Category: Segurança

O RN chaga a 2.238 mortos por violência

Noite da segunda-feira (4) foi violenta em Ceará-Mirim, que registrou dois assassinatos (Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi)
Noite da segunda-feira (4) foi violenta em Ceará-Mirim, que registrou dois assassinatos (Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi)

Com duas mortes, até agora confirmadas, na noite de ontem,04, na cidade de Ceará-Merim no Rio Grande do Norte, o número de mortes chegaram a 2.238. Uma elevação aterrorizante da violência no Estado, o que contraria o discurso do governador Robinson Faria que pregou na sua campanha que seria o governador da segurança.

Os dois homicídio foram separadamente, no do segundo, a vítima foi Rafael Santos da Silva, de 17 anos, que foi morto a tiros de espingarda calibre 12. O crime foi no bairro Nova Descoberta. Com medo, a vizinhança também não ajudou muito o trabalho da polícia.

A cidade de Ceará-Merim chegou a um total de 139 mortos, fazendo dela o terceira cidade do RN mais violenta.

Governo do RN dispensa licitação e concurso da PM vai custar R$ 1,4 milhão

Resultado de imagem para PM rn
Foto: da internet

O governo do Rio Grande do Norte publicou na edição desta terça-feira (5) do Diário Oficial do Estado um Termo de Dispensa de Licitação referente ao concurso público que deve ser realizado ainda este ano para praças da Polícia Militar.

Com a dispensa, ficou acertado que o Estado vai pagar R$ 1,470 milhão ao Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE) prestar os serviços de organização e realização do concurso.

O Termo de Dispensa de Licitação foi assinado pelo secretário da Administração e dos Recursos Humanos Cristiano Feitosa Mendes.

Hoje, segundo a própria PM, existe um deficit de 5.792 policiais militares no estado.

Salário

Hoje, o salário de um soldado da PM no Rio Grande do Norte é de R$ 2.904 ao ser incorporado (nível 1). No caso de um aluno oficial, ele recebe no 1º ano de curso de aspirante a tenente R$ 4.486,68. Caso chegue a coronel, que é a patente mais alta na corporação, o salário a receber é de R$ 18.945,31.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/governo-do-rn-dispensa-licitacao-e-concurso-da-pm-vai-custar-r-14-milhao.ghtml

Bandidos rendem vigilante, abrem cofre e levam mais de R$ 20 mil de agência dos Correios no RN

Resultado de imagem para Correio de São José RN
Foto: Internet

Criminosos armados assaltaram os Correios de São José de Mipibu, cidade da Grande Natal, no início da manhã desta segunda-feira (4). Um vigilante da agência foi rendido e obrigado a abrir o cofre. Segundo a Polícia Militar, os bandidos levaram mais de R$ 20 mil.

Ainda de acordo com a PM, pelo menos seis homens armados chegaram a casa do vigilante por volta das 5h. Rendido, ele foi levado à agência e obrigado a abrir o cofre. Os bandidos retiraram o dinheiro e fugiram de carro. O segurança não foi ferido.

A PM disse que faz buscas pela região, mas até a última atualização desta matéria nenhum suspeito havia sido encontrado.

Fonte:https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/bandidos-rendem-vigilante-abrem-cofre-e-levam-mais-de-r-20-mil-de-agencia-dos-correios-no-rn.ghtml

Ex-governador de Alagoas era ‘Bobão’ na planilha da Odebrecht, diz Polícia Federal

Resultado de imagem para Teotônio Vilela Filho (PSDB)

A Polícia Federal informou que o ex-governador de Alagoas Teotônio Vilela Filho (PSDB) aparece na lista de propinas da Odebrecht sob o apelido de ‘Bobão’ e teria recebido R$ 2,1 milhões em propina em três parcelas. Ele foi alvo da Operação Caribdis, deflagrada nesta quinta-feira (30) em Maceió, Salvador (BA), Limeira (SP) e Brasília para investigar fraudes em obras do Canal do Sertão.

A ação é desdobramento da Operação Lava Jato. Além do ex-governador, também foram alvos Marco Antônio Fireman, que à época era secretário de Infraestrutura do Estado; e pessoas ligadas às empreiteiras Odebrecht e OAS.

