Category: Segurança

Mulher é a sexta pessoa morta a tiros em menos de 48 horas em Caicó, RN

pm_ldl88GV

Uma mulher foi assassinada a tiros dentro de um salão de beleza na Zona Oeste de Caicó, município do seridó potiguar, na tarde desta quarta-feira (20). De acordo com a PM, a vítima era a dona do salão, que estava trabalhando quando foi baleada. Esta é a sexta pessoa morta a tiros em Caicó nas últimas 48 horas.

De acordo com a Polícia Militar, dois homens em uma motocicleta chegaram ao salão e atiraram várias vezes. Além da dona do salão, que segundo a PM era o alvo, uma outra mulher foi baleada na perna. Ninguém foi preso.

Populares acionaram a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a dona do salão de beleza não resistiu e morreu antes do socorro. A segunda mulher baleada foi socorrida no carro da Polícia Militar e levado até o Hospital Regional do Seridó, em Caicó. Segundo a PM, a mulher não corre risco de morrer.

Esta é a sexta pessoa morta a tiros em Caicó nas últimas 48 horas. Na manhã desta quarta, quatro pessoas morreram em confronto com a PM. De acordo com o Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) de Caicó, as vítimas foram identificadas como Arlindo Monteiro de Oliveira, de 26 anos, Afonso de Oliveira Júnior, de 20 anos, Anderson Caio Silva de Barros, de 18. A outra vítima era um adolescente de 16 anos.

Antes disso, um cabo da Polícia Militar já havia sido morto na manhã da terça-feira (19), no bairro Alto da Boa Vista, na Zona Norte de Caicó. Assim como no crime ocorrido com a cabeleireira, Edinaldo da Costa Rangel, de 48 anos, estava dentro de um carro quando dois homens se aproximaram em uma moto e atiraram nele. Dois suspeitos foram presos, mas logo liberados porque as características não batiam com o relato de testemunhas.

Do G1

Parabéns para a PM: quatro homens são mortos em troca de tiros com a PM em Caicó, RN

pm_Yasvzp4

Quatro pessoas foram mortas a tiros na manhã desta quarta-feira (20) em um confronto com a Polícia Militar na cidade de Caicó, no Seridó potiguar. De acordo com a PM, outros seis homens fugiram do local.

O confronto aconteceu por volta das 8h. A PM recebeu a denúncia de que um grupo estava em atitude suspeita dentro de um sítio na região do bairro Recreio. Dez homens estavam no local e, quando a equipe da polícia chegou, houve troca de tiros.

Segundo a PM, quatro homens foram socorridos ao Hospital Regional do Seridó, mas não resistiram. Os outros seis conseguiram fugir. No local do confronto, foram apreendidos uma pistola, dois revólveres e drogas.

Polícia prende grupo suspeito de roubar residências em Natal

 

Brasília - A presidenta Dilma Rousseff em entrevista a veículos estrangeiros no Palácio do Planalto disse que o Brasil tem um “veio golpista adormecido”  (Roberto Stuckert Filho/PR)

A Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (DEFUR) realizou uma Operação, na manhã desta terça-feira (19), e prendeu três homens que são suspeitos de terem realizado vários roubos em residências de Natal. Durante a ação policial, que contou com apoio de equipes da 12a. Delegacia de Polícia, da 4ª Delegacia de Polícia e da Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc), os policiais civis cumpriram mandados de busca, apreensão e prisão.

Foram detidos em cumprimento a mandados de prisão:Luan Henrique Ferreira de Souza, 19 anos e Demonhiell Moura Galdino de Oliveira, 22 anos. Hudson Pereira da Silva, 22 anos, foi preso em flagrante com um revólver calibre 32, uma balança de precisão e porções de droga. “Nós já sabíamos que este grupo de suspeitos, que mora na Zona Norte, era responsável por vários assaltos ocorridos em Natal. Ainda vamos continuar investigando para averiguarmos se existem mais suspeitos”, afirmou a delegada da DEFUR, Ana Paula Diniz.

Na casa dos suspeitos, a Polícia apreendeu produtos oriundos dos crimes como jóias, roupas, bolsas, notebooks, televisões e celulares. Casa alguma das vítimas reconheça os suspeitos, a Polícia Civil solicita que compareça a DEFUR, localizada no Complexo de Delegacias Especializadas (Av. Ayrton Senna).

