Category: Policial

Dois são feitos reféns em assalto a Correios no RN; ladrões se entregam

armaUm vigilante e um cliente foram feitos reféns na manhã desta quinta-feira (2) durante um assalto a agência dos Correios de Equador, no Seridó potiguar. De acordo com a Polícia Militar, dois criminosos que participaram do crime se entregaram. Outros dois conseguiram fugir.

Segundo a PM, os dois homens armados invadiram a agência por volta das 8h. Os outros dois comparsas ficaram do lado de fora e conseguiram fugir assim que viram os carros da polícia chegando.

Cerca de uma hora depois, após negociação com os policiais, os dois que estavam no interior do prédio se entregaram. “Duas pistolas foram apreendidas com os assaltantes”, acrescentou o capitão Moacir Galdino, comandante da PM na região.

Ainda de acordo com o oficial, o vigilante e o cliente da agência não foram feridos.

Suspeito de assalto, homem é surrado até a morte na Grande Natal

b86894eabb5193d980339d680f3b2ee1-e1454021395706

Um homem suspeito de assalto morreu após ser espancado por populares na noite desta quarta-feira (1º) em Ceará-Mirim, cidade da Grande Natal. De acordo com a Polícia Militar, ele teria roubado os celulares de um grupo de jovens. Um outro suspeito fugiu por uma região de mata.

O crime aconteceu por volta das 22h30 no bairro Coqueiros, na zona rural da cidade. Segundo a PM, dois homens chegaram em uma motocicleta e roubaram os celulares de um grupo de jovens. Populares viram o assalto e perseguiram os suspeitos.

Na fuga, os homens caíram da motocicleta e um deles foi linchado. Ele chegou a ser socorrido pelo Samu, mas não resistiu aos ferimentos. A vítima estava sem documentos e ainda não foi identificada. O outro suspeito fugiu por uma região de mata.

 

G1 RN

Policiais Civis não aceitaram pedido de desculpas e querem processar o capitão Styvenson

Presidente do Sinpol, Paulo Macedo
Presidente do Sinpol, Paulo Macedo

Paulo Macedo, presidente do Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do RN (Sinpol), disse que o pedido de desculpas não foi bem recebido pela categoria. “Pede desculpas com arrogância de sempre”, declarou o sindicalista.

Já a presidente da Associação dos Delegados da Polícia Civil, Ana Cláudia Saraiva, afirmou que o assunto está sendo tratado entre as instituições e gestores. “Quanto às acusações generalizadas serão apuradas e providências legais adotadas”.

A polêmica gerada pelas declarações feitas no fim de semana pelo capitão Styvenson Valentim, comandante da Lei Seca, em que ele critica a atuação da Polícia Civil, não acabou após o pedido de desculpas do oficial em seu perfil do Facebook. O sindicato que resenta os policiais civis e escrivães afirmou ontem que vai acionar o setor jurídico para ingressar com uma ação contra Styvenson, além de oficiar o comandante geral e o corregedor da PM solicitando a apuração do caso.

As declarações do capitão ganharam os grupos de WhatsApp depois que um áudio enviado por ele a uma mulher que se envolveu em um acidente de trânsito vazou. A mulher estaria insatisfeita com o serviço prestado na DP, porque um advogado que colidiu o automóvel contra o dela teria sido liberado, mesmo estando sob efeito de álcool.

capitao-styvenson-e-enredado-por-estacionar-irregularmente-ele-nega1452866082

No áudio, Styvenson Valentim diz que tem policial civil e delegado ganhando demais e trabalhando pouco. “Preguiça, preguiça”, enfatizou o oficial. Após a repercussão, Styvenson Valentim publicou em seu perfil do Facebook um pedido de desculpas, no entanto reforçou, na mesma mensagem, as críticas sob a afirmativa de que se desculpava de alguns bons profissionais da PC.

