Procon Legislativo atinge 98% de satisfação dos usuários no primeiro semestre

O Procon Legislativo, órgão ligado à Diretoria de Políticas Complementares da Assembleia Legislativa, atingiu 98% de satisfação dos usuários no primeiro semestre de 2018. Os números foram contabilizados através de pesquisa realizada pelo órgão junto aos usuários e aos próprios demandados, que também avaliaram atribuindo notas à qualidade do serviço prestado. De acordo com o coordenador do órgão, Dary Dantas, o resultado é fruto de um trabalho sério realizado pelos profissionais do Procon Legislativo.

“São números muito bons e que nos fazem querer, cada vez mais, oferecer um melhor serviço à população”, disse o coordenador.

Ao todo, entre pessoas que receberam atendimentos ou participaram de audiências, 499 pessoas responderam ao questionamento de avaliação na sede do Procon Legislativo ao longo do ano, logo após os procedimentos serem realizados. Desse total, 419 pessoas, o equivalente a 84%, deram nota 10 ao atendimento, enquanto 41 pessoas (8%) atribuíram nota 9, outros 28 (6%) deram nota 8 e 8 pessoas deram nota 7 (2%). Somente três pessoas atribuíram notas 6 e 5.

“Isso mostra que nós estamos conseguindo ajudar de maneira efetiva as pessoas que nos procuram, e estamos fazendo isso de várias maneiras, facilitando o acesso aos nossos serviços”, explicou Dary Dantas.

Neste ano, o Procon Legislativo realizou 3.452 atendimentos. Desses, 876 foram através do aplicativo de mensagens WhatsApp, uma ferramenta utilizada há 16 meses pelo órgão para que a população tenha mais comodidade e celeridade para receber as orientações sobre seus processos.

Outro número comemorado pelo Procon Legislativo foi referente às conciliações. Ao todo, 129 processos terminaram entre um acordo entre as partes, o equivalente a 43,88% dos processos abertos no órgão.

“São situações em que ganham todos: o cidadão com o direito respeitado, o fornecedor cumprindo seu dever e aprendendo a maneira certa de agir e a sociedade, que tem a lei sendo cumprida”, comemorou Dary Dantas.

Leave a Comment