Suspeito de falsificação de documentos e lavagem de dinheiro é preso em shopping de Natal

Detido foi levado para a sede da PF em Natal, onde permanece sob custódia — Foto: PF-RN/Divulgação

A Polícia Federal prendeu nesta segunda-feira (1º), em um shopping de Natal, um homem suspeito de apresentar documentação falsa quando realizava um depósito no valor de R$ 20 mil em uma agência da Caixa Econômica Federal.

Como a transação excede o limite permitido por lei, e obrigatoriamente o procedimento teria que ser feito mediante depósito identificado, o funcionário do banco solicitou os documentos pessoais do homem. Porém, ao serem analisados, os documentos despertaram a suspeita de falsificação, motivando o acionamento da PF até o local.

Com a chegada da equipe, os policiais checaram junto aos órgãos oficiais e confirmaram que eram falsas as informações inseridas nas carteiras de identidade e de habilitação apresentadas pelo suspeito, o qual recebeu voz de prisão e foi conduzido para autuação na Superintendência da Polícia Federal.

Durante o seu interrogatório, o homem se negou a revelar o seu nome verdadeiro, bem como a filiação, e respondeu de maneira evasiva aos vários questionamentos que lhe foram dirigidos. Com ele, foram ainda apreendidos R$ 4.345, U$ 65 dólares, cartões e recibos de depósitos bancários. A quantia que ele depositava no momento da prisão ficou retida pela Caixa Econômica Federal.

Indiciado pelos crimes de falsificação de documento público e lavagem de dinheiro, o suspeito teve colhida as suas impressões digitais e em seguida foi encaminhado para exame de corpo de delito no Instituto Técnico-Cietífico de Perícia (Itep).

O detido permanece sob custódia na sede da PF, ainda sem identificação, à disposição da Justiça.

Fonte: https://g1.globo.com