“Aos outros profissionais delegados e agentes, que sempre nos atenderam, não por amizade, nem por aliança corporativista, mas sim pelo profissionalismo em cumprir sua função de maneira exemplar, o meu respeitoso perdão. Generalizar foi meu grande erro”, escreveu.

Apesar de se desculpar, o capitão alfinetou mais uma vez os agentes que teriam participado da ação que culminou na polêmica. “Mas, não retiro uma vírgula sequer sobre o que falei sobre alguns funcionários públicos, que recebem, alguns muito bem, e nada fazem pelo cidadão, muito pelo contrário, apenas apontam o dedo para quem tenta trabalhar por um país melhor”, criticou.

Paulo Macedo, presidente do Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do RN (Sinpol), disse ao NOVO que o pedido de desculpas não foi bem recebido pela categoria. “Pede desculpas com arrogância de sempre”, declarou o sindicalista.

Macedo disse ainda que o Sinpol acionou o setor jurídico para entrar com uma ação contra Styvenson Valentim por conta das declarações gravadas no áudio. O presidente do Sindicato disse que vai cobrar da PM a apuração do caso e que também quer que a Delegacia Geral de Polícia apure o que houve na ocorrência. “Não vamos colocar panos quentes”, reforçou.

Suspeita de assalto com reféns tumultua centro comercial em Natal

alecrim (1)

Uma suspeita de assalto com reféns na manhã desta quarta-feira (1º) deixou pacientes e funcionários de uma clínica médica em polvorosa e tumultuou o centro comercial do bairro do Alecrim, na Zona Leste de Natal. De acordo com a Polícia Militar, homens que foram ao local para fazer exames admissionais foram confundido com assaltantes. A movimentação, contudo, não passou de um alarme falso.

A clínica fica no cruzamento da rua dos Caicós com a avenida Presidente Bandeira. Segundo o tenente Augusto Gadelha, oficial de operações do Batalhão de Choque da PM (BPChoque), três homens entraram na clínica e um teria ficado dentro de um carro estacionado aguardando eles saírem.

“Os funcionários e pacientes ficaram desconfiados quando o grupo entrou. Alguns se trancaram em uma sala e chamaram a polícia. Uma equipe nossa foi até o local e fechou a rua. Em seguida, os policiais conversaram com os homens, verificaram que eles são baianos e que estavam na clínica para fazer exames admissionais. Depois que tudo ficou esclarecido, eles foram embora e a rua liberada”, relatou o oficial.

Em Natal, idoso reage a assalto e bate em criminoso com saco de pães; veja

esfgrn

G1 -Um idoso reagiu a um assalto e, com um saco cheio de pães, atacou o criminso. O caso aconteceu na manhã desta terça-feira (31) em uma padaria localizada no bairro Pitimbu, na Zona Sul de Natal. Imagens do circuito de segurança do estabelecimento mostram o momento em que o idoso enfrenta o ladrão (veja vídeo acima).

O vídeo mostra que três homens chegam a pé e obrigam uma funcionária a entrar na padaria. O idoso também foi abordado, mas reagiu e bateu em um dos assaltantes com um saco de pães. Ele também finge que vai puxar um revólver e o assaltante se afasta. Em seguida, o idoso foge correndo.

Apesar da reação, os criminosos entram na padaria e roubam o dinheiro do caixa, além de alguns produtos.

O dono do comércio lamenta os assaltos constantes. “Tenho medo de um cliente, um funcionário, uma pessoa da minha família ou qualquer inocente correr o risco de ser morto”, disse.

A Polícia Civil pede para que informações sobre os suspeitos sejam repassadas para o Disque-Denúncia, número 181. A ligação é gratuita e não há a necessidade de se identificar.

