IBGE: 65 mil potiguares usam carro ou moto como ‘local de trabalho’

Táxi em Natal (arquivo) — Foto: Ediana Miralha/ Inter TV Cabugi
Táxi em Natal (arquivo) — Foto: Ediana Miralha/ Inter TV Cabugi

No Rio Grande do Norte, 6,4% dos trabalhadores tem um carro ou uma moto como “local de exercício do trabalho”, segundo dados do IBGE. Isso corresponde a 65 mil pessoas ocupadas no estado. Entre as unidades da federação, Rio de Janeiro e Pernambuco também apresentam essa proporção, a segunda maior do Brasil. O Pará (7,4%) está no topo deste ranking.

Este é um dos resultados do módulo Características Adicionais do Mercado de Trabalho, 2019, da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, divulgado nesta quarta-feira (26).

Os dados de pessoas ocupadas que têm um veículo automotor como “local de exercício de trabalho” não incluem empregados do setor público e trabalhadores domésticos, quando esse é seu trabalho principal.

Além de carros e motocicletas, a pesquisa considera qualquer veículo automotor (caminhão, embarcação a motor, avião etc).

G1RN

Leave a Comment