Category: Saúde

RN recebeu 177 ventiladores Pulmonares do Governo Federal

Ao todo, o Ministério da Saúde já distribuiu 6.410 ventiladores em todo o país — Foto: Ministério da Defesa

Por Grande Ponto — O Rio Grande do Norte já recebeu 177 ventiladores pulmonares do Governo Federal desde o início da pandemia. Os equipamentos são usados no tratamento de pacientes com Covid-19 que apresentam dificuldades para respirar. O número foi divulgado pelo Ministério da Saúde.

Ao todo, o Ministério da Saúde já distribuiu 6.410 ventiladores em todo o país, com o intuito de reforçar as estruturas hospitalares para atendimento à população brasileira.

De acordo com o Ministério da Saúde, a aquisição de ventiladores pulmonares é de responsabilidade dos estados e municípios. Mas, diante do cenário de emergência em saúde pública por conta da pandemia da Covid-19, o Ministério da Saúde vem utilizando o seu poder de compra em apoio irrestrito aos gestores locais do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Estamos fazendo tudo que está ao nosso alcance para atender as necessidades de todo o país. As entregas são realizadas baseadas nas demandas informadas pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems)”, diz o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Elcio Franco.

As entregas levam em conta a capacidade de instalação do equipamento na rede de assistência em saúde pública, principalmente nos locais onde a transmissão está se dando em maior velocidade.

Blog A Fonte

Covid-19: O Brasil é o país que tem mais recuperados, quase 1 milhão

Segundo informações mundiais, o Brasil está em primeiro lugar dos que tem pessoas recuperadas do coronavírus. São quase 1 milhão de curados. Em segundo lugar está os EUA com 790.404 recuperados.

Por causa do investimento em testes o Brasil registra mais de 1,5 milhões pessoas com o Covid-19. Os EUA tem 2,7 milhões que testaram positivos.

Natal conclui campanha contra gripe com 87% do público prioritário vacinado

Natal atingiu 87% da meta de cobertura vacinal — Foto: SMS Natal
Natal atingiu 87% da meta de cobertura vacinal — Foto: SMS Natal

Mais de 192 mil pessoas foram vacinadas contra a gripe em Natal durante a campanha de vacinação, que começou em 23 de março e terminou na última terça-feira (30). De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o total de vacinados foi de 192.061, que representa 87,72% do público prioritário esperado.

Do total de vacinados, 112.451 foram idosos (131%) e 33.909 (109%) foram trabalhadores da saúde, os únicos dois públicos que tiveram números acima das metas do Ministério da Saúde, que é de 90%.

Além disso, 16.589 adultos entre 55 e 59 anos (cerca de 49% do esperado), 4.162 gestantes (48%), 619 puérperas (43%) e 24.920 crianças (41%) também foram vacinados, mas com médias abaixo das projeções da cobertura.

“Algumas estratégias foram utilizadas para alcançar as metas estabelecidas, como o drive para idosos no Arena das Dunas na primeira fase, que teve boa aceitação das pessoas. Por outro lado, devido à preocupação do público em comparecer aos postos de saúde com a pandemia do novo coronavírus, houve uma procura abaixo do esperado de adultos, gestantes, puérperas e crianças”, falou Vaneska Gadelha, Chefe de Agravos Imunopreveníveis de Natal.

A campanha foi dividida em etapas e os públicos-alvo eram idosos acima de 60 anos, profissionais de saúde, professores, profissionais das forças de segurança e salvamento, doentes crônicos, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, grávidas, mães no pós-parto até 45 dias, pessoas de 55 a 59 anos, e população indígena em geral.

Com o fim da campanha, a partir desta quarta-feira (1), as doses restantes da vacina estão disponíveis para qualquer pessoa que desejar ser imunizado, sem necessidade de se encaixar em uma prioridade. “A partir de hoje, as doses que restarem nas unidades básicas de saúde ficam destinadas a todo e qualquer indivíduo que desejar se vacinar”, reforça Vaneska.