Idoso ataca o criminoso com um saco cheio de pães (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Idoso ataca o criminoso com um saco cheio de pães (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Advogado é morto por não conseguir tirar traficantes da prisão no Rio

650x375_advogado_1639777

A investigação sobre a morte de um advogado, que defendia traficantes, confirmou que ele foi morto pelos próprios clientes. Os criminosos estão sendo procurados pela polícia. Roberto Viegas Rodrigues, de 26 anos, desapareceu no dia 22 de dezembro do ano passado.

Ele era advogado e foi ao Morro do Dezoito, em Água Santa, encontrar um cliente: o traficante Jean Carlos Nascimento dos Santos, conhecido como Di Menor. Desde aquele dia, Roberto não voltou para casa.

Jean tem 25 mandados de prisão, por crimes como homicídio e roubo, e é considerado o chefe do tráfico de drogas naquela comunidade.

A Delegacia de Descoberta de Paradeiros concluiu que o advogado foi assassinado pelos próprios clientes porque não conseguiu libertar dois comparsas deles que estão presos.

“Ele havia se comprometido, já havia recebido o dinheiro inclusive para que dois traficantes da mesma facção fossem soltos até o dia 21 de dezembro de 2015. Isso não aconteceu, eles não foram soltos. Ele viu que ia morrer, ele conseguiu tomar a arma de um traficante, conhecido como Diguinho e matou esse traficante. Após a morte desse traficante, ele foi morto por outros traficantes”, disse a delegada Elen Souto.

O carro de Roberto foi encontrado numa das entradas do morro do Fubá, em Cascadura, que é dominado por uma facção rival. Mas a polícia descobriu que foram os próprios traficantes do Morro do Dezoito que abandonaram o veículo lá para despistar os investigadores.

Jean Carlos Nascimento dos Santos e outro traficante, Claudio Rosa dos Santos, foram indiciados por homicídio e ocultação de cadáver. O Disque-Denúncia oferece recompensa pra quem tiver informações sobre eles.

Do G1

Ladrões roubam Viagra de farmácia, trocam tiros com a PM e são presos

viagra
As dez caixas de Viagra roubadas da farmácia foram recuperadas com a prisão dos suspeitos; armas usadas no assalto foram apreendidas (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

G1 -A Polícia Militar prendeu dez homens após entrar em confronto armado com criminosos em três ocorrências registradas nesta segunda-feira (30) em Natal. Dentre os detidos, cinco foram baleados e tiveram que ser socorridos ao hospital. Nenhum corre risco de morte. Três deles foram presos suspeitos de terem assaltado uma farmácia no bairro de Lagoa Nova, na Zona Sul de Natal. Na ocasião, foram levadas dez caixas de Viagra, remédio usado por homens no tratamento de impotência sexual.

A farmácia assaltada fica no cruzamento da avenida Miguel Castro com a rua São José. A polícia contou que três jovens chegaram de carro, se passaram por clientes e logo anunciaram o assalto. Além das dez caixas de Viagra, ele ainda roubaram duas clientes que estavam no estabelecimento. A PM iniciou uma perseguição e houve troca de tiros. Os três rapazes, de 20, 21 e 23 anos foram presos. Durante o confronto, um deles foi baleado no joelho. Os revólveres que estavam com o trio foram apreendidos.

Outros quatro homens foram presos mais cedo no bairro de Mãe Luíza, na Zona Leste da cidade. A PM foi verificar uma denúncia anônima e encontrou o grupo em atitude suspeita. Houve confronto armado e dois deles acabaram baleados e levados ao hospital. Os outros dois foram presos. Drogas, produtos roubados e uma arma foram apreendidos.

Outros três homens foram detidos no bairro de Felipe Camarão, na Zona Oeste. A PM informou que eles estavam com um carro roubado. Policiais do Batalhão de Choque tentaram abordar o veículo, foi quando ocorreu uma troca de tiros. Dois dos suspeitos foram baleados e levados para o hospital. Duas armas foram apreendidas.

