Category: Policial

Vítima de bala perdida após homicídio em restaurante de Natal, cozinheiro morre em hospital

Movimentação policial foi intensa neste domingo na praia de Areia Preta (Foto: Inter TV Cabugi/Reprodução)

casal suspeito de ter matado um homem na manhã deste domingo (15) na praia de Areia Preta, dentro do restaurante Farol Bar, na Zona Leste de Natal, também deve responder por um segundo homicídio. É que morreu no hospital, pouco tempo depois do assassinato, um cozinheiro que foi atingido por uma bala perdida.

Anderson Felipe Pinto da Silva, de 20 anos, trabalhava no restaurante Barramar, que fica na frente do Farol Bar.

De acordo com a Polícia Militar, logo após o assassinato no Farol Bar, o casal foi abordado na saída do restaurante e tentou fugir. Houve perseguição e o casal atirou aleatoriamente pela rua. Um dos tiros pegou em Anderson Felipe. O cozinheiro ainda foi socorrido para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, mas não resistiu.

Com o casal preso, a PM apreendeu uma pistola calibre 9 milímetros.

Fonte: https://g1.globo.com/rn

Homem é executado a tiros dentro de restaurante em Natal

Arma apreendida com casal após assassinato dentro de restaurante em Natal (Foto: PM/Divulgação)
Arma apreendida com casal após assassinato dentro de restaurante em Natal (Foto: PM/Divulgação)

Do G1RN

Um homem de 22 anos foi executado a tiros dentro de um restaurante, no final da manhã deste domingo (15), na praia de Areia Preta, Zona Leste de Natal. Um casal suspeito de cometer o crime foi preso pela Polícia Militar ao tentar fugir do local. Eles estavam com uma pistola calibre 9 milímetros.

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Militar, a vítima foi Jussier José da Silva. Ele estava almoçando no Farol Bar e Restaurante no momento em que um homem e uma mulher entraram no estabelecimento e atiraram nele.

Logo após o crime, uma equipe da Companhia de Turismo da Polícia Militar, que fazia patrulhamento na região, chegou ao restaurante e encontrou o casal saindo de lá.

Segundo a PM, o homem preso, de 25 anos, era alvo de um mandado de prisão e considerado foragido da Justiça.

A vítima morreu no local, antes de qualquer socorro médico. O caso ainda será investigado pela Polícia Civil.

Do blog: Um absurdo o que está acontecendo com a nossa segurança pública. O governo não deu a resposta efetiva ao crime, que segue sem nenhum repeito à sociedade, fazendo tudo que desejam sem ter quem os frei em seus intentos. O Brasil precisa de mudanças duras e rápidas. O RN precisa de um novo governante.

Homem acaba de pular da ponte Newton Navarro

Segundo informações que chegaram até nós, um homem acabou de pular da ponte Newton Navarro, a conhecida ponte nova Forte a Redinha.

Pessoas mandaram fotos tiradas de um carro que subiu a ponte, de pertences dentro do carro e dizem que há um corpo boiando no leito do rio.

Dizem que já há imagem do corpo no rio; mas não foi repassada para nós.

Vejam as fotos:

 

Número de mulheres assassinadas triplica

Resultado de imagem para Mulheres vítimas
Foto: da Internet

O número de mulheres assassinadas no Ceará em 2018 é três vezes maior que o ano anterior. Nos primeiros 100 dias deste ano (até 10/4), 149 pessoas do gênero feminino foram vítimas de homicídio.

Um significativo aumento comparando-se com os 50 casos registrados no mesmo período em 2017. E esses números alarmantes não param de crescer. A morte da estudante de Direito Cecília Moura na última quinta-feira, 12, foi mais uma nessas estatísticas.

Sem falar do aumento de 73% entre 2016 e 2017, quando o número de casos de mulheres assassinadas passou de 210 para 364. Esses aumentos se dão em um contexto de segurança pública no Ceará que atinge recordes de homicídios (5.133 em 2017 e mais 1.400 apenas neste ano) e fortalecimento das facções criminosas. Tais organizações têm um óbvio peso significativo no aumento de assassinatos.

O que não significa dizer que todas as mortes estejam ligadas à disputas de facções. Como no caso da própria morte de Cecília, na qual a Polícia Civil trabalha como principal linha de investigação homicídio por tentativa de roubo (latrocínio).