G1RN

Covid-19: RN tem semana mais difícil com mais de 90% das UTIs ocupadas

O Rio Grande do Norte tem a semana mais difícil para as pessoas que adoeceram por causa do coronavírus e precisam de UTIs. São mais de 90% dos leitos de UTIs ocupados, conforme anúncio da Sesap na noite de ontem (26).

Infelizmente o governo do estado não fez o dever de casa, pois passaram-se mais de 90 dias e as UTIs do Consórcio Nordeste não chegaram. Agora o povo é quem paga a conta por não poder abrir o comércio, nem poder circular menos despreocupado nas ruas.

Situação do coronavírus no RN

  • 889 mortes
  • 23.731 casos confirmados
  • 30.618 suspeitos
  • 36.709 descartados
  • 2.904 recuperados
  • 93,7% de ocupação dos leitos públicos de UTI
  • 90% de ocupação dos leitos privados de UTI
  • 60.304 testes feitos (28.752 RT-PCR + 31.552 testes rápidos)

Doação de EPIs pela Assembleia reforça estoque do hospital de Currais Novos

O uso de máscaras e de álcool 70% faz parte das recomendações do Ministério da Saúde no combate ao novo Coronavírus. Essa recomendação se torna ainda mais importante quando se trata de profissionais de saúde e de segurança pública.

Pensando em colaborar e garantir a segurança desses profissionais e da população em geral, a Assembleia Legislativa está doando álcool 70% e máscaras cirúrgicas aos municípios do Estado. Nesta terça-feira (23) foram entregues 5 mil litros do produto e mais de 2 mil unidades de máscaras ao Hospital Regional Mariano Coelho (HRMC), localizado em Currais Novos, região Seridó.

De acordo com a diretora geral do HRMC, Lígia Daiana Pinheiro Silva, a doação da Assembleia garante o estoque de álcool 70% por meses. “A nossa luta diária ganha um fôlego com a chegada desses produtos tão necessários para os nossos serviços e principalmente para os profissionais de saúde e segurança, que estão na linha de frente no combate à Covid-19, e que além de cuidar bem da população tem que garantir a nossa própria segurança”, ressaltou.

O diretor administrativo do HRMC, João Gustavo, ressaltou a importância da doação, destacando que esta fortalece ainda mais a proteção dos profissionais de saúde que estão na linha de frente.

“Esse é um reforço importantíssimo para todos os nossos profissionais que passam a ter a sua segurança garantida, visto que poderão trabalhar com os equipamentos de segurança individual”, disse.

O município registra 122 casos confirmados, 93 casos suspeitos e 3 óbitos confirmados, de acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde de Currais Novos.

Covid-19 RN: Governo do Estado contrata 80 leitos de UTIs e 20 clínicos para atender as emergências

Hospitais Giselda Trigueiro, em Natal, está com 100% de lotação — Foto: Quézia Oliveira/Inter TV Cabugi
Hospitais Giselda Trigueiro, em Natal, está com 100% de lotação — Foto: Quézia Oliveira/Inter TV Cabugi

O governo do Estado do Rio Grande do Norte contratou 80 leitos de UTIs e 20 leitos clínicos para atendimento emergencial a pacientes com o Covid-19.

Segundo o G1 a contratação ocorreu ontem (18), quando o Governo do RN anunciou Chamamento Público Emergencial para retaguarda junto à rede privada. Esses leitos serão para atendimentos de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

O edital prevê também a contratação de hospitais da rede privada especializados em terapia intensiva, para gestão e operacionalização, na sede da contratada, de leitos de UTI para adultos e de retaguarda de enfermaria clínica que não sejam pacientes com Covid-19.

O edital também visa a contratação emergencial de serviço de transporte sanitário em ambulâncias, incluindo equipe de profissionais, materiais de proteção individual e equipamentos para oferecer Suporte Avançado de Cida (SAV) e garantir a transferência dos usuários com sintomas graves da Covid-19.

“A principal função do Samu é levar pessoas da rua ou de casa para os hospitais. Entre hospitais, entre regiões, esse transporte tem que ser um transporte sanitário, preferencialmente, e por isso que a contratação foi imprescindível”, disse Petrônio Spinelli.

