Category: Segurança

Pai e filho são presos por fraude em empréstimo consignado em Natal

cartão-pronto2 - Copia - Copia

Pai e filho, um homem de 52 anos e um jovem de 20, foram presos na manhã desta terça-feira (16) após tentarem fraudar o recebimento de um empréstimo consignado na agência do Banco do Brasil que fica na avenida Ayrton Senna, na Zona Sul de Natal.

Segundo a Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações (DEFD), os dois apresentaram documentos falsos. Um dos funcionários percebeu a falsificação e fez a denúncia.

Policiais civis da DEFD foram ao banco e conseguiram prender em flagrante os suspeitos, que foram autuados pelos crimes de uso de documento falso e tentativa de estelionato.

A Polícia Civil informou que vai investigar a participação de outras pessoas no crime.

 

Do G1

RN Explosão: mais um caixa de banco de interior é detonado por bandidos

Mais um interior tem seu banco atacado por bandidos que são especializados em explodir caixas eletrônicos. Conforme noticiado no G1, desta vez foi a cidade de Campo Grande, que fica na região Oeste do Estado potiguar. 

Agência do Banco do Brasil foi invadida na madrugada desta terça (16).
Segundo PM, cinco homens explodiram o caixa; ninguém foi preso.

Quadrilha explodiu caixa do Banco do Brasil em Campo Grande (Foto: Renato Medeiros )
Quadrilha explodiu caixa do Banco do Brasil em Campo Grande (Foto: Renato Medeiros )

Criminosos invadiram uma agência do Banco do Brasil e explodiram um caixa eletrônico na madrugada desta terça-feira (16) no município de Campo Grande, na região Oeste do Rio Grande do Norte. De acordo com a Polícia Militar, ninguém foi preso.

Segundo o sargento Tárcio Fernandes, o crime aconteceu por volta das 2h. Cinco homens armados chegaram em um carro preto, invadiram o estabelecimento e explodiram o caixa. A agência ficou destruída. A polícia ainda não sabe se o dinheiro do terminal foi levado pelos criminosos.

Na fuga, a quadrilha efetuou disparos pelas ruas da cidade.

Caixa foi explodido, mas polícia ainda não sabe se o dinheiro foi levado (Foto: Renato Medeiros)
Caixa foi explodido, mas polícia ainda não sabe se o dinheiro foi levado (Foto: Renato Medeiros)

Cabeleireiro é morto a facadas dentro de salão de beleza em Natal

Salão de beleza funciona em cima da casa aonde o cabeleireiro morava com a mãe (Foto: Heloísa Guimarães/ Inter TV Cabugi)
Salão de beleza funciona em cima da casa aonde o cabeleireiro morava com a mãe (Foto: Heloísa Guimarães/ Inter TV Cabugi)

Um cabeleireiro de 47 anos foi morto a facadas no início da tarde desta segunda-feira (15) dentro do salão de beleza aonde trabalhava, no bairro de Dix-Sept Rosado, na Zona Oeste de Natal. De acordo com informações da assessoria de comunicação da Polícia Civil, um adolescente de 16 anos foi preso em flagrante com pertences da vítima.

O cabeleireiro foi identificado pela polícia como Eliel do Nascimento. De acordo com o tenente Eduardo, do 9º Batalhão da PM, ele seria proprietário do salão, localizado na Avenida Nascimento de Castro.

“O Ciosp acionou a PM por volta das 12h30. Segundo o chamado, moradores da região acionaram a polícia, pois ouviram gritos de socorro vindos do local do crime. Uma viatura fez buscas pela região e encontrou o adolescente em posse de alguns pertences da vítima”, explicou o tenente. Ainda de acordo com o tenente, testemunhas afirmaram que o adolescente mantinha uma relação amorosa com o cabeleireiro a cerca de um ano.

O adolescente foi conduzido até a Delegacia Especializada em Atendimento ao Adolescente (DEA). No local, o suspeito negou ter cometido o crime e que tinha um relacionamento com o cabeleireiro. De acordo com a assessoria de comunicação da Polícia Civil, o adolescente afirmou que foi até o local cortar o cabelo quando o crime aconteceu. Ainda de acordo com a assessoria, o adolescente vai ser autuado por crime análogo ao latrocínio.

