Lava Jato denuncia operador financeiro ligado ao PSDB e outros cinco por lavagem de dinheiro

Paulo Vieira de Souza foi preso na 60ª fase da operação, deflagrada em 19 de fevereiro — Foto: Reprodução/TV Globo
Paulo Vieira de Souza foi preso na 60ª fase da operação, deflagrada em 19 de fevereiro — Foto: Reprodução/TV Globo

A força-tarefa da Operação Lava Jato denunciou nesta segunda-feira (25) Paulo Vieira de Souza, operador financeiro ligado ao PSDB, e outras cinco pessoas por diversos crimes de lavagem de dinheiro. Ele também foi denunciado por embaraço de investigação de organização criminosa.

Os outros denunciados são os operadores financeiros Rodrigo Tacla Duran, Marcello Abbud e Samir Assad, além do ex-executivo da Odebrecht Fernando Migliaccio e do operador Olívio Rodrigues (ligado à Odebrecht).

G1