Category: Segurança

Confronto entre facções criminosas deixa uma adolescente morta e para trânsito na Ponte de Igapó, diz polícia

Trânsito na Ponte de Igapó, em Natal, parou por causa da troca de tiros entre criminosos (Foto: Redes Sociais) 

Um confronto entre duas facções criminosas na comunidade Beira Rio, Zona Norte de Natal, deixou uma adolescente de 14 anos morta e parou o trânsito na ponte de Igapó na noite desta sexta-feira (15).

De acordo com a polícia, cerca de 15 homens armados chegaram à comunidade Beira Rio para tentar dominar o território de uma facção rival. Houve confronto e uma jovem de 14 anos foi morta à tiros.

Na fuga, os bandidos ainda teriam atirado numa viatura da Força Nacional que chegava pra atender a ocorrência. Os policiais não ficaram feridos.

Com a intensa troca de tiros o trânsito na ponte de Igapó parou nos dois sentidos. “O trânsito não foi interditado pelos criminosos, houve pânico e os próprios motoristas pararam por medo dos tiros”, informou o tenente-coronel da PM, Eduardo Franco. A ponte é a principal via de acesso à Zona Norte da capital.

Fonte: https://g1.globo.com

Após confronto entre bandidos e PMs, moradores de comunidade em Natal jogam corpo em avenida e fecham trânsito

Corpo foi jogado no meio da Avenida Felizardo Moura, interrompendo o trânsito nos dois sentidos (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Corpo foi jogado no meio da Avenida Felizardo Moura, interrompendo o trânsito nos dois sentidos (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

G1RN – Moradores da comunidade do Mosquito, na Zona Oeste de Natal, jogaram um corpo no meio da Avenida Felizardo Moura e atearam fogo em entulhos, interrompendo o trânsito nos dois sentidos.

A comunidade diz que o corpo é de um adolescente que foi morto na manhã desta quarta (13) durante um confronto entre bandidos e policiais militares. Contudo, o rapaz seria inocente.

A troca de tiros aconteceu por volta das 5h, após policiais do Batalhão de Choque, que estavam em patrulhamento na comunidade, serem atacados. A equipe chamou reforços e houve revide. No confronto, três criminosos foram baleados. Eles ainda foram socorridos, mas não resistiram aos ferimentos. Outros suspeitos foram presos e armas e drogas apreendidas.

Após a saída dos policiais, os moradores encontraram o corpo do adolescente. A vizinhança alega que o rapaz morto não participou do confronto, e que seria inocente. Em protesto pela morte, o corpo foi jogado sobre a avenida.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Instituto Técnico-Científico de Perícia foram acionadas. Policiais militares ajudaram a desobstruir a avenida. Por volta das 8h50, uma faixa de cada pista havia sido liberada.

Do Blog: Este Blog recebeu informações de que passageiros dos ônibus viram pelo menos dois corpos no chão. Então não se sabe ao certo quantas pessoas morreram.

Estatuto do Desarmamento fez aumentar as mortes por arma de fogo

Os indicadores nacionais de violência têm sendo sistematicamente utilizados para fundamentar as opiniões a respeito da revogação do Estatuto do Desarmamento.

Em uma série de audiências públicas realizadas, os números do Mapa da Violência – únicos tidos por oficiais no país – foram detalhadamente explorados, especialmente para refutar a ideia de que, com o estatuto, houve melhora do quadro geral de criminalidade.

Nas discussões, mostrou-se que o comparativo direto entre os períodos anterior e posterior à lei vigente revela um crescimento da taxa média de homicídios no país (1,36%) e elevação no uso de armas de fogo na prática destes crimes (9%).

Os indicadores vão além e comprovam que, desde o estatuto, os crimes letais com arma de fogo seguem aumentando em ritmo superior ao dos cometidos com outros meios, ultrapassando, inclusive, a taxa de crescimento registrada no total de assassinatos.

O primeiro ano de vigência do Estatuto do Desarmamento foi 2004, ano em que foram registrados no país 48.374 homicídios, sendo 34.187 com uso de arma de fogo.

Nove anos depois, em 2012, o Brasil registrou o recorde da série histórica, com 56.337 assassinatos, dos quais 40.077com emprego de arma de fogo.

O número total de homicídios no país, assim, aumentou 16,46% entre 2004 e 2012 (de 48.374 para 56.337) – período integralmente sob vigência do estatuto.