Natal: Em 1º dia de ‘drive-thru’, mais de 30% dos testados do coronavírus deram positivo

Drive-thru de testes para Covid-19 está acontecendo na Arena das Dunas — Foto: Augusto César Gomes
Drive-thru de testes para Covid-19 está acontecendo na Arena das Dunas — Foto: Augusto César Gomes

Dos 1.033 exames realizados no primeiro dia do “drive-thru” de testagem rápida para Covid-19 em Natal, 319 deram positivo. A informação é da prefeitura da capital, que realiza os testes na Arena das Dunas desde esta terça-feira (16).

A ação é voltada para idosos maiores de 60 anos e pessoas com comorbidades comprovadas residentes na cidade. Todos os pacientes positivos serão notificados e acompanhados, de acordo com Secretaria Municipal de Saúde.

Ainda segundo a SMS, o exame tem maior eficácia em indivíduos com histórico de algum sintoma leve de Covid-19 há pelo menos sete dias: tosse, dor de cabeça ou febre, por exemplo.

O teste é realizado com a coleta de uma gota de sangue no dedo, através do método imunocromatografia, em que o material reage em uma lâmina. É possível aguardar o resultado no local, entregue após 20 ou 30 minutos de sua realização, ou retirar no dia seguinte através de um sistema online acessado por meio de senha fornecida na hora. Casos positivos são encaminhados às 11 unidades de referência da capital para acompanhamento médico.

Logo no primeiro dia de atendimento, uma fila de carros quilométrica se formou no entorno da Arena das Dunas, com pessoas querendo participar das testagens, que são gratuitas.

“Pedimos àqueles que não têm histórico de sintomas que evite comparecer ao drive para evitar exposição desnecessária. A testagem é importante para que a gente consiga identificar novos casos; recomendar quarentena quando necessário, para evitar a transmissão; e também iniciar um possível tratamento de acordo com o que o médico achar necessário nas consultas que ocorrem nas unidades de saúde”, orienta Rayane Araújo, secretária Adjunta de Atenção Integral à Saúde de Natal.

Para ter direito ao teste é preciso apresentar comprovante de residência de Natal e documento oficial com foto que comprove a idade. O acesso à Arena das Dunas se dá pelo portão P1 e acontece até sexta-feira (19). Na próxima semana, o serviço acontecerá no Ginásio Nélio Dias, com demanda para a Zona Norte. A permanência no interior do veículo é obrigatória durante todas as etapas.

G1RN

DA PARA ACREDITAR? A OMS desdiz o que disse sobre assintomáticos, eles podem transmitir COVID. Ou não pode? Estou confuso!

Sede da OMS em Genebra, Suíça
Sede da OMS em Genebra, Suíça. Crédito: Getty

A Organização Mundial da Saúde realizou nesta terça-feira (9) uma coletiva de imprensa para esclarecer uma fala dita ontem, em que uma epidemiologista disse que a transmissão assintomática do coronavírus era “muito rara”.

Na segunda-feira, Maria Van Kerkhove, líder técnica da OMS para COVID-19, disse em uma coletiva de imprensa que, “Pelos dados que temos, parece ser raro que uma pessoa assintomática transmita de fato para um indivíduo secundário […] É muito raro.”

Diversos especialistas se mostraram céticos imediatamente. Para um deles, a OMS não forneceu dados disponíveis publicamente para apoiar essa afirmação, enquanto diferentes tipos de estudos sugeriram que a transmissão assintomática tem um papel importante na disseminação de surtos em todo o mundo.

A afirmação também pareceu vaga sobre a distinção entre transmissão assintomática e disseminação pré-sintomática. Outras pesquisas mostraram que uma pessoa pode ser mais contagiosa, a julgar pelo nível de disseminação de vírus de seu corpo, logo antes do aparecimento dos sintomas.

Hoje, Van Kerkhove e Mike Ryan, diretor executivo do programa de emergências de saúde da OMS, realizaram uma uma sessão de perguntas e respostas, que abordou, em grande parte, questões sobre essas declarações de segunda-feira.

