Vazamento de gás causou explosão que derrubou casas e deixou 4 mortos em Natal, confirma perícia

Desabamento de casa em Mãe Luiza, Zona Leste de Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi
Desabamento de casa em Mãe Luiza, Zona Leste de Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

O trabalho de perícia confirmou que um vazamento de gás foi o que provocou a explosão que causou o desabamento de cinco casas e morte de quatro pessoas no bairro de Mãe Luiza, na Zona Leste de Natal. O caso aconteceu na madrugada do dia 7 de fevereiro. A informação foi confirmada nesta quarta-feira (17) pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia.

De acordo com o Itep, a explosão aconteceu na casa do meio, onde Maria das Graças Idelfonso morava. Embora o botijão estivesse na cozinha, explosão ocorreu no quarto onde a mulher estava. Segundo os peritos, ela foi a única vítima que apresentou queimaduras, o que já indicava a proximidade com o epicentro da explosão.

Perito Amaury Leite, do Itep, apresenta mapa com local onde explosão teria acontecido — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

Perito Amaury Leite, do Itep, apresenta mapa com local onde explosão teria acontecido — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

“Maria das Graças era a única que tinha queimaduras no corpo. O muro vizinho tinha umas ondulações que indicam o epicentro”, ressaltou o perito criminal Amaury Leite.

“Um quilo de GLP equivale a 980g de TNT, e o botijão era de 13kg. Foi algo muito forte, realmente”, afirmou o diretor do Itep, Marcos Brandão.

Os peritos, no entanto, não definiram o que teria causado a combustão do gás. “Pode ser qualquer coisa. Um ventilador. Um curto-circuito. Um celular… qualquer elemento pode iniciar a explosão. É muito difícil responder isso. O motivo da explosão fica no canto da subjetividade hoje. Mas o trabalho vai continuar para saber o que provocou. O que podemos afirmar hoje foi que houve o vazamento de gás”, pontuou.

Itep apresenta resultado de perícia que confirma causa da explosão que provocou desmoronamento de casas e morte de 4 pessoas em Natal. — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

Itep apresenta resultado de perícia que confirma causa da explosão que provocou desmoronamento de casas e morte de 4 pessoas em Natal. — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

Ainda de acordo com os peritos, desde a meia noite do sábado (6), já havia relato de cheiro de gás. A explosão foi às 3h. O ambiente era confinado, portanto haveria muito gás concentrado no espaço.

Quatro mulheres morreram após uma explosão que culminou com o desabamento das casas no bairro de Mãe Luiza. Outras duas pessoas foram resgatadas com vida, entre escombros. O acidente aconteceu por volta das 3h30 da madrugada do domingo (7) no cruzamento entre as ruas Alto da Colina e IV Travessa João XXIII. As vítimas fatais, todas mulheres, foram identificadas como:

  • Maria Teresa Cristina da Silva, 49 anos
  • Taís Silva de Oliveira, 18 anos
  • Maria das Graças Idelfonso, 57 anos
  • Maria Luiza Belarmino, 44 anos

Maria Teresa Cristina da Silva e Taís Silva de Oliveira eram mãe e filha.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a casa em que aconteceu a explosão era uma edificação compartimentada e desabou completamente. Após a destruição, imóveis no entorno foram interditados pela Defesa Civil e moradores foram obrigados a irem para casa de parentes. A população começou uma campanha para arrecadas roupas, alimentos e outros materiais para os moradores que não estavam no imóvel no momento da tragédia e ficaram desabrigados.

G1RN