Gerente de motel é morto a tiros na frente do filho na Grande Natal

Gildásio Bezerra da Silva levou quatro tiros (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Gildásio Bezerra da Silva levou quatro tiros (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

cartão-pronto2 - Copia - CopiaUm gerente de motel de 43 anos foi assassinado a tiros durante uma tentativa de assalto no sábado (13) em São Gonçalo do Amarante, cidade da Grande Natal. De acordo com a Polícia Militar, o homem estava no carro com o filho de 7 anos quando os criminosos atiraram. Ninguém foi preso.

O crime aconteceu no bairro de Golandim. Gildásio Bezerra da Silva colocou o filho dentro do carro para passear. A mulher da vítima viu quando os criminosos se aproximaram. “Eu voltei para fechar o portão e fiquei com o portão quase fechado. Eu vi eles (assaltantes) saindo, só um estava com a arma. Meu marido olhou para mim, fez a reação para ligar o carro, quando ele (assaltante) viu que meu esposo ia sair, eles aceleraram o passo e atiraram”, disse.

Baleado, Gildásio deu ré mas perdeu o controle do carro, bateu no muro e entrou na casa do vizinho. Ele levou quatro tiros, um deles na cabeça. O filho de Gildásio estava sentado no banco de passageiro, mas não foi atingido. Gildásio ainda foi socorrido, mas já chegou morto ao hospital.

G1

Homem é preso após desenterrar o cadáver da mãe no interior do RN

cartão-pronto2 - Copia - Copia

Um homem foi preso na noite desta sexta-feira (12) após desenterrar o corpo da mãe do cemitério público da cidade de Ipueira, distante 305 Km de Natal, no Rio Grande do Norte. De acordo com informações da Polícia Civil, o homem afirmou que queria levar o corpo da mãe para ser enterrado em outro túmulo para que ela ficasse ‘junto dele quando morresse’.

Segundo o delegado Valério Kurten, da 3ª delegacia Regional de Caicó, o homem foi denunciado por pessoas da própria família e de familiares de outras pessoas enterradas no local. “Ele disse ter alguns desentendimentos com a família e que queria transportar o corpo da mãe para outro terreno, aonde ele também seria enterrado quando morresse”, explicou o delegado.

Ainda de acordo com Kurten, o homem chegou a perguntar ao coveiro sobre o procedimento necessário para remover o corpo da mãe do cemitério, no entanto, como era necessário o consentimento dos demais familiares, ele teria decidido entrar no cemitério durante a noite para retirar o corpo.

Após ser preso, o homem foi conduzido até a delegacia, aonde foi autuado por violação de sepultura. Caso seja condenado, o homem pode pegar uma pena de um a três anos de reclusão mais multa. Como o crime praticado é de baixo potencial ofensivo, o delegado arbitrou uma fiança no valor de R$ 300, no entanto, o homem não teve condições de pagar o valor.

Prisão decretada
O Ministério Público Estadual pediu pelo relaxamento da prisão do homem. O MP considerou que não restava nenhuma situação do flagrante ou da fiança arbitrada.No entanto, na tarde deste sábado (13), o juiz Guilherme Melo Cortez negou o pedido de relaxamento e decretou a prisão preventiva.

De acordo com a decisão do magistrado, o homem tem uma extensa lista de antecedentes criminais “demonstrando sua índole voltada a prática delituosa, gerando enorme risco de reiteração”, explica na decisão.

“Não se pode olvidar os reflexos que um ato desta natureza causam em uma cidade com população de pouco mais de 2.000 (dois mil) habitantes. Acrescente-se que o autuado possui extensa lista de antecedentes(…)  Deste modo, entendo que a ordem pública deve ser resguardada”, justifica o magistrado. 

 

Do G1

Bandidos são mortos nas Quintas e Zona Norte de Natal

Um bandido morreu na tarde de ontem, nas Quintas, quando fizeram um sequestro relâmpago para assalto. Outros dois foram mortos na Zona Norte de Natal, quando foram surpreendidos pela a polícia.

sao-geraldo2

Quintas

Dois homens armados sequestraram um comerciante no início da tarde desta sexta-feira (12) no bairro das Quintas, Zona Oeste de Natal. Durante o sequestro relâmpago houve perseguição e um dos suspeitos foi morto a tiros. O outro suspeito fugiu. De acordo com a Polícia Militar, o comerciante não foi atingido e passa bem.