Para Hayeska Costa Barroso, pesquisadora do Observatório da Violência contra a Mulher (Observem) e professora da Universidade Estadual do Ceará (Uece), o caso da estudante de Direito é símbolo de relações sociais enraizadas e estabelecidas de como a mulher é vista na sociedade.

“Ela (Cecília) estava dirigindo um carro e foi alvo de uma violência urbana que acontece com todos. É inegável, que quando a vítima é mulher, há uma certa crença de que não haverá resistência e a gente vê a questão do gênero. Há uma compreensão de que ela é medrosa, que não vai reagir. A mulher se torna alvo prioritário porque é um sujeito que vivenciou historicamente a violência”, aponta. A pesquisadora aponta que as questões de gênero condicionam o modo como todos (mulheres e homens) vivem o cotidiano. “Só quem é mulher sabe como é viver com esse medo. Todo dia é resistência. São criadas estratégias de defesa cotidiana, como entrar em um Uber e fingir estar conversando com alguém para não correr risco de ser assediada”, exemplifica. Para Hayeska, não é possível fazer uma relação direta entre aumento do número de mulheres mortas com o da violência causada pelas facções no Ceará.

“A gente tem um aumento não só no número de vítimas mulheres, mas no geral. Embora haja um crescimento de mulheres ligadas ao tráfico e maior encarceramento feminino. Ainda que tenhamos mulheres com envolvimento, elas também são vítimas nos processos de opressão e relações de poder estabelecidas”, complementa a pesquisadora.

Luiz Fábio Paiva, sociólogo e pesquisador do Laboratório de Estudos da Violência (LEV), ressalta o impacto do gênero na crueldade presente nos casos em que mulheres têm suas mortes ‘decretadas’ por facções. Em muitos casos, em decorrência de ser suspeita de ser simpatizante, informante, paquera ou namorada de um inimigo.

“Observa-se que elas interagem com esses grupos, aderindo a eles e encarnando seus símbolos. Como são coletivos no qual os homens lideram, eles exercem sobre as mulheres um controle perverso, restringindo, entre outras coisas, suas relações, afetos e sexualidades. Em muitos casos, como é possível ver pela Internet, essa morte ocorre depois de sinistros rituais de tortura”, afirma. (colaborou Ester Correa/Especial para O POVO)

APELO AO GOVERNO

Após o bloqueio na avenida Washington Soares, estudantes se reuniram para fazer um apelo ao Governo em relação à segurança pública e pedir Justiça.”Senhor governador estamos com medo”

 

O momento é de solidariedade, mas também de chamar atenção para a violência no Ceará”

Hiago Marques, Secretário do Centro Acadêmico de Direito da Unifor

 

Fonte:https://www.opovo.com.br/jornal/reportagem/2018/04/numero-de-mulheres-assassinadas-triplica.html

Soldado da Aeronáutica é preso após fazer assalto em Natal, diz PM

Policial mostra arma encontrada com o soldado da FAB preso após assalto em Natal (Foto: Rafael Barbosa/G1)
Policial mostra arma encontrada com o soldado da FAB preso após assalto em Natal (Foto: Rafael Barbosa/G1)

Do G1RN

Um soldado da Aeronáutica foi preso após cometer um assalto em Ponta Negra, bairro da Zona Sul de Natal, no final da tarde desta sexta-feira (13). Um carro da Polícia Militar passou pelo local logo após o crime e a vítima pediu ajuda. Abordado pelos policiais, o suspeito ainda tentou fugir, mas foi alcançado.

Segundo a polícia, o homem estava armado. Ele abordou a motorista que chegava ao carro e que estava estacionado próximo à avenida Engenheiro Roberto Freire – um dos principais corredores turísticos da cidade. Ameaçada, ela entregou a chave do veículo.

Logo após o crime, um carro da Polícia Militar passou pelo local. A vítima, então, pediu ajuda aos policiais que começaram uma perseguição ao suspeito.

O homem tentou fugir pela avenida Roberto Freire, e, após alguns minutos, abandonou o carro próximo ao shopping de artesanato do bairro. De acordo com a polícia, ele ainda tentou sair correndo, mas foi alcançado pelos policiais.

Ao ser detido, o homem confessou aos militares que era soldado da Aeronáutica. Uma identidade militar que comprovava isso foi encontrada com ele. Ele foi encaminhado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil.

A polícia suspeita que o homem contava com o apoio de outra pessoa em um veículo, durante o assalto. Porém nenhum outro suspeito foi detido.