“Na 23° fase da Operação Lava Jato, foi apreendida uma planilha e lá constavam alguns apelidos. Aqui para Alagoas eram Bobão, Faisão e Fantasma. Esses três apelidos somam a importância de R$ 2.814.000. Na oitiva dos delatores da Odebrecht eles falaram que esses valores foram pagos à cúpula passada do governo de Alagoas”, disse o delegado Antônio José Lima de Carvalho, da PF.

Segundo a PF, Fantasma é o ex-secretário Marcos Antônio Fireman, que atualmente é secretário de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde, e Faisão é Fernando Nunes, ex-secretário executivo da Infraestrutura do estado.

A assessoria de Teotônio Vilela informou que o ex-governador vai se pronunciar sobre o assunto por meio de nota. A reportagem do G1 não conseguiu contato com as defesas de Fireman e nem de Nunes.

Fonte: https://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/ex-governador-de-alagoas-era-bobao-na-planilha-da-odebrecht-diz-policia-federal.ghtml

TRE mantém prisão preventiva de Garotinho e manda soltar Rosinha

Brasília - Anthony Garotinho, acompanhado de sua esposa, Rosinha, esteve na Câmara esta tarde. (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Os ex-governadores do Rio Rosinha e Anthony Garotinho Fabio Rodrigues Pozzebom/Arquivo/Agência Brasil

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio de Janeiro decidiu manter a prisão do ex-governador Anthony Garotinho e concedeu medida cautelar à mulher dele, a ex-governadora e ex-prefeita de Campos Rosinha Garotinho, permitindo que ela deixe a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, e fique restrita restrita a seu domicílio, com recolhimento noturno em sua residência e monitoramento eletrônico.

Os pedidos foram feitos nesta quarta-feira  (29) pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) e aceitos pelos magistrados do TRE, por unanimidade. A defesa de Rosinha impetrou habeas corpus com igual sentido e sustentou que ela não praticou os fatos imputados ao marido.

Quanto a Garotinho, os desembargadores eleitorais também acompanharam o pedido da procuradoria e mantiveram a prisão preventiva. Eles discordaram da defesa de Garotinho, que sustentou sua inocência.

Atualmente o ex-governador está no Complexo Penitenciário de Bangu, após ter sido transferido de Benfica, pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), por ter supostamente inventado um caso de agressão.
Garotinho está preso por determinação da justiça Eleitoral de Campos dos Goytacazes, berço político do casal, que ocupou a prefeitura do município mais de uma vez. A Procuradoria Regional Eleitoral acusa Garotinho de ter recebido R$ 3 milhões em caixa 2 do grupo J&F, durante a campanha eleitoral ao governo do estado em 2014.

Também sustenta que houve coação e ameaça, inclusive com uso de armas de fogo, por meio de um emissário, e da máquina pública, para o recebimento dos valores, de empresários. “O paciente possui personalidade voltada para o crime”, declarou o procurador regional eleitoral, Sidney Madruga.

O advogado de Garotinho adiantou que vai recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O primeiro parágrafo do texto foi alterado às 20h47 para esclarecimento de informações. O título também foi alterado.

 

Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2017-11/tre-mantem-preventiva-de-garotinho-e-concede-prisao-domiciliar-rosinha

Bruno Gagliasso vai à delegacia prestar queixa contra racismo de socialite

Bruno Gagliasso, Giovanna Ewbank, Titi

Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank enfrentam novamente um caso de racismo contra a filha deles, Titi. Na manhã desta segunda-feira, 27, Brunochegou na Cidade da Polícia, no Rio de Janeiro, para prestar queixa contra Day McCarthyque fez ofensas racistas contra a pequena na web.

No sábado, 25, Day disse que a filha dos atores era uma “macaca horrível” e que tinha o “cabelo de pico de palha“. “A menina é preta, tem um cabelo horrível de pico de palha e um nariz de preto, horrível, e o povo fala que a menina é linda?“, disse a socialite na web, provocando ira dos internautas.

De acordo com o site G1, o casal de atores disse que planeja abrir um processo judicial no país onde a socialite mora, ou seja, no Canadá. Já no Brasil, a polícia disse que assim que o registro for feito vai investigar o caso. Essa já é a segunda vez, em um intervalo de pouco mais de um ano, que Bruno vai à polícia prestar queixa, por conta de racismo contra a filha.

