST e representando o SINDESP/RN, Edmilson Pereira de Assis disse que os empresários também estão bastante preocupados com a questão. “Muitos órgãos não oferecem a menor condição para o vigilante trabalhar e nossa orientação é no sentido de que o sindicato exija condições e brigue por condições melhores”, afirmou. O empresário disse que a lei atual está ultrapassada e já não atende mais as necessidades dos vigilantes nem de empresas.
Representando os Vigilantes de Base, Alexandre Bispo disse estar preocupado porque cada vez mais a marginalidade vem se aperfeiçoando e é preciso atualizar a legislação. “Infelizmente a regulamentação está parada desde 2012 e aguardamos urgentemente que ela seja posta em prática. Queremos pedir extensivamente que olhem mais para nossa categoria, não porque sejamos diferenciados, mas porque somos apenas pais e mães de família que escolhemos essa profissão para o sustento”, disse. Apesar de ser federal, os vigilantes e empresários contam com apoio dos legisladores locais para reforçar a agilidade na tramitação da legislação federal.

Assessoria

Projeto de Lei expande isenção de ICMS para produção de carnes no RN

unnamed (27)

O deputado estadual Gustavo Fernandes (PMDB) apresentou Projeto de Lei que expande a isenção de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para a produção de carne no Rio Grande do Norte.

Atualmente, o selo “Boi da Terra” já isenta a produção de carne bovina, nascida, criada e comercializada no Estado. A proposta do parlamentar expande o incentivo também para a produção de ovinos, caprinos e bubalinos.

Desta forma, além da carne de boi, os criadores de ovelhas, carneiros, bodes, cabras e búfalos também serão beneficiados com o incentivo. A proposta altera a lei 9.250 de 17 de julho de 2009, de autoria do então deputado estadual Walter Alves (PMDB).

Gustavo Fernandes frisou que a mudança na Lei proposta por ele conta com o crivo de Walter, autor da legislação que vigora atualmente. Antes de apresentar o Projeto, o parlamentar conversou com o atual deputado federal sobre a intenção de ampliar a ideia inicial dele.

“Nossa iniciativa visa aperfeiçoar a legislação já existente, para abranger os demais produtores de carne do Estado, deixando nossa produção mais competitiva no mercado interno, o que beneficia o mercado local e os produtores potiguares”, explicou Gustavo Fernandes.

Assessoria

Deputado Ezequiel Ferreira requer obras de recuperação e sinalização de estradas

unnamed (26)

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), trabalhando em nome da segurança dos motoristas que trafegam nas BR-226 e RN-041, apresentou três requerimentos solicitando intervenções para recuperar e sinalizar trechos destas rodovias, nas imediações de Currais Novos.

“É importante a restauração destes trechos uma vez que o problema salta aos olhos pois são muitos buracos. Isto exige a máxima atenção dos motoristas para que acidentes sejam evitados”, disse Ezequiel Ferreira.

O primeiro requerimento solicita a recuperação do trecho da BR-226 que liga Currais Novos a Florânia, já o segundo solicita a realização da Operação Tapa Buracos no trecho da RN-041 que liga o município a Lagoa Nova. A última ação relacionada à infraestrutura rodoviária pede a implantação de lombadas com sonorizadores no trecho da RN- 041, KM 10, que liga Currais Novos a Lagoa Nova.

“Já foram registrados vários acidentes de trânsito em diversos pontos dos seus 27 quilômetros, mas o ponto de maior atenção vem sendo o km 10. A falta de sinalização às margens e na pista e ausência de acostamento também preocupa em alguns trechos”, destacou.

Por fim e com o objetivo de promover a cidadania para os cidadãos currais-novenses o deputado Ezequiel Ferreira solicitou ao Governo do Estado a inclusão do município de Currais Novos na relação dos contemplados no programa itinerante Defensoria na Comunidade.

“A assessoria jurídica de qualidade e gratuita, oferecida pela Defensoria Pública do Estado, afiança que os direitos da população sejam garantidos de forma consciente e mostra que a Justiça é para todos. Graças às parcerias o programa oferece a confecção de documentos, além de testes, exames e atendimentos médico, psicológico e odontológico”, elenca.

Assessoria

Programa Radio Assembleia estreia segunda-feira em emissoras do RN

unnamed (25)

O setor de comunicação da Assembleia Legislativa estreia na próxima segunda-feira o programa Rádio Assembleia, que será veiculado durante a programação diária da emissora que hoje é transmitida através da internet na plataforma web. Também exibirão os programas rádios de vários municípios do Rio Grande do Norte.

