Embaixador de Israel no Brasil é homenageado na Assembleia Legislativa

Por ocasião dos 70 anos do Estado de Israel, o embaixador do país no Brasil, Yossi Shelley, foi homenageado na tarde desta segunda-feira, na sede da Assembleia Legislativa. Reunido com o presidente da Casa, Ezequiel Ferreira de Sousa (PSDB), e com o deputado Ricardo Motta (PSB), que intermediou o encontro, a autoridade máxima de Israel no Brasil falou principalmente sobre o pioneirismo do seu país no processo de dessalinização da água do mar, a fim de ser aproveitada tanto para o consumo quanto para a agricultura.

“Israel teve o grande problema da seca em 2004, que tornou 65% do seu território ‘semiárido’. Depois disso o Governo fez muitas pesquisas e adotou o sistema de dessalinização, retirando a água do mar e transformando-a em própria para consumo e irrigação”, esclareceu o embaixador.
Yossi Shelley disse, ainda, que hoje 80% da água de Israel está dessalinizada e a expectativa é a de que até 2020 estejam sendo utilizados 95% da água do mar pela população israelense.

O parlamentar Ezequiel Ferreira frisou a honra por receber a autoridade israelense na Casa Legislativa potiguar e destacou a oportunidade de aprendizado de uma solução para o problema de abastecimento de água no nosso Estado.

“Passamos seis anos consecutivos de seca, trazendo, lamentavelmente, prejuízos enormes no setor produtivo. E Israel dá uma demonstração da vontade de acertar, viabilizando 80% da água consumida pelo país justamente desse trabalho dos dessalinizadores, tirando a água do mar e tratando-a para que a população possa se beneficiar dela”, comentou o deputado.

Ezequiel continuou, chamando a atenção para que possamos copiar o exemplo de Israel, a nível mundial, na solução de dois grandes problemas enfrentados pelo Rio Grande do Norte. “O primeiro é o abastecimento de água, com esse processo de dessalinização, e o segundo é a questão da segurança, pois Israel serve de referência nessa área para todo o mundo”, concluiu o presidente da Casa.

O embaixador Yossi Shelley permanece em Natal até o dia 28 de março, e ainda irá se reunir com o governador do Estado, Robinson Faria; o prefeito municipal, Carlos Eduardo Maia; o presidente da Câmara Municipal, vereador Ranieri Barbosa; a reitora da UFRN, Ângela Paiva; além de autoridades eclesiásticas e empresários potiguares. O objetivo é apresentar oportunidades de negócios para o desenvolvimento econômico e social do Rio Grande do Norte, em áreas como aproveitamento hídrico (dessalinização), agricultura, segurança e start-ups.