Category: Policial

Mulher é assassinada mesmo estando com filho de 2 meses no colo

Marilia Andresa da Silva, de 23 anos foi baleada dentro de casa, em Mossoró. (Foto: Arquivo pessoal)
Marilia Andresa da Silva, de 23 anos foi baleada dentro de casa, em Mossoró. (Foto: Arquivo pessoal)

Uma mulher, com uma bebê de 2 meses no colo, foi baleada, e assassinada, dentro de casa na tarde deste domingo (5) em Mossoró, cidade da região Oeste potiguar. Marília Andresa da Silva, de 23 anos, ainda foi socorrida, mas morreu a caminho do hospital. O alvo dos criminosos, segundo a Polícia Militar, era o marido dela, que conseguiu fugir.

Segundo a Polícia Militar, Marilia estava em casa, com a filha nos braços, quando dois homens armados invadiram a residência em busca do marido dela. Ele conseguiu correr, e os criminosos atiraram. Um dos disparos atingiu o pescoço de Marília.

A Polícia Civil procura pelos criminosos e também pelo marido de Marília, para que ele possa prestar esclarecimentos.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/com-filha-de-3-meses-no-colo-mulher-e-baleada-no-pescoco-e-morre-a-caminho-de-hospital-no-rn.ghtml

Homens são executados durante partida de futebol na Grande Natal

Resultado de imagem para Arma de fogo
Foto: ilustrativa da internet

Dois homens foram assassinados durante uma partida de futebol na noite desta sexta-feira (3), em São Gonçalo do Amarante, Grande Natal. José Edenilson Nascimento da Silva, de 19 anos, e Jonathan Ferreira da Silva, de 21, foram executados dentro de uma quadra de futsal.

De acordo com a polícia, o crime aconteceu no distrito de Pajuçara. Um grupo de amigos jogava futebol no local, quando cinco homens, todos armados e encapuzados, entraram na quadra e ordenaram que todos deitassem no chão. Ao identificarem José Edenilson e Jonathan da Silva, atiraram contra os dois.

Segundo a Polícia Militar, foram vários disparos, todos nas cabeças das vítimas. Os dois morreram antes que pudessem ser socorridos ao hospital. A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) esteve na cena do crime para colher as primeiras investigações ainda na sexta (3). O caso deve ser investigado pela Delegacia de São Gonçalo do Amarante.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/homens-sao-executados-durante-partida-de-futebol-na-grande-natal.ghtml

Após motim, adolescentes escapam de Ceduc da Grande Natal

Quatro adolescentes fogem do Ceduc Pitimbu, em Parnamirim. (Foto: Cláudia Angélica/Inter TV Cabugi)
Quatro adolescentes fogem do Ceduc Pitimbu, em Parnamirim. (Foto: Cláudia Angélica/Inter TV Cabugi)

Quatro adolescentes escaparam do Centro Educacional (Ceduc) Pitimbu, em Parnamirim, cidade da Grande Natal. Segundo informações da Coordenação de Segurança do Sistema Socioeducativo, a fuga aconteceu por volta das 20h desta quarta-feira (1º), logo após um motim na unidade. Na ocasião, dois educadores foram feitos reféns, mas foram libertados sem ferimentos.

De acordo com o coordenador Deques Alves, os adolescentes estavam na área nova do centro, onde abriram um buraco na parede e fugiram para área de matagal que fica próximo da unidade. Até a última atualização desta publicação, nenhum dos menores havia sido encontrado.

Esta foi a segunda fuga registrada no sistema socioeducativo em menos de um mês. No dia 10 de outubro, sete adolescentes fugiram de Ciad em Natal.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/apos-motim-adolescente-escapam-de-ceduc-da-grande-natal.ghtml

Cinco passageiros são baleados durante tentativa de assalto a ônibus na Zona Oeste de Natal

Assalto aconteceu no ônibus da Linha 60, em Natal (Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi)
Assalto aconteceu no ônibus da Linha 60, em Natal (Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi)

Cinco passageiros foram baleados na noite desta terça-feira (31) durante uma tentativa de assalto a um ônibus da linha 60 na Zona Oeste de Natal. Segundo a Polícia Militar, uma pessoa ainda não identificada reagiu e trocou tiros com os assaltantes. O caso aconteceu próximo à comunidade do Mosquito, na Zona Oeste. Após perseguição, quatro suspeitos foram presos e um morreu em confronto com a PM.