O crime aconteceu na Rua São Geraldo. De acordo com a Polícia Militar, os dois homens pegaram o comerciante em casa e saíram no carro dele para sacar dinheiro. Durante o percurso um carro começou uma perseguição aos bandidos. Houve troca de tiros e um dos suspeitos morreu no local. O outro bandido conseguiu fugir. O comerciante não ficou ferido.

Zona Norte

G1- Dois homens morreram em confronto com a polícia no início da tarde desta sexta-feira (12) no bairro do Potengi, na Zona Norte de Natal. De acordo com informações repassadas pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed) do Rio Grande do Norte, uma pistola e um revólver calibre 38 foram apreendidas com os homens.

Ainda de acordo com a Sesed, policiais militares do 4° Batalhão de Polícia Militar deNatal faziam a verificação de um veículo com registro de roubo na rua Severino Bezerra, quando desconfiou da atitude de dois homens que estavam no local.

Segundo as informações repassadas pela Sesed, ao perceberem a aproximação da polícia, os homens entraram em uma casa e iniciaram os disparos quando os policiais faziam um cerco na casa. Na troca de tiros, os homens foram baleados e morreram a caminho do hospital.

A identidade dos homens ainda não foi confirmada, mas de acordo com o serviço de inteligência da PM, os dois seriam foragidos do sistema prisional do estado.

ITEP do RN confirma desaparecimento de 2.880 cédulas de identidade

174328

Por meio de nota à imprensa, o Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) do Rio Grande do Norte confirmou na tarde desta sexta-feira (12) o sumiço de 2.880 cédulas de identidade da sede do órgão, em Natal.

A direção do órgão esclareceu ainda que na sala onde estavam armazenadas as cédulas de identidade não tinha sinais de arrombamento.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Só o que falta acontecer no Brasil: os militares brasileiros perder a guerra contra um mosquito

Aldo Rebelo: ministro explicou que 3,3 mil militares estão sendo preparados para aplicação de produtos químicos para matar o Aedes aegypti
Aldo Rebelo: ministro explicou que 3,3 mil militares estão sendo preparados para aplicação de produtos químicos para matar o Aedes aegypti

Segundo informações do governo federal de Dilma Rousseff, são 220 mil militares das forças armadas que vão participar amanhã (13) no combate a epidemia do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chicungunha, e por último, o assustador Zica vírus.

Em uma campanha denominada de “Dia Nacional de Mobilização para Combate ao Mosquito Aedes aegypti”, o governo federal vai tentar alcançar 350 municípios do país.

Nessa etapa, que o ministro definiu como de “mobilização, os militares serão deslocados para diversas cidades para distribuirão em diversas cidades para a ação. Nessa fase, haverá panfletagem e a presença de autoridades do governo.

A etapa do dia 13 é para mobilizar a população. “É preciso haver mobilização da população para que, permanentemente, removam-se das casas os focos de multiplicação dos mosquitos. O esclarecimento é importante para que cada família se mobilize permanentemente. Esse é o objetivo do sábado”, ressaltou o ministro da Defesa.

Uma observação nossa: o senhor ministro, não sabe que o Brasil inteiro já tem conhecimento de como se evita essa infestação; de que desde os anos noventa, no século passado, se gasta dinheiro conscientizando o povo por meio de publicidades.  A nosso ver, o que falta é punição para os que colocam em risco as vidas dos outros. Uma medida de urgência onde os brasileiros sintam no bolso em forma de punição aos que insistem em manter as condições favoráveis a procriação desse mosquito.

Ainda na reportagem a Exame, Aldo Rebelo explicou que os 3,3 mil militares estão sendo preparados para aplicação de produtos químicos para matar o Aedes aegypti e que mais 50 mil estão em treinamento.

Na ação de sábado, os militares baterão à porta das casas junto com os agentes do Ministério da Saúde, aplicando larvicidas em caixas d’água e demais reservatórios se necessário.