Já o número de assassinatos especificamente cometidos com arma de fogo registrou um incremento de 17,23% no mesmo período (de 34.187 para 40.077), acima, portanto, do aumento geral dos crimes de morte.

Os homicídios cometidos com outros meios foram os que cresceram menos, saindo de 14.187 para 16.260 casos – aumento de 14,61%.

Outros números:

2013 – 56.804 homicídios

2014 – 52.336 homicídios

2015 – 59.080

Os registros limitados ao período de sua vigência são claros ao evidenciar que não houve a mais ínfima contenção na evolução do uso de armas de fogo para a prática de crimes letais.

A drástica restrição legal à circulação de armas não conseguiu nem mesmo estabilizar estatisticamente seu uso criminal, o que, caso ocorresse, resultaria num crescimento das mortes com arma de fogo no mesmo ritmo do total de homicídios.

 

Fonte: https://www.diariodobrasil.org/numeros-comprovam-o-fracasso-do-estatuto-do-desarmamento/

Quatro bandidos são mortos em São Paulo do Potengi

Um confronto entre bandidos e policiais terminou com um saldo de quatro bandidos mortos. Nenhum policial foi atingido. Os criminosos estavam em um sítio, que ainda vai ser devulgado, quando houve o confronto que terminou com as mortes desses  bandidos.

Aguardamos maiores informações.

Corpo é encontrado dentro de porta-malas de táxi na Grande Natal

Corpo é encontrado dentro de táxi na região metropolitana de Natal (Foto: Redes sociais)

Um corpo foi encontrado dentro do porta-malas de um táxi deixado em uma estrada de terra em São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Natal. O caso aconteceu na manhã desta segunda-feira (11) próximo à comunidade Ruy Pereira. A vítima ainda não foi identificada.

O taxi é de Extremoz, cidade que também fica na região metropolitana de Natal. Equipes da Polícia Militar estão no local. O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foi ao local para dar início à perícia e recolher o corpo.

O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil.

Fonte: https://g1.globo.com/

Em menos de 8 dias dois policiai são assassinados no RN

Em menos de completar 8 dias da morte do último policial, que foi executado em Parnamirim/RN, hoje, 08, por volta das 16:30 horas, em Nova Natal, Lagoa Azul, foi morto mais um policial. De acordo com a PM, o cabo Melqui Djalcy Rodrigues tinha 41 anos de idade e pertencia ao 4º Batalhão da corporação. Este foi o 15º PM assassinado neste ano.

Sábado foi assassinado o PM, soldado, Kelves Freitas de Brito, em Parnamirim.

Com  a palavra o excelentíssimo governador Robinson Faria

Cabo Melqui Djalcy Rodrigues foi morto com tiros na cabeça em Natal (Foto: Arquivo Pessoal)
Cabo Melqui Djalcy Rodrigues foi morto com tiros na cabeça em Natal (Foto: Arquivo Pessoal)

Bandidos voltam a atacar veículos do RN e ameça segurança pública

Desde sábado passado o Estado do Rio Grande do Norte vem sofrendo ataques da parte dos bandidos. O primeiro crime foi contra um ônibus que passava pelo Bairro Nordeste, este foi incendiado. Depois mais outros veículos foram alvos; sendo dois incendiados na  noite de ontem, 06, na cidade de Mossoró/RN. Um carro de bombeiro e uma ambulância. Em Umarizal um carro foi incendiado dentro do pátio da prefeitura.

Ninguém sabe quais as razões, além de cometer crimes contra o Estado; quais as reivindicações dos bandidos.

O que circulou pelas redes sociais, foi um áudio em que uma pessoa identificada como um dos líderes dizia que os comparsas não eram para atacar gente comum; mas que além de incendiar ônibus e carros do Estado, deveriam matar policiais.

Ainda no sábado, dia 02, um policial foi morto no município de Parnamirim/RN.

Base do Corpo de Bombeiros da BR-304, em Mossoró, foi alvo de criminosos; uma ambulância e um carro da corporação foram incendiados (Foto: CBM/Divulgação)
Base do Corpo de Bombeiros da BR-304, em Mossoró, foi alvo de criminosos; uma ambulância e um carro da corporação foram incendiados (Foto: CBM/Divulgação)

 

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/viaturas-do-corpo-de-bombeiros-sao-incendiadas-em-mossoro-veja-video.ghtml

Motorista e também cunhado do prefeito de Extremoz, foi alvo de tiros na noite desta terça-feira (5)

Motorista e cunhado do prefeito de Extremoz foi atingido por vários disparos (Foto: Divulgação Polícia Militar ) 

O motorista e também cunhado do prefeito de Extremoz, município da Grande Natal, foi alvo de tiros na noite desta terça-feira (5) no bairro Neópolis, na Zona Sul da capital. De acordo com a Polícia Militar, o homem estava sozinho no veículo na rua Porto de Pedras, por volta das 19h30, quando foi atingido pelos disparos. Tiros partiram de um carro Corolla.