PM e Polícia Civil acham corpo que pode ser de empresário desaparecido em Natal

Corpo foi encontrado em uma área de dunas, no terreno de uma casa na praia de Santa Rita (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Corpo foi encontrado em uma área de dunas, no terreno de uma casa na praia de Santa Rita (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Do G1RN

PMs e policiais civis de São Gonçalo do Amarante encontraram, enterrado às margens da Avenida Litorânea, entre as praias de Santa Rita e Redinha, na Zona Norte de Natal, o corpo de um homem que acredita-se ser do empresário Lourenço Salvino da Silva, de 51 anos, desaparecido desde o dia 27 de março. O corpo estava em uma área de dunas, no terreno de uma casa.

Quem indicou o local onde o corpo estava enterrado foi uma adolescente de 17 anos apreendida na manhã desta sexta (13) e que confessou ter participado do roubo do carro do empresário e sumiço dele. “Além disso, ela revelou que uma amiga e dois homens também participaram do crime, mataram e enterraram o empresário”, afirmou o delegado Marcelo Aranha, da delegacia de São Gonçalo do Amarante. A PM e a Polícia Civil fazem buscas pelos suspeitos, que já foram identificados.

Ainda de acordo com o delegado, o empresário foi vítima de uma emboscada. Ele foi chamado pela adolescente até a casa de praia. Quando o empresário chegou, a adolescente e essa amiga, que também estava na casa, chamaram os dois homens para assaltá-lo. Foi quando ele foi assassinado, provavelmente a facadas. Roubaram o celular e dinheiro dele. Depois, enterraram o corpo no terreno da casa e se desfizeram do carro”, acrescentou Aranha.

Adolescente apreendida admite ter participado de roubo de carro e sumiço de empresário em Natal

Lourenço Salvino da Silva, de 51 anos, é dono de uma empresa de bombas de água no bairro da Ribeira, em Natal (Foto: Arquivo da Família)

Do G1RN 

Uma adolescente de 17 anos foi apreendida na manhã desta sexta-feira (13) na Zona Norte de Natal. Segundo a Polícia Militar, ela confessou ter participado do roubo do carro e sumiço do empresário Lourenço Salvino da Silva, de 51 anos, desaparecido desde o dia 27 de março.

“Além disso, ela revelou que dois homens também participaram do crime, mataram e enterraram o empresário”, afirmou o major Ivson Lima. A PM faz buscas por estes dois homens e também tenta encontrar o corpo da vítima.

Dono de uma empresa de bombas de água no bairro da Ribeira, na Zona Leste da capital. O veículo dele, uma caminhonete Hilux, foi achada dois dias depois em São Gonçalo do Amarante, cidade da Grande Natal.

PF apreende 30 quilos de drogas e armas em sítio na Grande Natal; dupla é presa

Drogas e armas foram apreendidas na zona rural da Grande Natal (Foto: PF/Divulgação)
Drogas e armas foram apreendidas na zona rural da Grande Natal (Foto: PF/Divulgação)

Do G1RN

De acordo com a PF, policiais da Delegacia de Repressão a Drogas (DRE) receberam uma informação de que um homem dirigindo um veículo de cor vermelha estaria circulando por estradas próximas de Macaíba, onde se abastecia de drogas e posteriormente iria distribuí-las na capital.

Ao localizar o suspeito, os policiais passaram a segui-lo e observaram quando ele entrou em um sítio da zona rural. Quando o homem deixava o local teve o seu carro interceptado. No momento da abordagem, ele ainda tentou fugir, mas foi alcançado.

Segundo os policiais, foi feita uma rápida busca no interior do veículo, sob o painel, foi achado em um compartimento secreto que era acionado através de um dispositivo eletrônico, alguns tabletes com aparência e odor característico de substância entorpecente.

Jovem é executado com mais de 30 tiros na Zona Norte de Natal

Homem foi executado com mais de 30 tiros na avenida Boa Sorte, Zona Norte de Natal (Foto: Rafael Barbosa/G1)
Homem foi executado com mais de 30 tiros na avenida Boa Sorte, Zona Norte de Natal (Foto: Rafael Barbosa/G1)

Do G1RN

Um homem de 21 anos foi executado com mais de 30 tiros no final da tarde desta quarta-feira (11), na Zona Norte de Natal. As informações foram confirmadas pela Força Nacional e pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep). Ninguém foi preso pelo crime.

Segundo a Força Nacional, Jobson Max Dias da Silva foi morto por três homens na avenida Boa Sorte, no bairro Nossa Senhora da Apresentação. Ele estava no local, quando os assassinos chegaram em um carro modelo Gol e começaram a atirar nele. Eles fugiram logo em seguida.

