Vacina contra Covid-19 em Natal: veja quem pode ser vacinado hoje e o que fazer

Aplicação da vacina contra a Covid-19 em Natal — Foto: Joana Lima/Prefeitura de Natal
Aplicação da vacina contra a Covid-19 em Natal — Foto: Joana Lima/Prefeitura de Natal

G1RN – A Prefeitura de Natal começou a vacinação contra a Covid-19 em 20 de janeiro e vem ampliando o público-alvo conforme chegam novas doses. Veja quem pode ser vacinado atualmente.

A prefeitura aplica nesta quinta (17) as seguintes vacinas: Pfizer (1ª dose), CoronaVac (2ª dose) e Oxford/AstraZeneca (1ª e 2ª dose).

Quem pode ser vacinado

Primeira dose

  • Trabalhadores da indústria (40 anos ou mais), do sistema de transporte coletivo, da limpeza urbana e do sistema prisional;
  • Trabalhadores ferroviários;
  • Motoristas de vans, alternativos, escolares e intermunicipais de médio porte com cadastro na Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU);
  • Pessoas com 50 anos ou mais;
  • Grávidas, puérperas e lactantes independente da condição de saúde pré-existente, a partir dos 18 anos;
  • Profissionais da segurança;
  • Pessoas com deficiência permanente sem comorbidades e sem BPC – 18 anos e mais;
  • Pessoas com comorbidades na faixa etária de 18 anos e mais;
  • Pessoas a partir de 18 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BCP);
  • Pessoas com deficiência permanente a partir de 18 anos com alguma das comorbidades listadas no Programa Nacional de Operacionalização (PNO);
  • Pessoas com Síndrome de Down;

Comorbidades

Diebetes mellitus; Pneumopatias crônicas graves, hipertensão arterial resistente, hipertensão estágio 3 e hipertensão estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade; insuficiência cardíaca; cor-pulmonale e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndromes coronarianas; valvoparias; miocardiopatias e pericadiopatias; doença da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas; arritimas cardíacas; cardiopatias congênita no adulto; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; doença cerebrovascular; doença renal crônica; imunossuprimidos; anemia falciforme; obesidade mórbida; síndrome de down; cirrose hepática

Segunda dose

Oxford/AstraZeneca

  • Pessoas que tenham tomado Oxford e tenham completado 12 semanas de intervalo da primeira dose ou estejam dentro do período aprazado no cartão vacinal

Segunda dose Coronavac

  • Pessoas que tenham tomado a primeira dose da Coronavac.

O que fazer se você está nos grupos acima

O governo do estado do Rio Grande do Norte lançou a plataforma RN Mais Vacina para os candidatos à vacinação fazerem um pré-cadastro e agilizar a campanha de imunização. Quem não fizer o pré-cadastro também será vacinado após a realização do cadastro completo presencialmente na unidade de vacinação.

Para receber a vacina é necessário apresentar cartão de vacina, comprovante de residência, documento original com foto e exames que comprovem a comorbidade, se este for o caso.

Para a comprovação da comorbidade é necessária a apresentação de apenas um dos documentos listados: laudo médico com CID, laudo médico com descritivo da doença ou condição de saúde, declaração médica do descritivo da doença, prescrição médica com carimbo ou cupom grampeado da farmácia da UBS, PROSUS, HIPERDIA ou UNICAT ou relatórios médicos com descritivos da doença.

As gestantes devem levar uma declaração médica autorizando a vacinação.

Para quem for receber a segunda dose, a Secretaria Municipal de Saúde reforça a importância de as pessoas observarem o cartão de vacinação, onde constam informações importantes como o tipo da vacina, data em que receberam a dose e previsão do reforço (a segunda dose).

Documentação necessária para pessoas com comorbidades:

Para vacinar, é preciso apresentar documento de identificação com foto, cartão de vacinação, comprovante de residência e um dos documentos listados abaixo:

  • Laudos com descritivo OU CID da doença ou condição de saúde
  • Declarações com descritivo OU CID da doença ou condição de saúde
  • Prescrições médicas (somente as que tiverem carimbo ou cupom grampeado da farmácia da UBS ou Prosus ou Unicat ou Hiperdia)
  • Relatórios médicos com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde
  • Cadastro no HIPERDIA, PROSUS ou UNICAT.

Locais de vacinação por grupo

Trabalhadores ferroviários
Os trabalhadores do transporte ferroviário podem se vacinar no Palácio dos Esportes. A categoria deve apresentar crachá no ato da vacinação, comprovante de residência de Natal, documento com foto e carteira vacinal.

Trabalhadores da Indústria
A imunização dos trabalhadores da indústria será para a faixa etária acima de 40 anos. A vacinação, neste caso, acontece exclusivamente no Sesi, sendo necessária a comprovação de vínculo, RG e cartão de vacina.

Trabalhadores do sistema de transporte coletivo
Shopping Via Direta ( Drive Thru e pedestre), das 8h às 16h, com a condição de que apresentem crachá ou contracheque, além do documento com foto e cartão de vacinação.

Trabalhadores da limpeza urbana
Os locais de vacinação para estes profissionais são o Ginásio Nélio Dias e o Palácio dos Esportes, sendo necessário apresentar contracheque, documento com foto e cartão de vacinação.

Trabalhadores do sistema prisional
Uma equipe da Secretaria de Saúde de Natal estará, ainda, vacinando in loco os trabalhadores do sistema prisional.

Grávidas, puérperas e lactantes a partir dos 18 anos
A vacinação acontece nos seis drives da capital (Nélio Dias, Palácio dos Esportes, Via Direta, UnP Roberto Freire, OAB e SESI) e nas 35 salas de vacinação. As gestantes devem levar uma declaração médica autorizando a vacinação.

Pessoas com comorbidades 18+, pessoas com deficiência, pessoas com 50+ sem comorbidades, motoristas de vans, alternativos, escolares e intermunicipais de médio porte com cadastro na Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU)
A vacinação acontece nos seis drives da capital (Nélio Dias, Palácio dos Esportes, Via Direta, UnP Roberto Freire, OAB e SESI) e 10 salas de vacinação.

2ª dose Oxford/AstraZeneca
A vacinação acontece nos seis drives da capital (Nélio Dias, Palácio dos Esportes, Via Direta, UnP Roberto Freire, OAB e SESI) e 10 salas de vacinação.

CoronaVac (2ª dose)
A vacina da Coronavac passa a ser aplicada somente por agendamento. Confira aqui os telefones para agendamento.