Os ministros, secretários executivos e outras autoridades federais também participarão da ação, que será realizada em vários estados. Aldo Rebelo participará da campanha em São Paulo, onde se encontrará com o governador Geraldo Alckimin, no município de Campinas.

Vejam o que diz o ministro Aldo Rabelo comparando o terror causado pelos islâmicos xiitas com o nosso mosquito. Digo nosso, por que pelo que parece, esse foi produzido no Brasil. (circula nas redes sociais)

“O mundo vive sob riscos, ou de saúde, de natureza política ou terror. O risco deve ser combatido com medidas eficazes, mas a humanidade não pode deixar de realizar suas tarefas de eventos internacionais por conta de riscos e ameaças, que devem ser combatidos.” Disse o ministro Aldo rabelo, em uma reportagem da Exame.

 

Mais uma fuga! Presos fogem do CDP da Ribeira, em Natal

ELO-FRACOSegundo noticiário do G1, mais uma fuga de presos foi registrada no início da madrugada de hoje (12). A população está à mercê dos bandidos, enquanto o governo insiste em uma campanha antiga intitulada de “Ronda Cidadã”. Esse tipo de projeto de segurança é ultrapassado. Os presos estão bem organizados e amedrontam a população do Rio Grande do Norte. É do conhecimento de todos que a insegurança é uma situação geral no Brasil. Mas o governo do RN não pode ficar assistindo as fugas que são constantes desde início de 2014.

De acordo com o diretor Francisco Vieira, os detentos fugiram por um buraco aberto em uma parede. “O que sabemos até agora é que os presos abriram um buraco em uma parede. Ainda não sabemos quantos homens fugiram”, ressaltou.

Não se sabe até o momento, quantos presos fugiram nesta fuga; porque nas outras a imprensa tem os detalhes, que nas últimas 10 somam 89 presos foragidos no Estado. Essa é a 11ª fuga em 2016. 

Vejam listagem das fugas só deste ano:

Dia 30 de janeiro: 2 presos fugiram da Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró.

Dia 29 de janeiro: 2 presos fugiram da Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró.

Dia 24 de janeiro: 2 presos fugiram do Centro de Detenção Provisória de Ceará-Mirim.

Dia 22 de janeiro: 2 presos fugiram da Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró.

Dia 21 de janeiro: 10 presos fugiram da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta.

Dia 19 de janeiro: 3 presos fugiram da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta.

Dia 17 de janeiro: 2 presos fugiram do Centro de Detenção Provisória do Potengi, em Natal.

Dia 14 de janeiro:  4 presos fugiram do Centro de Detenção Provisória de Macau.

Dia 12 de janeiro: 46 presos fugiram do Presídio Provisório Raimundo Nonato, em Natal.

Dia 1º de janeiro: 16 presos fugiram da Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró

Sistema em calamidade
O sistema penitenciário potiguar está em calamidade pública desde o dia 17 de março de 2015, após uma onda de rebeliões que atingiu pelo menos 14 das 33 unidades prisionais do estado. O decreto, renovado em setembro, tem validade até março deste ano.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), já foram gastos mais de R$ 7 milhões nas reformas das unidades depredadas. A secretaria reconhece que o sistema penitenciário do RN é ultrapassado e precisa de uma modernização com mais eficiência e tecnologia nos processos.

 

Miss é encontrada morta em cidade do interior potiguar

Emilly Medeiros foi eleita miss São João do Sabugi em 2015 (Foto: Arquivo Pessoal)
Emilly Medeiros foi eleita miss São João do Sabugi em 2015 (Foto: Arquivo Pessoal)

A miss de São João do Sabugi Emilly Medeiros, de 17 anos, foi encontrada morta na manhã desta quinta-feira (11). O corpo da jovem foi encontrado por seu pai dentro do quarto.

Emilly Medeiros estudava produção têxtil no campus de Caicó do Instituto Federal do RN (IFRN). Ela foi eleita miss São João do Sabugi em 2015. A polícia investiga a possibilidade de suicídio.

São João do Sabugi fica na região Seridó do Rio Grande do Norte.