No local, o Itep encontrou cápsulas de pistolas 380 e 240. Os técnicos informaram que a vítima foi atingida com mais de 30 tiros e morreu no local antes de qualquer socorro.

Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para dar início às investigações. A motivação do crime ainda será identificada.

Dono de locadora de videogames é morto a tiros ao ter loja roubada na Zona Norte de Natal

Dono de locadora foi vítima de latrocínio no bairro Pajuçara, Zona Norte de Natal (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi )

Bandidos assaltaram uma locadora de videogames e mataram o dono da loja em seguida. O caso aconteceu no final da manhã desta quarta-feira (11) no bairro Pajuçara, Zona Norte de Natal. De acordo com a Polícia Militar, três adolescentes foram apontados como suspeitos do crime e encaminhados para prestar esclarecimentos na delegacia.

Erivan de Araújo, de 48 anos, estava dentro do seu estabelecimento, na rua Barão do Cocais, quando foi surpreendido por três criminosos armados. Os bandidos balearam o comerciante, que morreu no local, e fugiram levando quatro videogames e celulares.

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) e a Polícia Civil estão no local do crime para iniciar as investigações. Este é o 28º latrocínio registrado no Rio Grande do Norte em 2018.

Fonte: https://g1.globo.com/rn

Homem é obrigado a levar assaltantes para casa e família é alvo de arrastão na Zona Sul de Natal

Da casa das vítimas, ladrões levaram TVs, notebook, alianças, celulares e até uma sandália (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Uma família foi alvo de um arrastão na madrugada desta quinta-feira (11) no bairro Pitimbu, na Zona Sul de Natal. O dono da residência assaltada, que é motorista de ônibus, foi surpreendido pelos criminosos quando estava a caminho do trabalho. Em seu carro particular, ele dirigia em direção ao prolongamento da avenida Prudente de Morais quando foi obrigado a voltar para casa, levando junto os assaltantes.

Em entrevista à Inter TV Cabugi, a família contou que os bandidos saíram do mato armados com uma espingarda e um revólver e renderam o motorista quando ele passava pela avenida Lago da Pedra, que dá acesso ao prolongamento da Prudente. Isso foi por volta das 4h.

Após a abordagem, o motorista foi obrigado a levar os assaltantes para casa, onde estavam a mulher dele e dois filhos do casal. Da residência, os criminosos levaram duas TVs, notebook, alianças, celulares e até uma sandália.

A dona da casa conta que a família foi forçada a ficar de costas para a parede, sem que pudessem olhar para os bandidos. Mesmo assim, o motorista ainda foi agredido.

No bairro, moradores reclamam da violência. Uma vizinha lembra que há 20 dias a vítima foi a família de um policial militar. Os bandidos chegaram de madrugada e fizeram um arrastão na casa dos pais do PM. O policial estava trabalhando.

Fonte:https://g1.globo.com/rn

Menina que foi, possivelmente, raptada na Redinha ainda não apareceu

Yasmin Lorena de Araújo tem 12 e está desaparecida desde a quarta-feira (28), em Natal (Foto: Arquivo da Família/cedida)
Yasmin Lorena de Araújo tem 12 e está desaparecida desde a quarta-feira (28), em Natal (Foto: Arquivo da Família/cedida)

Para tristeza nossa e de todos povo de nosso Estado do Rio Grande do Norte, a menina, adolescente, de apenas 12 anos de idade ainda não apareceu. A Polícia está em busca  do paradeiro da criança. Os pais estão desolados com a situação.

Faz 13 dias que a garota Yasmin Lorena de Araújo sumiu da comunidade da Africa, Redinha, e até o momento são poucas as expectativas de sinal de onde se encontra a garota. Ela foi vista pela última vez por volta das 13h da quarta-feira (28), próximo à casa onde mora, na comunidade da África, no bairro da Redinha, Zona Norte de Natal.

Segundo o delegado, várias informações chegaram à delegacia por meio da família e do Disque-Denúncia, pelo telefone 181. A polícia recebeu informações de que um carro passou várias vezes pela rua onde Yasmin mora no dia do seu desaparecimento.

A população pode continuar atenta, tentando ajudar a essa família e a garota desaparecida.