Leandro de Souza Costa, de 30 anos, foi socorrido ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho e se recupera de duas cirurgias. A Polícia Militar não sabe o que motivou o crime. Ninguém foi preso.

Fonte: https://g1.globo.com

ai, filhos e genro são mortos em chacina no interior potiguar

Vítimas, cinco pessoas de uma mesma família, foram mortas dentro de casa (Foto: Cleto Filho)

Um pai, três filhos e um genro foram mortos a tiros em uma chacina ocorrida na madrugada desta quarta-feira (6) no município de Lagoa Nova, na região Seridó potiguar. Uma outra filha foi socorrida em estado grave. De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu no bairro Antônio Aciole, por volta de 1h. Dois homens chegaram em uma casa se identificando como policiais civis que estavam à procura de drogas e armas. Um outro homem ficou do lado de fora, em um carro, e ajudou a dupla a fugir.

Ainda segundo a PM, na residência estavam três homens, dois adolescentes, três mulheres e duas crianças de colo. Os criminosos mandaram as mulheres saírem de perto, juntamente com as crianças, e atiraram nos homens. Os cinco morreram na hora.

O pai foi identificado como Francisco Sales Bezerra dos Santos, de 37 anos. Dos filhos são gêmeos: Francisco Jhon Lenon Pietra dos Santos e Francisco Jhon Pietra dos Santos, ambos de 15 anos. O outro irmão é Francisco Alejandro Pietra dos Santos, de 19. E o genro, Daniel da Silva, de 20.

A filha de Francisco Sales, até a última atualização desta matéria, permanecia internada em um hospital de Natal. As outras duas mulheres e os dois bebês que estavam na casa não foram feridos.

“Foi uma noite de terror para a família e para a sociedade”, disse o cabo Esdras de Azevedo, um dos policiais militares que atendeu a ocorrência.

Motivação

Em contato com o G1, o delegado Paulo Ferreira, da regional de Currais Novos, disse que ainda é cedo para apontar a motivação da chacina. No entanto, ele disse que as vítimas tinham um histórico de crimes na região. “Assaltos, furtos e envolvimento com o tráfico de drogas”, afirmou. “Essa é uma das linhas de investigação. Eles foram executados a tiros de grosso calibre. Isso é fato. Agora, particularmente, acho que foram mortos como represália a algum crime que cometeram”, acrescento

Fonte: https://g1.globo.com/

Acidente entre dois carros deixa um morto na terra de Santa Cruz

Na tarde de ontem, 03, dois carros colidiram na BR 226 próximo a cidade de Santa Cruz; um Corolla e um Fiat. No Corolla estava o caicoense, dentista e professor da UERN, Danilo Gonzaga, que morreu ao dar entrada no hospital. Danilo deixa esposa e um filho.
A UERN anuncia luto oficial por três dias.

Danilo Gonzaga era muito querido na cidade de Caicó/RN- Foto: da Internet
Carro do dentista ficou muito destruído/ Foto do Whatsapp

Adolescente de 15 anos confessa que atirou em bombeiro mirim durante assalto em Natal

G1RN – Um adolescente de 15 anos foi apreendido sob suspeita de ter assassinado no bombeiro mirim Luan Thales da Silva, de 20 anos, que morreu no início do mês após uma tentativa de assalto em Natal. Ele foi detido em flagrante nesta terça-feira (23), quando realizava um arrastão no centro da capital potiguar.

De acordo com o delegado Ernani Júnior, responsável pela investigação do caso, depois de apreendido o adolescente confessou que atirou em Luan Thales, e disse que fez isso porque o rapaz teria reagido ao assalto.

Do Blog: isso mostra que a redução da idade penal para 16 anos não resolve o problema dos crimes. Mas uma LEI mais severa; mais dura para os agentes que praticam os crimes dolosamente. Principalmente contra a VIDA,  e o patrimônio quando esse terminar em morte da vítima. O importante é o Estado entender que quem pratica crime como se adulto fosse, deve responder como adulto, independentemente da idade que tenha quando praticar o fato típico.

