Idoso que precisa de transplante de pulmão pega coronavírus e se recupera após 7 dias internado; ‘Ele estava confiante’, diz filho

Raimundo Goms dos Santos se recuperou do coronavírus — Foto: Cedida
Raimundo Goms dos Santos se recuperou do coronavírus — Foto: Cedida

O aposentado Raimundo Gomes dos Santos, de 63 anos, recebeu alta de um hospital particular de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, no domingo passado (10) após se recuperar do novo coronavírus. A situação dele necessitou de atenção especial, já que, além de idoso, ele tem fibrose pulmonar e apenas 30% do órgão funciona normalmente.

Raimundo ficou 7 dias internado, sendo cinco deles na UTI, mas, apesar da idade e da doença, que poderiam agravar o quadro, sequer precisou ser entubado. “Ele necessitou de oxigênio e soro na UTI”, contou o filho Luan Ítalo de Morais, de 26 anos.

Segundo Luan, os médicos alertaram sobre os riscos e deram “muita atenção a ele”. Apesar disso, o pai sempre se mostrou esperançoso. “Ele estava confiante , é muito apegado a Deus”, falou o filho. “Estava tomando uns 10 medicamentos por dia”.

Ex-fumante, Raimundo teve fibrose pulmonar detectada em 2014, quando precisou, por conta da doença, se aposentar do trabalho – ele era bancário. Assim que a doença foi diagnosticada, a recomendação médica era para um transplante, já que apenas 30% do órgão de Raimundo estava funcionando normalmente.

“Ele sempre precisou do transplante, desde que soube da doença, mas nunca quis fazer, porque tinha receio”, lembrou Luan.

Por conta da doença, o ex-bancário sempre tinha sintomas como tosse cansaço. “Ele sempre cansava, mas dessa vez ele cansou muito. E ele apresentou febre no dia anterior. Então decidimos levá-lo ao hospital”, falou.

Ele deu entrada no hospital no dia 3 de maio e foi direto para a UTI. Recuperado, Raimundo está em casa e segue em isolamento por recomendação médica.

G1RN

Leave a Comment