Dono de pousada na Pipa, RN, morre após mergulhar em cachoeira em GO

empresario

O empresário paulista Luiz Henrique Ribeiro, proprietário de uma pousada no litoral Sul doRio Grande do Norte, morreu após pular de uma cachoeira na Chapada dos Veadeiros, emGoiás. De acordo com a Polícia Militar goiana, o acidente aconteceu no domingo (17).

Luiz Henrique estava viajando com amigos. Ele mergulhou em uma cachoeira e desapareceu. O corpo do empresário foi encontrado nesta segunda-feira (18) no rio dos Couros.

O empresário paulista morava há muitos anos no Rio Grande do Norte. Ele era dono da conhecida pousada Toca da Coruja, localizada na praia da Pipa. A pousada funciona há 25 anos. O corpo de Luiz Henrique será velado e sepultado em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, de onde era natural.

Presos continuam fugindo das cadeias do RN

Penitenciária de Alcaçuz, maior complexo prisional do Rio Grande do Norte (Foto: Canindé Soares/G1)
Penitenciária de Alcaçuz, maior complexo prisional do Rio Grande do Norte (Foto: Canindé Soares/G1)

No RN as fugas estão em mais evidência do que as prisões. Para um governo comprometido com a segurança está difícil dar respostas a altura do prometido. Quase todos os dias são fugas e mais fugas.

As desculpas são de que vão aumentar o efetivo dos agentes penitenciários para evitar as fugas; vai chegar verbas federais ordenadas pelo STF; e tantas outras falas que não justificam os desmandos.

Enquanto isso, o cidadão de Natal e interior do RN vão ficando assustados, com medo de trabalharem; de ir e vir, gerando uma sensação de insegurança.

Ainda ontem, presos na noite desta segunda-feira (18) da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte. A informação foi confirmada pelo diretor Ivo Freire. Três detentos foram recapturados, mas ainda não se sabem se outros detentos conseguiram escapar. No sábado, outros 13 internos fugiram por um túnel. Este ano, sem contar com a fuga desta segunda, 170 presos já escaparam de unidades prisionais do estado.

Segundo Ivo Freire, a fuga aconteceu por volta das 23h. Agentes penitenciários perceberam a movimentação. “Eles viram quando os presos tentavam fugir e avisaram aos policiais da guarda externa”, disse.

Após cair em barranco, motociclista goiano morre na BR-226 no RN

Segundo a PRF, Renato Nery Garcia, de 50 anos, perdeu o controle da motocicleta e caiu em um barranco (Foto: Divulgação/ PRF)
Segundo a PRF, Renato Nery Garcia, de 50 anos, perdeu o controle da motocicleta e caiu em um barranco (Foto: Divulgação/ PRF)

G1 -Um motociclista morreu após cair em um barranco na manhã desta segunda-feira (18), na BR-226 em Currais Novos, no Seridó potiguar. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o homem fazia parte de um grupo que fazia um passeio motociclístico de Goiás até o Rio Grande do Norte. A suspeita é de que o motociclista tenha perdido o controle em curva e caído no barranco.

O motociclista foi identificado como Renato Nery Garcia, de 50 anos. Segundo a PRF, o homem vivia em Goiânia, mas a placa da motocicleta era da cidade de Jataí, também em Goiás. Com a força da batida, o eixo da moto partiu.

Após o acidente, Garcia ainda foi socorrido com vida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado ao Hospital Regional Mariano Coelho, mas não resistiu aos ferimentos.

O corpo de Garcia foi reconhecido por integrantes do clube de motociclistas que acompanhavam a vítima e encaminhado ao Instituto Técnico-Científico de Policia (Itep) de Caicó, também no Seridó potiguar. O destino final do grupo era Natal.

Alternativas para sistema penitenciário no RN dividem opinião de especialistas

unnamed

De quem é a culpa pela crise do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte? Foi com esse questionamento que a deputada Márcia Maia (PSDB) deu início nesta segunda-feira (18) à audiência pública na Assembleia Legislativa que debateu temas como cogestão e contratos temporários no sistema carcerário do Estado.