Luan Thales da Silva morreu no hospital, onde estava internado desde a quarta-feira (9) (Foto: Arquivo pessoal)
Luan Thales da Silva morreu no hospital, onde estava internado desde a quarta-feira (9) (Foto: Arquivo pessoal)

Polícia Civil prende homem e apreende drogas e anabolizantes em Natal

Material foi apreendido pela Polícia Civil do RN na Operação Etiqueta Falsa (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Material foi apreendido pela Polícia Civil do RN na Operação Etiqueta Falsa (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Do G1RN

A Polícia Civil prendeu um homem e apreendeu comprimidos de ecstasy, cerca de R$ 30 mil, anabolizantes e frascos de lança-perfume nesta quinta-feira (17), em Natal. O homem preso é suspeito de integrar uma quadrilha de traficantes de drogas sintéticas.

A operação denominada de “Etiqueta Falsa” foi encabeçada por policiais da Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc). O suspeito foi detido na casa em que morava, no bairro Neópolis, Zona Sul da capital.

De acordo com a Polícia Civil, a droga e os anabolizantes eram enviados de fornecedores nos estados de São Paulo e Paraná, e chegavam pelos Correios. O suspeito usava nomes falsos de remetente e destinatário nas correspondências, para dificultar as investigações.

As apurações da polícia continuam. Segundo o delegado Renê Lopes, um dos que participaram da aço, outras pessoas ainda estão sendo procuradas. Os anabolizantes e comprimidos de ecstasy apreendidos, seriam comercializados em festas de música eletrônica e academias de musculação.

Adolescentes de 14 anos é morta a tiros e casa incendiada na Grande Natal

 Juliana Marcelino de Oliveira tinha 14 anos  (Foto: Marksuel Figueredo/Inter TV Cabugi)
Juliana Marcelino de Oliveira tinha 14 anos (Foto: Marksuel Figueredo/Inter TV Cabugi)

Do G1RN

Uma adolescente foi morta a tiros na madrugada desta quinta-feira (17) dentro de uma casa na comunidade Baixa do Rato, em Ceará-Mirim, cidade da Grande Natal. Um outro adolescente, de 17 anos, que também estava na residência, foi baleado e socorrido ao hospital. Por fim, os criminosos ainda incendiaram o imóvel. Ninguém foi preso.

Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 4h30, quando cinco homens invadiram a casa. Na residência estavam uma mulher com seus cinco filhos e mais um rapaz conhecido da família. Um dos filhos era Juliana Marcelino de Oliveira, de 14 anos.

Ainda de acordo com os policiais, os bandidos queriam saber onde estava o namorado de Juliana. Como não foi encontrado, começaram a atirar. Os disparos atingiram a garota, que morreu no local. Os tiros também acertaram o rapaz. Na fuga, os criminosos ainda atearam fogo na residência. A mãe os outros filhos não foram feridos. O adolescente que também foi baleado foi socorrido ao hospital, mas ainda não há informações sobre o estado de saúde dele.

Outro homicídio

Mais cedo, por volta das 2h, a PM já havia registrado um outro homicídio na cidade. A vítima foi Aldemir Augusto dos Santos, de 29 anos. Os assassinos, segundo os policiais, invadiram a casa dele em busca de drogas e armas.

Sargento da PM é suspeito de matar a própria mulher a tiros na Zona Oeste de Natal

Rosivânia Maria da Silva tinha 36 anos (Foto: Arquivo da Família)

Uma mulher foi assassinada a tiros na madrugada desta quarta-feira (16) no bairro das Quintas, na Zona Oeste de Natal. O suspeito do crime é o próprio marido dela, um sargento da Polícia Militar lotado no 9º BPM, que fugiu. A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação da PM. A vítima foi identificada como Rosivânia Maria da Silva, de 36 anos. Segundo familiares, eles eram casados há 14 anos.

Em relatório, os policiais que atenderam a ocorrência disseram que um vizinho foi quem chamou a polícia, e que afirmou ter ouvido pelo menos três disparos. Em seguida, também relatou ter ouvido o policial dizer, ao fugir em uma motocicleta, que estava indo atrás de outra pessoa para “terminar o serviço”. O vizinho relatou, ainda, que viu todo o ocorrido pela janela de sua residência.

Por fim, os policiais contam que a mulher ainda chegou a ser atendida por socorristas do SAMU, mas que ela não resistiu e morreu a caminho do hospital.

O PM está sendo procurado.

Fonte: https://g1.globo.com/rn