 

Assaltantes armados invadem loja de departamento em Natal e roubam celulares

Do G1RN

Assaltantes invadiram a Riachuelo  e levaram dezenas de aparelhos celulares (Foto: Heloísa Guimarães/Inter TV Cabugi)
Assaltantes invadiram a Riachuelo e levaram dezenas de aparelhos celulares (Foto: Heloísa Guimarães/Inter TV Cabugi)

Tês homens armados assaltaram na tarde desta segunda-feira (9) a loja Riachuelo do Centro de Natal. Os criminosos levaram 40 aparelhos celulares da loja. A Polícia Militar foi acionada e realizou buscas na tentativa de encontrar os assaltantes. Até a última atualização desta matéria, ninguém foi preso.

Segundo a PM, o crime aconteceu por volta das 17h. Depois de invadirem a Riachuelo pela entrada principal, na Rua João Pessoa, e roubarem os produtos, os homens fugiram em um Classic vinho em direção ao Paço da Pátria, bairro da Zona Leste da capital potiguar.

A segurança da loja de departamento informou à reportagem que a ação foi filmada pelas câmeras de segurança. O material de vídeo será disponibilizado para a polícia. A unidade continuou funcionando normalmente após o assalto.

 

Assessor de vereador que depôs sobre morte de Marielle é assassinado

Artista de rua desenha imagem de Marielle Franco
Marielle Franco: vereador, cujo assessor foi assassinado, disse que parlamentar era uma “grande amiga” (Ricardo Moraes/Reuters)

Da Exame.Abri.

Rio de Janeiro – Um colaborador do vereador Marcello Siciliano (PHS) foi morto a tiros, na noite deste domingo, 8, na Taquara, zona oeste do Rio. De acordo com assessoria de imprensa do parlamentar, Carlos Alexandre Pereira Maria, de 37 anos, era líder comunitário e representava a região na Câmara. Ele identificaria as necessidades dos moradores da área e as repassaria ao vereador.

O crime ocorreu dois dias após Siciliano depor na Delegacia de Homicídios (DH) da Capital sobre o caso da morte da vereadora Marielle Franco (Psol) e de seu motorista, Anderson Gomes, no dia 14 de março, no Estácio, região central do Rio.

Não há ainda informações sobre o motivo do crime. Segundo informações da Polícia Militar, o 18º Batalhão da PM (Jacarepaguá) chegou a ser acionado, mas já encontrou a vítima morta. Agentes da Delegacia de Homicídio da Capital fizeram uma perícia no local do crime, na Estrada Curumau, na Taquara.

Marcello Siciliano depôs sobre o caso da morte de Marielle Franco na sexta-feira, 6. Os policiais foram ao gabinete de Siciliano na Câmara dos Vereadores na quinta-feira, 5, mas ele não estava no local. Na manhã de sexta, o parlamentar foi notificado para prestar depoimento, que ocorreu um dia após o vereador Zico Bacana (PHS) ir à Delegacia de Homicídios. Siciliano ficou três horas na delegacia. Na ocasião, ele declarou que foi convocado “para prestar esclarecimentos para poder ajudar na linha de investigação que estão utilizando”. Ele disse ainda que Marielle era uma “grande amiga”.

PM do RN: Sargento é baleado durante briga em vaquejada na Grande Natal

Resultado de imagem para Pmrn
Foto: da Internet

Do G1RN

Um sargento da Polícia Militar foi baleado em Macaíba, região metropolitana de Natal, na madrugada deste domingo (8). De acordo com a PM, ele tem uma empresa de segurança e trabalhava em uma vaquejada no distrito de Cajazeiras, quando houve uma briga e troca de tiros.

O caso aconteceu por vola das 2h20. Baleado em uma das pernas e nádega, o 1º sargento foi socorrido ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, na Zona Leste de Natal, e não corre risco de morte, segundo a própria PM.

De acordo com o relatório policial, houve uma confusão durante a vaquejada, envolvendo alguns homens que estavam armados. Houve troca de tiros e eles fugiram do local em um carro preto. O próprio policial, com alguns colegas, começaram uma perseguição aos suspeitos, mas eles não foram encontrados.

O carro usado por eles só foi encontrado na área rural de Ielmo Marinho, onde estava queimado. Na volta, porém, o grupo voltou a encontrar os suspeitos e houve nova troca de tiros. A vítima só foi levada ao hospital ao chegar em Natal.

Também durante a madrugada, um sargento da reserva da PM foi executado a tiros, com um amigo, em São Gonçalo do Amarante, também na região metropolitana de Natal. Esse foi o décimo caso de policiais militares mortos no estado, desde o início de 2018.