Sandro Pimentel comenta impactos do incêndio ocorrido no município de Patu


O deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL) aproveitou a sessão ordinária desta quarta-feira (18), para lamentar o incêndio nos últimos dias na região da Serra do Lima, no município de Patu. “Sou solidário à população patuense. É uma tragédia que não sei se vamos conseguir mensurar, porque além da devastação da floresta, da vegetação, que já é um prejuízo ambiental monumental, tem a poluição do ar. Essa fuligem será levada para diversas outras cidades e toda a área deverá ser prejudicada. Graças a Deus não teve vítima fatal, mas são muitas as preocupações”, opinou.

O parlamentar enfatizou também o impacto do ocorrido nos animais daquele habitat. “Naquela região há muitos macacos-prego, que, inclusive, estão em extinção. Os coquinhos de que eles se alimentam, vão virar cinzas. Os que não morrerem pelo calor, vão morrer por falta de alimentação. Mas não só eles, também sofrem pelo incêndio, o tijuaçu, o preá, o camaleão, o veado, as cobras, os pássaros”, disse.

Ele lembrou que naquela região está localizado o Santuário do Lima, que foi eleito como uma das sete maravilhas do Rio Grande do Norte, pelo periódico Diário de Natal. “Não conseguimos contato com o Corpo de Bombeiros hoje, mas até ontem à noite havia o risco do incêndio chegar ao Santuário. Se isso acontecesse seria também um desastre cultural e religioso”.
Sandro Pimentel aproveitou a oportunidade para informar aos presentes sobre a audiência pública que irá realizar no campus da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN), em Mossoró, na próxima sexta-feira (20), às 16h30, para discutir o futuro da Universidade e saber o que o governo está fazendo a respeito.

Assessoria

Leave a Comment