Estrada de Pipa e acesso sul ao aeroporto de Natal terão pedágios

pipa
De acordo com o general Jorge Fraxe, nova estrada para a praia da Pipa é uma das que cobrará pedágio (Foto: Canindé Soares)

O Rio Grande do Norte vai ter duas estradas com pedágios. É o que afirma o general Jorge Fraxe, diretor do Departamento de Estradas e Rodagens (DER). De acordo com Fraxe, o acesso sul ao Aeroporto Internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, e uma nova estrada para a praia de Pipa, no litoral Sul do estado, serão os primeiros pontos de estradas com pedágios no Estado.

De acordo com o diretor, a falta de recursos para a conclusão das obras motivou a escolha do Estado pela concessão dos pedágios. “Já está difícil para o Estado pagar a folha, imagine para construir estradas. É melhor uma boa estrada com o pedágio do que uma estrada cheia de buracos”, disse Fraxe.

Ainda de acordo com Fraxe, o modelo, que é adotado em diversos estados do país, visa garantir a qualidade da estrada aos motoristas. “Não é só o pedágio, essas estradas têm toda uma cobertura de câmeras, guincho, segurança. É uma estrutura diferenciada”, declarou.

A instalação dos pedágios não tem data definida para acontecer. O projeto ainda vai passar por audiência pública e, caso seja aceito, segue para o processo de licitação das empresas que ficarão responsáveis pelos pedágios.

“O pedágio é uma forma de garantir um serviço de qualidade. Quem quiser continuar a usar os outros acessos, desviando de buraco, pode continuar usando”, concluiu Jorge Fraxe.