RN tem redução de 58% nos casos de dengue no primeiro trimestre de 2019

Casos de dengue tiveram redução no RN — Foto: Divulgação/AEN 

O Rio Grande do Norte registrou uma redução de 58% nos casos de dengue no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período de 2018. Ao todo, foram confirmados 624 casos (entre 2.727 suspeitos) neste ano contra 1.509 (entre 4.682) do ano anterior.

Os dados são da Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica (Suvige), da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). O boletim divulgado nesta quinta-feira (4) se refere ao período entre o mês de janeiro até o dia 30 de março.

Entre os 624 casos confirmados neste ano, 604 foram classificados como dengue, 18 como dengue com sinais de alarme e dois como dengue grave. Em 2018, 1.455 eram dengue, 49 dengue com sinais de alarme e cinco como dengue grave.

O boletim também apontou outros dados de arboviroses no Rio Grande do Norte. O zika vírus teve 54 casos notificados neste primeiro trimestre. No ano anterior, foram 209 notificações – número 74% maior.

A chikungunya também teve redução de notificações e casos confirmados neste primeiro trimestre, apesar de menor. Ao todo, foram 297 casos suspeitos, sendo 98 confirmados. Em 2018, no mesmo período, foram notificados 647 casos, com 127 confirmações. O número de casos confirmados é 22% menor neste ano do que em 2018.

Apesar da redução, a recomendação é de que a população siga com as medidas de prevenção contra o mosquito Aedes aegypti.

A subcoordenadora de vigilância epidemiológica da Sesap, Alessandra Lucchesi, pontua que é importante receber o agente de saúde em casa e também “eliminar água de vasos de flores, tampar tonéis e tanques e não deixar água acumulada. Além disso, lavar semanalmente depósitos de água, manter caixas de água e tanques devidamente fechados e colocar o lixo em sacos plásticos, mantendo a lixeira fechada”.

Fonte: https://g1.globo.com

Leave a Comment