Motorista do ônibus, Ervelyn Borges contou que os criminosos anunciaram o assalto por volta das 20h30. Mais de 40 pessoas estavam no veículo, que é da empresa Guanabara. Foi quando um dos passageiros reagiu e começou a trocar tiros com os bandidos. As marcas da violência ficaram dentro do veículo. Cápsulas espalhadas pelo chão, sangue, disparos na roleta e para-brisa do ônibus.

Os passageiros feridos foram socorridos para a UPA Potengi, na Zona Norte de Natal. O caso mais grave foi de um homem atingido de raspão na cabeça. Segundo a equipe da Unidade de Pronto Atendimento, todos fizeram raio-x e sutura; ninguém corre risco de morrer.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/cinco-passageiros-sao-baleados-durante-tentativa-de-assalto-a-onibus-na-zona-oeste-de-natal.ghtml

Mulher é encontrada morta dentro de carro de mão na Zona Leste de Natal

Mulher é encotrada morta no Paço da Pátria, Zona Leste de Natal. (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Mulher é encotrada morta no Paço da Pátria, Zona Leste de Natal. (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

O corpo de uma mulher foi encontrado na tarde deste domingo (29) dentro de um carro de mão na comunidade Paço da Pátria, na Zona Leste de Natal. Segundo a Polícia Militar, a vítima estava sem documentação, o que impediu a identificação dela.

Coberto por um lençol, o corpo foi deixado na Travessa Ocidental de Baixo. Moradores, que por medo não quiseram se identificar, disseram à polícia que a vítima teria sido morta dentro da comunidade.

De acordo com o delegado Marcos Vinícius, titular da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a mulher tinha marca de um tiro próximo ao tórax.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/mulher-e-encontrada-morta-dentro-de-carro-de-mao-na-zona-leste-de-natal.ghtml

Suspeitos de formar grupo de extermínio em cidade da Grande Natal são denunciados pelo MP

4ª Promotoria de Justiça de Ceará-Mirim e o Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) ofereceram denúncia contra seis homens que seriam integrantes de um grupo de extermínio. De acordo com o Ministério Público, eles são acusados de praticar homicídio na madrugada do dia 21 de fevereiro de 2017, na sequência de mortes que se seguiu ao assassinato do sargento da Polícia Militar, Jackson Sidney Botelho Matos, ocorrido no município de Ceará-Mirim, na noite do dia 20 de fevereiro deste ano.

A denúncia foi recebida pela vara Criminal da comarca de Ceará-Mirim.

Na peça, o MPRN pede a condenação de Diego Cruz da Silva, Mizael da Costa, Damião da Costa Claudino, Fabiano Bezerra de Farias, Creginaldo Costa da Cunha Santos e João Maria Rodrigues do Nascimento, pela prática dos crimes de homicídio mediante paga ou promessa de recompensa, por motivo fútil, com emprego de tortura e crueldade e sem chance de defesa da vítima.

A pena é aumentada de um terço até a metade se o crime for comprovado que o crime foi praticado por milícia privada, sob o pretexto de prestação de serviço de segurança, ou por grupo de extermínio.

Cinco denunciados estão presos por força de mandados de prisão preventiva, a pedido do próprio Ministério Público. Mizael da Costa está foragido.

Segundo as investigações realizadas pela Força Nacional de Segurança Pública com apoio do Ministério Público, os seis homens faziam parte de um grupo de extermínio com atuação em Ceará-Mirim, na região metropolitana de Natal. Ele seria composto por vigias de rua e por alguns integrantes das forças de segurança pública e se destinava a matar pessoas sobre as quais houvesse algum tipo de suspeita de envolvimento com delitos, como roubos, furtos, tráfico e uso de drogas.

Ainda de acordo com os investigadores, a morte do policial militar Jackson Sidney Botelho Matos provocou repercussão no Rio Grande do Norte e ensejou a ação do grupo. O policial exercia um papel de liderança, e, por isso, os integrantes teriam promovido uma “caçada humana” contra seus alvos, após a morte dele. A série de crimes resultou no assassinato de 14 pessoas entre os dias 20 e 22 de fevereiro de 2017.