Policial militar de folga apreende adolescentes após roubo em Petrópolis

noticia_141704

Um policial militar de folga conseguiu frustrar na manhã desta segunda-feira (30) um roubo a uma loja de roupas em um shopping localizado no bairro de Petrópolis, na zona Leste de Natal.

Segundo a polícia, o PM percebeu o grupo em atitude suspeita e rapidamente conseguiu agir e abordar e deter os três infratores, que são adolescentes. Ainda de acordo com informações da polícia, com o trio foi apreendido um revólver calibre 38 e produtos roubados no shopping.

Diante do flagrante, todos foram encaminhados à Delegacia Especializada de Atendimento ao Adolescente Infrator (DEA), em Cidade da Esperança, onde estão sendo realizados os procedimentos legais cabíveis.

Com coletes da Polícia Civil, ladrões roubam carro-forte em Natal

whatsapp-image-20160530_vI3t7TH

Criminosos encapuzados roubaram um carro-forte no final da manhã desta segunda-feira (30) no estacionamento do Hiper Bompreço que fica na Av. Prudente de Morais, na Zona Sul de Natal. Vestidos com coletes da Polícia Civil e armados com um fuzil, os assaltantes renderam os seguranças da transportadora e levaram os malotes. A quantia levada não foi divulgada

De acordo com informações preliminares da assessoria de comunicação da PM, o carro-forte iria abastecer os caixas eletrônicos do supermercado. No entanto, antes de os malotes serem transportados até o interior do estabelecimento, o grupo abordou os seguranças. Até o momento, a PM não conseguiu identificar quantos bandidos participaram da ação. Ninguém foi preso.

Equipes da Polícia Civil e da PM foram até o local para colher as primeiras informações, enquanto homens do Batalhão de Choque da PM (BPChoque) e da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam) realizaram buscas para localizar os suspeitos.

Em áudio, ministro da Transparência critica Lava Jato

Fabiano Silveira, ministro da Transparência, Fiscalização e Controle, criticou condução da Lava Jato
Fabiano Silveira, ministro da Transparência, Fiscalização e Controle, criticou condução da Lava Jato

Exame – O ministro da Transparência, Fiscalização e Controle, Fabiano Silveira, criticou aoperação Lava Jato em uma reunião, gravada pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, com a presença de ambos e do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), de acordo com reportagem do programa Fantástico, da TV Globo, exibida na noite de domingo.

Machado, cujas gravações de caciques do PMDB realizadas no âmbito de um acordo de delação premiada com a Lava Jato já resultaram na queda do ex-ministro do Planejamento, senador Romero Jucá (PMDB-RR), também por criticar a Lava Jato, gravou a conversa com Silveira e Renan na casa do presidente do Senado, em fevereiro.

O atual ministro da Transparência à época era conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Na gravação, o atual ministro faz críticas à condução da Lava Jato pela procuradoria e dá conselhos a investigados na operação, segundo Machado, que é um dos alvos da operação ao lado de Renan.

O ex-presidente da Transpetro disse, nas tratativas do acordo de delação premiada, que ele e os presentes trocaram “reclamações gerais sobre a Justiça e sobre a Java Jato” no encontro, segundo o Fantástico.

O ministério da Transparência, Fiscalização e Controle foi criado pelo presidente interino Michel Temer no lugar da antiga Controladoria-Geral da União (CGU) após assumir o governo no lugar da presidente afastada Dilma Rousseff. A pasta é encarregada de combater a corrupção no governo federal.

Procurado pelo Fantástico, Silveira não quis dar entrevista, mas disse, por meio de nota, que não tem nem nunca teve qualquer relação com Machado e esteve “involuntariamente” em uma conversa informal, e jamais intercedeu junto a instituições públicas em favor de terceiros, segundo o programa de TV.