“A nossa gestão tem buscado dar cada vez mais transparência ao trabalho legislativo e essa é mais uma oportunidade de estarmos mais perto da sociedade através desse importante veículo de comunicação”, justificou o presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), que será o primeiro entrevistado.

O programa terá duração de 3 minutos e contará com a participação dos 24  deputados, que se revezarão diariamente com informações sobre seus mandatos. Com isso, a população ouvinte poderá saber um pouco mais sobre o que acontece na Casa.

Nos programas de rádio, os deputados irão apresentar os requerimentos, os projetos de lei e as leis aprovadas de sua autoria, apresentando à sociedade e prestando conta aos seus eleitores as atividades legislativas executadas na Assembleia.

Assessoria

Kelps chama a atenção para calendário de pagamento dos servidores inativos

unnamed (10)

O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) falou, durante pronunciamento desta quinta-feira (2), sobre o atraso no pagamento dos servidores do Estado, em especial dos aposentados e pensionistas.

“Em 2015, o governador passou o ano inteiro dizendo que o salário estava em dia e não citou a colaboração da Assembleia. Este ano, o Governo está atrasando a folha e punindo exatamente aqueles que o ajudaram a estabilizar a gestão e que não podem ir às ruas fazer greve, que são os aposentados”, disse Kelps.

O parlamentar se referiu ao fato dos aposentados serem os últimos a receber o pagamento relativo ao mês de maio, como foi anunciado. Kelps disse que em 2015 o Governo só conseguiu pagar a folha em dia graças à colaboração da Assembleia em aprovar o projeto que emprestava o dinheiro da Previdência para essa finalidade.

Kelps Lima falou ainda que o déficit na previdência já é de R$102 milhões. “Este valor deixa de ser gasto com a Saúde, Segurança e Educação. O Governo de Robinson precisa reordenar suas receitas e suas despesas”, afirmou.

Comissão do Impeachment acelera e votação pode ser em julho

size_810_16_9_dilma2

Exame – Diante da redução de prazos para a apresentação das alegações finais da acusação e da defesa, a nova etapa do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, a chamada pronúncia, deve ir a votação no plenário do Senado entre 12 e 13 de julho, segundo previsão do relator do processo, senador Antonio Anastasia (PMDB-MG).

O cronograma sugerido por Anastasia, que ainda precisa ser votado pela comissão do impeachment no Senado, pode sofrer alterações, uma vez que a data de votação da pronúncia no plenário do Senado depende de agendamento do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, que conduz o processo de julgamento, em consonância com o presidente do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

Mais cedo nesta quinta-feira, o presidente da comissão do impeachment no Senado, senador Raimundo Lira (PMDB-PB), reduziu o prazo para que tanto a acusação quanto a defesa de Dilma apresentem suas alegações finais, na prática acelerando a tramitação do processo em 20 dias.

Presidente Ezequiel Ferreira confirma Assembleia Cultural na 7ª Flipipa

unnamed (9)

A Assembleia Cultural, projeto que valoriza a cultura potiguar, marca seu retorno como programação agregada na 7ª edição do Festival Literário da Pipa (Flipipa), no município de Tibau do Sul, a 77 quilômetros de Natal, dias 11, 12 e 13 de agosto. A informação foi dada à produtora executiva da Flipipa, Candinha Bezerra, e ao Curador do evento, Dácio Galvão, pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), durante audiência nesta quinta-feira (2/6).

“Nada mais oportuno para o retorno da Assembleia Cultural do que somar-se à programação do Flipipa. Ambiente consagrado e propício para debater ideias, memórias, obras literárias atuais e lançar novas provocações acerca deste rico universo”, justifica Ezequiel Ferreira.

A 7ª Flipipa terá a ´Integração` como tema e renderá homenagens aos 100 anos de Hélio Galvão. Os debates se dividirão entre a Tenda dos Autores e nos estandes do Sesc Literatura e editoras parceiras.
Nesta edição vai se repetir o projeto Pipinha Literária, voltada para crianças de 5 a 14 anos.

“Temos espaços educativos e lúdicos com atividades a partir das 8h da manhã até 23h, oferecendo biblioteca móvel do Sesc-BiblioSesc, estande de editoras locais, livraria da Cooperativa da UFRN, espaço de contação de histórias, apresentações musicais, dança, teatro e restaurante” enfatiza Candinha Bezerra. Para Dácio Galvão a parceria com Fecomercio, Fiern, Sebrae e a programação agregada com a Assembleia Cultural assegura a diversidade do festival que a cada ano se consolida no calendário nacional do setor.