Fonte:https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte

Mulher que disse ter encontrado bebê é presa por suspeita de tráfico de crianças

Resultado de imagem para O menino de pouco mais de um ano de idade encontrado há 15 dias em Cascavel, no oeste do Paraná,
Menino foi encontrado em Cascavel há 15 dias (Foto: Divulgação/Vara da Infância e Juventude)

O menino de pouco mais de um ano de idade encontrado há 15 dias em Cascavel, no oeste do Paraná, pode ter sido vítima de um esquema de tráfico internacional de crianças. A suspeita da Polícia Civil é de que a mulher que informou ter encontrado a criança, natural do Paraguai, coordene um esquema de adoção ilegal.

Após denúncias de vizinhos, uma criança e uma adolescente sem parentesco confirmado com a mulher foram encontradas na casa dela, no bairro Cascavel Velho, nesta terça-feira, 24. Assim como o menino, elas foram encaminhadas ao acolhimento do Conselho Tutelar. A suspeita, conhecida como “Maria Paraguaia”, foi presa por não esclarecer a origem dos três menores de idade.

Moradores da cidade denunciaram que o bebê teria sido adotado por um casal do bairro Colina Verde, que o devolveu por suspeitar da falta de documentação. A mulher teria trazido as crianças do Paraguai e tentado forjar que “encontrou” o menino para evitar suspeitas.

A investigação busca familiares do garoto, que não tem registro de desaparecimento no Brasil e não foi reconhecido por nenhum familiar desde o momento da divulgação da foto, em 10 de outubro. A delegada Raisa de Vargas Scariot, responsável pelo Núcleo de Proteção a Crianças e Adolescentes Vítimas de Crimes (Nucria) da Polícia Civil, encaminhou o caso à delegacia da Polícia Federal de Cascavel.

 

Fonte: https://www.istoedinheiro.com.br/mulher-que-disse-ter-encontrado-bebe-e-presa-por-suspeita-de-trafico-de-criancas/

Dono de bar é assassinado na Zona Norte de Natal

Comerciante foi assassinado dentro do seu próprio bar (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Comerciante foi assassinado dentro do seu próprio bar (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

O dono de um bar, identificado apenas como Roberto, foi encontrado morto no início da madrugada desta quarta-feira (25) dentro do próprio estabelecimento, que fica no bairro Parque dos Coqueiros, na Zona Norte de Natal. Segundo a Polícia Militar, o corpo tinha marcas de perfuração feitas com algum objeto cortante.

Ainda de acordo com a PM, testemunhas disseram ter visto dois homens entrando no bar pouco depois da meia-noite. Porém, não se sabe em qual veículo chegaram e nem como fugiram. Quando os policiais chegaram, já encontraram o comerciante morto.

Segundo a assessoria de comunicação da PM, embora não tenham sido encontrados dinheiro nem os documentos da vítima, ainda não é possível afirmar que se trata de um caso de latrocínio (roubo seguido de morte). O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/dono-de-bar-e-assassinado-na-zona-norte-de-natal.ghtml

RN atinge marca histórica de 2 mil assassinatos em menos de um ano

Natal é a cidade do estado mais violenta, segundo dados do OBVIO (Foto: Ney Douglas)
Foto: Ney Douglas

Rio Grande do Norte atingiu neste domingo (22) uma marca assombrosa: 2.000 homicídios no ano. Segundo o Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO) – instituto que contabiliza os crimes contra a vida no estado – nunca se matou tanto em toda a história do estado. No geral, o total de assassinatos é 25,8% maior que a quantidade registrada no mesmo período do ano passado – o que representa uma média atual de 6,80 mortes por dia. Natal, com 524 mortes, é a cidade potiguar mais violenta.

Do total de assassinatos, cerca de 78% estão relacionados com o tráfico de drogas, afirma Sheila Freitas, secretária de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed).

