Líderes repercutem mensagem de prestação de contas da governadora Fátima Bezerra

Na primeira Sessão Ordinária de 2022, realizada de forma híbrida na manhã desta quinta-feira (3), as lideranças partidárias externaram suas avaliações acerca da prestação de contas feita, na sessão solene da quarta-feira (2), pela chefe do Executivo Estadual, Fátima Bezerra (PT). Além disso, destacaram temas, como Turismo, crescimento econômico, geração de emprego e a necessidade de recapeamentos asfálticos e obras estruturais para a Zona Norte de Natal.

Abrindo os discursos dos líderes, Hermano Morais (PSB) abordou o assunto da geração de emprego e renda.

“Nós estamos sempre acompanhando a economia nacional e seus reflexos no RN. Pelo que vemos, a base de emprego do RN vem melhorando há um tempo, de acordo com o Caged. Saiu agora o relatório anual e, graças a Deus, nós tivemos um aumento na base de emprego. Ao longo de 2021, foram mais de 190 mil admissões contra 158 mil desligamentos registrados, ou seja, saldo positivo de 32.204 mil vagas de emprego formal. O RN ficou em sexto lugar do Nordeste”, informou. 

Para o parlamentar, isso demonstra que o RN, mesmo tendo sofrido na pandemia com a queda do Turismo, seu maior segmento empregador, conseguiu evoluir em termos empregatícios.

“Além disso, tivemos a consolidação da energia eólica e crescimento acelerado da energia solar. E eu queria destacar que os setores que mais ajudaram o Estado foram comércio e serviços, que são impulsionados pelo Turismo, tendo sido responsáveis por 73% dos empregos do Rio Grande do Norte. Daí a nossa preocupação com a área turística, que se consolidou com a criação da Frente Parlamentar do Turismo, por iniciativa do nosso mandato”, acrescentou.

Concluindo, Hermano frisou que não se pode criar dificuldades para os investimentos. “É preciso ter cuidado para não desperdiçar oportunidades nem deixar de atrair investimentos. Mas o nosso RN está de parabéns por tudo que fez em 2021 na área econômica”, disse.

Na sequência, Eudiane Macêdo (Republicanos) falou sobre a visita “in loco” do secretário municipal de obras de Natal e do secretário adjunto de conservação a avenidas importantes da Zona Norte.

“Atendendo solicitação nossa, os secretários estiveram comigo nas avenidas Bela Vista, Cidade Praia e Caboclinhos, localizadas no Bairro Lagoa Azul, a fim de verificar as necessidades de recapeamento asfáltico. São as três principais avenidas do bairro, por onde trafegam muitas pessoas diariamente, mas já são muitos anos com o mesmo problema”, detalhou.

Segundo Eudiane, ela já fez de tudo que estava ao seu alcance, desde a época em que era vereadora.

“As pessoas às vezes se perguntam se ali no bairro mora mesmo uma deputada estadual. E eu quero dizer que, dentro das minhas possibilidades, quando eu ainda era vereadora, já tentei de tudo. Mas eu não sou o Executivo. O que eu tenho a minha voz para externar os problemas e anseios da população, e isso eu faço sempre”, argumentou a parlamentar.

Eudiane falou ainda a respeito de pedidos de recursos ao Governo Federal, através do deputado federal Benes Leocádio, para obras de infraestrutura na Zona Norte da capital.

“A gente solicitou recursos de quase R$ 5 milhões para a reforma da lagoa de captação do Conjunto Santarém, que fica na Avenida Itapetinga. Esse é outro problema recorrente, em que todos os anos as pessoas perdem seus móveis devido às inundações. Além disso, fizemos o requerimento de R$ 4 milhões para o recapeamento das avenidas do bairro Lagoa Azul”, disse.

Por fim, a deputada pediu uma atenção especial do Governo do Estado à limpeza e higienização da feira livre de Nova Natal. 

Em seguida, Nelter Queiroz (MDB) utilizou seu horário para tecer críticas a alguns trechos da prestação de contas da governadora Fátima.

“A governadora disse que recuperou 90% das estradas do RN, e isso não é verdade. Eu ando todos os finais de semana pelas rodovias do interior e sei como está a situação. São muitos locais esburacados e precisando de manutenção”, censurou.

O deputado citou ainda algumas obras que a governadora disse ter executado, discordando da conclusão dos trabalhos, além de opinar que os gastos foram exacerbados.

“A senhora prometeu os institutos, fazendo propaganda na mídia. Além disso, deveria estar concluindo obras, e não anunciando. Isso tudo é porque a senhora não fez nada. Isso é revoltante”, lamentou.

Líder do governo na Assembleia Legislativa, Francisco do PT rebateu os julgamentos contrários à atual gestão.

“É muito fácil fazer discursos para cobranças, mas quem critica tudo deveria ter coragem para se candidatar ao governo. Quem nunca administrou nada sempre tem soluções para tudo. Mas o povo sabe como o Estado foi recebido pela governadora Fátima. Não é a primeira vez que ouvimos denúncias infundadas, levianas e sem provas. Isso é a dor de cotovelo de quem vê o Estado sendo reconstruído e queria estar no lugar, mas não consegue”, iniciou.

De acordo com Francisco, o atual governo elevou o RN a outro patamar, quando comparado a dezembro de 2018. 

“Hoje, os servidores têm previsibilidade com relação aos seus salários. E mais: eles estão recebendo os atrasados deixados por governos anteriores, que somam um passivo de quase 1 bilhão. Dava para consertar muitas estradas – que foram deixadas destruídas. E eu queria saber onde estavam alguns deputados que estão aqui há décadas, mas que só agora enxergam um problema como esse”, refutou.

Sobre a CNH popular, o parlamentar informou que a lei passou dez anos engavetada.

“E agora chegou a governadora para entregar mais de trezentas carteiras, vindo mais este ano. Passaram-se dez anos com a lei adormecida, e só agora as pessoas – que já estavam aqui na época – estão reclamando. Eu só sei de uma coisa: é melhor trezentas do que não ter nenhuma”, disse Francisco. 

A respeito dos institutos de educação, o deputado garantiu que os recursos já estão na conta e que os processos já estão sendo licitados. “Serão construídos 12 IERN’s, pois nós temos um governo que valoriza a Educação do Estado”, asseverou. 

Por fim, a deputada Isolda Dantas (PT) também contestou as acusações feitas contra a governadora Fátima, anteriormente, na mesma sessão.

“Cada dia que passa eu tenho mais orgulho de ser líder do PT nesta Casa e de defender o governo da professora Fátima. Porque estamos falando de uma mulher que olha no olho, que fala a verdade, que teve uma história construída ao lado da classe trabalhadora e que tem palavra. Quem quer fazer debate com seriedade primeiro tem que verificar os fatos”, argumentou. 

Segundo a parlamentar, ela não se recorda de outro governador que tenha chegado “de pé” ao último ano do seu mandato.

“Fátima está de cabeça erguida e anda em qualquer lugar do RN, porque teve dignidade e sensibilidade, montou uma equipe qualificada, capaz de tirar o RN da situação ruim em que estava quando ela assumiu o mandato. E não foi por causa de milagre que olhamos para o RN hoje e vemos a folha em dia, os empregos recuperados, as empresas chegando ao Estado e muitas vidas salvas na pandemia. Isso é gestão, é decisão política de uma mulher que tem coragem. Portanto, respeitem a governadora do Estado do Rio Grande do Norte, tanto pela sua autoridade, quanto pela sua história”, concluiu.