Veja o vídeo de racismo:

 

Fonte: http://br.eonline.com/enews/bruno-gagliasso-vai-a-delegacia-prestar-queixa-contra-racismo-de-socialite/

Funcionária é feita refém em tentativa de assalto a posto de combustíveis na Grande Natal

PMs negociam libertação da funcionária, feita refém durante o assalto frustrado ao posto de combustíveis (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
PMs negociam libertação da funcionária, feita refém durante o assalto frustrado ao posto de combustíveis (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Uma mulher, funcionária de um posto de combustíveis, é mantida refém por dois assaltantes na manhã desta segunda-feira (27) em Parnamirim, cidade da Grande Natal. Ela foi trancada na sala da gerência após a chegada da polícia, que frustrou a ação dos criminosos.

Repórter da Inter TV Cabugi, Kleber Teixeira está no local e acompanha a negociação da Polícia Militar na tentativa de libertar a refém. Os criminosos exigem a presença da imprensa, de familiares e de um advogado.

Segundo o coronel Zacarias Mendonça, comandante do policiamento da região metropolitana, os assaltantes chegaram ao posto por volta das 7h40 e, desde então, com a chegada da polícia, mantêm a funcionária trancada. “Eles prometerem se entregar quando o advogado deles chegar. Estamos aguardando. Vai dar tudo certo”, ressaltou.

 

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/funcionaria-e-feita-refem-em-tentativa-de-assalto-a-posto-de-combustiveis-na-grande-natal.ghtml

Casal é morto durante assalto no interior do Rio Grande do Norte

João Everson Costa da Silva e maria Eloíse Augustina da Silva foram mortos durante uma assalto na cidade de Boa Saúde (Foto: Reprodução/Facebook)
João Everson Costa da Silva e maria Eloíse Augustina da Silva foram mortos durante uma assalto na cidade de Boa Saúde (Foto: Reprodução/Facebook)

Um casal foi morto durante um assalto na zona rural do município de Boa Saúde, no interior do Rio Grande do Norte. O crime aconteceu na madrugada deste domingo (26), próximo ao Sítio Nova Cruz.

De acordo com a Polícia Militar, João Everson Costa da Silva, de 23 anos, e a companheira dele, Maria Eloísa Augustino da Silva, de 21, foram encontrados mortos na estrada que dá acesso ao sítio, por onde seguiam de moto. Eles teriam sido abordados por assaltantes, que tomaram o veículo e mataram os dois.

A polícia ainda não tem pistas sobre onde estão os criminosos.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/casal-e-morto-durante-assalto-no-interior-do-rio-grande-do-norte.ghtml

Garotinho agora prefere ficar em Bangu 8, diz advogado

O deputado Anthony Garotinho
O deputado Anthony Garotinho (Antonio Cruz/ABr/Agência Brasil)

Transferido na noite da sexta-feira, 24, para a Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira (Bangu 8), no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na zona Oeste do Rio, o ex-governador Anthony Garotinho (PR) avalia que está melhor no novo cárcere. Assim, sua defesa não vai pedir que vá para outra prisão, pelo menos por enquanto, informou o advogado Carlos Azeredo.

Garotinho foi removido da Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, na zona norte do Rio. Na manhã da sexta, denunciou ter sido atacado em sua cela de madrugada por um desconhecido com um taco de beisebol. O agressor teria ferido o ex-governador em um dos joelhos e em um dos pés e feito ameaças mostrando uma pistola. O político deu queixa na Polícia Civil.

Câmeras de vigilância, porém, não registraram nada de anormal. Por isso, a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) anunciou que o político seria punido com a transferência para a cadeia em Bangu. O estabelecimento é de segurança máxima e tem vigilância por vídeo 24 horas por dia, inclusive na cela.

Garotinho, porém, gostou da mudança. Ainda assim, se queixa muito de dores nos locais onde teria recebido as pancadas. “Melhor em Bangu que em Benfica”, resumiu o advogado. Aparentemente, Garotinho, que está preso acusado de crime eleitoral em Campos dos Goytacazes, no norte fluminense, está satisfeito por não estar mais na mesma prisão onde estão o ex-governador Sérgio Cabral Filho (PMDB) e integrantes de seu grupo político. Mais cedo, porém, a família de Garotinho divulgou uma nota criticando a Seap e questionando a punição.

 

 

Fonte: https://exame.abril.com.br/brasil/garotinho-agora-prefere-ficar-em-bangu-8-diz-advogado/

Duas mulheres são encontradas mortas em terreno baldio na Zona Oeste de Natal

Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Duas mulheres, aparentemente menores de idade, foram encontradas mortas na manhã deste sábado (25) em um terreno baldio no bairro Bom Pastor, na Zona Oeste de Natal. Segundo a Polícia Militar, os corpos apresentam cortes profundos. Ainda não há pistas dos assassinos ou motivação para o duplo homicídio.

