Voluntários reformam hospital que atende crianças de forma gratuita em Natal

Hospital Varela Santiago foi reformado por cerca de 40 profissionais — Foto: Canindé Soares 

O Hospital Infantil Varela Santiago, que atende crianças de forma gratuita pelo Sistema Único de Saúde (SUS), está de cara nova. O espaço passou por uma grande reforma, que coloriu salas e corredores com o objetivo de deixar o local mais humanizado e as crianças atendidas mais reconfortadas. Toda a reforma foi promovida por voluntários que compõem o grupo “Elos – Arquitetura Social”, que terminou os últimos detalhes e entregou o local nesta quarta-feira (29).

Ao todo, foram mais de 40 pessoas – entre artistas plásticos, arquitetos, engenheiros e designers – que participaram da reforma em 28 espaços do hospital. Foram transformadas paredes, que ganharam desenhos da fauna e flora brasileiras, além de corredores, brinquedoteca, consultórios, salas e até o tomógrafo.

Tomógrafo do Varela Santiago antes da reforma — Foto: Ubarana Júnior
Tomógrafo do Varela Santiago antes da reforma — Foto: Ubarana Júnior 

“Cada ambiente tem um profissional responsável na reforma. Cada um fica responsável 100% pelo seu ambiente, para planejar e executar. Em muitas coisas nós conseguimos doações, que é a forma majoritária do projeto. Em outros casos, as pessoas têm que tirar alguma coisa do bolso”, explica a arquiteta Mara Lorena, uma das idealizadores do “Elos – Arquitetura Social, ao lado das também arquitetas Juliana Maia e Larissa Magalhães.

Essa é a segunda grande reforma que o grupo promove em instituições de Natal. Antes, em novembro do ano passado, o grupo reformou o Instituto Juvino Barreto, que abriga idosos na capital potiguar.

Evento para comemorar reforma aconteceu nesta quarta-feira (29) — Foto: Canindé Soares
Arquitetas Mara Lorena, Larissa Magalhães e Juliana Maia são idealizadoras do grupo Elos — Foto: Canindé Soares

Dessa vez, a reforma durou cerca de 30 dias e o resultado tem agradado. “O ambiente já era bom, mas agora ficou ainda melhor”, conta Maxsuila Accioli, que frequenta o hospital desde 2016, quando o filho George recebeu o diagnóstico de leucemia. Ela diz que o garoto, que tem cinco anos, tem se mostrado mais feliz com os desenhos no local.

Atualmente, o Hospital Infantil Varela Santiago tem 110 crianças internadas e uma média de 14 mil procedimentos realizados por mês. O Varela Santiago é especializado em pediatria e atende exclusivamente os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: https://g1.globo.com/rn/