 

Do G1

Homens são mortos a tiros no quintal de uma creche em Ceará-Mirim, RN

pm_6FMl2baG1 – Corpos de dois homens, assassinados com tiros na cabeça, foram encontrados na manhã desta quarta-feira (10) no quintal de uma creche em Ceará-Mirim, município da Grande Natal. Segundo a Polícia Militar, as vítimas ainda não têm identificação, mas seriam bolivianos que trabalham numa usina de energia eólica.

De acordo com o cabo Jocean Pedro, da companhia de polícia de Ceará-Mirim, os corpos foram encontrados quando funcionários abriram a creche, que fica na travessa Capitão José da Penha. “Moradores da vizinhança disseram que ouviram barulhos de tiros ainda na madrugada, mas ninguém saiu de casa para ver o que era. Quando o dia amanheceu, os funcionários que abriram a creche para lavar o prédio se depararam com os dois corpos estirados no quintal. Eles podem ter corrido para dentro da creche para fugir dos assassinos, porque a creche sempre fica com os portões abertos”, relatou o policial.

Execução na Redinha
Homens armados invadiram duas casas na manhã desta quarta-feira (10) na comunidade da África, no bairro da Redinha, Zona Norte de Natal. Em uma delas, um jovem de 23 anos, identificado como Jeferson Miguel do Nascimento, foi executado com tiros na cabeça. Na outra, um homem de 30 anos foi baleado no peito, mas conseguiu correr. Ele pulou o muro e escapou ao se esconder na residência de um vizinho. Ninguém foi preso.

Violência
A quantidade de pessoas mortas no período do carnaval deste ano no Rio Grande do Norte já é maior que o número de assassinatos registrados ao longo do carnaval de 2015. No ano passado, em todo o período de festas, foram contabilizados 18 homicídios em todo o estado. Este ano, com a morte registrada na manhã desta quarta-feira (10) na Redinha e o duplo homicídio em Ceará-Mirim, pelo menos 24 pessoas foram assassinadas desda a sexta-feira passada, dia 5.

PM registra assassinatos em Natal, Macau, Tangará e Nísia Floresta

Em Macau, crime aconteceu na rua Feliciano Tetéo, no bairro Porto de São Pedro (Foto: Divulgação/PM)
Em Macau, crime aconteceu na rua Feliciano Tetéo, no bairro Porto de São Pedro (Foto: Divulgação/PM)

G1 –  

A Polícia Militar registrou sete homicídios entre a tarde do sábado (6) e a madrugada deste domingo (7) no Rio Grande do Norte. Destes, três foram na capital, dois na praia de Barreta, no município de Nísia Floresta, um em Tangará e outro em Macau. Ninguém foi preso.

A primeira vítima, ainda de acordo com a PM, foi um adolescente morto a tiros na tarde do sábado. O crime aconteceu na rua Antônia de Morais, no Loteamento Jardim Progresso, na Zona Norte de Natal. Wesley Carlos Moreira da Silva tinha 16 anos. A polícia esteve no local, mas não conseguiu informações sobre a autoria ou mesmo da motivação do crime.

Já na madrugada deste domingo, um homem também foi morto a tiros na Zona Norte de Natal. O crime foi na rua Cartagena, no Loteamento Boa Esperança, no bairro de Lagoa Azul. A polícia também não sabe quem matou nem porquê. A vítima sequer foi identificada até o momento.

O terceiro homicídio ocorrido em Natal foi no bairro de Cidade da Esperança, na Zona Oeste. Marcelo Tavares de Almeida, de 22 anos, foi morto a tiros em um bar na Av. Paraíba. Assim como os outros dois casos, não há pistas dos assassinos nem informações sobre o que teria motivado o crime.

Entre a noite da sexta-feira (5) e a manhã do sábado (6), a PM já havia registra outros quatro homicídios na Grande Natal. Na capital potiguar, os assassinatos estãos sendo investigados pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Tangará
Em Tangará, o crime aconteceu por volta das 19h30 do sábado. Alan Antônio da Silva, de 24 anos, foi alvo de tiros na rua Pedro Clementino. Ele ainda foi socorrido, mas morreu a caminho do hospital. A PM ainda fez buscas, mas nenhum suspeito foi encontrado.