Ainda de acordo com a PM, há sinais de tortura. Uma delas teve partes dos dedos de uma das mãos arrancados e uma orelha foi decepada, além de um corte extenso no pescoço. A outra tem perfurações profundas na barriga e no rosto.

Os policiais disserem que ninguém reconheceu os corpos. Acham que as jovens foram atraídas ao local para consumir drogas e que, provavelmente, pela crueldade, foram mortas por terem envolvimento com alguma facção criminosa rival.

O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/duas-mulheres-sao-encontradas-mortas-em-terreno-baldio-na-zona-oeste-de-natal.ghtml

Adriana Ancelmo chega a presídio onde também está Cabral

Adriana (de gola branca no banco de trás) fez exame de corpo de delito e chegou às 20h15 na prisão Luiz Ackermann / Agência O Dia

A mulher do ex-governador Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo, deixou seu apartamento no Leblon, no início da noite desta quinta-feira, e voltou para a cadeia. A ordem de prisão preventiva partiu da 1ª Seção Especializada do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2). Os desembargadores acataram o pedido do Ministério Público Federal (MPF) pela revogação do recolhimento domiciliar que beneficiava a advogada desde março.

Condenada em primeira instância, em setembro, a 18 anos e 3 meses de prisão por lavagem de dinheiro e associação criminosa, no âmbito da Lava Jato, Adriana foi para o presídio José Frederico Marques, em Benfica, destinado a presos com ensino superior, foro privilegiado ou determinação judicial. Além de Sérgio Cabral, estão na mesma cadeia os ex-governadores Anthony e Rosinha Garotinho e os deputados estaduais Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi.

O julgamento, realizado à tarde, terminou com 3 votos a 2 pela conversão do regime domiciliar para fechado. Os desembargadores Abel Gomes e Paulo Espírito Santo acompanharam o voto do relator, Marcello Granado, a favor da volta de Adriana para a cadeia. Simone Schreiber e Ivan Athié, que presidiu a sessão, divergiram dos três primeiros.

A prisão domiciliar havia sido autorizada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). O advogado de defesa, Renato de Moraes, argumenta que a ex-primeira-dama tem esse direito porque seu filho mais novo é menor de 12 anos (tem 11) e precisa da presença da mãe. Moraes avisou que vai recorrer ao STJ. Adriana chegou a ficar reclusa em Bangu de dezembro, quando foi presa na operação Calicute, até março.

O MPF sustentou que o regime domiciliar representava “quebra de isonomia”, já que milhares de mães brasileiras estão presas. Ponderou também que a liberdade da ré compromete a garantia da ordem pública e da instrução criminal, tornando “altamente provável” a continuidade da ocultação de patrimônio obtido ilicitamente por ela e pessoas próximas.

 

Fonte: http://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2017-11-23/adriana-ancelmo-chega-a-presidio-onde-tambem-esta-cabral.html

 

Garotinho e esposa são presos por mais uma acusação.

Resultado de imagem para Anthony Garotinho e esposa sendo presos hoje dia 22 de novembro de 2017
Foto: Internet

O ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho e a sua mulher, Rosinha, também ex-governadora e ex-prefeita de Campos dos Goytacazes, no Norte do Estado, foram presos nesta quarta-feira (22) em um desdobramento da Operação Chequinho, que apura crimes eleitorais.

Eles negam as acusações de irregularidades, pelas quais são suspeitos de corrupção, participação em organização criminosa. O esquema de arrecadação de dinheiro de caixa 2 comandado pelo ex-governador Anthony Garotinho (PR) funcionou em pelo menos quatro campanhas eleitorais (2010, 2012, 2014 e 2016), segundo apontam as investigações da Polícia Federal e do Ministério Público Estadual do Rio. Em uma delas, 2014, Garotinho fez pelo menos uma reunião com empresários e exigiu R$ 5 milhões para financiar a sua candidatura ao governo fluminense, de acordo com o texto do pedido de prisão.

Agora mesmo, acabou de passar no Jornal Nacional da Globo que Garotinho tratava na questão, quando cobrava as propinas, com palavrões, o que é de se estranhar, visto que, o comportamento do ex-governador, como comunicador de rádio e em outras oportunidades, não tenha mostrado comportamentos de uso de palavras de baixo calão.