Fonte:https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/rn-atinge-marca-historica-de-2-mil-assassinatos-em-menos-de-um-ano.ghtml

Operação nacional de combate à pornografia infantil prende suspeito em Natal

Preso pela Operação Luz da Infância em Natal foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Defesa da Criança e do Adolescente (Foto: Kleber Teixeira/ Inter TV Cabugi )
Preso pela Operação Luz da Infância em Natal foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Defesa da Criança e do Adolescente (Foto: Kleber Teixeira/ Inter TV Cabugi )

Uma pessoa foi presa em Natal após a deflagração de uma megaoperação de combate à distribuição de pornografia infantil deflagrada nesta sexta-feira (20). A Operação Luz da Infância foi organizada pelo Ministério da Justiça e abrange 24 estados, além do Distrito Federal.

No Rio Grande do Norte, dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos pelo Centro de Inteligência da Secretaria de Segurança. De acordo com a Sesed, 10 policiais e um perito criminal participaram da operação.

Apesar de não haver mandados de prisão abertos, a operação prendeu em flagrante quem foi encontrado com material pornográfico infantil.

O suspeito preso em Natal foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Defesa da Criança e do Adolescente, no bairro Tirol. Ainda não há detalhes sobre o envolvimento dele com as ações criminosas combatidas pela ação.

Os alvos da operação Luz na Infância foram identificados através de um levantamento de informações pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e a Embaixada dos Estados Unidos da América no Brasil – Adidância da Polícia de Imigração e Alfandega em Brasília (US Immigration and Customs Enforcement-ICE). As investigações ocorrem há seis meses.

Com base em informações e evidências coletadas em ambientes virtuais, a Polícia Civil instaurou inquérito policial e representou pela busca e apreensão junto ao Poder Judiciário. O objetivo era apreender computadores e dispositivos da informática onde estão armazenados os conteúdos de pedofilia, indiciar e prender os criminosos.

Leia mais no link : https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/operacao-nacional-de-combate-a-pornografia-infantil-prende-suspeito-em-natal.ghtml

Polícia suspeita que mãe e filha encontradas mortas em Mossoró foram assassinadas

Mara Melo de Andrade, de 20 anos e a filha dela Nicole, de 1 ano, foram encontradas mortas dentro de casa (Foto: Arquivo da família)
Mara Melo de Andrade, de 20 anos e a filha dela Nicole, de 1 ano, foram encontradas mortas dentro de casa (Foto: Arquivo da família)

A Polícia Civil suspeita que a mãe e a filha encontradas mortas noite desta quarta (18) dentro de casa em Mossoró, cidade da região Oeste potiguar, foram assassinadas. O principal suspeito é o pai da criança, que também foi encontrado morto. Mara Melo de Andrade tinha 20 anos. A filha, Nayara Nicole, haviam completado 1 ano na terça (17). Segundo o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), ambas tinham marcas de asfixia mecânica.

Algum tempo após vizinhos encontrarem as duas caídas no chão da sala, Lindon Jonhson Assis, o pai da menina, também foi achado morto. O corpo dele estava dentro da casa onde morava, na cidade de governador Dix-Sept Rosado, a 40 quilômetros de Mossoró, e tinha sinais de enforcamento.

Familiares relataram à polícia que a mãe e o pai da menina não viviam juntos. Na terça-feira (17), Mara havia solicitado ajuda para fazer a festa de aniversário da filha, que estava completando 1 ano. Lindon Johnson se negou. Já nesta quarta, ele teria ido à casa da ex-mulher para deixar uma cesta básica.

“Vamos ouvir os depoimentos de vizinhos, de testemunhas, analisar todas as circunstâncias e passar todas as informações para a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que vai ficar com o caso”, disse o delegado plantonista Roberto Moura.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/policia-suspeita-que-mae-e-filha-encontradas-mortas-em-mossoro-foram-assassinadas.ghtml

Detentos fogem de presídio na Zona Norte de Natal, diz PM

Complexo Penal João Chaves (Foto: Caroline Holder/G1)
Complexo Penal João Chaves (Foto: Caroline Holder/G1)

Pelo menos cinco presos escaparam na madrugada desta quarta-feira (18) do Complexo Penal João Chaves, da Zona Norte de Natal. Segundo a PM, que confirmou a informação, os detentos escaparam por um buraco no pé do muro do setor de triagem, local reservado para presos recém-chegados.

