Retomada: Serviços crescem 6,7% em setembro no RN

Comércio do Alecrim, Natal, RN — Foto: Pedro Vitorino/Cedida
Comércio do Alecrim, Natal, RN — Foto: Pedro Vitorino/Cedida

O volume de serviços do Rio Grande do Norte cresceu 6,7% em setembro, na comparação com agosto, e ficou acima da média nacional. A variação positiva do estado foi a quarta maior entre os estados. Por outro lado, na comparação com o mesmo período de 2019, houve queda de 13,2% – a quinta maior do Brasil. Já no comércio, o registro foi de redução das vendas na comparação com agosto e aumento na comparação com o ano passado.

Os dados são das pesquisas mensais de Serviços e Comércio, do IBGE, divulgadas nesta quinta-feira (12). No acumulado de janeiro a setembro, o Rio Grande do Norte teve a terceira maior perda de volume de serviços entre os estados brasileiros: 17%. No período, houve diminuição do volume de serviços em 26 das 27 unidades da federação. Rondônia foi a única a apresentar crescimento (3,4) e os estados da Bahia (-18,4) e Alagoas (-19,4) acumularam as maiores perdas.

No comparativo entre setembro e agosto de 2020, porém, a variação positiva do estado ficou atrás apenas do Piauí (11,9%), Mato Grosso do Sul (9,1%) e Roraima (8,4%). As demais unidades da federação também apresentaram crescimento do volume de serviços em setembro, com exceção apenas do Rio de Janeiro (-0,5%) e do Tocantins (0,0%), o que resultou em alta de 1,8% no índice de volume de vendas do Brasil – a quarta consecutiva.

Já na comparação com setembro de 2019, o resultado negativo do estado só não foi maior que Pernambuco (-15,6%), Bahia (-16,7%), Alagoas (-17,5%) e Sergipe (-18,4%).

Varejo do RN cai 0,5%

O comércio varejista potiguar diminuiu 0,5% em setembro na comparação com agosto, segundo o IBGE. O resultado foi abaixo da média do Brasil, que teve variação positiva de 0,6% no mês. Em comparação com o mesmo mês de 2019, entretanto, as vendas do varejo subiram 3,8% no Rio Grande do Norte.

No acumulado de janeiro a setembro de 2020, a perda no volume de vendas somou 5,8% em comparação com o mesmo período de 2019, enquanto o índice de receita nominal teve retração de apenas 0,3%.

Varejo ampliado

Já o comércio varejista ampliado do Rio Grande do Norte teve crescimento de 0,5%; e a média nacional foi de 1,2% no mês de setembro em comparação a agosto. Considerando o mesmo mês do ano anterior, o volume de vendas no varejo ampliado 5,8% no estado – variação abaixo da média nacional, que foi de 7,4%.

Além do varejo, o comércio varejista ampliado é composto pelos segmentos de material de construção e “veículos e motocicletas, partes e peças”.

G1RN

Leave a Comment