Gizmodo

População da Região Central é beneficiada com doação da ALno combate à Covid-19

O aumento considerável de casos de Covid-19 no município de Angicos, localizado na Região Central Cabugi, chamou atenção dos deputados estaduais e por isso, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) entregou nesta sexta-feira (5), Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para beneficiar os profissionais da Saúde e Segurança Pública.

“Esses equipamentos de proteção são os utilizados para que os profissionais da Saúde e Segurança não se contaminem, uma vez que estão na linha de frente dessa luta e precisam estar bem protegidos para não serem infectados pelos vírus do Coronavírus”, destacou o presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira (PSDB).

Esses profissionais que trabalham nas Unidades Básicas de Saúde, no Hospital Municipal de Angicos, além dos agentes de segurança pública foram beneficiados com 5 mil litros álcool 70% e 1.500 máscaras cirúrgicas. “Essa doação representa muito para nós profissionais, porque é mais uma garantia que poderemos fazer o nosso trabalho com segurança e cuidado com os pacientes e também conosco”, celebrou a enfermeira Isabel Assunção.

De acordo com o prefeito do município, Deusdete Gomes (PSDB), a doação dos EPI´s, vem somar com o que a administração municipal vem realizando e tem um significado ainda maior por ser direcionada para os profissionais da Saúde e Segurança. “A doação já é importante e se torna ainda maior por ser direcionada para a proteção dos profissionais de saúde e agentes de segurança que estão na linha de frente do combate ao coronavírus, garantindo a permanência nas atividades que a população mais precisa, diminuindo os números da Covid-19 no RN”, agradeceu.

A secretária municipal de saúde, Genilza Pereira, destacou a importância da doação em um dos momentos mais difíceis do município. “Esse é um momento de muita dificuldade para os municípios e receber esse presente da Assembleia nos dá mais força para continuar a luta no combate a Covid-19 e por uma saúde pública de qualidade”, frisou.

Bastante emocionada, Nataly Felipe, membro do Comitê de Combate a Covid-19 no município, agradeceu a doação da Assembleia para o município. “São ações como essa que fazem a diferença. Todos os nossos cidadãos agradecem o gesto que, nesse momento, significa vida”, ressaltou.

De acordo com o último boletim, divulgado nesta sexta-feira (5), da Secretaria Municipal de Saúde de Angicos, o município tem 99 casos notificados, 8 casos confirmados de Covid-19 e 1 óbito em investigação.

A região Central Cabugi é conhecida por sua localização geográfica como “coração do Rio Grande do Norte” e tem fluxo intenso de pessoas que se deslocam para regiões vizinhas e desempenham atividades em Natal e Mossoró. Por isso a importância do controle da pandemia.

SESAP/RN: Edital diz que hoje é o último dia para contratação de até 100 leitos de emergência do Covid que custará mais de R$ 48 milhões

Levantamento mostra redução de leitos para pacientes SUS em ...
Ilustração/ Foto da Internet

A Sesap prorrogou o prazo do edital para até às 23h59min do dia de hoje, 07, para o chamamento público emergencial em que contratará empresa privada para gestão de até 100 leitos no valor global estimado de R$ 48.841.164,00.

Serão 80 UTIs e 20 leitos de retaguarda para pacientes em situação grave com suspeita ou confirmação do Covid-19. Apenas uma empresa cadastrou-se até o momento.

O contrato terá validade de até 6 meses, podendo ser prorrogado enquanto durarem os efeitos da emergência em saúde. Em razão da urgência imposta pela evolução da pandemia, mais de uma instituição poderá ser contratada.

Segundo a Sesap o valor de custeio do Contrato de Gestão a ser firmado por cada mês é estimado em R$ 8.140.194,00.

Sesap

Segundo estudo de Harvard Natal pode ter mais de 140 mil contagiado com Covid, mas estão assintomáticos

Se o Dr. Wong estiver certo a quarentena total pode criar um ...
Epidemiologista Dr. Anthony Wong / Foto da Internet

O Dr, Anthony Wong anunciou em uma de suas entrevista que há estudos de Harvard que diz que para cada 100 casos revelados pelo sistema de saúde, há 35 mil pessoas contagiadas com o vírus.