A defesa do ex-presidente da Transpetro disse à TV Globo que não pode se manifestar por causa do sigilo da delação premiada, e o presidente do senado, Renan Calheiros, não respondeu aos contatos da emissora, de acordo com o Fantástico. (Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

Detento com tornozeleira eletrônica é preso suspeito de homicídio em Natal

tonr

G1 – A Divisão de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) prendeu em flagrante, na manhã deste domingo (29), um casal suspeito de ter baleado Francisco Eduardo da Silva Malaquias, de 18 anos. O crime aconteceu no sábado (28) no bairro de Igapó, na Zona Norte de Natal. A vítima morreu no hospital. De acordo com a polícia, o suspeito usava tornozeleira eletrônica.

Francisco foi baleado quando estava na esquina da travessa Marcílio Dias com a rua São Pedro, no bairro de Igapó, acompanhado pela mãe, namorada e um amigo. Segundo a polícia, o casal chegou em uma motocicleta, perguntou se Francisco fazia parte de uma facção criminosa e, em seguida, atirou. Um dos disparos atingiu o amigo da vítima, que foi socorrido e passa bem. Francisco Eduardo ainda chegou a ser levado para o Hospital Santa Catarina, mas não resistiu ao ferimento. “Logo após a morte do rapaz, uma equipe nossa foi até o hospital e começou a investigação”, disse Ben-Hur Medeiros, diretor da DHPP.

A equipe de investigação contou com a colaboração do soldado Figueiredo da Polícia Militar, que descobriu que o autor dos disparos usava tornozeleira eletrônica. “Ele buscou, junto ao sistema prisional, o necessário para identificar o suspeito. Com base nas informações, encontramos Bruno Araújo da Costa, de 22 anos, conhecido como Bruninho, e sua namorada, que tem 19 anos”, afirmou Luciano Costa Chaves de Almeida, delegado responsável pelo caso.

Com base na investigação, a Polícia Civil descobriu que o casal, suspeito do crime, estava em casa no bairro Vale Dourado, também na Zona Norte da cidade. No local, os policiais civis encontraram a motocicleta que teria sido usada no momento do crime. Eles foram até a casa da mãe de Bruninho e lá encontraram um revólver calibre 38, com numeração adulterada, carregado com munições. Bruno Araújo e namorada foram presos em flagrante.

Secretário de Segurança do RN vai a local de morte após guerra de facções

Secretário de Segurança do RN desceu as escadarias e caminhou entre becos e vielas da 'Favela do Japão', na Zona Oeste de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Secretário de Segurança do RN desceu as escadarias e caminhou entre becos e vielas da ‘Favela do Japão’, na Zona Oeste de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

O secretário de Segurança Pública do Rio Grande do Norte, Ronaldo Lundgren, desceu as escadarias e caminhou entre becos e vielas da comunidade Novo Horizonte, mais conhecida como ‘Favela do Japão’, na Zona Oeste de Natal. Foi na noite desta sexta-feira (27), logo após uma intensa troca de tiros envolvendo facções criminosas que disputam o tráfico de drogas na região. Um homem morreu.

'Missão Japão': imagem com várias armas foi divulgada nas redes sociais logo após o confronto na comunidade (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
“Missão Japão” divulgada nas redes sociais

Usando colete à prova de balas e escoltado por policiais militares, Lundgren foi até onde estava o corpo e falou sobre o conflito. “Ela (a PM) entrou no local, conseguiu interromper a disputa entre duas facções e está controlando a área. Então esse é o nosso trabalho. É o trabalho que a polícia vem fazendo todo dia. Então a população fique tranquila que a polícia está agindo e vai continuar agindo para manter a paz”, afirmou o secretário.

Ainda na noite desta sexta, logo após o confronto, uma fotografia que mostra sete armas de fogo começou a circular nas redes sociais. A imagem foi atribuída ao conflito ocorrido na ‘Favela do Japão’. Com carregadores de pistola e munições, foram formadas palavras que pode-se entender como: ‘RN MISSÃO JAPÃO’.