“Essa é a pergunta que muitos têm feito. Mas a culpa, ao menos no momento, deve ser a última das nossas preocupações. A pergunta que realmente importa diante desta situação de calamidade é o que de fato tem sido feito para resolver essa questão que tem alcançado níveis alarmantes e refletido diretamente no aumento dos índices de violência em nosso estado?”, questionou Márcia Maia.

Segundo dados apresentados pela deputada, até o final de fevereiro deste ano o total de apenados no RN era de 7.799. Contudo, neste mesmo período, o déficit total era de 3.333 vagas, fazendo com que o sistema penitenciário funcione com cerca de 40% acima da sua capacidade.

“Para essa superpopulação de detentos, há 735 agentes penitenciários em atividade nas unidades. A média no RN é de um agente para cada 10 presos, enquanto o recomendado pelo Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP) e pela Organização das Nações Unidas (ONU) é de um agente penitenciário para cada cinco internos”, explicou Márcia.

Questionado sobre as medidas que estão sendo adotadas pelo Governo do Estado para reverter o quadro de calamidade no sistema prisional, o secretário de Justiça e Cidadania, Cristiano Feitosa elencou uma série de ações, dentre elas a possibilidade de adoção do sistema de cogestão das unidades prisionais e a contratação temporária de novos agentes penitenciários.

“A superlotação dos presídios e a ociosidade dos detentos são os principais desafios do sistema. Prevemos a contratação de agentes penitenciários temporários. O ideal seriam 500 novos agentes efetivos, mas nesse momento não é legalmente possível”, disse o secretário, exemplificando que a contratação temporária colaborou com o enfrentamento de crises no sistema prisional de outros Estados.

Sobre a cogestão do sistema, o titular da pasta sinalizou que há a intenção por parte do Executivo Estadual. “A iniciativa privada viria para ajudar em razão de algumas burocracias inerentes ao Estado, que muitas vezes não permitem a agilidade necessária na adoção de algumas medidas. Mas é importante salientar que todas as decisões continuam sendo do Poder Público”, falou Cristiano Feitosa.

O secretário elencou ainda medidas como a aquisição de novos equipamentos como scanner para revista, armas, munição, frota, a implantação de tornozeleiras eletrônicas para monitoramento de presos em regime semiaberto, monitoramento por câmera, entre outras. “Estamos procedendo também licitação para instalação de bloqueadores de sinal de celular nas unidades e desenvolvendo projetos nas áreas de saúde e trabalho prisional”, disse o secretário de Justiça, destacando ainda a elaboração de um projeto para a criação de uma corregedoria para os agentes penitenciários.

Alternativas

Outro tema debatido na audiência foi a adoção do método Apac (Associação de Proteção e Assistência aos Condenados) como alternativa ao sistema prisional em busca de efetividade aos direitos humanos, método defendido pelo representante do Tribunal de Justiça (TJRN), desembargador Saraiva Sobrinho. “Nele os apenados são tratados com dignidade. A sociedade cria o Centro de Recuperação Social. É isto que nós precisamos. As nossas exigências não podem ser centradas apenas no Executivo”, comentou.

O juiz Fábio Ataíde, responsável pelo programa Novos Rumos do TJRN, afirmou que a discussão sobre a possibilidade de cogestão do sistema penitenciário ainda precisa ser aprofundada. “A privatização não é um método comunitário e ainda precisa ser discutida em muitos aspectos. Todas as alternativas precisam ser estudadas”, propôs.

Contrária à contratação temporária de agentes e ao sistema de cogestão das unidades prisionais, a presidente do Sindicato de Agentes Penitenciários do RN, Vilma Batista, defendeu maior atenção e investimentos do Governo do Estado para a categoria e para o setor. “A culpa pelas fugas não é dos agentes, pois estamos lá dando nossas vidas. O que falta é uma gestão comprometida. Perdemos o controle e o respeito dos internos e da sociedade. Queremos concurso público, cadeias públicas e sermos valorizados”, declarou.

Para o presidente da Comissão de Advogados Criminalistas da OAB/RN Gabriel Bulhões, não houve ainda uma resposta enérgica por parte do Governo. “Se o Poder Público der a atenção necessária, não será preciso privatizar. A implementação da lógica empresarial pode causar um problema ainda maior ao sistema carcerário”, observou.