Como Natal contabiliza 402 casos confirmados, 11 mortes, pode haver mais de 140 mil pessoas contagiadas. O que não tem como impedir que o vírus siga o curso natural de atingir a metade da população.

Mia de 80% da população não vai sentir nada com o vírus, são assintomáticos. Dos 20% que irão sentir alguma coisa, apenas 5% deles têm sintomas mais graves.

O ideal, segundo o doutor, é se manter com distanciamento necessário, e usar máscaras em locais públicos.

No Brasil o percentual de mortos pelo Covid-19 é de apanas 0,0003% da população

Brasil – Wikipédia, a enciclopédia livre
Covid-19 tem dificuldade de se multiplicar no Brasil

Continuam em pé de guerra as divulgações do que acontece de mais assombroso com os casos do coronavírus no outro lado do mundo, nos outros continentes, na Europa e até nos EUA, principalmente se usando a Itália, Espanha, França e EUA como meios de indicador do terror.

Os especialistas afirmam que esses números não se repetirão aqui no Brasil, principalmente no Nordeste, por causa do calor, pois o Covid-19 se multiplica com mais força em região frias, abaixo de 17º C.

Com uma população de mais de 210 milhões de habitantes, em um país continental que parece ser um continente, tendo morrido até agora 667 pessoas, o percentual é de 0,0003%.

Ontem, (07) um secretário de saúde do Estado do RN chegou a dizer que morrerá 10 mil pessoas no seu estado.

O Brasil precisa ficar de olho nesses alarmes assombrosos, profecias do mal, o apocalipse de satanás. Esses governastes devem sofrer o rigor da lei por pregar apenas o terror pelo terror, sem providenciar melhor esclarecimentos a população. Só pregam que devem ficar em casa.

Aumenta para 177.794 os recuperados das infecções do coronavírus.


Bebê de 6 meses e sua avó de 102 anos ficam curados da Covid-19 

Os números dos que são recuperados do Covide-19, que são considerados por muitos médicos como curados, esses que sentiram sintomas mais fortes, aumentou para 177.794 pessoas em todo mundo.

Ontem (31) as informações davam conta de que os números de curados eram 164.338 pessoas. Uma recuperação de 13.456 doentes em 24 horas.

Mas os números dos que foram afetados e foram salvos são bem maiores, chegando a mais de 850 mil pessoas que estão bem.

Infelizmente morreram até o momento 44.916 pessoas.

Destes que morreram, sete países concentram um número de 38.521 pessoas mortas, são eles: EUA, Itália, Espanha, China, França, Eu Corri e Reino Unido, todos eles adoraram a ideia do isolamento horizontal. O restantes dos 6.395 óbitos estão contabilizados por todos os outros países do mundo.

No Brasil de mais de 209 milhões de habitantes, morreram 201 pessoas.

Covid-19: Só ontem (31) foram curadas 13.454 pessoas

Segundo informações da OMS no dia dia de ontem (31) foram curadas da infecção causada pelo coronavírus 13.454 pessoas. Essas pessoas, agora, começam a fazer a conhecida barreira de proteção, na qual quando se tiver 50% das pessoas com imunidades a curva da contaminação começa a descer evitando que mais pessoas sejam atingidas.

Uma idosa de 97 anos, moradora de Recife, foi curada de infecção causada pelo Covid-19. Informação passada pelo novo boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE).

Segundo alguns doutores infectologistas, por enquanto esse é o melhor remédio.

Covid-19: EUA tem 1,7% de óbitos dentre os mais de 180 mil testes positivos

EUA anunciam possível liberação rápida de remédio contra Covid-19
Foto da Internet

Os EUA apresentou novos números de testes positivos com o novo coronavírus. Já foram testados positivos 180.099 pessoas, das quais morreram 3.606, um percentual de 1,7%.

Segundo especialistas do Brasil já existe muitas pessoas que já foram contaminados com o Covid-19, e muitos nem sentiram nenhuma reação, tornando-se imunde.