General de Brigada do Exército brasileiro, Ronaldo Pierre Cavalcanti Lundgren assumiu a Sesed no dia 13 deste mês. Ao tomar posse, disse que a segurança pública no Rio Grande do Norte passou um período sem receber a atenção devida. Apesar disso, afirmou que encara com otimismo a nova missão. “Eu vejo que as forças policiais do RN vêm cumprindo a missão e o cidadão que mora aqui deve ter um orgulho muito grande”, ressaltou. Foi ele quem comandou, em 2014, a ocupação do Complexo da Maré, no Rio de Janeiro.

“As facções não nos intimidam, a ordem é ir para cima deles”, diz secretário de Segurança

noticia_141656

O secretário de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), Ronaldo Lundgren, falou na manhã de hoje (28) sobre o confronto ocorrido ontem entre as principais facções criminosas do Estado e acerca da atuação das forças de segurança. “Essas facções não nos intimidam, eles não irão mudar nossa forma de agir diante dos fatos e a nossa ordem é ir para cima deles”, disse.

Ele comentou que essas facções não intimidam as forças policiais e que elas não vão mudar sua forma de agir diante desses fatos e que a ordem é ir pra cima.

Ronaldo Lundgren esteve ontem na Favela do Japão, onde aconteceu uma troca de tiros entre membros das facções criminosas: Sindicato do Crime do Rio Grande do Norte e Primeiro Comando da Capital (PCC). Para o secretário, a ida ao local foi necessária para conhecer a região e traçar estratégias de segurança.

“Eu quis ir ao local para ver o que estava acontecendo, verificar a situação da PM e conhecer aquela área, que é uma região de incidência criminal. Essa visita foi importante para conhecer a comunidade e construir uma política de segurança eficaz para a região”, revelou.

Homem é executado a tiros dentro de carro de frete em Felipe Camarão.

frete

Um homem foi assassinado a tiros na manhã desta sexta-feira (27) no bairro de Felipe Camarão, na Zona Oeste de Natal. Francisco Gonçalo de Macedo Júnior, de 21 anos, estava dentro de um carro de frete quando foi baleado. Segundo a PM, ele trabalhava em uma granja na cidade de Macaíba, região Metropolitana da capital potiguar. Um outro homem que também estava no carro foi ferido, mas fugiu.

Segundo o tenente Eduardo Roberto, do 9º Batalhão da PM, o crime aconteceu por volta das 10h30 na rua Manoel Machado, que é pararela à 14ª Delegacia de Polícia. “Os criminosos se aproximaram em uma motocicleta e atiraram. O homem foi atingido por mais de dez tiros”, disse o tenente.

A polícia faz buscas, mas até o momento ninguém foi preso. Ainda não se sabe a motivação do crime.

Operação combate facções dentro da Cadeia Pública de Caraúbas, RN

Buscas dentro das celas foram iniciadas ainda na tarde desta terça-feira (24) (Foto: G1/RN)
Buscas dentro das celas foram iniciadas ainda na tarde desta terça-feira (24) (Foto: G1/RN)

G1 – Agentes penitenciários do Grupo de Operações Especiais (GOE), policiais militares e policiais civis realizam, desde as primeiras horas da manhã desta quarta-feira (25), uma operação de busca e apreensão dentro da Cadeia Pública de Caraúbas, na região Oeste potiguar. O objetivo é combater facções e evitar o planejamento de crimes a partir da unidade.

Secretário de Justiça do RN, Wallber Virgolino revelou que as revistas no presídio começaram ainda na tarde desta terça (24). Na ocasião, cinco telefones foram encontrados. “Todos serão repassados à Polícia Civil, que analisará os telefones no sentido de subsidiar as investigações”, disse ao G1.

Segundo a diretora da unidade, Ivna Benevides, ainda não foi decidido se as visitas íntimas previstas para esta quarta-feira serão suspensas ou realizadas em outro dia.