Em menos de 40 dias saberemos se Carlos Eduardo será candidato ao governo do Estado

Resultado de imagem para Prefeito Carlos Eduardo
Foto: da internet

Nos primeiros dias de abril será necessário, por força de lei, que se o prefeito Carlos Eduardo queira disputar o governo do Rio Grande do Norte, renuncie o mandato de prefeito da capital.

Diferentemente do que ocorreu com a ex-governadora Wilma de Faria (in memória) em 2002, Carlos não conta com a popularidade que tinha a Guerreira. Logo caso Carlos Eduardo saia da prefeitura, fica sem mandato caso perca a eleição.

Dizem que o prefeito tem perdido o sono por causa da decisão que tem que tomar. Se sai ou se fica e apoia outro nome para o governo. Carlos conta com os apoios fortes dos dois senadores que vão disputar a reeleição, Garibaldi Filho e José Agripino.

Caso Carlos Eduardo venha a decidir por não sair é possível que os senadores se unam ao presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Ezequiel Ferreira. No caso, apoiarem uma candidatura indicada pelo deputado.

Há uma grande probabilidade de esse nome ser o do vice-governador Fábio Dantas.