Presente no debate, o deputado Ricardo Motta (PSB) disse que o Governo do Estado precisa priorizar os agentes penitenciários e oferecer melhores condições de trabalho. O senador Garibaldi Alves (PMDB) reforçou que é preciso chegar a um entendimento em favor da sociedade.

Ao final do debate, representantes do município de São Paulo do Potengi fizeram um apelo para que o Governo reveja a ampliação do Centro de Detenção Provisória (CDP) na cidade, que fica próximo a escolas e a população teme que a unidade traga maiores riscos à segurança da comunidade.

A audiência reuniu ainda representantes da Defensoria Pública, Conselho Estadual de Diretos Humanos do RN, Federação Sindical Nacional dos Servidores Penitenciários e classe estudantil.

Homem rouba carro, colide contra viatura e é preso pela PM

noticia_139899

Policiais do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM) prenderam na manhã desta segunda-feira (18), no bairro de Brasília Teimosa, Maicon Willian Pereira, de 21 anos, que estava em posse de um veículo Corolla, de cor branca e placas QGA 1618. O automóvel havia sido roubado pelo infrator em um condomínio do bairro de Nova Parnamirim, na Grande Natal.

Após o roubo, o infrator seguiu pela Avenida Senador Salgado Filho, sendo acompanhado pelos policiais de diversas unidades até o Bairro de Brasília Teimosa, na zona Leste de Natal.

MaiconWillianPereira

Durante a fuga, o suspeito perdeu o controle do veículo e colidiu com uma viatura da Polícia Civil, que estava estacionada próximo 2ª Delegacia de Polícia. Após o acidente, ele acabou sendo detido pelos policiais militares.

Maicon Willian foi encaminhado à Delegacia Especializada na Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (DEPROV), onde será autuado pelos crimes de roubo a mão armada, direção perigosa e dano ao patrimônio.

Sobre o roubo

No início da manhã desta segunda-feira (18), o infrator chegou em um condomínio fechado, no bairro de Nova Parnamirim, onde de posse de uma faca, rendeu o motorista do veículo e realizou o assalto. Câmeras de segurança no local identificaram o infrator que acabou sendo detido minutos depois.

Do Nominuto.com

Calamidade na segurança: Direção da maior penitenciária do RN confirma nova fuga

Saída do túnel foi encontrada na manhã deste sábado (16) por policiais militares da Força Nacional (Foto: Divulgação/Força Nacional)
Saída do túnel foi encontrada na manhã deste sábado (16) por policiais militares da Força Nacional (Foto: Divulgação/Força Nacional)

G1 – A direção da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte, informou na manhã deste sábado (16) que houve uma nova fuga na unidade. Policiais militares da Força Nacional encontraram um túnel aberto do lado de fora. A quantidade de fugitivos, no entanto, ainda não foi confirmada.

Vice-diretor de Alcaçuz, Juciélio Barbosa da Silva disse ao G1 que a fuga aconteceu por um túnel escavado a partir do pavilhão 1. Uma recontagem deve ser feita ainda nesta manhã. Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal. Atualmente, a unidade possui 1.100 detentos. A capacidade, no entanto, é para 620.

Fugas
O sistemal prisional potiguar passa por uma grave crise. Sem contar com a fuga deste sábado em Alcaçuz, 153 detentos já conseguiram escapar de unidades prisionais do estado somente este ano. Na última segunda (11), quatro presos fizeram uma ‘pirâmide humana’ e fugiram da CadeiaPúblia de Mossoró, na região Oeste do estado.

Calamidade
O governo do Rio Grande do Norte renovou por mais seis meses o decreto de calamidade no sistema prisional potiguar. A renovação, assinada pelo governador Robinson Faria, foi publicada na edição do dia 17 de março do Diário Oficial do Estado (DOE). O documento diz que a renovação tem por objetivo “legitimar a adoção e execução de medidas emergenciais que se mostrarem necessárias ao restabelecimento do seu normal funcionamento”.