A Polícia Militar foi informada sobre a fuga por volta das 4h40. Até a última atualização desta matéria, porém, não se tinha a identificação dos fugitivos.

A Secretaria de Justiça e da Cidadania (Sejuc) confirmou a fuga, mas ainda não se posicionou sobre a quantidade, como ela aconteceu ou que providências foram adotadas.

Agentes que trabalham no CPJC disseram que a unidade tem capacidade para 80 presos fechados, mas abriga atualmente cerca de 220.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/presos-fogem-de-presidio-na-zona-norte-de-natal-diz-pm.ghtml

‘Governo do RN quer barrar lei que isenta imposto na compra de armas de fogo’, reclama Fórum de Segurança

Fórum de Segurança reclama que muitos aperadores trabalham com armas velhas (Foto: Cedida/Foseg)
Fórum de Segurança reclama que muitos aperadores trabalham com armas velhas (Foto: Cedida/Foseg)

O Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Procuradoria Geral do Estado, analisa a constitucionalidade da lei que dá aos operadores da segurança pública do estado direito à isenção de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) na compra de armas de fogo. Para a presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Vilma Batista, que também integra o Fórum de Segurança Pública do RN (Foseg), esta é uma tentativa de “barrar” a lei.

“Com a aprovação da lei, a Secretaria de Tributação fez uma minuta de um decreto que institui um convênio com as empresas fabricantes de armas. Este convênio ainda está sob análise e falta regulamentação. Só que, antes disso, vem a Procuradoria Geral do Estado e entra com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIn) por entender que, como a lei trata de impostos, ela deveria ter sido proposta pelo Executivo, e não pelo Legislativo“, explicou Vilma.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/governo-do-rn-quer-barrar-lei-que-isenta-imposto-na-compra-de-armas-de-fogo-reclama-forum-de-seguranca.ghtml

Detento é encontrado morto dentro da Cadeia Pública de Natal

Técnicos recolhem corpo de detento encontrado morto na Cadeia Pública de Natal (Foto: Marksuel Figueredo/ Inter TV Cabugi)
Técnicos recolhem corpo de detento encontrado morto na Cadeia Pública de Natal (Foto: Marksuel Figueredo/ Inter TV Cabugi)

Um homem que estava detido no Presídio Provisório Doutor Raimundo Nonato Fernandes, conhecido como Cadeia Pública de Natal, foi encontrado morto dentro da unidade na manhã desta terça-feira (17). Peritos do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) acreditam que ele morreu asfixiado. A vítima ainda não foi identificada.

O corpo foi achado próximo à grade de entrada do Pavilhão B da cadeia pública, que fica no bairro Potengi, na Zona Norte da capital potiguar.

Com ele, são pelo menos cinco os presos morreram dentro da unidade, desde o início do ano. O último caso aconteceu há cerca de um mês, no dia 14 de setembro. Outro caso havia acontecido no dia 1º do mesmo mês.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/detento-e-encontrado-morto-dentro-da-cadeia-publica-de-natal.ghtml

Suspeito é baleado e morre em tentativa de roubo a malote na Zona Sul de Natal

Um suspeito morreu no final da manhã desta segunda-feira (16) durante uma tentativa de roubo a um malote na Zona Sul de Natal. Segundo o Batalhão de Choque da PM, o tiroteio entre criminosos e um policial civil aconteceu na Av. Prudente de Morais, no bairro de Lagoa Nova, em frente a uma agência do Bradesco.

O homem ainda não foi identificado. Um outro homem, que passava no local na hora da troca de tiros, também ficou ferido e foi socorrido pelos funcionários de uma loja próxima, que o levaram ao hospital.

O trânsito ficou parado na região. De acordo com o sargento Wildemark Araújo, um policial civil passava em frente ao banco, perto do supermercado Hiper Bompreço, quando presenciou a tentativa de assalto. Os criminosos abordaram uma pessoa que saia da agência com um malote.

As informações oficiais são de que o policial civil interveio e na troca de tiros baleou um dos suspeitos. Um dos tiros atingiu a cabeça dele. Os outros suspeitos conseguiram fugir em um carro modelo Onix de cor branca.

As polícias Civil e Militar fazem buscas na região.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia