Coronel Azevedo volta a enaltecer auxílio emergencial do Governo Federal

 O auxílio emergencial concedido pelo Governo Federal à população de baixa renda, durante o atual período de pandemia, voltou a pautar o pronunciamento do deputado Coronel Azevedo (PSC) durante sessão remota da Assembleia Legislativa. Nesta quarta-feira (26), o parlamentar novamente enalteceu a medida e parabenizou a equipe de ministros do Governo Bolsonaro.

“O aplicativo mais acessado do Brasil, nos últimos meses, talvez seja o da Caixa Econômica Federal que trata sobre o auxílio emergencial concedido pelo Governo Federal para as pessoas em vulnerabilidade social. Talvez seja também o programa mais importante do País em todas as esferas públicas. Só aqui no Rio Grande do Norte, já são mais de R$ 800 milhões repassados aos potiguares em plena pandemia do novo coronavírus”, disse Azevedo.

O deputado citou um estudo da USP que, segundo ele, aponta uma queda na desigualdade de renda no Brasil. “Essa crise aumentou drasticamente o desemprego no País, mas o alcance do auxílio emergencial fez superar essa extrema dificuldade. Há um índice, chamado Gini, que mede a distância de renda entre pobres e ricos. De acordo com esse coeficiente, os governos petistas colocaram o Brasil entre os dez piores países do mundo. Mas agora, em razão do auxílio emergencial, o País chegou ao seu melhor índice”, observou.

Na oportunidade, Coronel Azevedo destacou as obras de infraestrutura retomadas pelo Governo Federal no Rio Grande do Norte, “à exemplo da duplicação da Reta Tabajara, do viaduto de Goianinha, Barragem de Oiticica, além de outros programas hídricos e sociais”, concluiu.

Leave a Comment