Nelter critica projeção do Governo sobre casos de Covid-19 e pede reabertura de academias

Em pronunciamento durante a sessão ordinária da Assembleia Legislativa, realizada por videoconferência, nesta quinta-feira (30), o deputado Nelter Queiroz (MDB) criticou as projeções estatísticas realizadas pela Secretaria de Saúde do RN a respeito do novo Coronavírus, e cobrou pronunciamento da governadora Fátima Bezerra (PT) a respeito da abertura das academias de ginástica do Estado.

“Eu estava analisando as contas da projeção do Secretário de Saúde, que disse que haveria, até o dia 15 de maio, 11.300 mortes por Covid-19 no RN. Estamos acompanhando e sabemos que morreram, até hoje, 54 pessoas. E será que foram todos por Coronavírus? Não sei, mas se foram, eu acho que uma projeção mais realista, seria, até dia 15 de maio, chegarmos a aproximadamente 70 óbitos”, contestou o parlamentar. 

Segundo Nelter, a informação causou pânico, medo e ansiedade na população do Rio Grande do Norte. “O secretário foi muito infeliz, e no meu ponto de vista, já deveria ter sido afastado, porque esses dados deixaram a população muito nervosa”, acrescentou. 

A respeito da sua solicitação de reabertura das academias, Nelter Queiroz cobrou posicionamentos da governadora Fátima Bezerra e dos deputados que apoiam o Governo. “Essa medida é importante para a Saúde, porque as pessoas podem chegar a falecer ou cometer suicídio, por não conseguirem fazer seus exercícios diários. Os que têm academia em seus prédios, tudo bem. Alguns edifícios já começaram a liberar. Mas, e quem não tem?”, interrogou. 

Nelter lamentou ainda o fato de, segundo ele, a governadora estar ouvindo as federações de indústrias e comércio, e se esquecendo dos deputados, que são os representantes do povo. “E eu estou defendendo essa causa das academias porque não gera somente emprego e renda, mas também saúde para a população do Rio Grande do Norte”, explicou o deputado. 

Finalizando, ele ressaltou que visitou, na última segunda-feira (27), o quartel da Polícia Militar de Jucurutu, e os policiais pediram apoio para a obtenção de um veículo 4×4. “Eu já falei com a governadora Fátima e com o secretário de segurança sobre isso e aguardo um posicionamento de ambos”, encerrou Nelter Queiroz.