Seis homens armados assaltam loja de eletrônicos em Natal

Assalto aconteceu na tarde desta sexta-feira na Zona Leste de Natal (Foto: Kléber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Assalto aconteceu na tarde desta sexta-feira na Zona Leste de Natal (Foto: Kléber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Um loja de móveis e eletrônicos foi assaltada na tarde desta sexta-feira (15) no Barro Vermelho, na Zona Leste de Natal. Seis homens armados invadiram o estabelecimento comercial que fica na Avenida Prudente de Moraes e roubaram pelo menos 80 celulares, segundo a gerência do local.

De acordo com a Polícia Militar, testemunhas contaram que os seis homens entraram na loja armados, dois ficaram no salão se passando por clientes enquanto outros quatro foram para o depósito. Eles roubaram os celulares novos e fugiram em seguida. A polícia fez diligências na região, mas ninguém foi preso.

G1

Criminosos fazem reféns durante série de assaltos na Zona Sul de Natal

presos
Dois dos quatro suspeitos foram presos durante confronto com a PM na Praça das Flores, na Zona Leste de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

G1 – Criminosos armados fizeram uma série de assaltos entre a noite da quinta (14) e manhã desta sexta-feira (15) na Zona Sul de Natal. De acordo com a PM, dois carros foram roubados e uma casa invadida durante um arrastão. Em uma das ocorrências, um advogado chegou a ser levado pelos assaltantes. Ele foi libertado sem ferimentos e o carro recuperado. Em outro caso, uma idosa foi feita refém dentro de casa. Um dos bandidos chegou a pedir benção pra ela. Por fim, dois suspeitos foram presos. Uma pistola foi apreendida com os assaltantes.

Segundo a PM, o primeiro crime aconteceu na noite desta quinta no Bar do Violão, no bairro de Candelária. Quatro criminosos roubaram um Ford Fiesta do irmão de um farmacêutico. Já na manhã desta sexta, os criminosos usaram o veículo para ir até o conjunto Potilândia, no bairro de Lagoa Nova. Lá, eles invadiram uma casa e fizeram de refém uma idosa de 76 anos. Durante o arrastão, um vizinho percebeu o crime e gritou pela polícia. A empregada doméstica contou que um dos ladrões chegou a pedir benção à idosa antes de sair correndo.

Assustados, um dos criminosos fugiu do local no Fiesta. Os outros três correram em direção ao campus da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), onde o trio abordou um advogado de 55 anos que estava deixando a filha no setor de aulas próximo à Residência Universitária. A jovem foi deixada no local e os criminosos levaram o carro, um Nissan Sentra, com o advogado dentro.

Em seguida, o advogado foi liberado com o veículo na Praça das Flores, em Petrópolis, já na Zona Leste da cidade. Na ocasião, houve troca de tiros com a PM, que fazia buscas pelos assaltantes. Um deles conseguiu fugir e os outros dois foram presos.

Homem é suspeito de matar irmã e balear ex-namorada na Grande Natal

G1 – Uma mulher de 32 anos foi morta com um tiro na cabeça, crime ocorrido na noite desta quinta-feira (14) em Monte Alegre, cidade da Grande Natal. De acordo com a Polícia Militar, o irmão da vítima, que tem 27 anos, é o principal suspeito. A ex-namorada dele, uma adolescente de 16, também foi baleada e socorrida ao hospital. O homem também tentou matar outra irmã, de 18 anos, mas a arma falhou.

Segundo a PM, o crime aconteceu por volta das 19h no bairro de Boa Esperança, na casa da ex-namorada. Armado, ele tentou entrar na residência, mas a irmã mais velha impediu. Ele atirou e ela foi atingida na cabeça. Em seguida, o homem atirou na ex-namorada. Antes de fugir, ele também tentou matar a irmã mais nova. O suspeito atirou duas vezes, mas a arma falhou.

De acordo com o tenente Moisés de Almeida, do 3º Batalhão da PM, a irmã do suspeito, que foi baleada na cabeça, morreu no local. Ela foi identificada como Maria de Fátima Fidelis da Silva e deixou três filhos. Já a ex-namorada do suspeito, que também foi atingida pelos disparos, foi socorrida ao hospital.

A polícia ainda fez buscas pelo suspeito, mas até o momento ele não foi localizado.

