Márcia Maia chama a atenção para número de casos de dengue no RN

unnamed (3)

A deputada Márcia Maia (PSDB) chamou a atenção, durante sessão plenária desta quarta-feira (4), para o número de casos de dengue registrados no Rio Grande do Norte. Dados do último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesap) mostram que a cada 100 mil habitantes do RN, 1.098 notificaram suspeita de dengue em 2016.

“O problema atinge cidades de todos os portes. O Rio Grande do Norte tem três municípios com menos de 100 mil habitantes entre as cinco do País com maior incidência da doença: Guamaré, Cruzeta e Parelhas. Na capital, o quadro se repete. Natal é a segunda cidade do País com população entre 500 mil e 999 mil habitantes com maior registro do vírus”, disse Márcia.

A deputada destaca que o índice é 130% maior do que o registrado no ano passado, quando a incidência foi de 477,49. O Ministério da Saúde coloca o RN como o segundo no ranking de casos prováveis de dengue no Brasil.

Dados da Sesap citados pela deputada mostram que 4.352 casos de Chikugunya foram notificados em 2015. Este ano, entre janeiro e abril, o número de pacientes notificados com Zika é 366% maior que o mesmo período do ano passado.

Márcia Maia ressaltou também que é necessário promover iniciativas voltadas para prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti e uma política forte para tratar a questão nas mais diversas esferas e estágios. “Não podemos ter programas, projetos e ações para tratar as situações apenas em casos de crise. Essa história de fazer campanha não serve para quando estamos em situação de epidemia, é preciso que ela aconteça de maneira permanente”.

A parlamentar lembrou que apresentou ao Governo do Estado um projeto que prevê a implantação da Política Estadual de Combate à dengue no Rio Grande do Norte e espera que a proposta tenha continuidade por parte da nova secretária de Saúde.

Assessoria