Macau
Em Macau, o assassinato também aconteceu na noite do sábado. O crime aconteceu na rua Feliciano Tetéo, no bairro Porto de São Pedro. Segundo a polícia, um homem em uma motocicleta fez os disparos e fugiu logo em seguida. A vítima foi identificada como Sérgio Ricardo Rocha de Araújo, de 34 anos. Diligências também foram feitas pela região, mas ninguém foi preso.

 
 
 

Nísia Floresta
Por fim, segundo o Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep), um duplo homicídio foi registrado também na noite do sábado em Nísia Floresta, cidade da região Metropolitana da capital potiguar. Damião Glariston do Nascimento, de 34 anos, e Anderson Golçalves da Rocha, de 23, foram mortos a tiros numa rua projeta na praia de Barreta.

Nove armas apreendidas
A Polícia Militar informou que vem intensificando o patrulhamento para garantir um carnaval seguro à população. Nestes primeiros dias de folia, foram apreendidas nove armas de fogo e 38 munições de diversos calibres somente na região Metropolitana. Além das armas e munições, também foi apreendido mais de um quilo de drogas, três veículos com queixa de roubo foram recuperados e quatro foragidos da Justiça recapturados e devolvidos ao sistema prisional.

Polícia Militar intensificou patrulhamento na região Metropolitana da capital potiguar  (Foto: Divulgação/PM)
Polícia Militar intensificou patrulhamento na região Metropolitana da capital potiguar (Foto: Divulgação/PM)

Secretaria de Segurança Pública anuncia Plano de Operações para o Carnaval 2016

OPeração-Carnaval-e1454689096998

Com o objetivo de oferecer à sociedade o máximo de segurança e tranquilidade, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) apresentou na manhã desta sexta-feira (5), o plano de segurança pública para desenvolver a Operação “Carnaval Mais Seguro”. A coletiva de imprensa foi realizada no auditório da governadoria, no Centro Administrativo, em Natal.

O planejamento operacional contará com ações da Policia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Instituto Técnico-Científico de Polícia do RN, integradas a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal, Guardas Municipais e Serviço Móvel de Urgência (SAMU). As ações começam na noite desta sexta-feira (05) e se estendem até a Quarta-feira de Cinzas (10).

Para o Carnaval, o Governo do Estado investirá um total de R$ 721.200 mil em diárias operacionais e de viagem, sendo R$ 600 mil para a Polícia Militar, R$ 21.200 mil para o Corpo de Bombeiros e R$ 100 mil para a Polícia Civil.

TJRN anula absolvição e reabre julgamento da operação Batalhão Mall

Entre as denúncias feitas pelo MP, está a retirada de combustível de viaturas da Polícia Militar (Foto: Divulgação/MP)
Entre as denúncias feitas pelo MP, está a retirada de combustível de viaturas da Polícia Militar (Foto: Divulgação/MP)

G1 – A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça recebeu nesta quinta-feira (4) a denúncia do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) sobre a operação Batalhão Mall. Assim, a absolvição dos acusados foi anulada e o julgamento terá continuidade. A operação prendeu em 2011 policiais militares e empresários envolvidos em um suposto esquema de corrupção na cidade de Assú, na região Oeste do Rio Grande do Norte.

A apelação criminal, movida pelo MPRN, pedia a anulação da sentença de primeiro grau, que inocentava os envolvidos no caso. Como o órgão julgador do TJ potiguar recebeu a denúncia, a sentença inicial foi anulada.

A operação foi deflagrada em junho de 2011 quando 15 pessoas foram presas, entre empresários, comerciantes e policiais militares em Assu. A acusação do MPRN é que alguns oficiais e praças lotados na cidade prestavam serviços típicos da segurança particular a empresas da região, dentre instituições financeiras de alto porte e postos de combustível.

Os crimes praticados envolveram corrupção ativa, passiva e peculato contra a administração pública militar. Os atos delituosos ocorriam através de acordos com pontos bases de viaturas e vendas do serviço policial (como escolta de transporte de valores e de vigilância 24 horas) fazendo uso de viaturas, da estrutura da PM e de policiais em serviço. Além disso, também havia a apropriação de combustível extraído ilicitamente para os veículos oficiais e particulares, sob o conhecimento dos comandantes dos batalhões. A argumentação do MPRN foi validada com base nos artigos 77 do Código Penal Militar e 41 do Código de Processo Penal.