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

Segurança no RN: operação desarticula quadrilha de traficantes comandada por preso

Operação foi realizada na manhã desta quinta-feira (14) em João Câmara (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Operação foi realizada na manhã desta quinta-feira (14) em João Câmara (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Uma operação conjunta das polícias Civil e Militar resultou na prisão de 12 homens e 5 mulheres  suspeitos de integrarem uma quadrilha que comandava o tráfico de drogas na cidade de João Câmara, na região Agreste do Rio Grande do Norte. De acordo com a Polícia Civil, o grupo era comandado por um preso que está custodiado na Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP), na Grande Natal. Realizada na manhã desta quinta-feira (14), a ação foi batizada de ‘Operação Viajante’ – uma alusão ao apelido do detento.

Diego da Silva Lima, de 24 anos, ficou conhecido como ‘Viajante’ após fugir da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, em dezembro de 2015. De acordo com a Polícia Civil, Diego não mantinha residência fixa para dificultar o trabalho da polícia em localizá-lo.

Preso novamente em dezembro de 2015, e já cumprindo pena no PEP, a polícia afirma que ele Diego continuava comandando o envio de drogas de Natal para João Câmara. Com os suspeitos presos durante a operação foi apreendida uma quantidade ainda não pesada de maconha e crack. Também foram apreendidos três coletes balísticos, uma espingarda, três revólveres, munições, joias, equipamentos eletrônicos e materiais usados para comercializar drogas. Cerca de 190 policiais civis e militares participaram da operação.

Drogas, espingarda, revólveres e munição foram apreendidos com os suspeitos (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)
Drogas, espingarda e munições foram apreendidas com os suspeitos (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

Vigilante é esfaqueado e tem arma e colete roubados na Grande Natal

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

Um vigilante foi esfaqueado durante um assalto na noite desta quarta-feira (13) na estação de tratamento da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) em Parnamirim, na Grande Natal. De acordo com a Polícia Militar, os criminosos levaram a arma e o colete da vítima. Ninguém foi preso.

A estação de tratamento do Jiqui fica na Av. Ayrton Senna. O vigilante estava fazendo uma ronda quando seis homens saíram do mato e anunciaram o assalto. Os colegas do vigilante informaram que os criminosos estavam com facas e uma espingarda.

O vigilante sofreu duas facadas nas costas e foi socorrido ao Pronto-socorro Clóvis Sarinho. Segundo a equipe médica, ele está consciente. Os assaltantes não foram encontrados.

Assaltos a vigilantes
Este é o terceiro caso de assalto a vigilantes em nove dias. No dia 4 de abril, um vigilante foi baleado no pescoço dentro de uma farmácia na Avenida João Medeiros Filho, uma das mais movimentadas da Zona Norte da capital potiguar. Ele estava trabalhando na segurança do estabelecimento quando dois criminosos o renderam e roubaram a arma e o colete dele. Na fuga, mesmo sem que Jeimyson Nunes de Azevedo tenha esboçado qualquer reação, um dos assaltantes apontou a arma e atirou.

A bala atingiu a coluna cervical e o vigilante ficou paraplégico. Na última sexta-feira (8), um adolescente de 16 anos se apresentou à 12ª Delegacia de Polícia Civil e confessou participação no assalto. O suspeito foi ouvido e liberado.

Já nesta segunda-feira (11), dois homens armados renderam o vigilante de um cartório no bairro Igapó, na Zona Norte de Natal e levaram o aparelho celular, a arma e o colete balístico que ele usava. Na fuga, os criminosos ainda levaram a motocicleta de um cliente.

Do G1

Homem tenta invadir casa e morre ao cortar o pescoço no portão

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

Um homem de 34 anos morreu nesta terça-feira (12) depois de tentar cometer um furto no bairro de Petrópolis, na Zona Leste. De acordo com a polícia, Klebson do Nascimento Targino sofreu um choque em uma cerca elétrica e depois feriu o pescoço no portão da residência que tentava invadir.
Ainda segundo a polícia, era noite quando Klebson decidiu pular o muro da casa em Petrópolis. Ele teria desequilibrado depois de entrar em contato com a corrente elétrica da cerca de proteção.
Ao cair, ainda de acordo com a polícia, Klebson Targino feriu o pescoço em uma ponta de ferro no portão da residência.
A polícia informou que ele ainda tentou fugir correndo, mas desabou metros depois por conta dos ferimentos. Klebson morreu no local.