Fonte: https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/garotinho-fez-reuniao-para-arrecadar-dinheiro-de-caixa-2-diz-empresario.ghtml

 

Operação que investiga crimes em presídios do RN apreende dinheiro; advogados, agentes e ex-policial são alvos

Operação ‘Queijo Suíço’ investiga envolvimento de servidores públicos em fugas de presídios do estado, principalmente de Alcaçuz (Foto: Sejuc/Divulgação)

A operação ‘Queijo Suíço’, que investiga a atuação de servidores públicos em crimes dentro do sistema prisional potiguar, apreendeu uma considerável quantia em dinheiro. É o que garante a Polícia Civil, que afirma ter descoberto um esquema que envolve a participação de pelo menos 15 agentes penitenciários, dois advogados e um ex-policial civil na facilitação de fugas e entrada ilegal de armas, drogas e aparelhos celulares em presídios do estado. O valor apreendido e os nomes dos suspeitos não foram divulgados.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, os investigados foram alvo de 18 mandados de busca e apreensão, e mais 22 de condução coercitiva (quando a pessoa é levada à delegacia para prestar depoimento) cumpridos na manhã desta quarta (22). Três esposas de agentes penitenciários também foram levadas para prestar esclarecimentos.

“Não podemos dar nomes e nem revelar a quantia em dinheiro que foi apreendida porque as investigações estão em segredo de Justiça”, explicou o delegado-geral Correa Júnior, em entrevista coletiva.

O delegado também disse que os envolvidos devem ser indiciados por crimes de corrupção, facilitação de fuga, lavagem de dinheiro, associação criminosa e introdução de objetos ilícitos em presídios.

Queijo Suíço

A denominação da operação, ainda de acordo com Correa Júnior, é uma alusão às constantes fugas registradas nos presídios potiguares, principalmente por meio de túneis. Alcaçuz, que é a maior penitenciária do estado, muitas vezes foi chamada de ‘queijo suíço’ em razão dos inúmeros buracos que eram encontrados após as fugas que corriqueiramente aconteciam na unidade até o início do ano, quando acabou estourando as rebeliões que findaram com a morte de 26 detentos.

A operação é fruto de uma ação conjunta do Núcleo Especial de Investigação Criminal (NEIC) da Polícia Civil com apoio técnico do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público e suporte da Secretaria Estadual de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed).

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/

Vídeo: Policial, com sua criança no braço, enfrenta dois dois bandidos e os mata

No final da tarde de sábado, 18, o policial militar entrou na Bifarma, localizada na Praça Castelo Branco, no Centro, com o filho pequeno de colo e a esposa, para comprar medicamentos. Enquanto o balconista atendia a sua esposa, entraram dois assaltantes com capuzes e arma em punho, anunciando o roubo.

Casal morre, por asfixia, quando fazia sexo de forma insegura

Carro onde foram encontrado os corpos / Foto: Getty Images

Um casal morreu asfixiado dentro do próprio carro numa estrada rural de Campo Novo do Parecis, cidade no interior do estado brasileiro de Mato Grosso, durante o que a polícia local classificou como uma provável sessão de sexo. Os corpos foram encontrados já sem vida no banco de trás do automóvel, completamente nús.

De acordo com a perícia inicial realizada no veículo e nos corpos das duas vítimas, Cleiton Ficner, de 28 anos, e Anágela Alencar, de 24, morreram sufocados dentro do carro, totalmente fechado, devido à aspiração de monóxido de carbono expelido pelo próprio veículo, que foi mantido ligado, e que, por motivos ainda não esclarecidos, invadiu o compartimento interno.

Anágela Alencar e seu namorado Cleiton Ficner / Foto: Getty Images

Ainda de acordo com a perícia, não há qualquer vestígio de violência nos corpos que possa levantar a suspeita de ação criminosa de terceiros.

A polícia do Mato Grosso adiantou que as primeiras informações sobre o caso apontam que Cleiton e Anágela se amavam, mas que eram forçados a manter o seu relacionamento em completo segredo. Por isso, procuravam locais ermos e discretos para se encontrarem, como a estrada rural na periferia da cidade, onde foram localizados já sem vida.

Fonte: http://www.cmjornal.pt/mundo/detalhe/morrem-asfixiados-dentro-de-carro-durante-sessao-de-sexo